Concursos abrem inscrições para 2,6 mil vagas

Pelo menos 25 órgãos abrem inscrições na segunda-feira (24) para 2.696 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de todos os níveis de escolaridade.

Os salários chegam a R$ 20.292,87 na Prefeitura de Salvador. Somente na Prefeitura de Pirapora (MG) são 473 vagas.

Câmara Municipal de Descalvado (SP)

A Câmara Municipal de Descalvado (SP) abriu concurso para 5 vagas de nível superior. Os salários chegam a R$ 3.394. As inscrições podem ser feitas de 24 de agosto a 7 de outubro pelo site www.vunesp.com.br. A prova objetiva está prevista para o dia 22 de novembro (veja a matéria completa).

Departamento Estadual de Trânsito da Bahia

O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia divulgou edital de processo seletivo para 76 vagas em caros de níveis médio e superior. Os salários vão de R$ 1.473,98 a R$ 2.655,10. Os candidatos podem se inscrever pelo site www.detran.ba.gov.br de 24 a 28 de agosto. A seleção será feita por meio de análise curricular e entrevista (veja o edital no site do órgão).

Leia mais no G1.


Avião cai no Reino Unido e mata 7 pessoas

Um jato monoposto caiu sobre a estrada A27, no Reino Unido, durante um espetáculo aéreo e atingiu quatro veículos.

O acidente ocorreu perto do aeroporto de Brighton, no sul do país, onde estava sendo realizada a apresentação, organizada pela Royal Air Forces Association. Segundo a polícia, a queda logo após a aeronave modelo Hawker Hunter fracassar na execução de um “giro da morte”.

A A27 é uma estrada bastante movimentada da Inglaterra, com longos trechos em pista dupla. Até o momento, duas pessoas foram internadas no Royal Sussex County Hospital, uma em estado grave e outra com ferimentos leves.(A Tarde)


Ouvidoria Geral e instituições de ensino superior avaliam os Serviços de Informações

OGE na UESCCom o objetivo de promover a implementação da Lei de Acesso à Informação (12.527/2011) através dos Serviços de Informação ao Cidadão (SIC) das instituições públicas de ensino superior e de pesquisa, o ouvidor-geral do Estado, Yulo Oiticica, palestrou nesta quinta-feira (20) no 2º Encontro dos Serviços de Informação aos Cidadãos das Instituições Públicas de Ensino Superior e Pesquisa. O evento acontece na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), em Ilhéus, até sexta-feira (21), reunindo representantes de mais de 30 instituições de ensino superior e pesquisas.

O ouvidor-geral coordenou a mesa de debate com o tema “Classificação das Informações e a observância da Lei”, destacando os avanços e desafios do cumprimento da LAI na Bahia, considerando o papel das ouvidorias e SIC’s das instituições públicas do Estado. “Nós vivemos a cultura do acesso no Brasil, ou seja, vivemos o processo democrático que, entre outras garantias, nos assegura o direito de obter informações públicas, possibilitando ao cidadão uma participação qualificada e ativa nas gestões públicas”, afirmou o ouvidor.

Yulo_falanoseminario na uesc_20_08_15Yulo também destacou a importância do encontro que reúne as universidades brasileiras para debater a lei de acesso. “Este momento de debate amadurece a prática da transparência, considerando todos os aspectos da legislação brasileira. E isso é fundamental para o fortalecimento dos canais de comunicação entre o cidadão e a gestão pública, além de promover a democracia”, concluiu.

A mesa coordenada pela Ouvidoria Geral do Estado (OGE) também contou com as participações dos presidentes da Ordem dos Advogados do Brasil de Ilhéus, Marcos Flávio Rhem, e de Itabuna, Andirlei Nascimento. E ampliou o debate sobre a realidade e funcionamento dos SIC’s em cada instituição presente.

A reitora da UESC, a professora Adélia Pinheiro, destacou que evento dá uma dimensão da importância da informação ao cidadão que assume numa instituição universitária e de pesquisa. “A UESC sempre esteve atenta à legislação e à necessidade de colocar a disposição da sociedade as informações que são do interesse dessa sociedade. A Lei Federal é de 2011 e a Lei Estadual de 2012. A Universidade assumiu em 2014 a política institucional referente a transparência e SIC, embora já houvessem iniciativas, antes disso,” acrescentou a reitora.

Além do ouvidor-geral do Estado, outros representantes dos governos estadual e federal também serão palestrantes do encontro, entre eles, a coordenadora geral de Governo Aberto e Transparência da Controladoria Geral da União (CGU), Tâmara Bakuzis, que vai abordar a aplicabilidade dos procedimentos e da LAI aos casos concretos; e a coordenadora de auditoria do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Dêlza Matos, sobre o acompanhamento do cumprimento da Lei de Acesso à Informação pelo TCE. Também participarão do evento gestores e ouvidores municipais, advogados, auditores e gestores das SIC’s de diversas instituições públicas.

Leia mais.


Manifestação de apoio a Dilma junta mais de duas mil pessoas em Itabuna

Ato em defesa do Governo Dilma reuniu partidos e centrais sindicais em Itabuna.O ato  em defesa da continuidade do governo da presidente Dilma Rousseff ontem dia 20, reuniu  mais de duas mil pessoas em Itabuna segundo a organização. Já a a Polícia Militar afirma que o movimento juntou mil pessoas. O ato percorreu a Avenida do Cinquentenário, no centro, após concentração no Jardim do Ó, e teve participação de centrais sindicais e membros de partidos como o PT e o PCdoB.

O destaque do ato foi a caminhada de partidários petistas e comunistas lado a lado, a exemplo de Geraldo Simões e Luís Sena, além do presidente da Câmara de Itabuna, Aldenes Meira (PCdoB). Para os organizadores, o evento reuniu 2,5 mil pessoas.(Com informações do Pimenta)


Toque Brasileiro de volta em Itabuna

A Prefeitura de Itabuna é parceria do projeto Toque Brasileiro que após nove anos está de volta à programação cultural da cidade. Nesta sexta-feira, às19 horas, estarão se apresentando ao público os cantores Jane Monteiro e Jan Costa na área de alimentação fast-food da Praça Camacan, no centro da cidade. O projeto é inciativa da TV Santa Cruz visando à valorização da cultura regional a partir da criação de espaços aos talentos regionais.

Durante as próximas três sextas-feiras subsequentes o Toque Brasileiro segue com as apresentações de diversos artistas. Como instituição parceria, cabe à Prefeitura a limpeza do espaço para o evento e definição de área de estacionamento “Amanhã a Praça Camacan será isolada, a partir das 8 horas da manhã, para completa limpeza, varrição e capina. À noite o espaço estará pronto para receber os artistas e o público que poderá consumir pratos preparados pelos restaurantes fast-foods que funcionam todos os dias no local, a partir das 18 horas” explica o secretário da Indústria, Comércio e Turismo.


Oito em cada dez idosos precisam de ajuda para realizar tarefas diz pesquisa

Idosos moradores do Lar São José, em Sobradinho, no Distrito Federal, recebem presentes de NatalCerca de 6,8% das pessoas com 60 anos ou mais de idade tinham algum tipo de limitação funcional, como comer, tomar banho, vestir-se ou ir ao banheiro. A pesquisa também verificou que 84% desse grupo, que representava cerca de 13% da população brasileira no período estudado, precisavam de ajuda para realizar tarefas. E 10,9% não tinham ajuda. Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional de Saúde, divulgada hoje (21), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Quase 18% dos que recebiam ajuda pagavam pelos cuidados e quase 79% recebiam cuidados de parentes. No grupo que tinha 75 anos ou mais, 15,6% tinham alguma limitação funcional.

O estudo também investigou limitações para exercer atividades que chamaram de instrumentais da vida diária, como fazer compras, cuidar do próprio dinheiro, tomar medicamentos e utilizar meios de transporte. Foi constatado que 17,3% das pessoas com 60 anos ou mais tinham limitação funcional para exercer essas atividades, sendo a maioria de mulheres. A Região Nordeste apresentou a maior proporção nesse indicador, 22%.

Segundo a pesquisa, quanto maior o nível de instrução menor é a proporção de pessoas com algum tipo de limitação. Quase 28% dos idosos sem instrução tinham limitação funcional para atividades instrumentais. No grupo com ensino fundamental incompleto, o percentual dos que tinham limitação funcional era quase 16%. O percentual dos que tinham o fundamental completo ou mais anos de estudo era 7,9%.


Itabuna tem ato público contra o golpe e em defesa da democracia

Centrais sindicais, associações de moradores e partidos da base aliada do Governo Federal realizam hoje em Itabuna um ato público em defesa da democracia, a manutenção dos direitos trabalhistas e contra o golpe. A mobilização é nacional.

Segundo o vereador Jairo Araújo, do PCdoB, “a crise política exige iniciativa. E Itabuna tem essa característica: popular e democrática.” “Os que trabalham contra o país seguem tramando um golpe e isso fere a constituição e a democracia já consolidada”, disse.

O presidente do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores, Flávio Barreto, “esse é o momento de mostrar que o a presidente Dilma tem o apoio dos trabalhadores e dar um basta ao golpismo”. “Conclamamos nossa militância a ir às ruas, defender as conquistas sociais”, ressaltou.


​ Jovem de Itabuna vence 1ª Etapa do Campeonato Baiano de Jiu-Jitsu

marimbetaReferência na educação não–formal em Itabuna, a Fundação Marimbeta através de suas ações obteve mais um resultado impactante na vida de um jovem. No último domingo (16) na AABB o aluno da oficina de artes marciais, Pedro Henrique, participou da 1ª Etapa do Campeonato Baiano de Jiu-jitsu. O evento contou com a participação de vários atletas do estado e foi organizado pela federação de Jiu-Jitsu do Estado da Bahia.

Acompanhado por seu professor e oficineiro da Fundação Marimbeta, Fabiano Alves de Araújo, o jovem Pedro, já em seu primeiro torneio, conseguiu resultado expressivo tornando-se campeão na categoria infanto, faixa branca, peso 56 kg.

De acordo com Fabino Alves, o resultado é fruto do trabalho realizado no sítio, “tenho certeza que além de Pedro Henrique, ainda iremos fazer a diferença na vida de muitos outros jovens da Fundação. A medalha conquistada hoje, será um orgulho não só para ele como para todos nós”


Conferência das mulheres de Itabuna será em setembro

A questão envolvendo as mulheres vítimas de violência seja psicológica ou física, a implantação das políticas públicas que assegurem a igualdade no tratamento das condições de gênero e outras políticas vão nortear os debates da 3ª Conferência Municipal de Políticas Públicas para Mulheres.

O evento está sendo preparado pela Prefeitura de Itabuna, através da Secretaria da Assistência Social (SAS), em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres (Consedame), para acontecer nos dias 24 e 25 de setembro, no auditório da Faculdade de Ciências e Tecnologia (FTC).

A Conferência ocorre a cada dois anos. Com a temática “Mais direitos, participação e poder para as mulheres”, o evento neste ano contará com a presença da secretária estadual de Políticas para as Mulheres, Olivia Santana, dentre outras autoridades.

A conferência acontecerá oito meses após a implantação do Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres (Consedame), cuja função é desenvolver e exigir políticas públicas. Mas, há pelo menos sete anos que funciona o Departamento da Divisão das Mulheres da SAS, que dá suporte às mulheres vítimas de violência.

A 3ª Conferência Municipal de Políticas Públicas para Mulheres terá quatro eixos temáticos: Contribuição dos Conselhos dos Direitos da Mulher e dos movimentos feministas e de mulheres para efetivação da igualdade de direitos e oportunidades para as mulheres em sua diversidade e especificidade: Avanços e desafios; Estruturas institucionais e políticas públicas desenvolvidas para mulheres no âmbito municipal, estadual, federal: Sistema Político com participação das mulheres e igualdade: recomendações; Sistema Nacional de Políticas para as Mulheres: subsídios e recomendações.


OGE participa de Encontro dos Serviços de Informação das instituições públicas de ensino superior na UESC

O ouvidor-geral do Estado, Yulo Oiticica, será um dos palestrantes do 2º Encontro dos Serviços de Informação aos Cidadãos das Instituições Publicas de Ensino Superior e Pesquisa do Brasil, que acontece nesta quinta (20) e sexta-feira (21), na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Ilhéus. O objetivo é reunir gestores dos SIC’s das universidades brasileiras para discutir avanços e desafios na implantação da Lei de Acesso à Informação (12.527/2011) nestas instituições.

Como responsável pelo SIC do Governo Estadual, a Ouvidoria Geral do Estado (OGE), através do ouvidor-geral, coordenará a mesa de debate sobre a classificação das Informações e o cumprimento da lei de acesso, ao lado dos presidentes da Ordem dos Advogados dos municípios de Ilhéus e Itabuna.

“A participação da OGE neste encontro visa fortalecer a compreensão de que o acesso à informação pública é um direito do cidadão e contribuir para a ampliação e melhoraria dos Serviços de Informação aos Cidadão (SIC) nas instituições públicas. A iniciativa é de extrema importância para o fortalecimento da democracia”, afirmou Yulo.

Além do ouvidor-geral do Estado, outros representantes dos governos estadual e federal também serão palestrantes do encontro, entre eles, a coordenadora geral de Governo Aberto e Transparência da Controladoria Geral da União (CGU), Tâmara Bakuzis, que vai abordar a aplicabilidade dos procedimentos e da LAI aos casos concretos; e  a coordenadora de auditoria do Tribunal de Contas do Estado (TCE),  Dêlza Matos, sobre o acompanhamento do cumprimento da Lei de Acesso à Informação pelo TCE. Também participarão do evento gestores e ouvidores municipais, advogados, auditores e gestores das SIC’s de diversas instituições públicas.

Leia Mais.