Lula pede ao STF para reconhecê-lo como ministro após decisão sobre Moreira

Poucas horas após o ministro Celso de Mello manter Moreira Franco como chefe da Secretaria-Geral da Presidência, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu nesta terça-feira (14) ao Supremo Tribunal Federal que julgue recurso para reconhecê-lo como ministro da Casa Civil.

Em 17 de março do ano passado, Lula tomou posse como ministro da Casa Civil do governo Dilma Rousseff. No mesmo dia, porém, o ministro do STF Gilmar Mendes suspendeu a nomeação, argumentando que Lula tentou fraudar as investigações sobre ele na Operação Lava Jato.

Mais cedo, nesta terça, o ministro Celso de Mello rejeitou pedidos da Rede e do PSOL para suspender a nomeação de Moreira Franco na Secretaria-Geral.

Os partidos argumentaram que, citado em delação na Operação Lava Jato, o peemedebista tomou posse no último dia 3 em uma tentativa do presidente Michel Temer de blindá-lo das investigações. Na avaliação dessas legendas, o caso de Moreira é semelhante ao de Lula.

“Na verdade, a fundamentação exposta pelo decano desta Suprema Corte [Celso de Mello] para indeferir a liminar ali pleiteada [pela Rede e pelo PSOL], inclusive no tocante à legitimação ativa ‘ad causam’ de agremiações partidárias para a impetração de mandado de segurança coletivo, coincide com os argumentos apresentados pelo peticionário [Lula] na defesa apresentada nestes autos”, diz o pedido de Lula.(G1)


UESC doa 1500 de espécies nativas regionais

A Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), em Ilhéus, está disponibilizando, para doação, cerca de 1.500 mudas, a maior parte de espécies nativas regionais, para serem plantadas nas nascentes dos rios, em áreas degradadas, em clareiras dentro de cacauais, arborização urbana e rural, além de outras finalidades.

Segundo o professor,  Luiz Alberto Mattos, do Departamento de Ciências Biológicas (DCB), “apesar de priorizar os pequenos agricultores (Agricultura Familiar), associações rurais e assentamentos, as mudas estarão disponíveis para quaisquer pessoas”.

As principais espécies que estão sendo disponibilizadas, e prontas para plantios, são: Pau-brasil (1.000), Pequi-verdadeiro, Amescla, Guabiraba, Roxinho, Óleo-comumbá, Guapuruvu, Pau-ferro, Guanandi, Andiroba e as exóticas Dormideira/Casqueiro, Jenipapeiro, entre outras.

As mudas deverão ser solicitadas ao professor  Luiz Alberto Mattos Departamento de Ciências Biológicas (DCB), da UESC,  através do e-mail < mattos@uesc.br > ou telefone (73) 3680-5185/5156.


Conjunto Penal de Itabuna investe em curso de formação de brigadistas

brigadas 1Em cumprimento à NBR-ABNT 14276, que disciplina a implantação de brigadas de incêndio em locais de grande aglomeração, a empresa Socializa, que faz a co-gestão do Conjunto Penal de Itabuna (CPI) com o Governo do Estado, está capacitando todo seu corpo funcional como brigadistas de emergências. A capacitação faz parte da estratégia de investimentos da empresa buscando minimizar fatores de risco, especialmente após situações ocorridas em presídios de outros estados.

O curso é coordenado pelo engenheiro de segurança da Socializa, Rafael Pinheiro, e tem carga horária de 16 horas/aulas, nas modalidades teórica e prática. “Trouxemos para ministrar esse curso o renomado instrutor Cosme da Fonseca, um profissional altamente qualificado e atualizado no que diz respeito aos novos procedimentos preconizados pela NBR 14276, da ABNT, e à legislação específica”, afirma.

Pinheiro destaca que o curso envolve simulações de atendimentos em primeiros-socorros, métodos de combate a incêndio, classes de fogo e técnicas de resgate entre outros. “Além de Itabuna, a Socializa busca oferecer esse curso em todas as unidades que administra, com profissionais capacitados nas áreas de saúde e segurança do trabalho”, observa o engenheiro de segurança Rafael Pinheiro.

De acordo com o gerente operacional da Socializa no CPI, Yuri Damasceno, todo o material necessário ao atendimento da NBR-ABNT 14276 está sendo adquirido pela unidade, uma vez que, implantadas as brigadas de incêndio de acordo com a norma, a instituição fica obrigada a dar cumprimento a todos as exigências nela contidas. “Por exemplo, agora, todo ano teremos uma simulação de incêndio e também faremos uma reciclagem do treinamento”.


Instituto Nossa Ilhéus apresenta ideia de aplicativo cívico na 3ª edição do Grow2Impact, em São Paulo

hackaproton-app-ini_nov2016De viagem marcada para São Paulo para mais uma etapa do programa Grow2Impact – uma metodologia desenvolvida pela Ashoka para capacitação de organizações sociais na construção de seus modelos de negócio social -, representantes do Instituto Nossa Ilhéus (INI) e de mais seis organizações irão apresentar como estão transformando suas ideias em produtos e serviços sustentáveis financeiramente e de grande impacto social.

Será possível acompanhar as apresentações da noite desta quarta-feira (15), às 19h30, na transmissão ao vivo no Facebook, na página: facebook.com/ashokabrasil.

A diretora presidente do INI, Maria do Socorro Mendonça, tem passado por um longo treinamento desde que se tornou uma das 379 empreendedoras sociais brasileiras da Ashoka, em 2015, sendo esta viagem uma das etapas deste processo. Para ela, tudo que aprendeu até aqui foi o despertar para entender que a transformação que sonha acontecerá a partir do saber ouvir a sociedade e, assim, encontrar o caminho que alinhará o sonho com a verdadeira necessidade da população, sempre usando a empatia.

“A transformação virá a partir da minha transformação no pensar e acreditar. Mudando, estarei mais preparada para ser agente de transformação”, explica ela, que, junto com o consultor, Gabriel Siqueira, vai apresentar a ideia de um aplicativo cívico que buscará impactar na melhoria dos serviços públicos em Ilhéus, por meio da participação popular.

Como parte do desenvolvimento da ideia do aplicativo foi realizado, em novembro passado, um Hackaprothon, uma metodologia criada pelo Eokoe/AppCívico que reúne programadores, designers e outros profissionais ligados ao desenvolvimento de softwares. A maratona para elaboração do protótipo do aplicativo do INI teve participação de Ariel Kogan (Open Knowledge Brasil/App Civico), Thiago Rondon (Eokoe/AppCívico), Fernanda Joris (Eokoe), Gianfrancesco Vizzotto (Eokoe/AppCívico), Fernando Tsukumo (Sua Vez), além dos representantes do Instituto, Socorro e Gabriel.


Cadastro do Bolsa Família em Itacaré

Social 1A Secretaria de Desenvolvimento Social da Prefeitura de Itacaré iniciou esta semana o cadastramento dos beneficiários do Bolsa Família, com a proposta de a atender um grande número de pessoas contempladas com o programa. O atendimento está sendo feito das 8 às 14 horas, com prioridade para as pessoas que tiveram seus benefícios cancelados e aqueles que se deslocam da zona rural, tendo em vista a dificuldade de acesso, mas todos estão sendo atendidos.

A secretária de Desenvolvimento Social, Ivonete Damasceno, explicou que um dos primeiros passos foi organizar as instalações da secretaria, reformando as unidades e criando espaços mais dignos para receber as pessoas que procuram os serviços e os benefícios sociais.

Depois foi a vez de organizar cada benefício e o Bolsa Família mereceu uma atenção especial pois é um programa de transferência direta de renda, direcionado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o País, de modo que consigam superar essa vulnerabilidade. O programa busca garantir a essas famílias o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde. E a proposta é ampliar o úmero de pessoas de Itacaré beneficiadas com o programa.


Armandinho lança música que defende Carnaval sem cordas

O músico Armandinho vê com grande expectativa a proposta do Governo do Estado de investir cada vez mais nos trios sem corda. Ele participa da apresentação das ações para o Carnaval 2017, na Concha Acústica do Teatro Castro Alves (TCA), nesta terça-feira (13).

“A gente está com uma música nova – Pra que corda, pra que corda, se a pipoca está com a corda toda – e esse é o tema que a gente está levando para o Carnaval”, afirmou o guitarrista, filho do músico Osmar Macedo (da dupla Dodô e Osmar), idealizar do trio elétrico.

Armandinho destacou ainda que tem trabalhado sempre no sentido de fortalecer a proposta de um Carnaval sem cordas, “que a gente traz desde o começo, e assim a gente manteve o trio elétrico, que é do povo, é da pipoca”.


Fies abre inscrições para 150 mil financiamentos

4º Encontro do Forsec e da RAE com dirigentes de educação dos municípios sulbaianosApós atraso de quase três horas, o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) abriu inscrições na internet. A previsão era que o sistema fosse aberto às 12h, mas, segundo o Ministério da Educação, estava passando por ajustes finais. Nesta edição, são ofertados 150 mil financiamentos.

As inscrições começam hoje (7) e vão até o dia 10. O resultado será divulgado no dia 13. Para concorrer a uma das vagas, é preciso acessar o site do programa.

Neste semestre, o governo reduziu o teto do financiamento aos estudantes. O limite mensal do Fies passou de R$ 7 mil para R$ 5 mil.

Financiamento

O Fies oferece financiamento a estudantes em cursos de instituições privadas de ensino superior. A taxa efetiva de juros do programa é de 6,5% ao ano. O percentual de financiamento é definido de acordo com o comprometimento da renda familiar mensal bruta per capita do estudante. O candidato deve ter renda familiar mensal de até três salários-mínimos por pessoa.

A oferta de vagas do Fies dá prioridade aos cursos de engenharias, formação de professores e áreas de saúde. Além das áreas prioritárias, o programa valoriza os cursos com melhores índices de qualidade em avaliações do MEC.

Para participar é preciso ter tirado pelo menos 450 pontos na média das provas do (Enem) e não ter zerado a redação.(Ag Brasil).


Itabuna discute parceria com a Universidade Federal do Sul da Bahia

naomar e cumaO prefeito de Itabuna Fernando Gomes recebeu em audiência no seu gabinete, o reitor da Universidade Federal do Sul da Bahia, Naomar de Almeida Filho; acompanhado da vice-reitora, Joana Guimarães; do pró-reitor Francisco Mesquita e do assessor Oswaldo Barreto. A Prefeitura de Itabuna deve colaborar na desapropriação de uma área de 40 hectares para implantação da reitoria, bem como de um centro cultural, com cinema, biblioteca e outros equipamentos.

Ficou definido para a próxima quinta-feira (9), a visita uma área de 40 hectares no semi-anel rodoviário e a área do Parque Ecológico próximo ao Fórum e à Maternidade da Mãe Pobre com 400 mil metros quadrados. O reitor mostrou que a implantação da UFSB vem avançando em Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas, onde estão os três campi, que este ano deverão receber uma dotação de R$ 80 milhões injetados na economia regional. A universidade funciona há três anos e tem o maior orçamento entre as instituições de ensino federais no interior do Brasil, contando com 2,3 mil alunos matriculados.


Ioná Queiróz vai a Salvador em busca de diversas reivindicações para Camamu

ioná Queiróz fez reivindicações pelas estradas de Camamu.Desde que se elegeu que a prefeita Ioná Queiróz vem buscando recursos para Camamu. Nesta segunda-feira(06), a prefeita de Camamu esteve visitando algumas secretarias estaduais em busca de projetos e recursos para o município.

Ela visitou a secretaria de Infraestrutura do Estado, onde esteve conversando com Saulo Filinto Pontes de Souza, diretor geral da Superintendência de Infraestrutura de Transportes da Bahia, órgão da Secretaria de Infra Estrutura do Estado, na pasta a prefeita levava as reivindicações da:
1.Finalização da estrada de Barcelos do Sul, prevista para inaugurar em março;
2. Conserto da rodovia que liga Camamu até o distrito de Travessão, a BA-001, obra que já está em fase de final de licitação;
3. Pier de Camamu, projeto antigo da prefeita que retornou para a secretaria de Turismo do estado.

Ioná Queiróz também esteve visitando o ex-governador Jacques Wagner, que atualmente é o novo Secretário de Desenvolvimento Econômico, SDE, que foi recém nomeado por Rui Costa para a pasta. Na oportunidade a prefeita de Camamu buscou alguns benefícios para o município que irão melhorar a geração de emprego e renda para a população, mas por enquanto faz mistério já que foram muitas reivindicações e ela pretende anunciar em breve algumas dessas conquistas.

“Em apenas um dia conseguimos visitar vários setores importantes do Governo do Estado em busca de dias melhores para nosso município, foram muitas reivindicações para várias localidades e acreditamos que todas são muito importantes e eu tenho certeza que Camamu ficará muito feliz quando conseguirmos realizar essas obras, a nossa comunidade merece ser bem cuidada”. Finaliza a prefeita Ioná Queiróz.(Ascom Camamu)


Buriti investe no Carnaval de Itabuna

Em 2017, a BURITI comemora a incrível marca de 20 anos no mercado de materiais para construção, no sul da Bahia. Para comemorar em grande estilo, a BURITI em parceria com o bloco “TE AMASSO” traz uma das principais atrações do Carnaval de Itabuna, a banda BABADO NOVO! É isso mesmo!

A BURITI faz aniversário e os clientes ganham o presente. O trio elétrico com Mari Antunes vai desfilar sexta feira(10/02), primeiro dia da folia, na Beira Rio. E tem mais novidade: o bloco não terá cordas. Todo mundo vai poder pular e se divertir de graça!

Além do Bloco Te Amasso, A BURITI também é patrocinadora do Bloco DK1 Beijo que sai na avenida, no dia 11, com a cantora Liu Menezes. Sempre presente nas festas, espetáculos e eventos na região, o objetivo da empresa é incentivar o fortalecimento da nossa cultura e democratizar o acesso à arte! Queremos que todos brinquem com segurança e alegria, relembrando os velhos tempos. Venha você também resgatar essa tradição bonita que fez Itabuna ganhar destaque nacional!

Não esqueça de espalhar esse babado! Chame seus amigos e sua família para pular com a gente também.