FTC Itabuna tem projeto de Educação Empreendedora aprovado pelo Sebrae

ftc-novaA Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) de Itabuna está entre as 18 Instituições de Ensino Superior (IES) que teve projeto aprovado pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado da Bahia – Sebrae/Ba – para ser desenvolvido com foco na Educação Empreendedora para o Ensino Superior. No Sul do Estado, além da FTC, também teve projeto selecionado a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), da Rede Pública Estadual. Outra unidade da Rede de Ensino FTC que está entre as IES com proposta selecionada é a de Feira de Santana.

De acordo com a coordenadora do projeto, professora Maria Alice Accioly Doria, que também coordena o curso de Administração da FTC Itabuna, o objetivo geral da proposta aprovada pelo Sebrae é de capacitar 10 docentes e 200 discentes de todas as áreas de conhecimento da Faculdade em Empreendedorismo, como forma de proporcionar empoderamento não apenas no conhecimento diferenciado, mas nas atitudes diante das demandas do mercado no contexto econômico e social complexo e incerto que se apresenta.

“Diante do panorama brasileiro, é necessário buscar soluções que promovam a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos pequenos negócios por acreditar que esses fomentem a economia local e regional, trazendo assim uma retomada mais consolidada para o crescimento econômico do país. Ações que busquem a ruptura da estatística de fechamento prematuro das empresas brasileiras, através de planejamento, organização e aplicação de ferramentas gerenciais no dia a dia do empreendedor, são necessárias serem implantadas”, justifica a coordenadora.

Maria Alice ressalta que, para alcançar os objetivos propostos a capacitação irá desenvolver ações como: a integração entre teoria e prática; realizar palestras e simpósios voltados ao empreendedorismo; e propiciar ao aluno a experiência e o conhecimento de abrir uma empresa e a vivência da gestão de um negócio através de feiras de incubadoras.

Ela destaca ainda que, durante 18 meses de execução do projeto, serão promovidas ações de mobilizações junto aos discentes para fomentar a participação em jogos empresariais, acompanhando os integrantes na orientação e na mensuração do grau de conhecimento adquirido, bem como a orientação na construção passo a passo para a realização de um plano de negócio com vistas a sua viabilização.

“O nosso projeto será desenvolvido com base na metodologia inovadora adotada pela Rede de Ensino FTC, fundamentada na filosofia de currículo baseado em competências, que é obrigatoriamente base norteadora das ações docentes”, argumenta Maria Alice. Dentre as atividades previstas para o projeto estão a implementação da Disciplina de Empreendedorismo, o Desafio Universitário, o Simpósio em Educação Empreendedora e a Disciplina de Empreendedorismo e Inovação. As atividades serão desenvolvidas a partir do próximo dia 24 com a capacitação de docentes.


Comentários