Professores das redes estadual e municipal compartilham experiências de alfabetização na idade certa

avanço ed 1A professora do 1º ano do ensino fundamental, Neyva Marques, do município de Ilhéus, a 374 km de Salvador, é uma das 250 educadora que participam do Seminário Educar para Transformar: experiências de alfabetização na idade certa nos municípios baianos, nesta segunda (30) e terça (1º/12), no Instituto Anísio Teixeira, na Avenida Paralela. No evento, promovido pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia, a professora fala de como ressignificou o trabalho na sala de aula, após formação recebida por meio do programa Educar para Transformar – um Pacto pela Educação.

“A formação que recebemos nos dá um grande suporte para que a gente consiga aplicar os projetos que fazem com que as crianças aprendam Português e Matemática brincando. Cada criança recebe este material e que também é socializado em casa. É muito emocionante ver que muitos deles não possuem brinquedos e chegam a contar que brincaram com seus pais e isso torna o aprendizado deles mais significativo”, disse a educadora.

Durante o evento, a professora Neyva Marques e outras profissionais, como dirigentes municipais de educação, coordenadores pedagógicos compartilharam as experiências e, também, os desafios para a alfabetização das crianças com até oito anos, meta prioritária do programa Educar para Transformar.

Com o Educar para Transformar, a Secretaria da Educação do Estado está potencializando junto aos 417 municípios baianos as ações pela alfabetização das crianças na idade certa. Por meio do regime de colaboração com os municípios, a Secretaria da Educação do Estado apoia a formação de professores e faz o assessoramento técnico às prefeituras para a consolidação de políticas e estratégias educacionais que levem em conta as especificidades de cada município. Além disso, distribuirá para as escolas públicas municipais a coleção “Pactos de Leituras”, constituída de 19 livros de literatura infantil de 16 autores baianos, com estórias referenciadas na realidade da Bahia. Os 798 mil livros vão compor os Cantinhos de Leitura de 21 mil salas de aula de alfabetização das escolas, beneficiando mais de 332 mil crianças.


Escola Municipal de Trânsito convoca segunda turma para aulas

http://www.pimenta.blog.br/wp-content/uploads/2015/03/Emtran-Itabuna.jpgA Escola Municipal de Trânsito de Itabuna (EMTRAN) convoca os candidatos da segunda turma de 2015, a comparecer à sua sede da escola, na Rua Jorge Amado, no bairro Lomanto, dia 3, às 9 horas, para que recebam orientações sobre a compra de laudo e realização dos exames, bem como sobre a data de início das aulas do curso teórico. O não comparecimento, sem justificativa, implica no cancelamento da inscrição automaticamente.

Serão duas as turmas que terá aulas para a habilitação nos períodos matutino e noturno.


IF Baiano reabriu inscrições do concurso

Novo prazo de inscrição vai até 11 de dezembro.O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano reiniciou as inscrições para seu concurso. O certame abriu 304 vagas para os níveis fundamental, médio, médio/técnico e superior. Conforme o nível do cargo, os salários variam entre R$ 1,7 mil e R$ 8 mil, além de auxílio alimentação de R$ 373.

O novo prazo para inscrições vai até 11 de dezembro, no site da FUNRIO. A taxa também varia de acordo com o nível da função: R$ 60, R$ 80 ou R$ 100.

Confira Editais aqui

Entre as áreas de nível superior contempladas estão: Assistência Social, Contabilidade, Economia, Enfermagem, e Psicologia, além das oportunidades para professores do ensino básico.

Os cargos de nível fundamental são: Assistente de Laboratório (13), Auxiliar de Biblioteca (40) ou Auxiliar em Administração (52). Os de nível médio ou médio técnico são: Assistente em Administração, Diagramador, Revisor de Texto Braille, Técnico de Tecnologia da Informação, entre outros.


Centenário de Adonias Filho é celebrado no Centro de Cultura em Itabuna

ado 1Nesta quinta-feira (26), foram iniciadas as celebrações do centenário de nascimento do jornalista, escritor e crítico literário Adonias Filho (27.11) no Centro de Cultura que leva nome do homenageado e que é um dos espaços geridos pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA). Adonias – que faleceu em 1990 – foi eleito para a cadeira nº 21 da Academia Brasileira de Letras e assina obras como Corpo Vivo, Luanda Beira Bahia, O Largo da Palma e As Velhas, traduzidas para o inglês, o alemão, o espanhol, o francês e eslovaco.

O evento de celebração, promovido pela SecultBA, foi aberto com a apresentação ado 2da Banda Sinfônica de Itabuna, e contou com a presença de autoridades da comunidade itabunense.

O diretor de Espaços Culturais da SecultBA, Romualdo Lisboa, destacou que “Adonias Filho é um dos grandes escritores em todos os tempos, que conseguiu dar ao trabalhador, que fez a cultura do cacau, o protagonismo que merece. Percebe-se em todos os personagens das obras dele um carinho muito grande pelas terras do cacau”. O diretor afirmou ainda que “é extremamente importante nessa comemoração ado 3do centenário de Adonias Filho, envolver a comunidade e incentivar as novas gerações para conhecerem sua obra, que é atemporal”.

Leia mais no Blog do Thame


Concurso da Codeba para níveis superior e médio

A Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba) abriu inscrições de concurso público com vagas para os níveis superior, médio e médio/técnico. Ao todo, serão oferecidas 23 vagas para os diferentes cargos, além da formação de cadastro de reserva. Os salários variam de R$ 2.494,51 a R$ 4.845,94 e as provas serão aplicadas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

O período de inscrição irá do dia 7 de dezembro de 2015 ao dia 7 de janeiro de 2016, através site da FGV. A taxa de inscrição custa R$ 50,00 ou R$ 70,00, dependendo do cargo pretendido. As provas estão prevista para serem realizadas em Salvador, no dia 28 de fevereiro de 2016, em turnos diferenciados, de acordo com a ocupação escolhida.

As vagas de nível superior disponíveis são para o cargo de Analista Portuário, nas especialidades: Administrador, Advogado, Analista de TI, Contador, Economista, Engenheiro Civil, Engenheiro Elétrico, Engenheiro Mecânico, Gestão Ambiental, Gestão Portuária e Sanitarista. Também há chances para o emprego específico de Engenheiro de Segurança do Trabalho.
No nível médio e médio técnico, as oportunidade são para Guarda Portuário e Técnico Portuário, nas especialidades de: Apoio Administrativo, Controle Portuário, Manutenção e Obras, Fiscalização de Segurança do Trabalho e das Operações e Meio Ambiente. (Correio)


Profissionais do Sul da Bahia recebem formação para elaborar projetos sociais

Curso_projetos_assesba_Joao_27_11_2015Uma iniciativa inovadora da Associação dos Economistas do Sul da Bahia(Assesba), está dando  oportunidade para profissionais de diversas áreas de formação se qualificarem para elaborar projetos. Com  início nesta sexta-feira(27) na UESC, o curso é realizado em parceria com o Programa de Apoio aos Egressos de Economia (PAECE), Escritório de Projetos (EPEC), e o Departamento de Ciências Econômicas(DCEC).

Para o Assistente Social, Bruno Novais Nascimento do municipio de Jussari, o curso de “Elaboração e Análise de Projetos” atende a uma carência da região. “Esse curso vai nos ajudar bastante na elaboração de projetos sociais no município”, afirma Bruno. Ele acrescenta que “depois do governo Lula tem muitas oportunidades a partir das políticas públicas e programas desenvolvidos pelos governos, tendo mais possibilidades de trabalho para os profissionais que sabem fazer projetos”, concluiu.

Segundo o economista e professor João Carlos de PáduCurso_projetos_assesba_Nerley_27_11_2015a Andrade, facilitador do curso, o consultor em projetos sociais “precisa além de ficar atento aos editais, saber escrever bem o projeto colocando com clareza e ilustração a parte do diagnóstico, contextualização e o problema”. Pádua considera na metodologia participativa e inclusiva, o melhor caminho para se obter um bom diagnóstico em comunidades demandante de projetos.

Neorley Batista Carvalho, economista e presidente da Assesba, salientou que o curso de Elaboração e Análise de Projetos terá carga horária de 60 horas divididas em três módulos, sendo parte dela não presencial para pesquisas e exercícios. “Oferecer cursos de aperfeiçoamento para os economistas e profissionais de outras áreas é um dos nossos objetivos enquanto Associação. Pensamos no desenvolvimento regional com a participação de todos os atores”, disse Neorley Batista.

Curso_projetos_assesba_plenaria_27_11_2015

Curso_projetos_assesba_27_11_2015


Governo já investiu R$ 95,6 milhões em programa de proteção ao emprego

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Miguel Rosseto, participa do Fórum Dialoga Brasil Interconselhos (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)O governo federal já investiu este ano mais de R$ 95,6 milhões no Programa de Proteção ao Emprego (PPE), beneficiando 43.086 trabalhadores. Os dados foram divulgados ontem (27) pelo ministro do Trabalho e Previdência Social, Miguel Rosseto, em apresentação no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo. Desses trabalhadores, 24,5 mil são da base do sindicato paulista. Entre as fábricas que ingressaram no PPE estão as montadoras Volkswagen, Ford e Mercedes-Benz.

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Miguel Rosseto, participa do Fórum Dialoga Brasil Interconselhos (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Para Miguel Rosseto, as mudanças do Congresso Nacional melhoraram a proposta inicial do governoArquivo/Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

A lei do PPE foi sancionada pela presidenta Dilma Rousseff no dia 19 deste mês. O programa prevê a possibilidade de redução temporária da jornada de trabalho e dos salários em até 30%, com complementação pelo Fundo do Amparo ao Trabalhador (FAT) de metade da redução salarial.

No total, 80 empresas aderiram ao programa, sendo 27 do setor automobilístico, seguido pelos setores fabril (19) e metalúrgico (17). O ministro informou ainda que o investimento de outros R$ 25 milhões estão em análise.

Rosseto informou que as mudanças do Congresso Nacional melhoraram a proposta inicial do governo. Ele citou como exemplo a simplificação para adesão de pequenas empresas.

Meia Mais na Agência Brasil


Reunião na SEC discute solução para atrasos de terceirizados

Reuniao_sec_suica_ze_trabalhadores_27_11_2015Uma comissão de trabalhadores terceirizados da educação de Ilhéus e a coordenação do Sindilimp, estão reunidos na Secretaria Estadual da Educação em Salvador desde o inicio da amanhã desta sexta-feira(27), para encontrar uma solução dos constantes atrasos de salários e benefícios dos funcionários das empresas que prestam serviço a rede estadual de educação.

Na pauta está a dificuldade dos funcionários  de receber os vencimentos da empresa LOCSERV, a qual está com sua sede ocupada pelos terceirizados desde quarta-feira. Os pais e mães de famílias que vendem a sua mão de obra para estas empresas são constantemente humilhados com a negação de salário e benefícios em dia.

Mais uma vez o Sindilimp “dialoga com o governo do Estado da Bahia no objetivo de encontrar uma saída para o problema que afeta a categoria o ano inteiro” frisa José Carlos, coordenador regional do Sindilimp no Sul da Bahia. A reunião conta também com intervenção do dirigente estadual do sindicato e vereador de Salvador, Suíca.


I Encontro Setorial com o segmento empresarial do Litoral Sul da Bahia da UFSB

195A2133A UFSB realizou, nesta quinta-feira (26), o I Encontro Setorial com o segmento empresarial do Litoral Sul da Bahia. O encontro foi demanda da primeira reunião que ocorreu no mesmo local em setembro deste ano. O objetivo foi estabelecer um espaço de diálogo permanente com o setor empresarial para fomentar o desenvolvimento e a sustentabilidade regional. A meta central é a troca de informação entre ambos os lados.

As diretrizes debatidas foram retiradas das solicitações do I Fórum Social da UFSB, momento em que representantes de diversos segmentos, inclusive o setor empresarial, discutiram sobre seus anseios em relação à Universidade e organizaram um documento para ser entregue ao Conselho Estratégico da UFSB.

A programação contou com apresentação de propostas de oportunidades de atuação em conjunta feitas pelo setor. Assim, representantes de movimentos empresariais, associações, Câmara de dirigentes lojistas e sindicatos expuseram seus pontos de vista em relação aos caminhos da universidade e a região. Representantes da UFSB também explanaram sobre o trabalho realizado na instituição, sanando dúvidas dos presentes.

Nas falas dos representantes empresariais, foi dito sobre a importância dessa iniciativa para que muros entre a academia e o mundo empresarial fossem quebrados. Para Élio Nascimento, representante do Movimento Empresarial do Sul da Bahia em Ação, a intenção não é só opinar, e sim discutir sobre o assunto. Afinal, os estudantes que agora cursam a universidade, daqui a cinco, seis anos, provavelmente farão parte das empresas.

Eles também demonstraram certa inquietação quanto ao desenvolvimento da região, que não vem alcançando bons índices nos últimos anos. Entretanto, aguardam com grande expectativa as parcerias que poderão ser firmadas com a UFSB para que esses dados possam mudar.

O encontro foi chamado de “do Litoral Sul da Bahia” no intuito de possibilitar maior participação e adequação de agendas nos locais onde estão instalados os três campi (Itabuna, Teixeira de Freitas e Porto Seguro). Dessa forma, nos primeiros meses do próximo ano, reuniões também acontecerão no extremo sul da região.


Trabalhadores terceirizados da educação de Ilhéus continuam acampados em Lauro de Freitas

Acampamento_locserv_Laurodefreiutas_Ze_27_11_2015Cerca de 30 funcionários terceirizados do Estado do município de Ilhéus, acompanhados da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul da Bahia (Sindilimp), estão acampados na sede da empresa LOCSERV no município de Lauro de Freitas desde quarta-feira(25), aguardando o pagamento de  salários e benefícios atrasados.

Segundo a empresa, o motivo do atraso seria por falta de receita por parte governo do Estado da Bahia. A expectativa é que o pagamento dos salários atrasados sejam feitos ainda nesta sexta-feira(27). A diretoria do Sindilimp  permanece com os trabalhadores na região metropolitana de Salvador, aguardando a efetivação dos salários em atraso.