Focom define ações para comunicação

Focom-define-ações-para-o-fortalecimento-da-comunicação-regional.jpgSecretários e diretores de comunicação dos municípios do Território Litoral Sul estiveram reunidos nesta quarta-feira, 22, na sede da Associação dos Municípios da Região Cacaueira – Amurc para sistematizar o planejamento das ações do Fórum Regional de Comunicação e as propostas a serem trabalhadas em parceria com a Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Estadual de Santa Cruz – Uesc.

Durante o encontro, foi iniciado a construção do evento Comunicação nas Eleições 2018: o que pode e o que não pode?, com o objetivo de reunir profissionais da área de Direito para esclarecer as regras da legislação eleitoral para a comunicação institucional das prefeituras da região.

Ainda no encontro, o presidente do Focom e secretário de Comunicação da prefeitura de Itacaré, Ed Camargo destacou a importância da parceria com a Uesc e citou a necessidade de capacitação dos profissionais de comunicação que atuam nas prefeituras da região.


SDS e Caixa Econômica convocam beneficiários do Bolsa Família

A secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) de Ilhéus e Caixa Econômica Federal realizarão a entrega de cerca de 500 cartões para os beneficiários do programa federal Bolsa Família, na próxima quinta-feira (30), a partir das 8 horas, no Centro de Convenções, Avenida Soares Lopes. Confira a lista no link.

A coordenadora do programa Bolsa Família, Géssica Miranda, relata que os cartões retornaram para a Caixa Econômica, devido a uma provável inconsistência nas informações dos endereços residenciais. “A equipe da SDS está fazendo busca ativa, através de ligações e visitas domiciliares para encontrar as famílias, mas muitas pessoas não estão sendo encontradas”, ressalta. Também alerta que o benefício de quem não pegar o cartão poderá ser suspenso.

A lista com os nomes estará disponível ainda na nova sede da SDS, localizada à Rua Almiro Vinhais, nº 45, no Bairro Boa Vista e nos Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) Norte, Sul, Oeste, Vilela ou Olivença. “Procure o CRAS mais próximo da sua residência e saiba mais informações”, enfatiza a coordenadora.


Pesquisa aponta vitória de Rui Costa em 1º turno com 51%

rui-costa_ilheusO governador Rui Costa (PT), candidato à reeleição, está como o preferido dos eleitores ao Palácio de Ondina, segundo pesquisa divulgada pela Record TV Bahia na manhã desta quarta-feira (22). O estudo realizado pela Real Time Big Data traz o petista liderando o cenário estimulado com 51%. Zé Ronaldo, candidato do DEM, aparece logo em seguida com 18%.

Ainda na pesquisa estimulada, na terceira posição está João Henrique (PRTB) com 1%. Já os candidatos Marcos Mendes (Psol), Orlando Andrade (PCO) e Célia Sacramento (Rede) têm, juntos, 2%.

No cenário da pesquisa espontânea, Rui Costa tem 34%. Zé Ronaldo, então, aparece com 10%. Os demais candidatos somam 1%, indecisos são 44% e os que vão votar nulo ou em branco representam 11%.

Segundo turno – Conforme os dados, Rui venceria Zé Ronaldo com 55% das intenções de votos. O democrata aparece com 25% neste cenário.

A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob número de identificação BA-05201/2018, foi contratada e realizada pelo instituto Real Time Big Data. O levantamento ouviu 1.200 eleitores entre os dias 16 e 17 deste mês de agosto, tem nível de confiança de 95% e margem de erro de até 3% para mais ou para menos. (Bahia.BA)


Unicef pede que debate eleitoral priorize crianças e adolescentes

criancasOs direitos das crianças e dos adolescentes precisam ocupar um espaço prioritário nas eleições de 2018, defendeu hoje (22) o Fundo das Nações Unidas para as Crianças e Adolescentes (Unicef), que divulgou uma pauta de desafios e ações consideradas necessárias para obter avanços em áreas como saúde, educação e segurança.

O documento deve ser enviado ainda hoje para todos os candidatos à Presidência da República, e o fundo buscará encontrar os políticos para tratar das propostas. Em um segundo momento, o mesmo deve ser feito com os candidatos aos governos estaduais e do Distrito Federal.

A representante do Unicef no Brasil, Florence Bauer, avaliou que o país teve muitos avanços nos últimos anos, mas vive um cenário em que é preciso impedir retrocessos e responder a problemas que vêm se agravando, como a violência e a obesidade infantil. Mesmo nos avanços obtidos, como o acesso à educação, a redução da pobreza e da desnutrição, Florance avalia que é preciso combater desigualdades.

“O Brasil teve avanços impressionantes na educação, desnutrição crônica, e, ao mesmo tempo, a gente sabe que muitas crianças e adolescentes ficaram para trás”, ponderou ela. que pede que os brasileiros avaliem as propostas de seus candidatos para crianças e adolescentes e priorizem esse tema na hora definir o voto.

LEIA MAIS na Agencia Brasil.


Projeto “Dia do Campo Limpo” prevê educação ambiental em escolas públicas da região

A Associação de Revendedores de Insumos Agrícolas do Sul da Bahia (Arisba) realizou a culminância do projeto “Dia do Campo Limpo”, voltado para as escolas públicas da região, no último sábado (18), com a participação de alunos, professores e representantes da associação. A ação integra o Programa de Educação Ambiental (PEA), criado no início deste ano, com o objetivo de promover uma consciência ecológica mútua entre crianças e jovens da rede de educação dos municípios do Sul da Bahia.

Ao todo, seis escolas municipais da região participaram da iniciativa e a Escola Municipal Osvaldo Ramos, de Ilhéus, representou as outras instituições durante o evento. Para os idealizadores, “foi uma manhã muito rica de informações sobre a forma correta, por exemplo, de descarte dos vasilhames que acondicionam os defensivos agrícolas, além dos resultados obtidos pelas indústrias com a reciclagem”, destacaram.

A riqueza do Projeto de Educação Ambiental permitiu à Escola Osvaldo Ramos desenvolver o tema com alunos do 4º e 5º anos do ensino fundamental. A gestora ambiental, professora Cleize Sandes, ressaltou a importância da iniciativa.  “O projeto deve inspirar outros municípios a fazer o mesmo. E aqui, poder vivenciar com meus alunos este momento, fortaleceu, certamente a nossa consciência ambiental”, comentou.

A coordenadora do Plano de Ações Articuladas (PAR), da Secretaria Municipal de Educação (Seduc), Célia Miranda, disse que a proposta serviu para fortalecer as ações aplicadas em escolas municipais. “O tema é transversal e de grande relevância para todos. Tratar o meio ambiente com seriedade é compreender a necessidade de preservação dos recursos naturais, para garantir o futuro das novas gerações”, declarou a professora.


Dirigentes municipais debatem a Reserva Técnica de Educação

img_1158Por Viviane Cabral | Amurc

A Reserva Técnica de Educação foi debatida por secretários, dirigentes, técnicos em Assuntos Educacionais e Assessores em Educação nesta segunda-feira, 20, na Universidade Estadual de Santa Cruz, durante o 1º Fórum de Educação do Litoral Sul da Bahia. O encontro atendeu a uma demanda sinalizada pelos secretários de 57 municípios, que terão que destinar uma parte das atividades do profissional de educação, cerca de 30% para ações de planejamento e capacitação.

O evento foi realizado pela Câmara Técnica de Educação do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável – Litoral Sul em conjunto com o Fórum de Secretários Municipais, vinculado a Associação dos Municípios da Região Cacaueira – Amurc, em parceria com Uesc e a Pró-reitoria de Extensão, os Institutos Natura e Arapyaú. Para a reitora da Uesc, Adélia Maria Pinheiro, “a iniciativa é uma oportunidade para congregar e dialogar sobre temas importantes e que tem repercussão direta na Educação Básica”.

Em parceria com a Amurc, através do Programa de Apoio Institucional às Prefeituras do Litoral Sul – AGIR-LS, a reitora destacou que a universidade conseguiu alcançar os municípios para potencializar as suas competências e capacidades por meio de Ensino, Pesquisa e Extensão. “Através do Programa Agir, nós temos apoiado, estimulado e atuado de forma estreita com os Fóruns de Gestores Municipais, é não é diferente com o Fórum de Educação”, destacou Adélia.

IMG_1132.jpgA busca pela melhoria da educação tem sido pauta constante das reuniões promovidas pelo Forsec e pela Câmara Técnica, e que segundo o secretário executivo da Amurc e do CDS-LS, Luciano Veiga, tem o aluno como público alvo das discussões. “Todo esforço na educação é para que tenhamos um aluno melhor como cidadão, como brasileiro, e principalmente como uma pessoa capaz de promover a transformação que o país tanto precisa”, declarou.

Na fala da secretária de Educação de Firmino Alves e presidente do Forsec, Andréa Moraes, a educação de qualidade é possível a partir de um financiamento voltado para o setor. “Para isso, é preciso ter mais debates como esse e os gestores precisam entender que educação não é gasto”. A coordenadora da Câmara Técnica e secretária de Itapitanga, Cláudia Correa, declarou que “é necessário compartilhar esse diálogo com as universidades, os parceiros, bem como os alunos, que precisam ter um olhar diferenciado por nós, dirigentes municipais”.

Implantação

De acordo com um diagnóstico realizado pela Câmara Técnica no ano passado, alguns municípios estão em fase de implantação da RT, mas outros necessitam de orientação. É o caso de Ituberá, que segundo o secretário de Educação, Vitor Gama, o município ainda convive com dificuldades para implementar o sistema. “A gente quer proporcionar que os professores utilizem esse momento (da RT) para que eles façam formação, planejamento e repercuta na qualidade de ensino”.

Andréa Mores - Presidente do Forsec em pé.jpgNo caso do município de Ilhéus, a secretária de Educação, Eliane Oliveira revelou que a Reserva já está funcionando na Educação Infantil, desde o início deste ano, depois do diálogo promovido ao longo do ano de 2017, com os sindicatos dos professores, o conselho municipal de educação e com o próprio educador.  “Se a gente tenta investir na Educação Infantil e nos anos iniciais para que o futuro seja melhor, eu preciso fazer com que eles tenham o tempo necessário para planejar, estudar e poder contribuir para a melhoria da educação”, declarou Eliane.

Ao longo do encontro, a coordenadora da Rede de Apoio a Educação (RAE) do Instituto Natura, Thamara Strelec fez um retrospecto histórico das ações promovidas na região, a partir do Regime de Colaboração. Segundo ela, “o IN, através da RAE criou e estabeleceu um conjunto de ações na região, e conseguiu formar um espaço de diálogo, com o objetivo de esclarecer, formar e aprender juntos”.

O coordenador regional da Rede de Plano de Carreira e Remuneração –  PCR/UNDIME, Paulo Galdino foi um dos palestrantes do painel: “Bases legais para regulamentação e implementação da Reserva Técnica” e destacou que a Lei que regulamenta a RT (Lei nº 11.738/2008) é destinada ao estudo, planejamento e aperfeiçoamento do profissional de educação. “Mas para que isso aconteça, o sistema municipal de ensino deve disponibilizar uma estrutura para que o professor tenha onde estudar ou dar continuidade a sua formação. Se não, se tornará ineficiente”.

Ainda participaram do encontro, conselheiros municipais de educação, diretores de escolas municipais, estudantes, além de representantes de entidades de classe, da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação – Uncme, União dos Dirigentes Municipais de Educação do Estado da Bahia – Undime, Pró-reitoria de Extensão da Uesc e Associação dos Professores Licenciados do Brasil – APLB Bahia.


Rede FTC lança cursos EAD com modalidades online e semipresencial

ftc_itabunaCursar uma graduação à distância pode ser a solução para quem quer aprimorar os conhecimentos, mas a rotina não se encaixa na dinâmica de aulas presenciais regulares. Com o intuito de oferecer ensino superior de qualidade, também para esse público, a Rede FTC lança seus cursos EAD com mensalidades a partir de R$ 149.

Administração, Ciências Contábeis e Serviço Social, além das licenciaturas em História e Pedagogia são as graduações já disponíveis em duas modalidades: online e semipresencial. Na primeira, o aluno precisa ir até a unidade acadêmica para realizar avaliação a cada 30 dias. Já na segunda o estudante tem três encontros presenciais por mês e ainda conta com o apoio de um professor tutor para auxiliar no seu processo de aprendizagem.

Os interessados podem ingressar nos cursos FTC EAD por meio do vestibular agendado, nota do Enem e transferência externa. As inscrições estão sendo realizadas em todas as unidades da Rede FTC: Salvador (Comércio e Paralela), Feira de Santana, Vitória da Conquista, Itabuna, Jequié, Petrolina e Juazeiro e São Paulo. Mais informações pelo telefone 0800 056 6666.

Sobre a Rede FTC

A FTC é uma rede com mais de 18 anos de experiência educacional voltada para formação de profissionais colaborativos, inovadores, empreendedores, e conscientes do seu papel social. Além das unidades em Salvador (Paralela e Comércio), a Rede também atua em diversas cidades do Brasil, como Feira de Santana, Vitória da Conquista, Itabuna, Jequié, Juazeiro (BA), São Paulo (SP) e Petrolina (PE), com mais de 30 cursos de graduação em todas as áreas de conhecimento e mais de 25 mil alunos.

O portfólio educacional da Rede FTC ainda comporta o Centro de Idiomas THINK, com seis unidades em cidades na Bahia e em Pernambuco, e o Sistema de Ensino Plural, adotado em diversas escolas do país.


Inscrições para bolsas remanescentes do ProUni abeta

Estão abertas as inscrições para as bolsas remanescentes do Programa Universidade para Todos (ProUni) referentes ao segundo semestre de 2018. Nesta edição, estão sendo ofertadas 106.252 bolsas remanescentes, sendo 18.070 integrais e 88.182 parciais de 50%.

Estudantes matriculados em instituições de educação superior podem se inscrever até 28 de setembro. Para aqueles que ainda não têm matrícula, o prazo vai até 24 de agosto. Todo o processo de inscrições é gratuito e, realizado pela internet, na página do ProUni, onde também é possível acompanhar o calendário e os resultados, e tirar dúvidas.


Ilhéus terá eleição para o Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e Pesqueiro Sustentável

ilheusA Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Seap) de Ilhéus está convocando a sociedade civil organizada para participar da eleição do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e Pesqueiro Sustentável (Comderupes) com atuação no município, marcada para o próximo dia 27.

A convocação foi publicada no Diário Oficial Eletrônico, na última sexta-feira (17), por meio do edital nº 001, disponível no site da Prefeitura (http://www.ilheus.ba.gov.br).

A eleição ocorrerá das 9 às 12 horas, no auditório do Terminal Pesqueiro Público de Ilhéus, localizado à Avenida Coronel Misael Tavares, s/n, centro e atende à recomendação do Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável (CEDRS), conforme previsto na Lei Nº 3926, de 06 de março de 2018.  Além da Seap, o conselho será composto por representantes das secretarias municipais de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, Governo, Turismo e Educação. Também farão parte membros de órgãos públicos, sindicatos e associações ligadas aos setores de agricultura e pesca.

De acordo com o edital, somente será admitida a participação no Comderupes das organizações juridicamente constituídas, em regular funcionamento e em conformidade com a legislação vigente. As inscrições dos interessados em participar do processo deverão ser feitas antecipadamente, no Terminal Pesqueiro.


Seminário discute atualização do Marco Legal de CTI e Lei de Inovação

A segunda edição do Seminário Estratégia Bahia de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) para o Desenvolvimento Econômico e Social acontece nos dias 21 e 22 de agosto, das 9h às 18h, no Auditório da PGE, no Centro Administrativo, por iniciativa da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação da Bahia (Secti).

A sociedade e os agentes do ecossistema irão debater sobre questões relacionadas aos aspectos jurídicos e empreendedorismo governamental, dando continuidade aos trabalhos para atualização da Lei Estadual de Inovação e do Marco Legal de CTI da Bahia.

Entre os temas debatidos nessa segunda edição estão as compras e as encomendas governamentais, bônus tecnológico, fundos de financiamento à inovação, ecossistema de startups, educação inovadora, Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil, dentre outras questões.

A Estratégia Bahia de CT&I é uma política de Estado organizada por eixos estruturantes e transversais e será formulada com o envolvimento de todos os atores do ecossistema de CT&I, setor acadêmico, governamental, empresarial, financeiro e sociedade civil.