Nova instalação do CEPRON oferece tratamento preventivo a pacientes oncológicos de Itabuna

Com o objetivo de qualificar o atendimento à população, a Prefeitura de Itabuna, através da Secretaria Municipal de Saúde ampliou as instalações do Centro de Prevenção em Oncologia (CEPRON), que funcionava na avenida Fernando Cordier, e passou a atender em um novo endereço, na rua Valdemar Muniz, 83, Alto Mirante, próximo a avenida Juracy Magalhães. Na noite desta segunda-feira (25), o prefeito Fernando Gomes visitou o espaço e destacou a importância da prevenção para casos oncológicos.

Ao enfatizar que a melhoria da saúde à população de Itabuna é uma das prioridades da Administração Municipal, o prefeito Fernando Gomes lembrou que a saúde de Itabuna é uma referência, tendo, além do Hospital de Base, uma série de centros focados em importantes especialidades que trabalham no tratamento e na prevenção de doenças. Segundo Fernando Gomes, o cenário poderia ser melhor, mas a crise financeira que atinge os municípios dificulta a ampliação de serviços pelo município.


Eleições presidenciais já têm quatro candidaturas lançadas

eleicoesNos primeiros três dias de convenções nacionais, quatro candidatos a presidente da República foram confirmados pelos partidos políticos: Ciro Gomes (PDT), Paulo Rabello de Castro (PSC), Guilherme Boulos (PSol) e Vera Lúcia (PSTU). Enquanto o PSol e o PSTU lançaram a chapa completa, o PDT e o PSC ainda vão escolher os candidatos a vice-presidente.

Os convencionais do PDT aprovaram uma resolução autorizando a Executiva Nacional a negociar as alianças para o primeiro turno das eleições e o vice de Ciro Gomes. O PSC também vai articular um vice que agregue apoios, mas o candidato demonstrou disposição de ter uma mulher na sua chapa. (Agência Brasil)


Lançada em Itabuna a pré-candidatura Guilherme Galvão para a Câmara Federal

Empresários, profissionais liberais e produtores rurais integrantes do Movimento Região Forte lotaram o espaço de eventos da Churrascaria Los Pampas, em Itabuna, para o lançamento da pré-candidatura do agricultor Guilherme Galvão Oliveira Pinto para a Câmara Federal, pelo PSL.

Como pré-candidato do PSL,  mesmo partido de Jair Bolsonoro,  que concorre à presidência da República,  ele destacou a sua preocupação com a crise moral e política que afeta o país, com reflexos na economia, no crescimento da violência urbana e rural, bem como na qualidade da prestação de serviços essenciais à população nas áreas de educação e saúde.

Galvão  destacou,  como ponto básico de sua campanha, a defesa dos interesses não apenas dos produtores rurais da região Sul e do Oeste da Bahia, o que passa por uma solução para a questão do endividamento dos produtores de cacau, como também por uma maior e melhor representatividade política de uma região que foi historicamente abandonada e é carente de investimentos em  infraestrutura e serviços públicos de qualidade.


Festival do Chocolate e Cacau mostra riqueza e diversidade cultural do Sul da Bahia

Celebrado mundialmente através da obra imortal de Jorge Amado como a terra do cacau, e agora também do chocolate, o Sul da Bahia possui uma cultura rica, em suas diversas manifestações, como a literatura, música, teatro, dança e artes plásticas. Um pouco desta cultura pode ser conferida durante o 10º Festival Internacional do Chocolate e do Cacau, que acontece até este domingo (22), no Centro de Convenções de Ilhéus.

cult 3No Palco do Cacau, estão se apresentando diariamente os cantores Diego Schaun, Jacque Barreto, Gabriela Maia, Zezo Maltez e Leonardo Leo,  os grupos Batuka Gêge, Mulheres de Domínio Público, Samba de Treita, Pier 05, Abaga, as quadrilhas Explosão Caipira, Forró do Dinossauro, Forró 4 Estações  e o Circo da Lua. Na área do festival, o ator José Delmo executa performances como um típico coronel do cacau e atrizes da Turma do Maktub interpretam personagens do Bataclan, um dos cenários da obra ‘Gabriela Cravo e Canela’, que está completando 60 anos de lançamento. O Palco do Cacau foi instalado através de financiamento do Fundo de Cultura de Bahia, que também apoia o espaço destinado a artesanato, artes plásticas, dança e literatura de cordel.

O Secretário de Cultura de Ilhéus, Paulo Cidade, destaca que “cacau, chocolate e cultura estão interligados na história do Sul da Bahia. O evento valoriza os artistas regionais e cria uma vitrine para a produção local que é vista por pessoas de todo o Brasil”.


SAC Digital oferece serviços diversos aos cidadãos baianos

Foto Elói Corrêa_GOVBA (1)Em funcionamento desde o dia 5 de julho, o SAC Digital é uma plataforma multicanal interativa que reúne serviços públicos em um só ambiente online. O objetivo da ferramenta é aproximar o cidadão da gestão pública, relacionando serviços e gerando a personificação dos dados já existentes nas bases dos órgãos públicos.Disponível através do endereço www.sacdigital.ba.gov.br e também para download, por meio de celulares com sistema Android, o SAC Digital cria uma plataforma de interatividade e relaciona serviços, conforme explicou a assessora de Governança de Soluções da Prodeb, Kátia Argolo. “O cidadão pode procurar resolver uma pendência, e o Sac Digital identifica que ele possui um filho pequeno e, automaticamente, o alerta sobre a realização de uma determinada campanha de vacinação e até a possibilidade de um agendamento em um local mais próximo de onde foi acessada plataforma”.

Do ponto de vista do cidadão, o Sac Digital visa favorecer o relacionamento com a gestão pública estadual, criando facilidades nesse processo de interação. Pelo lado do Estado, a ferramenta possibilita a criação de um perfil do cidadão baiano, para que o governo possa voltar políticas públicas e programas de intervenção às necessidades da população. “Quem acessa deixa de ser um número de carteira de habilitação ou identidade e se torna uma pessoa com características sociais, familiares, profissionais”, definiu Kátia Argolo.


Nota Premiada Bahia tem nove ganhadores da capital e um do interior

dinheiroNove moradores de Salvador e um de Simões Filho são os contemplados no sétimo sorteio da campanha Nota Premiada Bahia, do Governo do Estado, realizado nesta quarta-feira (18), com base nos resultados da Loteria Federal. Cada um dos dez ganhadores receberá um prêmio de R$ 100 mil. Os sorteados na capital moram nos bairros de Patamares, Imbuí, Nordeste, Engenho Velho de Brotas, São Caetano, Paralela, Caminho das Árvores, Costa Azul e Campinas de Pirajá.

Com o sorteio de julho, a campanha, realizada pela Secretaria da Fazenda (Sefaz-Ba), chega ao total de 61 ganhadores. A campanha teve início em fevereiro, com dez sorteios de R$ 100 mil a cada mês. Além do sorteio convencional, em junho aconteceu ainda o sorteio especial de R$ 1 milhão para um único vencedor.

Das 61 pessoas já contempladas pela Nota Premiada Bahia desde o início da campanha, em fevereiro, 45 são da capital e 16 do interior. O programa conta atualmente com mais de 330 mil participantes inscritos no site www.notapremiadabahia.ba.gov. br. Além de estar cadastrado, é preciso incluir o CPF nas compras realizadas em estabelecimentos que emitem a Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e).


Mais de 104 mil trabalhadores baianos têm novo prazo para sacar abono

Mais de 104,2 mil trabalhadores que não sacaram o Abono Salarial ano-base 2016 na Bahia terão nova oportunidade. A reabertura do prazo foi autorizada na quarta-feira (11), em resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). O prazo, que terminou em 29 de junho, será reaberto em 26 de julho, e os trabalhadores terão até 30 de dezembro para retirar o dinheiro. Vale lembrar que o pagamento do benefício referente a 2017 também começará a ser pago no dia 26 de julho.

O valor do Abono Salarial 2016 disponível para os trabalhadores baianos chega a R$ 79.470.136,38. É o maior valor da região Nordeste, onde o benefício poderá ser retirado por mais de 342,7 mil trabalhadores, totalizando R$ 262.678.164,76.

Nacional – No total, em todo o Brasil, são quase dois milhões de trabalhadores que não sacaram o benefício, o que corresponde a 7,97% do total de pessoas com direito ao recurso. O valor ainda disponível chega a R$ 1,44 bilhão. Este é o terceiro ano consecutivo em que ocorre prorrogação – no ano passado, essa mesma medida foi tomada. A reabertura do prazo atende um pedido dos representantes dos trabalhadores no Codefat.

O valor que cada trabalhador tem para sacar depende de quanto tempo ele trabalhou formalmente em 2016. Quem trabalhou o ano todo recebe o valor cheio, que equivale a um salário mínimo (RS 954). Quem trabalhou por apenas 30 dias recebe o valor mínimo, que é R$ 80.


Festival do Chocolate e Cacau amplia oportunidades de negócios

fotos-renata-smith-7-abertura-do-festival-do-chocolate-em-ilheusNa abertura do 10º Festival Internacional do Chocolate e Cacau nesta quarta-feira, 18, em Ilhéus, representantes de mais de 40 marcas de chocolate e derivados de cacau todo o Brasil iniciaram a exposição dos seus produtos com o objetivo de fazer grandes negócios. Na programação, que vai até domingo, 22, no Centro de Convenções, estão previstas a realização de palestras, oficinas e rodadas de negociações com o apoio do Sebrae.

O evento atrai o público de consumidores e fornecedores de todo o país, como é o caso de uma das sócias da Nayah Sabores da Amazônia, Luciana Ferreira Centeno. A empresa é de Belém – Pará e produz chocolate de origem a partir da amêndoa de cacau e do próprio cupuaçu. Segundo Luciana, o diferencial do evento está na “oportunidade de conhecer novos parceiros, contatos com fornecedores de equipamentos e matérias primas, bem como novos clientes”.

O Festival contempla ainda a participação de produtores de cacau e chocolate da região, como é o caso de Gerson Marques da Fazenda Irerê, que produz o chocolate chamado Tree To Bar, feito a partir do cacau colhido na própria fazenda. “A parceria que nós da Associação de Produtores de Chocolate do Sul da Bahia – Chocosul, temos com o Sebrae, nos ofereceu uma oportunidade de contato com o público de fora”.

Participando pela segunda vez do evento internacional, Pedro Caetano Magalhães Neto da Var Chocolates, de Ibirataia – Bahia, destacou que o seu projeto já dura 15 anos. “Começamos com a agregação de valor na amêndoa, fazendo cacau fino, exportando, ganhando alguns prêmios e resultou na produção de chocolate há mais de 2 anos”, relatou o gestor da marca, que também busca ampliar oportunidades de negócio.


V Festival Sabores de Itacaré comemora resultados positivos

Com 20% a mais de ocupação hoteleira em relação a 2017, Itacaré festeja a V Edição do Festival Sabores de Itacaré, que aconteceu entre os dias 12 e 15 de julho. Turistas de diversos pontos do Brasil e do Mundo puderam conhecer um pouco mais da gastronomia da Costa do Cacau pelas mãos dos chefs da cidade tanto nos restaurantes como na feira gastronomia que celebrou a venda de mais de dez mil pratos.
Nos dias do evento a cidade contou com 80% de ocupação, com pousadas com a marca de 100%. Ao todo foram 40 restaurantes com 50 pratos inscritos, 22 estandes na Feira Gastronômica e a venda de mais de dez mil pratos de até R$ 12,00, cozinha show com mais de 20 receitas ensinadas por 16 chefs e culinaristas, além de feira da agricultura familiar e apresentações culturais e musicais. “Itacaré mostra mais uma vez que o festival gastronômico está consolidado, sendo um dos mais importantes festivais da Bahia e agradecemos a todos os participantes e em especial ao público que veio experimentar a culinária itacareense”, disse o prefeito Antônio de Anízio.
Os pratos dos restaurantes participantes podem ser degustados até o dia 22 de julho. Este ano, o festival tem o tema gastronomia de raiz e a valorização da agricultura familiar, com curadoria de Elibia Portela. Por meio do Escritório Comercial do Peru no Brasil o evento contou com a participação do chef peruano Brict Perez.
Com opções como carne de sol com banana, casquinha de jaca, chips de aipim, sanduíche de ossobuco com geleia de tomate e ricota, palmito com gorgonzola e mousse de limão com bolo de chocolate, a feira foi um sucesso. Ao todo foram 22 barraquinhas com opções de prato principal, sobremesa e drinks.

Estado entrega Fábrica-Escola do Chocolate e lança projeto Escolas Culturais em Ilhéus

A Secretaria da Educação do Estado entregou, nesta terça-feira (17), a Fábrica-Escola do Chocolate Deize Silva Santana e implantou o projeto Escolas Culturais, em Ilhéus, no Sul da Bahia. Os projetos dialogam com a cultura e a identidade da cidade, seja por meio da arte, em suas distintas linguagens, seja por meio da interlocução com as cadeias e arranjos produtivos locais, com o objetivo de promover o protagonismo estudantil e a formação profissional e empreendedora dos estudantes, abrindo as unidades escolares para a comunidade.escc ios 2

O lançamento do projeto Escolas Culturais aconteceu pela manhã, no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, com apresentações de dança, teatro e outras manifestações artísticas. O projeto reconhece e requalifica a escola como um espaço de circulação e produção da diversidade cultural do Território de Identidade onde está inserida e potencializa as experiências artísticas e culturais já existentes nas unidades escolares, fomentando novas atividades. Este projeto Escolas Culturais já foi lançado em Jequié, Itabuna, Juazeiro, Gandu, Bom Jesus da Lapa, Feira de Santana, Itaberaba, Teixeira de Freitas, Guanambi, Seabra, Ipiaú, Irecê e Santo Antônio de Jesus e é resultado de parceria entre as Secretarias da Educação, de Cultura (SECULT), de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) e Casa Civil.