Mapa da Violência 2015 mostra que homicídio é principal causa de mortes de jovens de 16 e 17 no país; Itabuna é o 8º município na lista

capa2015_adolescentes_preOs dados  do Mapa da Violência entre adolescentes no Brasil mostra que 10 eram assassinados por dia em 2013 no Brasil.

Quase metade das mortes de adolescentes de 16 e 17 anos no Brasil em 2013 tiveram como causa o homicídio, segundo o estudo “Mapa da Violência: Adolescentes de 16 e 17 anos” do Brasil, divulgado nesta segunda-feira (29) em Brasília.

Foram 3.749 jovens nessa faixa etária vítimas de homicídios, 46% do total de 8.153 óbitos, diz o estudo de autoria do sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz. A média é de 10,3 adolescentes assassinados por dia no país. As outras causas foram acidentes de transporte (13,9%) e suicídios (3,5%).

A Bahia é o nono Estado mais violento do Brasil. Os três primeiros Estados são Alagoas, Espírito Santo e Rio Grande do Norte.

 

Itabuna

Entre os municípios, Itabuna é o 8º mais perigoso para os adolescentes viver segundo a pesquisa. No levantamento anterior chegou a ocupar o primeiro lugar no ranque nacional, o que agora aponta uma melhora. Desta vez quem aparece no topo é o município baiano de  Simões Filhos, seguido respectivamente de Porto Seguro e Lauro de Freitas.  O 4º mais violento é Serra no Espírito Santo, e o 5º é Ananindeua no Pará.

LEIA AQUI O LEVANTAMENTO COMPLETO.

A projeção é que 3.816 serão mortos em 2015, diz o autor, e a metade dessas mortes seja por homicídio.

Esse tipo de causa externa (mortes que não são de causas naturais) aumentou 496% em relação a 1980, quando o homicídio representava apenas 9,7% do total de mortes.

Em comparação às outras causas, nesse mesmo período os suicídios aumentaram 45,5% e os acidentes de transporte cresceram 38,3%.

Na faixa de 16 e 17 anos, a taxa de mortalidade ficou em 54,1 homicídios por 100 mil adolescentes em 2013, um aumento de 2,7% em relação a 2012 e de 38,3% na década.(Com informações do G1)


Comentários