Estado-de-Bem-Estar-Social e o Covid19

Josivaldo_perfil_faceNunca na história foi tão importante o papel do Estado como este no cenário da crise humanitária global do Covid19.

Para aqueles que defendem um Estado mínimo, sobre o berço liberal, esta crise infelizmente faz ecoar no fundo do coração que o Estado tem na razão de sua existência a tarefa principal de proteger a população, principalmente os mais vulneráveis.

Portanto defender um Estado-de-Bem-Estar-Social não é ressuscitar o modelo europeu da decada de 70, nem tão pouco o modelo da primeira década e início da segunda dos anos 2000 no Brasil.

O governo federal brasileiro precisa coordenar a crise. Dizer quanto de recursos e quais as principais áreas do governo que terão ações para evitar colapso e reduzir o impacto da falta de renda e do desemprego, agora agravado pelo Covid19. (Josivaldo Dias-economista)

 


Comentários