Calouros da UESC podem participar do Programa Mais Futuro

uesc-frenteCom o objetivo de promover a permanência e melhoria do desempenho dos estudantes das universidades estaduais baianas, o programa Mais Futuro está com inscrições abertas até o dia 31 de março. Mas, o estudante que está ingressando na UESC no semestre 2017.1 tem a oportunidade de fazer a sua inscrição no programa “Mais Futuro”. Para ter acesso ao auxílio permanência ou às vagas de estágio, os alunos devem se cadastrar no site do programa, desde que atenda aos requisitos legais.

Terão acesso ao sistema de inscrições digitando o CPF no campo destinado ao número da matrícula do estudante e poderão fazê-lo tão logo a universidade faça a carga de dados desses aluno no sistema e comunique aos alunos. Link: http://maisfuturo.educacao.ba.gov.br/permanencia
Para ter acesso ao auxílio permanência ou às vagas de estágio, os alunos devem se cadastrar no site do programa. Não haverá prorrogação do prazo.

O ‘Mais Futuro’ é um programa de assistência estudantil criado pelo Governo para garantir a permanência dos estudantes que se encontram em condições de vulnerabilidade socioeconômica, nas universidades públicas estaduais (Uneb, Uefs, Uesb e Uesc).

O auxílio terá valor de R$ 300 ou R$ 600 mensais. O primeiro valor é destinado a universitários que estudam a até 100 quilômetros da sua cidade de origem. Já o segundo é para aqueles que moram em cidades a mais de 100 quilômetros de distância do campus onde estão matriculados. Estando dentro do perfil (vulnerabilidade socioeconômica) do programa, o estudante poderá receber o auxílio desde o primeiro semestre até completar dois terços do curso.


Empresas têm oportunidades e pagam até R$ 7 mil para trainee

Guilherme conquistou uma vaga de trainee na Ambev - Foto: Joá Souza l Ag. A TARDECom o mercado de trabalho incerto para todas as áreas, participar de programas de trainee pode ser uma saída para universitários no último ano da graduação ou com no máximo dois anos de formado. Atualmente, são mais de 400 vagas sendo oferecidas no Brasil para diversas áreas, a remuneração pode chegar R$ 7 mil por mês. As empresas oferecem oportunidades de conhecer o funcionamento de todos os setores, de trabalhar em outra cidade/país e ainda a possibilidade de ser efetivado em cargos de liderança.

O programa de trainee dura em média um ano e tem como objetivo formar novos líderes e gerentes. Por isso, o trainee tem experiências de trabalho em todos os setores da empresa e até mesmo em filiais de outras localidades. Após esse período, o trainee pode ser contratado para atuar na área que escolheu no início do processo ou na que teve melhor desempenho.

As empresas Souza Cruz, Ambev, Estácio, Basf e Locaweb estão entre as que buscam de novos talentos. As vagas disponíveis são para diversas áreas, como administração, engenharias, comunicação social, psicologia, química e direito.

As etapas do processo seletivo podem variar conforme a necessidade da empresa e duram em torno de quatro meses. Na maioria dos casos, os candidatos respondem provas online (português, raciocínio lógico e inglês), fazem dinâmicas em grupo, entrevista com o setor de RH, painel de negócios (simulação de situações cotidianas de trabalho para ser solucionadas pelo candidato) e entrevistas com supervisores de área, presidente da empresa ou vice-presidente.

Veja os detalhes em A TARDE Online.


Secretários buscam mais parcerias do Governo do Estado com Itacaré

Com a proposta de buscar parcerias, investimentos e apoios para os eventos e obras em Itacaré, os secretários municipais de Turismo, Júlio Oliveira, e Desenvolvimento Urbano, Ademar Sá, participaram nesta quinta-feira, em Salvador, de reuniões com  secretários e diretores de órgãos ligados ao Governo do Estado da Bahia.

Na pauta de discussões estavam os projetos de Infraestrutura Turística para Itacaré, Festival Gastronômico Sabores de Itacaré, Campeonato Mundial de Surf, Programa Bandeira Sul, Qualificação Profissional, CADASTUR, Regulação dos empreendimentos Turísticos e controle de qualidade, dentre vários outros assuntos visando o incremento do turismo e o desenvolvimento da cidade.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, explica que nesse momento de dificuldades em que se encontram os municípios brasileiros, a proposta é buscar parcerias e apoios importantes com órgãos e entidades comprometidos com o desenvolvimento e com o progresso. Ele informou que o município tem realizado com recursos próprios e através de parcerias uma série de eventos importantes que tem projetado Itacaré para o mundo, mas é preciso estar atento e buscar ampliar cada vez mais esses apoios.

Também estão sendo realizados investimentos na cidade em infraestrutura e melhorias e buscado através de emendas parlamentares e de convênios viabilizar projetos importantes que vão não somente deixar Itacaré ainda mais bonita para os moradores e turistas, como também fortalecerá cada vez mais o setor turístico.


Empresários participam de encontro com especialista na área de materiais de construção

sebrae-logoEmpreendedores do setor de materiais para construção terão a oportunidade de fomentar os seus negócios a partir do Encontro com o Especialista, que acontece nos dias 28 e 29, no auditório do hotel Tarik Fontes, em Itabuna. O evento integra a programação do Sebrae Conecta e tem o objetivo de promover o desenvolvimento e a competitividade dos negócios locais, por meio de ações que contribuam para a melhoria da gestão.

As inscrições estão abertas e os interessados podem obter informações por meio do telefone (73) 3613-9734. O encontro inicia às 19h com a palestra “Gestão Familiar de Sucesso”, ministrada pelo presidente da Associação dos Comerciantes de Materiais de Construção de São Paulo (Acomac/SP), Marcos Gabriel Atchabahian. No dia seguinte, às 8h, os colaboradores participarão da palestra “Atendimento ao Cliente para Materiais de Construção”.

De acordo com a técnica do Sebrae em Ilhéus, Karla Peixoto, o foco do evento se concentra no debate sobre as melhores estratégias para o setor, aliado à troca de experiências, possibilidade de construir uma rede de contatos e desenvolver bons negócios. “O resultado esperado é o fortalecimento do segmento na região”.

Varejo de alimentos

A busca pela valorização dos segmentos é o objetivo do Sebrae Conecta, que, nos dias 21 e 22, realizou o encontro voltado para a área de varejo de alimentos. O evento contou com a parceria da Rede dos Mercados e Supermercados de Itabuna (Redemec).

No primeiro dia, o administrador de empresas, da cidade de Uberlândia, Cleir Braga falou sobre execução no ponto de venda. “Os empresários não podem perder o foco de que trabalham para obter lucro, o que garante a sobrevivência do negócio. Por isso, devem estar atentos, entre outras questões, a uma precificação eficiente de seus produtos”.

O encontro foi encerrado com a palestra gratuita sobre atendimento ao cliente para minimercados, com a consultora Elane Lopes. A capacitação foi voltada para os colaboradores desses empreendimentos.

Para o gerente regional adjunto do Sebrae em Ilhéus, Michel Lima, o encontro reuniu informações importantes para os profissionais que atuam no varejo de alimentos, tendo em vista a necessidade constante de inovar. “Em todos os eventos do Sebrae Conecta, temos buscado falar a linguagem do empresário, para que ele perceba a importância de aprimorar o seu negócio”.


Restaurante Popular no bairro de Fátima será fechado

A secretária de Assistência Social, Sandra Neilma Costa, informou que o Restaurante Popular do Bairro de Fátima vai encerrar suas atividades a partir desta sexta-feira (24), em função da necessidade de redução de custos operacionais que inviabilizavam o empreendimento social. A secretária explicou que infelizmente não foi possível manter o funcionamento do restaurante, uma vez que o município se encontra com sérias dificuldades financeiras em decorrência de um pesado endividamento herdado da gestão passada e dos cortes nos recursos, que diminuem a arrecadação e por conta dos bloqueios judiciais, o que acabou determinando a paralisação das atividades do restaurante.

Sandra Neilma salientou ainda que o custo operacional do restaurante era muito elevado.  Dessa forma, os gastos com a manutenção da unidade oneravam significativamente o município, que arcava com abastecimento de água, energia, além do aluguel considerado elevado. Em paralelo a estes custos, existia ainda a contrapartida da prefeitura que complementava os valores de cada refeição.

Sandra Neilma informou que o restaurante do Centro vai continuar com as atividades normais, servindo uma média de 1.000 refeições diárias, funcionando de segunda à sexta-feira. A secretária lembra que, apesar do projeto do Restaurante Popular ser um programa do governo federal, foi o prefeito Fernando Gomes, que no seu 4º mandato, não mediu esforços para implantar a unidade do centro, trazendo mais esse benefício aos itabunenses.


Prefeitura de Ibicaraí realizou encontro com idosos

A Secretaria de Assistência Social, por meio do Cras e SCFV, realizou um encontro com os idosos da sede e distritos, no Clube dos 40, na quinta-feira, dia 23. Segundo a secretária de Assistência Social, Alesandra Brandão, o evento teve o objetivo de promover a socialização de todos os participantes.

Na oportunidade, aconteceram algumas atividades com os idosos, como a realização de atividade física e palestra sobre o combate ao Aedes Aegypti, que foi ministrada pela agente de saúde Naiara. Após a palestra, aconteceu a apresentação de Jerry Lino, com participação de Diones Moura.

Estavam presentes no evento o prefeito Lula Brandão, a primeira Dama e secretária de Assistência Social, Alessandra Brandão, a vice-prefeita e secretária de Educação, Adriana Assis, o secretário de Administração e Finanças, Flávio campos, a Coordenadora do CRAS da sede, Thayse Pascoal, a coordenadora do CRAS da Vila Emílio Isabel, Jaqueline Mota, Diretor da Proteção Social Básica, Genivaldo Paixão (Tchello), além dos servidores lotados nos programas sociais e usuários.


Memórias póstumas de um país em crise

Rafael_perfilRafael Bertoldo | rafaelbertoldo2@yahoo.com.br

Caros(as) leitores, meu último artigo data de julho de 2016, após processos de profundas e sinistras mudanças e reformas em nosso país, eu tinha entrado em rota de fuga para as colinas. Pois bem, fui resgatado após um estágio como ermitão tentando compreender o surgimento e rápida proliferação (como os “Gremlins” – 1984 – filme de Steven Spilberg) de leis injustas e justiça considerada ilegal.

O brasileiro, cidadão, trabalhador sente-se como num campo minado de crises. Crise econômica, crise política, crise da educação, crise da saúde, crise da segurança, crise do emprego…enfim, crise dos “diachos”.

Destacando das últimas crises, a da segurança que eclodiu no Estado do Espírito Santo, revelando criminosos que andavam entre nós, travestidos de civis, porém eram, realmente, saqueadores oportunos (essa crise também é ética de foro íntimo); a crise da Previdência, que a mídia e políticos tentam nos convencer da “necessária” reforma drástica e prejudicial ao trabalhador assalariado, sem uma auditoria mista (interna e externa) para apuração dos principais “ralos” da previdência; e a mais nova crise, a da carne, que é resultado de uma operação da P.F. cujo nome é sugestivo: “A carne fraca”, revelando as entranhas de uma máfia inescrupulosa e poderosa da produção e distribuição de carne bovina e correlatos no Brasil, que inclusive é um fiel da balança comercial internacional brasileira (mais uma crise, agora internacional!).

No cenário de tantas crises, está o contribuinte brasileiro, o pobre coitado com salário achatado, sente-se fantasiado de palhaço pelos maus políticos e empresários desonestos que golpeiam duramente a nossa minguada reserva de esperanças.

Saliento que reformas estão sendo apontadas como remédios amargos, porém “eficientes” para algumas crises. Eis que surge após um exército de P.E.C.’s (Propostas de Emendas Constitucionais) e leis que sepultam direitos e benefícios dos trabalhadores…a famigerada Reforma da Previdência. Logo, o que fazer contra a tirania déspota do Governo de um presidente ilegítimo? Ahh eu tenho a resposta: oxigenar e renovar a Câmara e o Senado! Pois são por elas que passam essas mudanças, não votar novamente, e jamais, em saqueadores do nosso país; e se foram feitas tantas e profundas mudanças em tão pouco tempo para o mal, que não percamos a esperança de que outras tantas e profundas mudanças poderão vir a ser efetuadas para o bem, isso com uma Câmara e Senado renovadas e progressistas. O início do fim dessa escória de maus políticos, começa na próxima tecla de confirma do seu voto.

Como na célebre obra de Machado de Assis “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, este enredo é narrado por um brasileiro após a morte decorrente de múltiplas crises do seu povo/país, porém eu acredito que existe vida após a morte, e o que me conforta é que eu não acredito sozinho.

Rafael Bertoldo é Economista e  Especialista em Gestão Pública Municipal


Amurc cria fórum de planejamento e finanças dos municípios

reuniao-do-forum-de-secretarios-de-planejamento-e-financas-dos-municipiosEm meio a queda constante na arrecadação dos municípios e o aumento crescente nas despesas, principalmente nas áreas da saúde e educação, secretários municipais estão enfrentando o grande desafio de gerenciar esse desequilíbrio. Pensando nisso, a Amurc em parceria com a Pró-reitoria de Extensão da Uesc oficializou nesta quarta-feira, 22, a criação do Fórum de Secretários de Planejamento e Finanças.

O Fórum é uma atividade do Programa de Apoio Institucional às Prefeituras do Território Litoral Sul – AGIR-LS, com o objetivo de congregar os secretários, levando-os a reflexão e avaliação sobre a atual situação do município representado, e propor alternativas para o atendimento as diversas demandas do setor. De acordo com o coordenador executivo da Amurc, Luciano Veiga, a iniciativa visa ainda, incentivar ações de qualificação de pessoal, propor projetos e pleitear financiamento.

O Titular da Secretaria da Fazenda e Planejamento de Itabuna, Paulo César Fontes foi eleito presidente do Fórum, e, segundo ele, a proposta é “discutir assuntos próprios dos municípios, trocar experiências e buscar a resolução dos problemas em conjunto”, declarou. O mesmo pensamento foi compartilhado pelo Vice-Prefeito e Secretário de Planejamento de Ilhéus, José Nazal, que destacou “a grande importância do Fórum para aproximar os gestores municipais da região, que possuem realidades em comuns”.

Fóruns

Ainda fruto do Programa Agir-LS, a Amurc e a Pro-reitoria de Extensão desenvolve atividades em outros setores municipais, que atualmente estão distribuídos em fóruns de saúde, educação, cultura, administração, agricultura e meio ambiente, assistência social, economia solidária e de procuradores municipais.


Barragem do Rio Colônia tem 75% das obras concluídas

barragem-3-marco-2017Essencial para garantir o abastecimento de água para os carca de 220 habitantes de  Itabuna e proporcionar a atração de novos empreendimentos, a Barragem do Rio Colônia, que está sendo executada pela Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs) e Embasa, através do Consórcio Rio Colônia, com recursos do Governo da Bahia e do Governo Federal, está com 75% das obras de estrutura concluídas.

A barragem terá um reservatório de 63 milhões de metros cúbicos, com uma área alagada de 1.322 hectares, uma altura de 21,4 metros, e um volume de 35 mil metros cúbicos de concreto, formando um espelho d’água de 25 quilômetros quadrados. Além de normalizar o abastecimento de água numa região que nos últimos dois anos enfrentou racionamento por conta da longa estiagem, a obra vai contribuir para a revitalização do Rio Cachoeira, que corta Itabuna e tem sua foz em Ilhéus, permitindo o controle da vazão em períodos de seca e de chuvas torrenciais.

O investimento  total é de R$ 108 milhões e além da construção da barragem, que tem previsão de conclusão ainda no primeiro semestre de 2017, inclui a construção de uma estradas no entorno, entre Itapé e Itaju do Colônia, e novas redes de energia elétrica. A população de Itapé, de cerca de 12 mil habitantes, também será beneficiada com a construção da barragem.


Abertas inscrições para curso de comidas ancestrais em Itacaré

gastronomicoComo parte do Projeto Gastronômico Internacional do Governo do Estado da Bahia, a Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Cultura, estará realizando no período de 28 a 30 de março o curso de cozinha ancestral, no Centro Cultural Tribo do Porto, no Porto de Trás. As inscrições já estão abertas e devem ser feitas no próprio local onde acontecerá o curso. Trata-se de um curso prático que será ministrado das 8 às 12 horas, que oferecerá certificado na arte de cozinhar.

De acordo com o secretário de Juventude, Esporte e Cultura, Diego Augusto, o projeto consiste em capacitar de 25 a 30 pessoas na prática culinária de comidas ancestrais, como mungunzá, sarapatel, xinxim, feijoada, rabada, farofa d’água, efó, roupa velha, quiabada, moqueca de ovo, galinha de molho pardo, ou seja, comidas de senzala. “A proposta é mostrar como o negro, com tão poucos recursos, faziam pratos tão saborosos “, explica.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, salientou que esse é um projeto internacional apresentado nos Estados Unidos e que agora segue para o interior da Bahia. “A ideia é capacitar cada vez mais o nosso povo para que possam aproveitar melhor os alimentos e continuar fazendo comidas saborosas, atraindo mais clientes e aumentando ainda mais as suas rendas”, complementou o prefeito.

A realização do curso é da Associação Civil Filhos de Bárbara, com o apoio da Prefeitura de Itacaré, Sindicato Intermunicipal de Hospedagem, e Alimentação de Cairu, Itacaré e Valença, Fundo de Cultura e Governo do Estado da Bahia, através das secretarias estaduais da Fazenda e de Cultura.