Começa montagem da estrutura do Mundial de Surf em Itacaré

Itacaré já começa a viver o clima do Mundial QS1.000 de Surf Masculino e Feminino que acontecerá no período de 18 a 21 de outubro na Praia da Tiririca.

A montagem da estrutura do evento já começou e surfistas de diversos países já começam a chegar na cidade. As inscrições ainda estão abertas, mas diversos surfistas já confirmaram a participação num dos maiores eventos de surf do Brasil.

Paralelo ao evento vai acontecer o Itacaré Surf Music, nos dias 19 e 20, com grandes atrações nacionais, a exemplo de Maneva, Ponto de Equilíbrios, Adão Negro., Bruta Raça, Dost e o DJ XFour. De acordo com o coordenador do evento, Cléber Miranda, a expectativa é de que a ocupação hoteleira chegue a 100 por cento no período do mundial, movimentando a economia da cidade.

Realizado pela World Surf League (WSL), com o apoio da Prefeitura de Itacaré, South to South, Governo da Bahia, Federação Baiana de Surf e Associação de Surf de Itacaré, a etapa do mundial de surf vai colocar mais uma vez o município como uma referência internacional do esporte.

E o grande diferencial será o apelo para a preservação ambiental. Durante o mundial entidades ambientais e Associação de Surf de Itacaré, em parceria com as secretarias de Meio Ambiente e Educação, estarão desenvolvendo ações educativas com estudantes das redes públicas e particulares e os próprios participantes do evento, mostrando a importância da preservação do meio ambiente, com palestras, atividades de coletas, exposições artísticas e plantio de mudas.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, destacou a importância do município sediar mais uma vez esse evento internacional e trazer de volta a etapa também a categoria Feminino. De acordo com o prefeito, Itacaré é hoje conhecida a nível internacional pelo surf e não poderia estar de fora do mundial, não somente pelo incentivo ao esporte, mas pelo retorno que eventos como esse traz para o turismo local, movimentando a economia da cidade, gerando emprego, renda e despertando novos atletas.


Comentários