Nutricionistas lançam campanha Pacto do Bem

pacto do bemO Sistema Conselhos Federal e Regionais de Nutricionistas (CFN/CRN) aderiu ao Pacto Nacional pela Alimentação Saudável (Decreto nº8.553/2015), lançado há dois meses pelo Governo Federal. Por estar de acordo com o preceito do decreto, baseado no combate à obesidade e às doenças causadas pela má alimentação, o CFN, com apoio dos 10 Conselhos Regionais de Nutricionistas do Brasil, lançou no final de dezembro último o “Pacto do Bem, uma corrente pela alimentação saudável e adequada”. O objetivo da campanha, que vai até o dia 27 de janeiro, é estimular a população a assumir um compromisso com a mudança de seus hábitos alimentares.

“É muito comum nessa época do ano as pessoas planejarem algum tipo de mudança positiva em suas vidas. Nossa proposta é que as pessoas melhorem a qualidade da sua alimentação”, resumiu o diretor do Conselho Regional de Nutricionistas da 5ª Região (Bahia e Sergipe), Emerson Palmeira. Segundo o nutricionista, garantir hábitos saudáveis de vida vai além de reduzir os níveis de açúcar, sal e gorduras na alimentação. “Isso é o básico. Mas não podemos perder de vista que alimentos saudáveis podem ser saborosos. E que alinhar a prática de atividades físicas com uma alimentação balanceada pode ser prazeroso. O que estamos propondo ao apoiar esta campanha é a união de saúde e bem estar com qualidade de vida a partir de um compromisso da pessoa consigo mesma, sem nenhum tipo de pressão ou terrorismo nutricional, entendendo que o processo de reeducação alimentar se dá aos poucos, gradativamente, de modo muito individual”, ponderou.


Comentários