Epidemias de zika e chikungunya serão mais fortes em 2017, diz Fiocruz

Resultado de imagem para zika virus sintomasAo participar hoje (1º) do 2 º Seminário Dengue, Chikungunya e Zika: Desafios na Atenção à Saúde na Chikungunya, no auditório da Escola Nacional de Saúde Pública (Ensp/Fiocruz), em Manguinhos, no Rio, o diretor regional da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Mato Grosso do Sul, Rivaldo Venâncio, disse que epidemias das doenças zika e chikungunya, ambas transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, serão ainda maiores no verão de 2016/2017 do que foram na última temporada.

Segundo o pesquisador, que é especialista em medicina tropical, o número de casos este ano já subiu significativamente em relação ao ano passado.

“Em 2015, foram identificados 38 mil casos de zika e de chikunguya. Neste ano, o número subiu impressionantemente para 255 mil. Só o estado do Rio já teve mais de 15 mil casos da doença até o mês de outubro. Claro que durante os meses em que o calor foi menor e com menos chuvas, a velocidade da transmissão diminuiu, mas agora estamos prestes a entrar no verão. E com ele, voltam as altas temperaturas e as chuvas intensas, que são condições mais do que ideais para a proliferação da doença. Como ainda não combatemos esses vírus da maneira adequada, uma epidemia ainda maior se anuncia para os próximos meses”, disse.

O objetivo do encontro é discutir uma proposta para capacitação de profissionais da área de saúde na abordagem das três doenças. Venâncio disse que os profissionais de saúde, embora sejam capacitados, precisam de uma atualização em seus conhecimentos para saber lidar melhor com este cenário de novas doenças. Da Agencia Brasil.


Aulas da rede municipal de Itabuna vai começar no dia 3 de abril de 2017

O Conselho Municipal de Educação (CME) aprovou o Calendário Escolar 2017, que prevê o início das aulas na rede oficial de ensino de Itabuna no dia 3 de abril. Na primeira semana de novembro passado, a Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria de Educação (SEC) havia pedido Parecer, sobretudo pela repercussão no atual ano letivo em andamento da greve dos professores ano passado.

As matrículas na rede municipal de ensino inicialmente estão previstas para o período de 2 de janeiro a 17 de março. O assunto será normatizado mediante Portaria que será publicada nos próximos dias pela secretária municipal de Educação, Dinalva Melo do Nascimento.

Neste ano, a rede municipal de ensino não teve paralisações ou intercorrências e por isto o ano letivo está programado para se encerrar no próximo dia 8 de fevereiro para o cumprimento das diretrizes de 200 dias letivos da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB). Para evitar prejuízos aos processos de ensino-aprendizagem dos alunos a Secretaria Municipal de Educação determinou que em 18 sábados letivos tivessem atividades em sala de aula.


Programa de prevenção às drogas quer mobilizar 100 mil estudantes em 2017

pro-drgImplementado pela Polícia Militar, o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) quer atingir a meta de mais de 100 mil alunos inscritos, em 2017.  Este ano, mais de 70 mil estudantes foram certificados pelo Proerd, 5 mil deles em solenidade realizada na última terça-feira, com a presença do governador Rui Costa. Através do programa, policiais militares treinados para abordar o tema desenvolvem um curso de prevenção às drogas e violência, que é aplicado em sala de aula, em parceria com escolas públicas e privadas.

O Proerd  tem caráter social preventivo e trabalha com grupos de alunos do 5º ao 7º anos do ensino fundamental, de 9 a 12 anos, através do esforço cooperativo entre PM, escola e família. O material didático utilizado é adaptado do programa norte-americano Drug Abuse Resistance Education (Dare).

“Queremos que, a cada ano, tenhamos mais jovens participando e se informando sobre os perigos das drogas e a importância de prevenir a violência”, explica o porta-voz da PM baiana, capitão bruno Ramos. Para participar do programa, é necessário que o representante da escola procure a unidade da PM mais próxima e inscreva seus estudantes. As ações ocorrem ao longo do período letivo dos estudantes.


Padre Edinaldo de Itaju do Colônia tem contas aprovadas

padre-edinaldo_perfilO prefeito de Itaju do Colônia até o dia 31 de dezembro de 2016, Padre Edinaldo Martins(PT) comemorou esta semana, a aprovação das contas da prefeitura referente ao ano de 2015 pelo Tribunal de Contas dos Municípios-TCM.

Segundo o prefeito a aprovação “é resultado do trabalho correto na gestão dos recursos públicos e demonstra o zelo da equipe no trato da coisa pública”. Padre Edinaldo está finalizando o segundo mandato consecutivo e realizou um grande trabalho de inclusão social  na prefeitura, reconhecido em todo o Estado.


“Os desafios de ser vereador” é tema de seminário em Itabuna

ver“Ação Parlamentar-Os Desafios de Ser Vereador” é o titulo do seminário que acontecerá no próximo dia 09 de dezembro, no auditório do Itabuna Palace Hotel, destinado aos vereadores, em especial para os recém-eleitos.O encontro será realizado das oito às treze horas, e tem como o objetivo aprimorar, por meio de palestras e debates, a qualificação dos vereadores sulbaianos, atualizando os seus conhecimentos para a aplicabilidade no dia-a-dia.

Assessores parlamentares, assessores de Comunicação Social, servidores de Câmaras municipais e estudantes universitários das áreas de Administração, Direito, Ciências Contábeis e Comunicação Social também são público-alvo do seminário.

“Processo Legislativo Municipal”, pelo advogado Allah Góes, mestre em Ciência Política, especialista em Direito Eleitoral e ex-procurador nacional da UVB, tendo como mediador o também advogado Marcos Alpoim é o tema de abertura do encontro.Em seguida, o contabilista Carlos Alberto Ferreira – Contador, Especialista em Contabilidade e Gestão Pública Municipal, que falará sobre “Orçamento Municipal e Contabilidade Pública”. “O Vereador: Compromisso Social e a Responsabilidade Política” será abordado pelo jornalista, radialista e assessor de Comunicação Social da Ceplac Ederivaldo Benedito.

O seminário será encerrado com a palestra “O Papel Constitucional do Vereador”, feita pelo advogado e ex-vereador Joabs Ribeiro, que foi ex-presidente da UVB Brasil, ex-presidente da Câmara de Ilhéus e é atual procurador jurídico da UVB Brasil, mediada pelo vereador ilheense Ivo Evangelista, presidente da Acsulba.

A ideia, segundo os organizadores, é trocar informações e experiências, tendo como finalidade o aperfeiçoamento das ações legislativas e o fortalecimento das Câmaras de Vereadores. Refletir, também, sobre a atual situação política, destacando as atribuições, o papel e a forma como os legisladores municipais devem atuar no mundo globalizado e uma sociedade cada vez mais crítica, exigente e participativa.


Agentes de Endemias faz campanha educativa em Ibicaraí

foto01A prefeitura de Ibicaraí e a Secretaria Municipal de Saúde, através dos Agentes de Combate a Endemias (ACE), estão realizando nas Unidades de Saúde do municipio a ação Educação em Saúde.

O trabalho é comandado pela Educadora de Endemias Nayara Dias Santos e consiste em realizar palestras em todas as Unidades de Saúde, orientando a população e pedindo o apoio de todos no combate ao mosquito Aedes aegypti, que transmite a Dengue, Chikungunya e Zika.

Essa ação faz parte do plano de contingência do município onde os ACEs, além de realizarem as atividades nas UBS, fazem atividades de campo e colaboram também com a distribuição de peixes (pari vivas), que são colocados nos tanques residenciais para comerem as larvas deixadas pelos mosquitos.


Fundação Marimbeta apresenta “Marimbeta 30 anos: Ação de Graça”

A Fundação Marimbeta – Sítios de Integração da Criança e do Adolescente (FMSICA) realizará nesta quarta-feira, dia, 30, às 13h30min, no Centro de Cultura Adonias Filho, a Mostra “Marimbeta 30 anos: Ação de Graça”.

Fruto do trabalho que está sendo realizado nos sítios da Fundação, nos bairros Antique, Fonseca, Nova Ferradas e São Pedro, o festival terá apresentações musicais, dança, ballet, capoeira e teatro e visa incrementar ações educacionais e estimular o protagonismo juvenil através da arte.

De acordo com a coordenadora do evento, Sibele Gava, a Mostra faz parte das ações referentes ao aniversário de 30 anos da Fundação Marimbeta e contribui para que a comunidade grapiúna possa contemplar o trabalho que vem sendo realizado com os jovens da Fundação Marimbeta. A instituição é mantida pele Prefeitura de Itabuna.


Reunião debate Plano Estratégico de revitalização da Bacia do Rio Cachoeira

promotor-yuri-melo-luciano-veiga-e-lenildo-santanaAconteceu na manhã desta terça-feira (29), nas instalações da Ceplac em Itabuna, uma reunião promovida pela Secretaria de Meio Ambiente do Estado – SEMA, onde foram debatidos os projetos e ações para o Plano Estratégico de Revitalização do Rio Cachoeira. O encontrou reuniu representantes de instituições regionais e o presidente do Comitê de Bacias Hidrográficas do Leste, Luciano Veiga.

A ideia é promover a articulação entre os atores da Bacia e os executores do Plano Estratégico para possibilitar o envolvimento e participação no contexto de toda a elaboração. Para Luciano, do ponto de vista institucional têm vários atores que poderão dar suas contribuições, “a exemplo da criação do Observatório de Recursos Hídricos, que terá a finalidade de ser um Centro Tecnológico de Informações”.

O Observatório permitirá as instituições e os demais atores a terem um núcleo de informação e projetos que permitem a condução eficiente e eficaz das políticas públicas e privadas do setor. Estarão disponíveis os Planos de Saneamento Básico, os Planos de Bacias, diagnósticos, planos e projetos de institutos de ensino e de outros.

O Comitê de Bacias irá se reunir com os integrantes nos próximos dias para continuar o debate. Segundo o presidente, os membros do comitê têm autonomia necessária para moldar o Plano Estratégico a sua real necessidade, ou seja, apesar de ser uma proposta do Governo, o plano terá que ter o DNA da região.


Tupinambás debatem luta pela terra e educação

tupi-1Foi realizado no final de semana na aldeia Serra do Padeiro, Terra Indígena Tupinambá de Olivença (Sul da Bahia), o encontro “Luta pela terra e educação na Terra Indígena Tupinambá de Olivença: troca de saberes entre pesquisadores, professores e comunidade”. Na ocasião, foram apresentados e debatidos trabalhos de 20 pesquisadores indígenas e não indígenas que vêm atuando junto ao povo Tupinambá das diferentes comunidades que compõem a TI.

Amparados em seus trabalhos, todos os pesquisadores enfatizaram a necessidade de se concluir com urgência o processo de demarcação da TI, que já se arrasta há doze anos, de modo a pôr fim às violações dos direitos de indígenas e não indígenas.

O encontro teve como objetivo propiciar um espaço de trocas entre pesquisadores de distintas áreas e filiações acadêmicas; contribuir para o fortalecimento dos grupos de jovens da TI, assim como para a formação continuada dos professores do Colégio Estadual Indígena Tupinambá Serra do Padeiro (CEITSP) e para o fortalecimento da escola; e, finalmente, oferecer subsídios para o registro e sistematização da memória tupinambá.

Além dos pesquisadores, as atividades envolveram lideranças, membros do grupo jovem da aldeia Serra do Padeiro e de outras comunidades, a coordenação de Mulheres da Associação dos Índios Tupinambás da Serra do Padeiro (AITSP), professores do CEITSP e representantes de outras escolas tupinambá e de entidades de apoio, como o Conselho Indigenista Missionário (Cimi), a Associação dos Advogados de Trabalhadores Rurais da Bahia (AATR/BA) e o Centro de Estudos e Pesquisas para o Desenvolvimento do Extremo Sul da Bahia (Cepedes). O encontro contou com o apoio da Coordenação Técnica Local da Fundação Nacional do Índio (Funai/Itabuna).

Os debates orientaram-se em torno de dois eixos principais: luta pela terra, e educação e cultura. Discutiu-se, entre outros temas, a caracterização estereotipada dos indígenas no período imperial e nos dias de hoje, os mecanismos de expropriação territorial empregados historicamente contra os Tupinambá, os impactos negativos de políticas ambientais conservacionistas na territorialidade indígena, a criminalização de lideranças ao longo dos séculos 20 e 21 e a repressão contra os Tupinambá.

Foram abordadas também as possibilidades de uma escrita indígena da história, a resistência tupinambá e o papel dos troncos velhos, a importância dos festejos religiosos na territorialidade indígena, as articulações políticas engendradas pelos Tupinambá contemporaneamente, a participação das mulheres na luta pela terra, os caminhos para o desenvolvimento de uma antropologia colaborativa e as potenciais contribuições da luta tupinambá para outros processos de resistência. Além disso, foram debatidos os avanços e limites da implementação da educação escolar indígena no contexto tupinambá, a construção de um projeto educativo formal como modo de organização sociopolítica, propostas de adequação de material didático, experiências em sala de aula e formação de professores indígenas.


Avião da Chapecoense cai na Colômbia e deixa 71 mortos

Avião que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, sofreu um acidente na madrugada desta terça-feira (Foto: Luis Benavides/AP)O avião que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia, sofreu um acidente na madrugada desta terça-feira (29). Segundo autoridades colombianas, há 75 mortos e seis sobreviventes. O avião da LaMia, matrícula CP2933, decolou de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, com 81 pessoas a bordo: 72 passageiros e 9 tripulantes.

Segundo comunicado da Aeronáutica Civil Colombiana, os seis sobreviventes são os jogadores Alan Ruschel, Neto e Follmann, o jornalista Rafael Henzel, o técnico da aeronave Erwin Tumiri e a comissária de bordo Ximena Suarez.

O goleiro Danilo também tinha sido resgatado com vida, mas morreu no hospital. O ex-jogador Mario Sergio, comentarista do canal FoxSports, está entre as vítimas, segundo o Bom Dia Brasil.(G1)