Edital para construção de policlínicas sai neste mês, diz Rui Costa

rui-costa-2O governo baiano publicará, ainda neste mês, o edital de licitação para a construção de policlínicas de especialidades em cinco ou seis regiões do estado. O governador Rui Costa informou, na tarde desta terça-feira (5), durante a solenidade de posse da nova Mesa Diretora do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE), que ainda no primeiro semestre do ano pretende iniciar a construção de 12 a 14 policlínicas no interior.

“Muitas obras não puderam ser iniciadas em 2015 por problemas administrativos, burocráticos, a exemplo das policlínicas, mas agora em janeiro estou soltando edital de licitação para construção das policlínicas”, disse Rui.

A meta, de acordo com o governador, é iniciar em maio a construção da primeira unidade no interior. A primeira região a ser contemplada ainda não foi definida, mas a análise preliminar da Secretaria da Saúde indica a cidade de Teixeira de Freitas ou Jequié. “Na área da saúde, o carro-chefe da nossa gestão é a regionalização da saúde”, afirmou Rui.

No total, serão construídas 28 policlínicas, ao custo individual de R$ 16 milhões (R$ 9,5 milhões para construção civil e R$ 6,5 milhões em equipamentos), enquanto a manutenção irá girar em torno de R$ 700 mil por mês. Além de procedimentos e exames de média complexidade, as policlínicas poderão realizar pequenas cirurgias, como biópsias.


Secretaria da Educação prorroga prazo para inscrição da Educação Profissional

estudanteA Secretaria da Educação do Estado da Bahia prorrogou para o dia 12 de janeiro, o prazo para as inscrições dos cursos técnicos de nível médio, na forma de articulação subsequente, da Rede Estadual de Educação Profissional. São oferecidas 11 mil vagas destinadas para quem já concluiu o ensino médio e quer fazer um curso técnico. As inscrições são feitas, exclusivamente, no Portal da Educação.

Para o ano letivo de 2016, são ofertados 37 cursos, distribuídos nos Centros Estaduais e Territoriais de Educação Profissional e seus anexos, de 62 municípios baianos. O candidato, no ato da inscrição, deverá fazer a opção para um único município, Centro de Educação Profissional, curso e turno. O sorteio eletrônico será no dia 20 de janeiro, no auditório da Secretaria da Educação, localizado no Centro Administrativo, em Salvador.

Este ano, 50% das vagas serão destinadas aos candidatos com maiores notas em Língua Portuguesa e Matemática no último ano do ensino médio ou nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As notas devem ser especificadas no ato da inscrição e, depois, comprovadas no ato da matrícula.


Festa em homenagem a São Sebastião em Olivença

Puxada do Mastro - IlhéusAcontece no distrito de Olivença, zona sul de Ilhéus, nos dias 09 e 10 de janeiro, um dos eventos culturais mais relevantes do calendário turístico da cidade, a Puxada do Mastro de São Sebastião. Considerada uma festa tradicional, a celebração realizada anualmente é uma parceria da Associação de Machadeiros de Olivença, com apoio da Prefeitura de Ilhéus, através da Secretaria de Esporte e Turismo (Setur).

No sábado, a programação que terá início às 17h, contará com a apresentação de grupos de capoeira, leitura de cordel, procissão de São Sebastião e show musical com bandas regionais. No domingo, os festejos começam às 6h da manhã, com benção religiosa e rituais indígenas e ao longo do dia, eventos como a Saída dos Machadeiros para a Mata do Ipanema, Rituais na Mata, Cortejo da Puxada do Mastro e a chegada do Mastro de São Sebastião, marcam a comemoração.

Segundo Luana Nascimento, Assistente de Marketing dos Hotéis Praia do Sol e Aldeia da Praia, “os turistas que pretendem visitar Ilhéus nesta data, além de apreciar suas belezas naturais e patrimônios históricos, terão ainda a oportunidade de conhecer uma das tradições culturais mais importantes e antigas da cidade”.

Dispondo de atendimento de qualidade e serviços exclusivos, os Hotéis Praia do Sol e Aldeia da Praia apresentam-se como ótimas alternativas para quem planeja reunir a família e os amigos, com garantia de uma estadia agradável, tranquila e confortável.

Para obter mais informações sobre os hotéis, basta entrar em contato através dos telefones: Hotel Praia do Sol – (73) 3234-7000 ou reservas@praiadosol.com.br /Hotel Aldeia da Praia – (73) 3234-8000 ou reservas@aldeiadapraia.com.br.


Itabuna tem novos registros de empreendedores individuais

        Comerciante Pedro Jozino dos Santos Neto (Foto Gabriel de Oliveira).

Itabuna foi o município que mais tirou trabalhadores da informalidade e registrou novos microempreendedores individuais (MEI) em 2015, na lista dos 26 municípios que compõem o Território Litoral Sul. A cidade foi oficialmente confirmada pelo Sebrae como a capital do empreendedorismo na região sul do Estado.

Pelo Portal do Empreendedor, via internet, Itabuna acumulou um crescimento de 28,5% no número de formalizações em relação a 2014. Somado ao número de trabalhadores que se formalizou através da Sala do Empreendedor, no Centro Administrativo Firmino Alves, o aumento atingiu a marca de 45% em relação ao ano anterior.

O principal fator para o crescimento dos MEI – e a consequente liderança regional – é atribuído às iniciativas da Prefeitura como, por exemplo, o “Mutirão nos Bairros”. Durante o ano passado técnicos da Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Turismo visitaram trabalhadores que viviam na informalidade em bairros populares. Nos locais, apresentavam vantagens da formalização e incentivavam a inscrição comercial no perfil de Microempreendedores Individuais, setor que mais gera emprego e renda na economia nacional.

“A Sala Itinerante que resulta nos mutirões não é apenas uma iniciativa para aumentar o número de pessoas nos índices estatísticos de formalizações”, explica o secretário José Humberto Martins. Ele destaca que a parceria com o Sebrae permite avanços que fortalecem o pequeno negócio.

O Sebrae entra com a capacitação desses empreendedores e a Prefeitura com o apoio para a formalização. Para este ano, o secretário anuncia a utilização de uma van personalizada que irá percorrer os bairros, oferecendo serviços e facilitando a vida de quem já é MEI com a emissão de documentos e boletos.

 


Inscrições para concurso da Bahiagás

bahiagasA Companhia de Gás da Bahia (Bahiagás)  está com edital  aberto de concurso público visando ao preenchimento de seis vagas para início imediato, sendo quatro de nível superior e duas de nível médio, além de cadastro de reserva.

A  remunerações  variam entre R$ 3.278,83 a R$ 7.639,46, além de benefícios, como participação nos lucros e resultados; auxílio alimentação; auxílio creche/acompanhante; auxílio educação para filhos; reembolso para práticas esportivas e de lazer; assistência médica e odontológica, extensiva aos dependentes legais, dentre outros.

Veja Edital.

O prazo de inscrição termina no dia  5 de fevereiro de 2016. Para se inscrever, o candidato deve acessar o site do órgão, clicar na opção “Inscrições Online”, preencher a ficha de inscrição, indicar a forma de pagamento, imprimir o boleto bancário e pagar até a data indicada.

A taxa de inscrição é de R$ 90 (para concorrer às vagas do nível superior) e R$ 75 (para concorrer às vagas do nível Médio).

As provas serão realizadas no dia 6 de março de 2016, em Salvador, e terão duração de quatro horas.


Orçamento de 2016 prevê R$ 1 bilhão para reajuste do Bolsa Família, diz MDS

Bolsa Familia

O orçamento do governo federal para 2016 prevê reajuste no programa Bolsa Família, de acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). O aumento previsto de gastos para o programa é R$ 1 bilhão, informou hoje (4) o ministério. No entanto, ainda não há definição de quanto nem quando será o reajuste.

O reajuste do Bolsa Família entrou em discussão nos noticiários após, no último dia 31 de dezembro, a presidenta Dilma Rousseff vetar um trecho da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2016, que previa o reajuste para os beneficiários do programa.

De acordo com a proposta aprovada pelo Congresso Nacional, a correção do benefício para todas as famílias seria medida de acordo com o índice da inflação, calculado pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo. O MDS informou que o veto da presidenta ao trecho da LDO ocorreu em função da vinculação do reajuste do Bolsa Família à inflação. A LDO contém parâmetros e estimativas que orientam a elaboração do Orçamento deste ano.

Na mensagem com justificativa dos vetos à LDO, encaminhada pela presidenta Dilma Rousseff ao Congresso Nacional, ela explica que o Bolsa Família passa por aperfeiçoamentos e mudanças estruturais e, caso esse “reajuste amplo” não fosse vetado, prejudicaria famílias em situação de extrema pobreza que recebem o benefício de forma não-linear, em valores distintos.(Agência Brasil)


UESC tem avaliação 4 no IGC

uescA Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), no Sul da Bahia, pelo quarto ano consecutivo tem resultado de avaliação 4 no Índice Geral de Cursos (IGC). s resultados do ciclo de avaliação de 2014 das instituições de ensino superior (universidades, faculdades, centros universitários e institutos federais) e de cursos nas áreas de exatas, humanas e biológicas, foram divulgados pelo Ministério da Educação (MEC).

“Os dados divulgados pelo MEC, estão demonstrando a consolidação dos resultados alcançados pela UESC, em seu conjunto,” avalia a reitora Adélia Pinheiro. A avaliação deixa a Universidade Estadual de Santa Cruz na categoria de excelência, que só é possível quando uma instituição chega às faixas 4 ou 5 no Índice Geral de Cursos (IGC), que vai de 1 a 5. Quem não atinge a nota mínima 3 tem classificação insatisfatória, segundo o Ministério da Educação.

Cada área do conhecimento é avaliada de três em três anos pelo Enade. Por isso, o IGC leva em conta os cursos analisados nos últimos 3 anos. Em 2014 foram classificados cursos como arquitetura, engenharias, ciências biológicas, letras, filosofia, pedagogia, graduações ligadas à área de tecnologia da Informação, entre outras.

Indicador oficial do ensino superior, o índice leva em conta a qualidade de cursos de graduação, por meio do Conceito Preliminar de Cursos (CPC) e também a nota Capes, que mede o desempenho na pós-graduação. Nestes itens o mestrado da UESC foi avaliado com a nota 4,3 e o doutorado 4,7.


Wagner e Patrus pediram “exame de consciência” e “autocrítica construtiva” ao PT

Wagner e PatrusDo Brasil 247

Coincidência ou não, neste fim de semana, dois ministros do governo Dilma Rousseff com peso dentro do Partido dos Trabalhadores defenderam uma mudança no posicionamento da legenda em relação às acusações que pesam sobre o PT.

Nesse sábado, 2, o ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, em entrevista ao jornal O Globo, defendeu que o PT faça um “exame de consciência”. Para ele, “o PT perdeu um bom momento de fazer um mea-culpa público e assumir o compromisso de não mais receber recursos de empresas”. “No congresso (do partido), era um bom momento para o PT dizer ‘não receberemos mais’. Não fez isso. E depois veio uma lei proibindo”, afirmou (leia mais).

Um dia depois foi a vez do ministro-chefe da Casa Civil, Jaques Wagner, braço direito da presidente Dilma Rousseff, dizer à Folha que o PT errou ao ter “se lambuzado” na “velha política” de financiamento de campanhas, ao invés de combatê-los. “Errou ao não ter feito a reforma política no primeiro ano do governo Lula. E aí não mudou os métodos do exercício da política. Ficou usando ferramentas que já eram usadas. Talvez, porque nunca foi treinado para isto, deve ter feito como naquela velha história: ‘Quem nunca comeu melado, quando come, se lambuza'”, afirmou (leia aqui).

Não está claro ainda se as duas declarações são opiniões isoladas dos auxiliares da presidente Dilma, ou de um movimento interno dentro do PT, que busca uma reconciliação com a sociedade.

Até o momento, a posição oficial do partido, expressada pelo seu presidente, Rui Falcão, é a de que todas as doações ao PT nos últimos anos foram legais e registradas na Justiça Eleitoral, fato que não é questionado pelo ministro Jaques Wagner.

O PT, entretanto, pode ter “se lambuzado” em doações perfeitamente legais. Mas os ministros dão a entender que, mesmo legais, elas poderiam ter sido exageradas, até porque o partido captou doações em anos não eleitorais.

A reconexão do PT com a sociedade e principalmente sua militância política se tornou uma espécie de condição “sine qua non” para uma eventual candidatura do ex-presidente Lula em 2018.

Resta saber se o PT vai encampar este movimento.


‘A partir de agora, nenhum desempregado a mais’ reivindica João Pedro Stedile

Joao PedroO ano que se encerra representou uma conjuntura extremamente complexa para o Brasil. Diante de tal cenário, os movimentos populares construíram novos espaços de articulação para as lutas sociais.

João Pedro Stedile, da direção nacional do Movimentos dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e integrante da Frente Brasil Popular, considera que 2015 foi “um ano perdido para os trabalhadores brasileiros”.

Em entrevista ao Brasil de Fato, Stedile avalia que “a novela do impeachment”deva terminar até abril de 2016 e que o próximo ano será marcado pela luta em torno da condução da política econômica do governo. “Nenhum desempregado a mais”, defende João Pedro.

Comece a ler a entrevista:

Brasil de Fato – Que balanço os movimentos que compõe a Frente Brasil Popular estão fazendo do ano que está terminando, em termos de lutas e de enfrentamentos políticos?

João Pedro Stedile – A Frente Brasil Popular é uma frente ampla, uma aliança das mais diferentes formas de organização de nosso povo: movimentos populares, da juventude, sindicais e partidos. Nós sempre tomamos as deliberações por consenso, não temos instâncias de coordenação, nem porta-vozes. Assim, não posso e nem devo falar pela Frente Brasil Popular. Falo pelo que vejo nos movimentos da Via Campesina, nos movimentos populares e nas minhas andanças pelo Brasil. Em termos gerais, acho que podemos dizer que 2015 foi um ano perdido para os trabalhadores brasileiros. Um ano no qual a mediocridade política imperou. A maioria do povo brasileiro, com seus 54 milhões de votos, reelegeu a presidenta Dilma [PT]. Porém, setores das classes dominantes e os partidos mais conservadores não se deram por vencidos e quiseram retomar o comando do Executivo no tapetão. Começaram a conspirar desde a posse. Para isso se utilizaram dos espaços nos quais têm hegemonia – como a mídia corporativa, o poder Judiciário e o Congresso – para tentar derrubar a presidenta. O governo federal se assustou, montou um ministério medíocre, que não representa as forças que elegeram a presidenta. E passou o ano se defendendo, gerando uma situação de disputa e de manobras apenas em torno da pequena política.

Para continuar lendo veja aqui na Carta Maior.


68 presos fogem de delegacias na Bahia no feriadão

Mais de 60 presos fugiram de delegacias em municípios baianos nos últimos cinco dias. Segundo levantamento feito pelo G1, entre 28 de dezembro e 1º de janeiro, 68 detentos escaparam em Irecê, Cícero Dantas, Porto Seguro e Simões Filho.

O primeiro caso ocorreu em Irecê, no centro-norte do estado. Dez detentos deixaram o local, mas a polícia não divulgou detalhes de como ocorreu a fuga. No dia seguinte, 18 presos conseguiram passar por um buraco aberto no teto da delegacia de Porto Seguro, no sul baiano. O delegado afirma que os acusados usaram equipamentos feitos de forma manual para abrir o buraco, que não foi notado pelos agentes penitenciários.

Em Simões Filho, 16 presos deixaram a carceragem na última sexta-feira (1º). Os homens serraram as grades da cela que dá acesso ao pátio de banho de sol e arrombaram a grade superior. A maior fuga, contudo, aconteceu no dia anterior. Em 31 de dezembro, quase metade dos suspeitos mantidos sob custódia em Cícero Dantas conseguiu escapar.

Um agente tentava colocar os homens dentro da cela após o banho de sol quando foi rendido por 24 dos 52 detidos. Entre os fugitivos, cinco são considerados de alta periculosidade e respondem a crimes como homicídio e tráfico de drogas. Até o momento, apenas 5 dos 68 fugitivos tiveram a recaptura confirmada pela polícia.(Bahia Notícias)