Governador e consórcios públicos do Sul da Bahia discutem plano de resíduos sólidos e infraestrutura

rui_consorcio_sul_ba

Por Aline Meira | CDSLS

O governador Rui Costa esteve reunido, na sexta-feira, dia 26, com os prefeitos dos municípios que fazem parte do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável Litoral Sul (CDS-LS) e do Consórcio Intermunicipal da Mata Atlântica – CIMA em cumprimento da agenda de diálogo sobre o plano de ação para a implementação de sistema intermunicipal de gestão integrada de resíduos sólidos na região, e de infraestrutura, que visa equipar os consórcios de máquinas pesadas para intervenção nas estradas que cortam o território dos municípios dos entes consorciados.

De acordo com Rui, que estava acompanhado de secretários de governo, a intenção da reunião é dar uma solução aos resíduos sólidos por meio de parceria entre Estado e municípios, e de fortalecer os consórcios em infraestrutura com equipamentos pesados.

“O primeiro passo, eu entendo, é que cada município tem que tomar consciência de que sozinho não tem fôlego para resolver essa questão. Nós não podemos ir a lugar nenhum ficar jogando lixo a céu aberto, muito menos em uma região com forte apelo turístico. Se nós quisermos que toda a região traga cada vez mais investimentos em pousadas, hotéis, restaurantes, gente para vir gastar dinheiro na região, gerar emprego, nós temos que, definitivamente, resolver a questão de limpeza pública e coleta e destino do lixo”, destacou o governador.

Na oportunidade foi apresentado ao Governador pelo Chefe de Gabinete Antônio Carlos Dultra da Secretaria de Desenvolvimento Urbano – SEDUR, representando o Secretário Sérgio Brito, a proposta dos Consórcios Litoral Sul e CIMA em comum acordo com a SEDUR e a FECBAHIA, que visa a produzir o Plano Intermunicipal de Resíduos Sólidos, conjuntamente com estudo de modelagem. Isso objetiva apresentar o melhor modelo de destinação de resíduos, que vem sendo desenvolvido pela secretaria com o envolvimento de outras áreas afins, como o Ministério Público, Secretárias de Meio Ambiente, Educação, Relações Institucionais, Emprego e Renda dentre outras.

(mais…)


Festival Gastronômico em Itacaré aproxima quem produz a quem consome agricultura familiar

sabores (3)Conhecida pelas praias paradisíacas, o município de Itacaré desponta no cenário do turismo gastronômico colocando em pauta, ou melhor, no prato, os ingredientes da agricultura familiar. A prova disso é a VI edição do Festival Sabores de Itacaré que termina neste domingo (19), na orla do município de Itacaré e tem como um dos atrativos principais a Feira da Agricultura Familiar e a Feirinha de Artesanato, que estão abastecidas com produtos de mais de 18 associações e empreendimentos solidários.

Aproveitando as férias do meio do ano, o casal Aparecida Borges e Helder José, de Goiânia-GO, prestigiaram o festival e, ao visitar a Feira da Agricultura Familiar, não deixaram de comprar alguns itens para levar na bagagem: “Estou amando conhecer esses produtos regionais, pois certos sabores eu nem imaginava que existia. O que mais gostei e estou levando é cupuaçu, rambutan e cacau”, contou a atendente acadêmica. “Aqui a gente come os chocolates e sente, de fato, o sabor do cacau”, completou o marido.

sabores (2)Júlio Oliveira, secretário de Turismo de Itacaré e um dos organizadores do Festival, que tem como tema principal Agricultura Familiar e Gastronomia de Raiz, explicou que o evento ajuda a mostrar a cadeia de produção do alimento, além de aproximar as pessoas que produzem de quem consome. “ O festival se consolida pois faz o link do campo à mesa. Aqui você tem um percurso onde há produtos na Feira da Agricultura Familiar, na cozinha show, nas aulas com possibilidades de uso do alimento, e a feira gastronômica, com pratos feitos à base da produção rural. O festival é a identidade da gastronomia da nossa Bahia”, pontuou.


Festival em Ilhéus destaca qualidade do cacau e chocolate

Buscando ampliar a capacidade de produção do cacau e do chocolate de qualidade no Sul da Bahia, o Sebrae está apoiando as atividades da 11ª edição do Chocolat Bahia – Festival Internacional do Chocolate e Cacau, que começou nesta quinta-feira, 18, e segue até domingo, 21, no Centro de Convenções de Ilhéus.

O evento conta com 170 expositores e 70 marcas de chocolate de origem, que estarão participando de palestras, cursos e capacitações específicas.

O objetivo, segundo a gerente regional do Sebrae em Ilhéus, Claudiana Figueiredo, é munir os produtores de conhecimento, através da apresentação da análise setorial do cacau do Sul da Bahia, financiado pela instituição, em parceria com o Instituto Arapyaú. “Iremos trabalhar juntos com o CNA [Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil], uma parceria para atender o público alvo e traçar uma trilha de capacitação”.

Segundo o coordenador do Chocolat Festival, Marco Lessa, a cada ano o Festival se consolida como um evento impulsionador da economia regional. “A ampliação das marcas e os investimentos na qualidade das amêndoas e do produto final permitem a criação de um polo chocolateiro, com imenso potencial de mercado no Brasil e no Exterior, onde existe uma demanda crescente de chocolates de origem”.

(mais…)


Seminário aborda Moda e Visual Merchandising no Sul da Bahia

Resultado de imagem para loja roupasCom o foco em técnicas e argumentos para abordagens de vendas e encantamento do cliente, o Sebrae promove o Seminário Moda e Visual Merchandising, no próximo dia 16 de jullho, no Tarik Fontes, em Itabuna, e dia 17, no auditório do Sebrae, em Ilhéus, sempre das 18h às 22h. O evento é destinado aos empresários que atuam no segmento de moda, desde calçados, acessórios e confecções em geral. O investimento é de R$ 70.

De acordo com a consultora de moda e empresária Anna Cláudia Libório, serão apresentadas práticas fáceis e de custo-benefício para deixar uma vitrine desejável, a ponto de despertar o interesse do cliente entrar na loja. “Com pequenas interferências visuais, é possível deixar o ponto de venda atualizado e harmonizado para o novo momento das lojas físicas – encantamento e relacionamento”, afirma a especialista.

A especialista afirma ainda que temática já foi apresentada aos empresários das cidades de Feira de Santana, Salvador, Irecê, Itaberaba, Porto Seguro, Eunápolis e Juazeiro. Anna Cláudia acrescenta que o conteúdo contempla informações e técnicas adquiridas em cursos realizados em Nova York, Paris e Lisboa e que já estão resultando no aumento das vendas e em esperança ao novo varejo, nos lugares por onde passou.

As inscrições estão sendo ser feitas pela Loja Virtual do Sebrae ou pelos telefones (73) 3613-9734 e (73) 99981-1688 (Karla Peixoto). Mais informações podem ser obtidas sede da entidade em Itabuna, localizada na Rua Paulino Vieira, 175, Ed. Lizete Mendonça, Centro.


Seminário aborda Moda e Visual Merchandising no Sul da Bahia

pracariocachoeiraitabunaCom o foco em técnicas e argumentos para abordagens de vendas e encantamento do cliente, o Sebrae promove o Seminário Moda e Visual Merchandising, no próximo dia 16 de jullho, no Tarik Fontes, em Itabuna, e dia 17, no auditório do Sebrae, em Ilhéus, sempre das 18h às 22h. O evento é destinado aos empresários que atuam no segmento de moda, desde calçados, acessórios e confecções em geral. O investimento é de R$ 70.

De acordo com a consultora de moda e empresária Anna Cláudia Libório, serão apresentadas práticas fáceis e de custo-benefício para deixar uma vitrine desejável, a ponto de despertar o interesse do cliente entrar na loja. “Com pequenas interferências visuais, é possível deixar o ponto de venda atualizado e harmonizado para o novo momento das lojas físicas – encantamento e relacionamento”, afirma a especialista.

As inscrições estão sendo ser feitas pela Loja Virtual do Sebrae ou pelos telefones (73) 3613-9734 e (73) 99981-1688 (Karla Peixoto). Mais informações podem ser obtidas sede da entidade em Itabuna, localizada na Rua Paulino Vieira, 175, Ed. Lizete Mendonça, Centro.


Desfile de Dois de Julho em Itacaré comemora 60 anos de tradição

Resultado de imagem para Desfile de Dois de Julho Itacaré comemorou 60 anos de tradiçãoCentenas de estudantes, professores, comerciantes e moradores dos mais diversos bairros de Itacaré participaram do Desfile Cívico do Dois de Julho, uma tradição que completou 60 anos de história, revivendo as lutas pela Independência da Bahia.

Vestidos com personagens que marcaram a luta, os participantes promoveram um verdadeiro mergulho na história do Brasil, desde os índios que aqui estavam, a chegada dos portugueses, as batalhas pela independência e os grandes heróis e heroínas, guerreiros quu fizeram a diferença no sonho de liberdade. O desfile teve ainda a participação da Fanfarra de Percussão de Taboquinhas (Fanpet) e o grupo de capoeira Filhos de Zumbi.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, informou que a proposta foi justamente essa, de manter a tradição de 60 anos, fazer um resgate na história e incentivar os alunos e a comunidade para a busca do conhecimento sobre os grandes guerreiros baianos. E esse ano o Dois de Julho de Itacaré homenageou Dona Nery Quadros, personalidade que foi uma das fundadoras do desfile, mantém viva até hoje a tradição e que faz questão de contar essa história da Independência da Bahia.

O desfile foi realizado pela Prefeitura de Itacaré, através das secretarias de Educação e Juventude, Esporte e Cultura, com o apoio da comunidade e da Polícia Militar. A concentração do desfile foi às 15 horas na Praça do Canhão, seguindo às 16 horas pela Avenida Castro Alves, orla da cidade, passando pelas ruas e encerrando novamente na Praça do Canhão com rodas de capoeira e o tradicional samba de roda feito pelas baianas vestidas a caráter. Como manda a tradição, na orla houve uma breve parada para contar um pouco da história de cada uma das personagens. Tudo isso com a presença da personagem Catita, a cabocla símbolo do desfile de Itacaré.


O contingenciamento de recursos nas instituições de ensino federal será tema de audiência pública em Itabuna

contigenciamento.jpgA Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste da Bahia – AMURC e a Câmara Municipal de Vereadores de Itabuna vão reunir representantes do Poder Público, das unidades de Ensino Federal e sociedade civil, para debater o contingenciamento dos recursos na Universidade Federal do Sul da Bahia – UFSB, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano – If Baiano e no Instituto Federal da Bahia – Ifba), em audiência pública, no dia 5 de julho, às 09h no Plenário Raymundo Lima.

O evento contará com a presença de docentes, discentes e colaboradores das instituições, com o objetivo de ampliar os debates em prol da defesa das instituições de Ensino Federal. Eles terão a oportunidade de ressaltar o papel das unidades para o desenvolvimento territorial e os impactos provocados pelo contingenciamento nas atividades desenvolvidas pela instituição.

A ideia, segundo o presidente da Amurc, Aurelino Cunha, visa tornar público as consequências da redução de recursos nos projetos que estão sendo implementados nas unidades de ensino e que são fundamentais para o desenvolvimento da região. “Precisamos conhecer esses impactos, para posicionarmos juntamente com a sociedade sobre a diminuição desses recursos que vão influenciar negativamente nos investimentos estruturais, ensino, pesquisas e extensão”, destacou.

A Câmara de Vereadores de Itabuna fica localizado na rua Adolfo Maron, 01, Bairro – Nossa Senhora da Conceição.


Programação completa do São João em Ibicuí

Do Correio

Quadrilhas, sanfoneiros, forró pé de serra e decoração típica marcam o tradicional São João de Ibicuí, que acontece entre os dias 19 e 24 de junho. A programação gratuita terá seis dias de shows com mais de 30 artistas, como Calcinha Preta, Limão com Mel, Aduílio Mendes, Caninana do Forró, Caviar com Rapadura, Plays, Banda Lordão, Donas do Bar e Sivirina Xique Xique. Com o tema Povo Nordestino, o evento celebra o orgulho da região.

Com a preocupação de resgatar a tradição da festa, os festejos já começam nos dias 14, 15 e 16 de junho, com a terceira edição do Festival Estadual de Quadrilhas que receberá dez quadrilhas de diferentes regiões da Bahia. Indumentárias cheias de brilho e decoração típica mantém a beleza de uma das manifestações mais populares do São João;

“O povo nordestino vem historicamente resistindo a situações como seca, fome, abandono e ainda assim não costuma se abalar com afirmações que tentam diminuir a gente de alguma forma. O nordestino é um povo orgulhoso de sua luta, natureza e resistência. É uma população que trabalha duro, mas aproveita bem a vida sem precisar de muito, sendo feliz na simplicidade. O tema do São João vem para homenagear toda essa história”, destaca Marcos Galvão, prefeito de Ibicuí.

Festas fechadas

Além da programação gratuita do São João na Praça Regis Pacheco, Ibicuí conta com festas fechadas como Brega Light e Ticomia. A primeira, que acontece entre 23 e 24 de junho, celebra 18 anos ao som de Zé Neto & Cristiano, Wesley Safadão, Gusttavo Lima, Diego & Victor Hugo, Donas do Bar, Léo Santana, Parangolé, La Fúria, Jonas Esticado, Lambasaia, Tayrone, Trio da Huanna, Dorgival Dantas e Dennis DJ. Já a segunda festa, que acontece nos dias 22 e 23 de junho, inclui atrações como Flávio José, Saia Rodada, Márcia Fellipe e Mano Walter.

São João de Ibicuí 2019

Onde: Praça Regis Pacheco, Ibicuí (a cerca de 520 km de Salvador)
Quando: Festival de Quadrilhas – 14 de junho, a partir das 16h30; 15 e 16 de junho, a partir das 18h.
Shows – de 19 a 24 junho, a partir das 19h
Entrada gratuita

PROGRAMAÇÃO

QUARTA-FEIRA (19 DE JUNHO)
Caninana
Iago Gouveia

QUINTA-FEIRA (20 DE JUNHO)
Calcinha Preta
Leo Ferra e Forrozão
Caviar com Rapadura
Michele Andrade

SEXTA-FEIRA (21 DE JUNHO)
Limão com Mel
Sobrinho
Donas do Bar
Dedim Gouveia

SÁBADO (22 DE JUNHO)
Forró dos Plays
Forró Balancear

DOMINGO (23 DE JUNHO)
Gigantes do Brasil
Lordão

SEGUNDA-FEIRA (24 DE JUNHO)
Aduílio Mendes
Bel Lima


Governo entrega trecho recuperado da BA-262 entre Itajuípe e Coaraci

Resultado de imagem para Entregue trecho recuperado da BA-262 entre Itajuípe e CoaraciAtravessar o trecho de 27 quilômetros da BA-262, entre Itajuípe e Coaraci, no sul da Bahia, está mais seguro e confortável. A rodovia, que foi recuperada com um investimento de R$ 11,2 milhões, foi entregue nesta sexta-feira (7), pelo governador Rui Costa.

Segundo Rui, as melhorias na infraestrutura, em estradas, portos e aeroportos atraem investimentos para o estado. “Com a vinda dos investimentos, você melhora a empregabilidade, a renda e as condições de vida da população. Por isso nós vamos fazer todas as obras necessárias. Eu tenho visitado agências de financiamento internacional, como o Banco Mundial e a Agência Francesa de Desenvolvimento, e temos feito parcerias público-privadas para viabilizar todas as rodovias que precisamos. Vamos seguir fazendo isso, seja com recursos próprios ou com financiamento”, afirmou.

Júnior Martins é motorista de ônibus há mais de 20 anos, na empresa que faz o trecho entre Itajuípe e Coaraci. “Eu precisava tomar remédio para dor na coluna antes de dormir, por causa dos buracos. Era ônibus quebrado, a viagem demorava quase duas horas, e hoje faço em menos de uma hora. Essa recuperação foi um presente”.

(mais…)


Mais de 26 mil MEI devem entregar Declaração Anual no Sul da Bahia

michel-lima-foto-mauricio-maronPor Viviane Cabral

O Sul da Bahia possui 26.172 microempreendedores individuais que precisam entregar a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-Simei) até sexta-feira, 31. Os dados são da Receita Federal, que registrou, no primeiro trimestre de 2019, 1.547 novos MEI na região. Para auxiliar o contribuinte na regularização, o Sebrae está com atendimento especializado das 9h às 13h e das 14h às 17h, nas agências de Ilhéus e Itabuna.

Em Itabuna, o Sebrae fica na Rua Paulino Vieira, 175, Centro. Já em Ilhéus, os empreendedores podem buscar atendimento na Avenida Osvaldo Cruz, 74, Edifício Premier Business Center, loja 5, Térreo, Cidade Nova. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (73) 3613-9734 (Itabuna) e (73) 3634-4068 (Ilhéus).

A declaração é gratuita e obrigatória, e deve conter o faturamento bruto registrado pela empresa em 2018, além de informar se houve contratação de funcionário. Ao declarar as informações, o MEI mantém resguardados os benefícios garantidos pela formalização, como a emissão de notas fiscais, isenção de tributos, aposentadoria, auxílio-doença e salário maternidade.

Estão aptos a declarar todos que estavam inscritos até 31/12/2018, independentemente de estarem inadimplentes, e até mesmo aqueles que estão recebendo o benefício do Instituto Nacional de Seguridade Social – INSS. Caso o segurado não informe os dados a Receita Federal, ele pagará multa de R$ 50, e corre o risco de ter o CNPJ cancelado.

Inadimplência

Dados da Receita Federal, referente ao mês de março desse ano, apontam que a Bahia registrou uma inadimplência de 49,75 %. Na região Sul da Bahia, o município com maior número de inadimplentes é Aurelino Leal com 64,92%, enquanto Itajuípe registrou o menor número de devedores, com 38,67%.

O gerente adjunto do Sebrae, Michel Lima, explica que no caso de inadimplência, o MEI pode solicitar após a declaração, o parcelamento do débito em até 60 vezes, desde que a parcela mínima seja de R$ 50. Ele lembra ainda que “o limite para declaração é de R$ 81 mil anual ou proporcional de R$ 6.750 mensal, para aqueles que se inscreveram a partir de fevereiro de 2018”.

A DASN-Simei também pode ser feita na Sala do Empreendedor, nas prefeituras municipais ou pela Internet, no Portal do Empreendedor.