Estudantes de Itabuna participam de programa para criação de aplicativos sociais

Resultado de imagem para colégio félix mendonçaEm uma parceria entre a organização americana Technovation Iridescent e o Instituto Paramitas (Plataforma Google), 50 jovens mulheres estudantes do Colégio Estadual Félix Mendonça participaram, nesta semana, do programa Technovation. A iniciativa é uma competição de tecnologia e empreendedorismo na qual times formados por cinco garotas de 10 a 18 anos desenvolvem aplicativos que solucionam problemas sociais. Os grupos estão cadastrados para participar da seleção nacional, que levará as finalistas ao Vale do Silício, na Califórnia.

Para a diretora Rosimeire Guerra, o projeto é muito importante porque estimula nas mulheres o interesse pela tecnologia e empreendedorismo. “A atividade, promovida por cinco dias, apresentou todas as possibilidades para o desenvolvimento de um aplicativo que tem uma relevância social. Então tivemos muitos projetos relacionados à saúde, direito das mulheres, segurança, entre outros. Ficamos muito felizes com a proposta e conseguimos mobilizar uma atividade durante as férias das estudantes”, declarou.

Para a estudante do 1º ano do Ensino Médio, Anna Karoline Alcântara, 14 anos, o interesse no programa Technovation surgiu a partir da curiosidade em conhecer o funcionamento de um aplicativo. “Sempre tive a vontade de conhecer como esses sistemas funcionam. E o programa foi bastante explicativo sobre como podíamos desenvolver os aplicativos”, disse.


Comentários