Parceria facilitará o gerenciamento do Plano de Educação nos municípios

Thaisa_Explica_Conviva
Técnicos municipais insere PME no portal Conviva(foto Josivaldo Dias)

Por Viviane Cabral | Amurc

Através de um convênio firmado entre Amurc, Instituto Natura e Constat Consultoria, secretários e técnicos municipais estão participando de uma oficina nesta quarta-feira, 3, na Unime – Itabuna, para o preenchimento de dados municipais do Plano Municipal de Educação (PME) na ferramenta eletrônica do Conviva. O projeto permitirá ao município, monitorar, cotidianamente, o andamento e a aplicação do Plano, a partir das metas e estratégias estabelecidas.

A oficina precede uma série de atendimentos individuais dos gestores da educação municipal, realizados pela equipe da Constat, na sede da Amurc, com o objetivo de impulsionar a criação e a regularização dos PMEs, tendo em vista que a Lei 13.005/2014 determina aos municípios estarem com os planos aprovados até o dia 25 de junho deste ano. Os trabalhos são coordenados por Thaisa Cavalcante da Constat.

101_7141
Sergio Luiz consultor da Constat

A partir da ferramenta do Conviva, o técnico/consultor da Constat, Sérgio Luiz Nascimento explica que o Plano deixa de ser um documento de “gaveta” e passa a ser verificado cotidianamente pela gestão. “Então, não somente o secretário, mas as pessoas por ele designado vão ter as condições de observar com imediata exatidão, em que pé está o andamento do Plano ou, o que pode ser feito para poder regularizar o andamento e atingir as metas e estratégias que foram traçadas”, explicou.

Ainda de acordo com Sérgio, assim que os Planos estiverem concluídos, com as metas e estratégias já estabelecidas, a próxima fase será de encaminhamento para o Poder Legislativo Municipal, onde os vereadores avaliarão e aprovarão, para, em seguida passar pela sanção do (a) prefeito (a).

Dentre os gestores educacionais presentes na oficina, a secretária de Educação de Itapetinga, Sibele Nery, revelou que o Plano Municipal da cidade já foi encaminhado a Câmara Municipal, está aguardando a aprovação. Da mesma forma avaliou a secretária de Educação do município de Igrapiúna, Aldair Souza, que segundo ela, o plano já foi apresentado aos vereadores e aguarda a aprovação da Câmara Municipal.

Para os profissionais que atuam na Educação Municipal no interior da Bahia, as oficinas de orientação e acompanhamento para a construção do PME tem sido uma grande oportunidade para o intercâmbio de experiências. “Essa parceria tem nos fortalecido e a convivência com os outros secretários, a troca de experiências tem sido muito importante para nós que estamos na Gestão Pública, na Educação, porque aprendemos uns com os outros”, destacou Aldair Souza.

 


Governo abre 6.145 vagas para professores da rede estadual pelo REDA

O Governo da Bahia, por meio da Secretaria da Educação, publicou edital, na edição do Diário Oficial desta quinta-feira (4), com a oferta de 6.145 vagas para as funções de professor da Educação Básica, da Educação Profissional e de professor indígena nas unidades escolares da rede estadual.

O Processo Seletivo Simplificado, por tempo determinado de até 24 meses e possibilidade de renovação por igual período uma só vez, objetiva à contratação dos professores pelo Regime Especial de Direito Administrativo (Reda).

Confira Edital.

Conforme o edital, 4.616 vagas destinam-se a docentes do ensino básico, 1.282 (docentes da Educação Profissional) e 247 (professor indígena). Havendo necessidade e interesse da Administração e disponibilidade orçamentária, o número de vagas previsto no edital poderá ser ampliado.

Das vagas oferecidas no prazo de validade do processo seletivo, 30% são reservadas a candidatos negros, em cumprimento ao disposto no Artigo 49 da Lei estadual nº 13.182 de 06/06/2014, bem como às disposições do Decreto estadual nº 15.353 de 08/08/2014.

O processo seletivo será executado pela Consultoria em Projetos Educacionais e Concursos Ltda. (Consultec), empresa contratada conforme o Processo Administrativo nº 0031857-6/2015, publicado no Diário Oficial do Estado de quarta-feira (3).

Inscrições e provas

As inscrições podem ser feitas das 8h do próximo dia 11 até a zero hora de 26 de junho no site da Consultec. Para se inscrever o candidato deve obrigatoriamente utilizar o número do CPF e o documento de identificação.

A aplicação das provas está prevista para 26 de julho de 2015, em horário, turno e locais informados no Cartão de Convocação disponibilizado no site. A data pode ser alterada em decorrência da disponibilidade de local para realização das provas.

Como estabelece o edital, o prazo de validade da seleção é de um ano, contado da data da homologação, podendo antes de esgotado esse prazo, ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da administração, por ato expresso do secretário da Educação, Osvaldo Barreto.


Unime em parceria com o Sebrae destaca resultados positivos do Aprimorar 2015

João Victor Andrade, Claudiana Figueiredo, Odilia Moliterni e Leila ArrudaNo último sábado (30), o Campus II da Unime foi palco do Aprimorar, evento que reuniu empreendedores e funcionários de diversas empresas da cidade, dispostos a desenvolver e aperfeiçoar suas habilidades e competências profissionais.

A terceira edição do programa, que contou com 318 participantes, ofereceu oito cursos gratuitos, dentre os quais, Atendimento ao Cliente, Relação Interpessoal e Etiqueta no Trabalho, Técnica de Vendas e Operações e Manutenção (Construção Civil).

De acordo com João Victor Andrade, supervisor comercial do Setor de Relacionamento com o Mercado, da Unime, o evento foi válido e muito produtivo, ao passo que as expectativas da interação entre Instituição de Ensino Superior, empresas da região e seus RHs, foram além do esperado.

“Através do Aprimorar as pessoas tiveram a oportunidade de conhecer a nossa Instituição e nós conseguimos manter esse link entre Instituição de Ensino Superior e mercado de trabalho, capacitando os profissionais através dos cursos oferecidos e mostrando mais uma vez a responsabilidade social da Unime com a comunidade”, declarou.

O evento teve como ponto alto os cursos de Coaching e Gestão de Carreiras e o de Oratória e Comunicação Empresarial, ministrados pela gerente regional do Sebrae, Claudiana Figueiredo e pela repórter Camila Oliveira, respectivamente.

Para Claudiana, a relevância do evento concentra-se no fato de que ainda há um alto índice de empresas que não obtém sucesso no mercado em função da falta de planejamento e capacidade de gestão de negócios.

“Existe um pensamento retrógrado, no qual o processo é deixado de lado em prol de um resultado de curto prazo e assim o empresário acaba achando que ter um bom produto é suficiente para a manutenção do negócio, e esse erro custa caro. As empresas precisam entender que existe a necessidade de formar pessoas, sensibilizando e reduzindo os gargalos para que esse gap dos negócios seja preenchido de forma qualitativa”, ressaltou.

Satisfeita com os excelentes resultados do Aprimorar e empenhada em estreitar relações entre academia e comunidade, promovendo capacitação para os profissionais da região e aumentando assim o nível de qualidade da produção local, a Diretora Geral da Unime, Odilia Moliterni, destaca que a edição 2016 do evento já começou a ser planejada e que novos acordos estão sendo firmados para a concretização de outros projetos.

“Esse evento é apenas o lançamento de uma ideia, estamos realizando diversas parcerias com empresas da região para que a academia também vá para dentro de cada corporação, e o mercado tem sido muito receptivo com isso. É importante ressaltar o apoio do Sebrae nessa empreitada, são nossos grandes parceiros no processo de educar e capacitar pessoas”, afirmou.

Para obter maiores informações entre em contato com a Unime, Unidade Itabuna, através do número (73) 2102-3023 ou dirija-se à Instituição, localizada na Av. José Soares Pinheiro, 1191, Bairro Lomanto.


Caminhada em Defesa da Água em Camacan

camacanSerá realizada nesta sexta-feira(5) em Camacan, Dia Mundial do Meio Ambiente, a Caminhada em Defesa da Água, promovida  pelo Instituto Águas Nascentes. A concentração será às 9 horas, em frente aos Correios, seguindo até a Câmara de Vereadores, onde acontece um ato público.

O objetivo do evento é chamar a atenção para a necessidade de conservação da Mata Atlântica e dos mananciais em Camacan, uma das cidades sulbaianas mais afetadas pela queda na produção de cacau, planta que depende da mata e da água para gerar frutos e riquezas para  a presente e futuras gerações. Os recursos hidrícos potáveis somente serão preservados com efetiva participação da comunidade.


Professor da Uesc destaca o papel das instituições para o desenvolvimento da economia Sulbaiana

Elson Mira e Luiz Ribeiro  Reunião da ACI  1º de junho de 2015 (3)
Elson Mira e Luiz  Ribeiro na reunião da ACI

Por Viviane Cabral

Durante a tradicional Reunião Ordinária da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna – ACI, realizada nesta segunda-feira, 1º, o Economista e Professor do Departamento de Ciências Econômicas da Uesc, Elson Cedro Mira apresentou o livro de sua autoria, “Mudança Institucional e Reconversão Produtiva no Sul da Bahia”, que analisa o papel das instituições e a economia no eixo Itabuna-Ilhéus.

O livro foi lançado recentemente na Uesc e está sendo apresentado, de forma extensiva, a comunidade através de palestras nas instituições locais, com o objetivo de levar às pessoas, o resultado de suas pesquisas acadêmicas. De acordo com sua análise, a região passou por mudanças, e o cacau deixou de ser a base da economia, sendo substituída pelo setor terciário.

Dividido em três capítulos, o primeiro trata do aspecto teórico, demonstrando a relação entre as instituições e a economia. No segundo, é feito um diagnóstico econômico do sul da Bahia, utilizando dados oficiais do IBGE, Secretaria de Estado da Bahia, do Ministério do Trabalho e Emprego. Por último, ele demonstra que, mesmo a despeito dessa economia terciária, as instituições continuam cacaueiras.

Elson Mira Reunião Ordinária da ACI  1º de junho de 2015 (9)“Hoje está praticamente unanime que as instituições têm uma importância fundamental para o desenvolvimento econômico. Mas quando as instituições reconhecerem que a economia regional vem crescendo e tendo como base o setor terciário, ela vai ter condição de dar a contribuição, que inclusive a economia precisa para que o desempenho econômico seja ainda melhor”, avaliou o profissional.

Para o presidente da ACI, Luiz Ribeiro, o livro traz um diagnóstico muito importante para a classe empresarial e comercial de Itabuna, pois mostra uma realidade, que até então, era desconhecida. “Então, cabe às entidades, os empresários e comerciantes aproveitarem esse momento e solicitar dos nossos representantes (prefeitos, vereadores, deputados), mais investimentos no setor terciário, tendo em vista que é um nicho de mercado em ascensão”.

Em sua análise, o professor destaca que, segundo dados do IBGE e SEI de 2009, a distribuição setorial do PIB em Itabuna esteve dividida em: 78 % terciária, 20,7 % secundária e 0,7 % primária. Em Ilhéus, apesar da diferença nos dados, ainda há proeminência do setor terciário – 61,9%, em detrimento dos setores, secundário – 34,6 e primário – 3,5 %.

Os interessados em adquiri o exemplar do livro pode entrar em contato através do e-mail: elson@uesc.br


Copom eleva Selic a 13,75% ao ano

negocios-bacen-focus

O Banco Central elevou a taxa básica de juros em 0,50 ponto percentual nesta quarta-feira (3), para 13,75% ao ano, levando a Selic ao mesmo patamar de dezembro de 2008.

A decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) foi unânime e em linha com a expectativa de economistas em pesquisa da Reuters, em que 48 dos 49 profissionais consultados projetaram alta de meio ponto percentual nos juros.(Terra)

Vacinação contra gripe na BA é prorrogada até dia 12

bdms-h1n1-cronicos

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) prorrogou mais uma vez a 17ª campanha de vacinação contra a gripe. De acordo com o órgão, o novo prazo para a imunização é o dia 12 de junho. Em Salvador, a campanha já havia sido prorrogada para a mesma data.

Até quarta-feira (3), segundo divulgou a Sesab, apenas 60 dos 417 municípios baianos atingiram a meta prevista, que é de vacinar 80% da população alvo, composta por 3,3 milhões de pessoas. A cobertura vacinal na Bahia está em 61,15%.

Devem ser vacinados os indivíduos com 60 anos ou mais de idade, os trabalhadores de saúde, os povos indígenas, as crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade (quatro anos, 11 meses e 29 dias), as gestantes, as puérperas (até 45 dias após o parto), os grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.(G1 BA)


Enem 2015 já recebeu 5,8 milhões de inscrições

Balanço divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) informa que, até as 10h de hoje (4), 5,8 milhões de estudantes fizeram a inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O prazo de inscrições termina amanhã (5), às 23h59 (no horário de Brasília). As provas serão nos dias 24 e 25 de outubro em mais de 1,7 mil cidades. As inscrições devem ser feitas pela internet, no site do Enem. Amanhã também é a data limite para fazer qualquer alteração nos dados cadastrais.

É na hora da inscrição que os participantes podem solicitar atendimento especializado ou específico. O atendimento especializado é oferecido a pessoas com baixa visão, cegueira, visão monocular, deficiência física, deficiência auditiva, surdez, deficiência intelectual, surdocegueira, dislexia, deficit de atenção, autismo, discalculia (alteração neurológica que dificulta a aprendizagem de números) ou com outra condição especial.(Correio)


Brasil vai ampliar concessão de vistos a haitianos, diz Cardozo

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse hoje (4) que o governo brasileiro vai ampliar a concessão de vistos em Porto Príncipe, no Haiti, para que mais imigrantes do país centro-americano possam entrar no Brasil de forma legal. Com a medida, o governo quer evitar que mais haitianos sejam vítimas de grupos que facilitam a imigração clandestina, os chamados coiotes.

“Queremos combater as organizações criminosas, mas permitir que aqueles que venham ao Brasil venham de maneira legal. Para isso, vamos ampliar a expedição de vistos em Porto Príncipe e vamos discutir medidas policiais e de controle migratório legalizado entre esse países”, disse o ministro em Quito, após reuniões com autoridades dos governos da Bolívia, Peru e Equador para discutir a situação dos imigrantes ilegais haitianos. O áudio da entrevista foi divulgado pela assessoria de imprensa do Ministério da Justiça.

O ministro disse que o governo não pode impor medidas que dificultem a entrada de imigrantes no BrasilElza Fiúza/Arquivo/Agência Brasil

“Devemos enfrentar as organizações criminosas que trazem para o Brasil, explorando economicamente a necessidade dos haitianos, um conjunto de pessoas que chegam debilitadas, sem saúde, com fome, o que é, obviamente, inaceitável do ponto de vista dos direitos humanos”, avaliou Cardozo.

De acordo com o ministro, a necessidade de combater os grupos que atuam na exploração dos haitianos para migração ilegal foi considerada unânime pelos quatro países. O próximo passo serão reuniões técnicas para debater medidas policiais e de controle migratório. Em seguida, haverá um novo encontro de ministros. “Para que, politicamente, possamos bater o martelo naquilo que deve ser feito”, explicou Cardozo.(Agencia Brasil)


Nova ferramenta digital vai melhorar qualidade do gasto público do Estado

Uma nova ferramenta implantada no Sistema Integrado de Material, Patrimônio e Serviço (Simpas) vai melhorar a sintonia entre o planejamento de compras, o orçamento e as finanças do Estado. A nova tecnologia – já em funcionamento – aprimora a qualidade do gasto público, permitindo aperfeiçoar o planejamento, conferindo os preços com o orçamento.
O incremento da ferramenta tornou-se possível por meio da integração do Sistema de Solicitação de Compras do Estado (Simpas) com o Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças do Estado da Bahia (Fiplan), que faz a gestão orçamentária e financeira do governo.
Anteriormente os órgãos públicos pediam os produtos que necessitavam, solicitando apenas o quantitativo, sem ter acesso aos preços unitários. Desse modo, não conseguiam calcular o custo, conciliando com o orçamento. Agora os gestores das unidades podem aprimorar o planejamento de compras, melhorando a qualidade do gasto público.