Projeto Social Itinerante atende mais comunidades rurais de Itacaré

O Projeto Social Itinerante, realizado pela Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, continua assegurando o atendimento em diversas comunidades da zona rural do município, visitando os moradores do campo, cadastrando os beneficiários para os programas sociais e oferecendo uma série de serviços aos cidadãos.

E nessa quarta-feira as equipes da Secretaria de Desenvolvimento Social realizaram o atendimento nas comunidades de Cachimbo Seco, Quirinos e diversas propriedades rurais nessas regiões.

Nesse local as equipes atenderam dezenas de famílias com os serviços de cadastramento do Bolsa Família, cadastramento dos idosos com mais de 65 anos e as pessoas com deficiência para que recebam ou continuem recebendo o Benefício de Prestação Continuada (BPC). As equipes da Prefeitura de Itacaré também esclareceram dúvidas dos beneficiários e informaram sobre os procedimentos que devem ser adotados e as condicionantes para que façam parte do Bolsa Família, como a matrícula e a frequência dos estudantes e o acompanhamento na área de saúde. No total, foram atendidos cerca de 100 beneficiários dos programas somente nessas regiões.


Reunião vai apresentar o Programa Empreender à sociedade itabunense

aci_predioItabuna é uma das 10 cidades baianas que serão contempladas com o programa Empreender, projeto de apoio ao desenvolvimento empresarial da Federação das Associações Comerciais e Empresariais da Bahia – Faceb. O programa será apresentado a sociedade itabunense nesta quinta-feira, 14, às 17h30, no auditório da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna (ACI).

A proposta do projeto é trabalhar com grupos setoriais, e através de uma metodologia, discutir os problemas de um conjunto de empresas do mesmo nicho de mercado e entregar uma solução. O projeto será executado pela Associação Comercial em parceria com a Faceb e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae.

Ainda participam do programa, os municípios de Seabra, Feira de Santana, Camaçari, Vitória da conquista, Alagoinhas, Ribeira do Pombal, Lauro de Freitas, Amargosa e Santo Antônio de Jesus

A ACI fica localizada na rua Osvaldo Cruz, nº 56, 10º andar do Edifício União Comercial, centro de Itabuna.


Inscrições para processo seletivo da policlínica de Vitória da Conquista

Resultado de imagem para selecao da policlinica de vitoria da conquistaO Consórcio Interfederativo de Saúde da Região de Vitória da Conquista e Itapetinga abriu, nesta terça-feira (12), inscrições no processo seletivo para a contratação de profissionais para diversos cargos. No total, são 68 vagas para assistente administrativo, assessor técnico, assistente social, médico, enfermeiro, psicólogo, farmacêutico, nutricionista, ouvidor, técnico em enfermagem e técnico em radiologia, além de cadastro de reserva. Para acessar o edital, clique aqui.

O candidato tem até o dia 3 de março para se inscrever mediante ao pagamento de taxa que varia de R$ 50,00 a R$ 90,00, a depender do cargo pretendido e carga horária de trabalho semanal. As provas objetivas serão aplicadas pela Fundação de Apoio a Educação e Desenvolvimento Tecnológico (Fundação Cefet Bahia) no dia 7 de abril.

O processo seletivo terá duas etapas, sendo a primeira a prova objetiva de caráter classificatório e eliminatório todos os cargos. A segunda etapa da seleção será a prova de títulos de caráter classificatório. Os candidatos ao cargo de assistente administrativo não passam por essa etapa.

O resultado final do processo será será publicado no dia 23 de maio e as contratações devem ser feitas até junho. O salário varia de R$ 1.188,13 a R$ 5 mil. O contrato de serviço terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período. Clique aqui para se inscrever.


“Um líder: ou se respeita ou se mata”

Ouvidoria Geral do Estado Na foto: Yulo Oiticica, ouvidor geral do estado Foto: Alberto Coutinho/GOVBA

Por Yulo Oiticica

Com esta frase, de autoria do Cacique Rosivaldo Ferreira da Silva-Babau, quero me juntar aos que o conhece… Vem a pergunta, porque querem matar Babau? Porque tanta perseguição à um líder indígena? Você tem três opções; Você pode juntar-se a parte dos grande fazendeiros e de forma covarde, evitar o debate e rotula-lo de bandido. Você pode também dizer “não tenho nada com isso”, afinal Pilatos não foi o primeiro e você não será o último. Ou você pode conhecer a verdade. João Batista já dizia “Conhecereis a verdade, e ela vos libertará”.

Vamos a um pouco da verdade: retorno a pergunta, porque querem matar o cacique Babau? Conheço Babau há muito tempo. Este se destacou ainda muito jovem na defesa de seu povo, suas terras e tradições, de uma sabedoria destacada, sempre debatendo ideias sem abrir mão de seus ideais e convicções. De coragem e posição coerente, um vigilante da justiça à seus povos, mas capaz de tremer diante da injustiça a qualquer ser humano e em qualquer lugar no planeta. Mas porque querem matar Babau? Porque é mais fácil matar a verdade, do que enfrentá-la.

Os grandes meios de comunicação pregam todos os dias que o agro é tudo. Esquece de dizer que o agro é tudo que não presta, um modelo de economia que produz riqueza concentrando na mão de poucos, que gera pouco emprego, já que as máquinas cada dia mais substitui a mão de obra.

Um modelo de produção que em nome do produzir mais, consome os piores agrotóxicos/veneno do mundo e vai nos matando aos pouco. Um modelo que arrasa a agricultura familiar, destrói a pequena produção, essa que passa de pai para filho, que produz riqueza dividindo para muitos, que alimenta o corpo, sustenta a alma e constroem auto estima no povo do campo. O que tem Babau com isso? Tudo! Na Serra do Padeiro, solo sagrado onde vive Babau com seu povo Tupinambá, foi criado um círculo virtuoso na economia local, onde o governo levou uma casa de farinha (hoje tem seis) e produz a melhor farinha da região. Onde a cultura diversificada na produção, possibilita toda a alimentação consumida na aldeia e a venda de parte da produção, assim mantendo sua governança auto sustentável.

Imaginem embaixadores de oito países europeus, após uma visita e audiência pública na Serra(tratando das ameaças de morte a Babau e denunciando ao mundo), ao se depararem com as comidas deliciosas ainda se deslumbravam, lambiam os dedos ao comer de sobremesa o beiju de tapioca com geleia de cacau, e tudo produzido ali mesmo. De um lado eles perplexos com as delícias e do outro eu e a mãe de Babau rindo muito. Como bons baianos dizíamos em voz baixa: Nem lembravam de seus steak au poivre “Sabe de nada inocente” rsrs.

Brincadeiras á parte, se a TV mostrasse uma raiz de mandioca de um metro e oitenta, um maracujá que possibilita fazer uma jarra de suco, a geleia de cacau ou a melhor farinha da região que se produz na agricultura familiar, e veneno zero, veria que o agro é ogro, e que a agricultura familiar é pop, é vida. Mas continuo, porque querem matar Babau? E a justiça onde aparece nisso? De que lado está? Isso mesmo, de que lado? Já que essa, em sua maior parte, já tirou a venda há muito tempo.

Babau foi preso a mando de um juiz federal. Como todo preso político ficou incomunicável nas carceragem da polícia federal. Na época, como deputado dos Direitos Humanos, fui impedido de visitá-lo. No dia seguinte fora enviado para um presídio de segurança máxima em Moçoró no Rio Grande do Norte.

O mesmo juiz revogou a prisão mais de trinta dias depois por falta de provas. Enquanto Babau ainda voltava para Bahia, foi surpreendido com outro mandado de prisão, agora por um juiz Estadual. Esse mesmo juiz revogou a prisão mais de trinta dias depois, também por ausência de provas. Seria engraçado se não fosse trágico. Como se não bastasse, Babau foi convidado pelo Papa Francisco para uma audiência em Roma. Alguns dias antes da viagem, apareceu variou mandados de prisão.

Pergunto: onde esses estavam? Já que tiramos o passaporte alguns dias antes na polícia federal? Como sempre, os mandados logo caíram após a data da audiência. A justiça é igual para todos nesse pais? Trágico. Aos que chamam índios de selvagens ou preguiçosos, os convido a conhecer a Serra do Padeiro, lugar de paz, onde o sagrado convive com o trabalho de um povo feliz. Onde os santos, encantos e axés interagem e formam uma só energia. Onde a fogueira nunca se apaga. Onde a vida, quando chega ao fim, a natureza a entrega a seu reino. Na serra, o índice de homicídios é zero, consumo de álcool ou qualquer droga é proibido vender, portar ou consumir.

O respeito aos mais velhos é sagrado. Violência contra mulher? Não existe na Serra. Isso é coisa para nós, dito civilizados das grandes metrópoles. O velho Raul Seixas os chamaria de uma comunidade alternativa; os Tupinambá chama de vida de Indio.

Será que agora você já sabe porque querem matar Babau? Além de desmascarar o capitalismo de consumo selvagem com simplicidade sofisticada que leva seu povo a uma vida digna, Babau comete o maior pecado diante dos poderosos: não se submete a sua covardia truculenta do dinheiro que compra quase tudo. Não abaixa a cabeça diante dos canhões, não pede a bênção ao senhor da casa grande.

“Se querem nos tirar de nossas terras, podem vim, não iremos sair. vamos fazer o que sempre fizemos, Vamos resistir, porque morrer é fácil, viver que para nós é difícil”. Com esta frase de Babau, denuncio: Por isso querem matar Babau, porque ele prefere molhar a terra com seu sangue e dali fazer brotar mais resistência, a prostrar-se diante da truculência dos poderosos. Vamos todos a Serra, vamos pintar nossos rostos de vermelho, vamos a guerra, se esta for o caminho para paz e justiça. Babau você não está só, estamos contigo!

Que venha os canhões que nossas lanças estarão a postos. Que as elites não confundam, ser pacifistas com ser covardes.

Yulo Oiticica é militante dos Direitos Humanos e ex-deputado estadual pelo PT da Bahia por 4 mandatos.


Palestra sobre o setor de moda abre série de eventos do Sebrae Conecta em Itabuna

Empresários do segmento de varejo de moda foram orientados nesta segunda-feira, 11, em Itabuna, sobre as oportunidades para inovar e competir no mundo fashion a partir da moda sustentável. O encontro iniciou uma série de encontros gratuitos com especialista do Sebrae Conecta.

No encontro com os empresários do varejo de moda, a especialista Fernanda Simon levantou o debate sobre o movimento Global Fashion Revolution Brasil, que chama a atenção das pessoas para um consumo sustentável, respeitando as condições ambientais e sociais no processo de produção.

Segundo ela, a ideia foi discutir de que forma podem ser minimizados os impactos ao meio ambiente e ao meio social, e, como isso, pode ser uma ferramenta de transformação.

Nesse contexto, a palestrante destacou que o empresariado exerce um grande poder de influência na escolha de produtos que carreguem no seu processo produtivo valores como ética e coerência.

“A nova geração de consumidores quer produtos com causa, com propósito, que tenham uma história e não comprar por comprar. Então, o empresário que não estiver atento a essas novas demandas, vai ficar para trás”, declarou a especialista de moda.


Incubadora de Biotecnologia da UESC/UEFS abre edital de Seleção de ideias

A partir do dia 18 de março estarão abertas as inscrições para a seleção de propostas para pré-incubação na Broto/UESC. Os interessados devem buscar informações através do telefone (73) 36805190,brotobiotec@uesc.br e no site WWW.broto.uesc.br.

O objetivo é fortalecer e contribuir para o desenvolvimento de negócios a partir de ideias, produtos, processos ou serviços que envolvam biotecnologia, a Broto Incubadora de Biotecnologia abre um edital de seleção para pré-incubação.

O edital tem por objetivo prospectar empreendedores, iniciantes ou não, que apresentem soluções criativas por meio de inovações tecnológicas para alguns dos diversos setores do mercado de biotecnologia, como engenharia de alimentos, saúde, energia, química, meio ambiente etc.

Broto Incubadora de Biotecnologia e o que ela faz?

Uma Incubadora de Empresas, ou simplesmente Incubadora, tem como objetivo incentivar, orientar e abrigar empresas com propostas de produtos, processos ou serviços inovadores, nascidas de projetos de pesquisa e desenvolvimento científico e tecnológico para que estas se tornem negócios de sucesso.

A Broto Incubadora de Biotecnologia é uma iniciativa bi-institucional das Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). O foco da Broto Incubadora de Biotecnologia é o desenvolvimento de novos negócios na área de biotecnologia, naturais e ecologicamente corretos, no estado da Bahia, especialmente em Ilhéus e região.

Na UESC, a Broto oferece apoio de gestão empresarial, por meio de assessorias, consultorias e treinamentos; orientação tecnológica e mercadológica; desenvolvimento do perfil empreendedor; gerenciamento de projetos; assessoria na captação de recursos e no acesso a entidades de pesquisa; consultoria em registro de patente e marca; além de promover e divulgar os empreendimentos incubados. Essa iniciativa da UESC tem por objetivo contribuir para o fortalecimento e a diversificação da matriz produtiva regional, contribuindo com o desenvolvimento econômico dos municípios de seu entorno através da transferência de conhecimento e tecnologia.


SDR e Banco do Nordeste promovem encontro em Ilhéus para discutir abertura de linha de crédito

Dirigentes e técnicos da Secretaria de Desenvolvimento Rural do Estado da Bahia (SDR) e do Banco do Nordeste se reunirão, na próxima terça-feira (12), às 9 horas, na sede do Banco do Nordeste, no município de Ilhéus, Território de Identidade Litoral Sul, com o objetivo de discutir a abertura de uma linha de crédito para agricultores familiares produtores de cacau. Os recursos são destinados ao fortalecimento da base de produção da lavoura cacaueira.

A reunião integra a estratégia do Plano Operacional para o Cacau e Chocolate da Bahia 2018-2022, lançado pelo Governo do Estado, em novembro de 2018, que atenderá 20 mil agricultores, e prevê o desenvolvimento de ações que permitirão elevar, em cinco anos, a produção de cacau na Bahia para 240 mil toneladas/ano, até 2022, e, consolidar a fabricação de chocolates finos com certificado de origem no Sul da Bahia.

Participam ainda do encontro técnicos da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) e da Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater), além de agentes das prestadoras de assistência técnica e extensão rural (Ater) dos Territórios de Identidade Litoral Sul, Baixo Sul, Médio Rio das Contas e Costa do Descobrimento.

Serviço:

O quê: Reunião entre SDR e Banco do Nordeste para discutir a abertura de uma linha de crédito para agricultores familiares produtores de cacau

Quando: 12 de fevereiro de 2019

Onde: Sede do Banco do Nordeste em Ilhéus


Processo seletivo para Educação em Itacaré teve 758 candidatos inscritos

Setecentos e cinquenta e oito candidatos se inscreveram para o Processo Seletivo Simplificado da Prefeitura de Itacaré para admissão de profissionais por contratação temporária pelo prazo de nove meses, prorrogável por igual período, visando o suplemento de pessoal, em regime de contratação, para a Secretaria Municipal de Educação.

As inscrições foram realizadas no período de 06 a 08 de fevereiro na Secretaria de Educação e esta semana, de 11 a 15 de fevereiro, acontecerá a análise de currículos e títulos por parte da Comissão Coordenadora do Processo. O resultado parcial será divulgado no dia 19 de fevereiro, exclusivamente pelo site da Prefeitura: itacare.ba.gov.br.

O objetivo do processo seletivo, segundo adiantou o prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, é justamente suprir essas vagas, cujo quadro de pessoal se encontra insuficiente para atendimento da demanda imediata. A secretária municipal de Educação, Eliane Camargo, explicou que todo o processo de inscrição ocorreu em clima de normalidade e respeitando todos os itens do edital, obedecendo a legislação em vigor. A seleção, segundo ela, ocorrerá de forma criteriosa e imparcial, garantindo toda a lisura do processo e a transparência que deve sempre prevalecer na gestão pública.


FTC Itabuna inicia novo semestre letivo nesta segunda-feira

ftc_itabunaCom o primeiro dia de aulas voltado para os alunos veteranos, a Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) de Itabuna inicia nesta segunda-feira – 11 de fevereiro –  o semestre letivo 2019.1, cuja previsão de término está para o próximo dia 19 de junho.

Já no dia 18 de fevereiro, a FTC Itabuna estará recepcionando os calouros (novos acadêmicos) que iniciarão a graduação na Faculdade. Para este dia, uma série de atividades de integração estão programadas. O objetivo, segundo a direção da FTC, é proporcionar aos ingressantes momentos de interação com os demais membros da comunidade acadêmica.


Alba define nomes para Comissões Permanentes

albaA Bancada da Maioria na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) definiu, nesta sexta-feira (8), os membros titulares e suplentes do colegiado que vão compor as dez Comissões Permanentes do Parlamento baiano.

Conforme o Artigo 30 do Regimento Interno, os colegiados são representados proporcionalmente pelas representações partidárias ou blocos parlamentares com assento na Casa. Cada comissão é constituída por oito membros titulares, que discutem e votam propostas que são apresentadas à Alba.

As Comissões serão publicadas no Diário Oficial do Legislativo deste sábado (9) e, até a próxima terça-feira (12), todas as Comissões deverão ser instaladas e ter os trabalhos iniciados.

Relação de Deputados que compõem as comissões:

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA
MEMBROS TITULARES
Dep. Zé Raimundo Lula PT
Dep. Antônio Henrique Jr PP
Dep. Samuel Jr PDT
Dep. Vitor Bonfim PR
Dep. Róbinson Almeida Lula PT
Dep. Ivana Bastos PSD
MEMBROS SUPLENTES
Dep. Alex Lima PSB
Dep. Marcelino Galo Lula PT
Dep. Júnior Muniz PP

(mais…)