O tempo fechou no Sul da Bahia

Depois três dias do sol, o tempo fechou novamente no sul da Bahia. Em Itabuna o dia foi todo nublado e chegou a cair chuva fraquinha nesta segunda-feira(06). Já em Ilhéus a chuva começou a cair mais forte a tarde e a população que mora na zona de risco começou novamente a ficar preocupada com desmoronamento, devido o município possui muito morros.

No aeroporto Jorge Amando alguns vôos foram cancelados, o que prejudicou pessoas que tinha compromisso hoje e amanhã na região sul bahiana.

Vale lembrar que chove a quinze dias nas terras do cacau, e a trégua pelo jeito foi pequena.


O fórum da sociedade itabunense

Naomar de Almeida FilhoNaomar-de-Almeida

O Conselho Estratégico Social (CES) é um órgão consultivo que tem a função de apreciar os planos de desenvolvimento institucional da Universidade Federal do Sul da Bahia – UFSB. Faz parte do Colégio Eleitoral para a Reitoria e tem papel importante na eleição dos futuros reitores. Contamos com participação de todos os segmentos da sociedade sulbaiana: universidades públicas (UESC em destaque), parceiros institucionais (Ceplac à frente), empresários (os CEOs das maiores empresas que atuam na região), as duas associações de Prefeitos da região (presentes os Presidentes da AMURC e da APES), representantes dos estudantes secundaristas (ABES e UBES presente), dos professores da educação básica, dos sindicatos, dos quilombolas, dos povos indígenas, dos movimentos sociais, das ONGs ecológicas. Ao que sabemos, somos a primeira universidade brasileira a contar com tão relevante dispositivo de governança democrática, empoderado a ponto de participar do processo de escolha do dirigente máximo da instituição.

A posse dos conselheiros foi um evento marcante e as reuniões são momentos muito enriquecedores e participativos, coroando o dedicado trabalho de mobilização da Pro-Reitoria de Sustentabilidade e Integração Social – PROSIS. A equipe da Pro-Reitoria de Tecnologia de Informação e Comunicação – PROTIC tem contribuído com impecável link webconf (que permite a presença virtual de quem se encontra em sítios remotos, como por exemplo o Conselheiro Walter Schalka, CEO da Suzano Celulose, desde São Paulo) e com o registro em vídeo de alta qualidade de todos os eventos. Nossos conselheiros sociais elogiam muito essa iniciativa e reconhecem sua legitimidade política como espaço de integração social. Joelson do MST, Tidinha, liderança do Quilombo de Helvécia, e o Cacique Aruã foram eleitos como representantes (titular e suplentes) do CES no Consuni da UFSB.

Aprovamos a realização do I Forum Social da Região Sul da Bahia, no mês de setembro, em Porto Seguro. Grupos de Trabalho foram compostos para seu planejamento e organização, sob a liderança dos representantes empresariais e institucionais. Será um evento de grande porte. Nossos conselheiros estimam que, das organizações e entidades por eles representadas e capilarizadas, devem comparecer entre 800 e 900 delegados. Vamos precisar do apoio de toda a sociedade sulbaiana para a realização desse complexo experimento de integração social territorial. Sabemos que experiências similares foram bem sucedidas em outros países, em outras regiões do Brasil, e que esta, com o apoio dos governos estadual e municipais, poderá ser estendida a outras regiões do Estado da Bahia. Faremos audiências públicas durante os encontros preparatórios do Fórum Social da UFSB: no Campus Jorge Amado, aqui em Itabuna, será em 24 de Julho, abrindo o calendário dos festejos do aniversário da cidade.

Muito tem se discutido sobre integração social da universidade, porém realizações concretas nesse sentido são limitadas: em geral cursos e atividades extra-muros chamadas de extensão como modelo de abertura da instituição de ensino superior à diversidade social e política. Nossa UFSB lida com essa importante questão de um modo mais radical. Por um lado, através da Rede Anísio Teixeira de Colégios Universitários, capilariza no território seus cursos e programas de ensino. Em vez de obrigar a juventude da região a vir para dentro dos campi, levamos a Universidade aonde a juventude está, nos pequenos municípios, nas áreas de baixa renda, nos quilombos, aldeias e assentamentos. Por outro lado, por meio do Conselho Estratégico Social e do Forum Social, traz os diferentes setores e segmentos sociais para dentro da Universidade, empoderando-os efetivamente, visando a uma verdadeira e responsável participação da sociedade na governança institucional da instituição pública de ensino superior. Afinal, não é sempre que se encontra a sociedade na universidade.

Naomar de Almeida Filho é reitor da Universidade Federal do Sul da Bahia-UFSB


SAC Móvel vai atender em Itajuípe na segunda semana de julho

sac móvel 0A carreta do SAC Móvel vai trazer os principais serviços da rede para Itajuípe, nos dias 08 e 09/07. O atendimento é fruto da parceria entre a Secretaria da Administração do Governo do Estado da Bahia e Poder Executivo Municipal. Em visita, serão ofertados os seguintes serviços: emissão do documento de identidade, primeira via de CPF, certidão negativa de antecedentes criminais, recadastramento de pensionistas e Ouvidoria Geral do Estado.

O atendimento será sempre a partir das 8h até a última senha distribuída para cada dia: são 250 para carteira de identidade.

Para mais informações sobre as rotas do SAC Móvel e horários de atendimento, a Secretaria da Administração (Saeb) disponibiliza o endereço www.sac.ba.gov.br e os números 0800 071 5353 (telefone fixo).


Amurc e Unime renovam convênio para o ingresso do funcionário público ao Ensino Superior

Luciano Veiga, Lenildo Santana e Odília Dantas  Crédito da Foto André Luiz Evangelista  (4)
Luciano Veiga, Lenildo Santana e Odília Dantas( Foto André Luiz Evangelista)

Por Viviane Cabral | Amurc

Com o objetivo de facilitar o acesso dos funcionários públicos ao Ensino Superior na região, a Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste Baiano – Amurc e a União Metropolitana de Educação e Cultura – Unime renovaram nesta sexta-feira (26), o contrato que oferece descontos de até 20 % nas mensalidades de cursos em graduação.

A parceria existe desde o ano de 2011, e visa proporcionar o servidor público municipal a oportunidade de garantir o aperfeiçoamento técnico profissional, que muitas vezes resulta na realização de um sonho. De acordo com o presidente da Amurc e prefeito de Ibicaraí, Lenildo Santana, através desse convênio, o servidor público, principalmente de municípios menores, estão tendo uma grande oportunidade de qualificação profissional.

“Então, por meio dessa parceria, a gente tem hoje nos municípios, ampliado muito os serviços públicos e prestado serviços de melhor qualidade na saúde, educação, no ramo do direito, e em áreas que a gente também tinha muito dificuldade, a exemplo de Engenharia, onde tínhamos uma desarmonia entre oferta e demanda desses profissionais na região”, declarou o gestor público.

Lenildo Santana e Odília Dantas  Crédito da Foto André Luiz Evangelista  2Atualmente, de acordo com a diretora da unidade da Unime em Itabuna, Odília Dantas Moliterni, mais de 500 alunos, de 25 municípios do Território Litoral Sul são beneficiados com o desconto, através dessa parceria. “O nosso objetivo é, junto a Amurc, fomentar a educação nesses municípios”, relatou a gestora que também estará apresentando aos prefeitos, o projeto “Unime na sua Cidade”, visando levar serviços de utilidade pública aos municípios vinculados a Associação.

Para ter acesso ao desconto, o beneficiário precisa ser funcionário público ou possuir parentesco em primeiro grau deste profissional, atuante em um dos municípios associados a Amurc, apresentar o contra-cheque e o documento de identidade na sede da Associação, localizada na rua Almirante Tamandaré, nº 405 – centro de Itabuna, próximo ao 1º Tabelionato de Notas de Itabuna. Para maiores informações, entre em contato pelo telefone: (73) 3613-5114.


Daniela vai cantar no aniversário de Ilhéus

Em  Ilhéus a prefeitura  divulgou a programação para comemorar os 481 anos de emancipação política e administrativa. O aniversário será celebrado com shows, eventos esportivos, missas e inauguração de obras.

A festa começa no domingo, com competições esportivas, hasteamento da bandeira e a reforma da Biblioteca Pública Adonias Filho. A programação prossegue até o dia 28, data em que Ilhéus conseguiu sua emancipação.

Entre os shows musicais estão os de Daniela Mercury, Mel de Forró e Zabumbahia. As apresentações, com entrada gratuita, serão no Parque de Exposições de Ilhéus. O show de Daniela esta previsto para o dia 28 de junho.


Municípios sul baianos promovem a festa de São João

sao-joao02Faltando poucos dias para início do tradicional festejo de São João, as cidades do interior da Bahia já estão divulgando sua programação. Diante da crise financeira vivenciada pelos municípios brasileiros, os gestores estão reduzindo a programação e cortando custos para viabilizar a festa e garantir a geração de emprego e renda nas localidades.

De acordo com o prefeito de Ibicaraí e presidente da Amurc, Lenildo Santana, os municípios estão sendo “forçados” a reduzir as despesas do período festivo, por conta da diminuição dos recursos. “A ideia é manter a tradição, com atrações locais, visando a geração de emprego e renda, muito comum nessa época”, declarou.

Em Ibicaraí, as festividades serão realizadas nos bairros e distritos do município, com atrações locais. Com a mesma estratégia de animação, a Prefeitura Municipal de Floresta Azul estará promovendo o 6º Arraiá, nos dias 23 e 24, que também envolverá a participação de moradores do distrito de Coquinhos.

No município de Itapé, a prefeitura, com o apoio da Bahiathursa e de comerciantes locais estarão promoveeu o São João Antecipado, que aconteceeu nos dias 12, 13 e 14 de junho, na Praça da Feira, no centro da cidade.

O prefeito Pedro Jackson Brandão (Pedrão) revela que “não tem como cancelar uma festa tão tradicional. A população espera o ano inteiro pelo nosso São João. Será uma festa com responsabilidade, com a força da parceira. A prefeitura sozinha não tinha condição de realizar”, deixou claro o prefeito.

Durante os três dias estarão se apresentando as bandas: Estaka Zero, Cobra Criada, Pois É, Carlota Joaquina, Dinardis do Forró, Xamego a Mais, Originais do Forró, e Cris Mel.

A prefeitura de Firmino Alves também estará antecipando os festejos juninos, no distrito de Itaiá, que acontece nos próximos dias 13 e 14, com Sinho Ferrari, Vanoly Cigano, Lindomar Cigano, Swing Love, Henosos do Forró, Cor de Canela, DJ Hiago Céo, Xandy Ostentação, Anderson Costa e atrações surpresas.

LEIA MAIS.


Dorgival Dantas -Tarde demais

No aquecimento do São João, ouvir Dorgival Dantas é uma boa pedida. No Sul da Bahia a festa junina começou em Itapé no forró que termina neste domingo(14). Logo depois tem várias festas em outros municípios, a maior delas é o São João de Ibicuí.
Confira a canção “Tarde demais” com Dorgival.


Produtos da agricultura familiar são destaques no VII Festival Internacional do Chocolate e Cacau em Ilhéus

Autoridades abrem sétimo festival chocolate em Ilhéus(Fotos Josivaldo Dias)

Os produtos da agricultura familiar, a exemplo dos chocolates da Bahia Cacau, são destaques na sétima edição do Festival Internacional do Chocolate e Cacau (FICC), que acontece no Centro de Convenções, de Ilhéus, no sul da Bahia.

O evento, que teve início nesta quinta-feira (11) e segue até o próximo domingo (14), conta com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR). A solenidade de abertura teve a presença do secretário da SDR  Jeronimo Rodrigues, representando o governador Rui Costa, do diretor executivo da CAR, Wilson Dias, além de autoridades regionais e locais.
Musica_ao_vivo_festival_chocolateNa oportunidade, foi realizada reunião para discutir os problemas enfrentados com o cultivo do cacau, na tentativa de se formatar um programa que oriente os investimentos do estado para a cadeia produtiva do cacau. Estiveram presentes agricultores, técnicos, prefeitos e vereadores da região e representantes de órgãos ligados ao manejo do fruto.
Braraca_fest_chocolateDe acordo com titular da SDR, é importante destacar a cadeia do cacau como estratégica para desenvolver a região. “A cadeia produtiva do cacau vem casada com a da fruticultura, por isso é tão importante, pois quando o cacau se desenvolve, a região também cresce”. Segundo Rodrigues, a secretaria está montando ações estratégicas para fortalecer os empreendimentos da agricultura familiar na cadeia do cacau. “No passado, o chocolate era matéria-prima apenas para o chocolate, mas é importante que ele se firme como um produto com identidade territorial. A SDR tem as chamadas de Assistência Técnica Rural (ATER), que queremos fortalecer na parceria com a Ceplac, universidades e cooperativas, estamos investindo em agroindústrias e na comercialização através das compras públicas”.
Empreendedora_chocolate_secre_JeronimoA SDR/CAR está apoiando o evento com o objetivo de apoiar os empreendimentos da agricultura familiar que estão expondo seus produtos e com a logística desses agricultores. O empreendimento apoiado agrega valor à produção da amêndoa de cacau e já beneficia cerca de 300 famílias de produtores de cacau vinculados à agricultura familiar nos municípios de Ibicaraí, Coaraci, Buerarema, Itajuípe, Uruçuca e Floresta Azul.

CICacau cria aplicativo na internete

CICacau - screenshot thumbnailO Centro de Inteligência do Cacau (CICacau), projeto de iniciativa  da Universidade Estadual de Santa Cruz(UESC) nascido em 2013, acaba de criar um aplicativo com o objetivo de  oferecer aos usuários todas as informações relacionadas ao projeto. Como também notícias atualizadas sobre a situação da região do cacau.

Segundo a professora Naisy Soares do Departamento de Ciências Econômicas, coordenadora do CICacu, o órgão  realiza estudos sobre a região cacaueira no Sul da Bahia. E o  aplicativo  foi desenvolvido pelo estagiário do projeto José Neto.

A finalidade CICacu é subsidiar iniciativas públicas e privadas de apoio ao desenvolvimento sustentável e de investimentos na cadeia produtiva do cacau

Para instalar o aplicativo  basta digitar “cicacau” no Play Store e clicar em “instalar”.

Acesse aqui o link.


Cessão de área da Ceplac consolida a implantação da UFSB

Ufsb_Ceplac_Mesa_Naomar_Foto_Josivaldo_Dias_09_06_15
Comunidade regional lotou o auditório da Ceplac ( fotos Josivaldo Dias)

Por Daniel Thame | Secom-BA

O processo de consolidação da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) deu um passo importante com a assinatura, nesta terça-feira (9), do Termo de Cessão de um terreno da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac), órgão do Ministério da Agricultura.

A área de 37 hectares, localizada nos municípios de Itabuna e Ilhéus, vai ser utilizada para a instalação da reitoria e do campus Jorge Amado, abrigando laboratórios, sala de aulas e demais estruturas do Instituto de Humanidades, Artes e Ciências, do Centro de Formação em Tecnociências e o Centro de Formação em Agroflorestais.

Ufsb_Ceplac_Secit_Naomar_Foto_Josivaldo_Dias_09_06_15O secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Manoel Mendonça, que representou o governador Rui Costa na solenidade, destacou ser “este um momento histórico para o sul da Bahia, já que a educação é o caminho para a retomada do desenvolvimento regional”.

Segundo o secretário, “o Governo do Estado trabalha para que o conhecimento acadêmico seja revertido em benefício da comunidade, incentivando a adoção de tecnologias que atendem demandas como a verticalização da cadeia produtiva do cacau, com a produção de chocolate, a agroecologia e a capacitação do setor de serviços”.

Ações integradas

Usb_Ceplac_publico_foto_Josivaldo_Dias_09_06_15O reitor da UFSB, Naomar Almeida, afirmou que “a cessão do terreno pela Ceplac vai agilizar a instalação dos equipamentos, que incluem um polo de tecnologia”. Ele disse que “a universidade tem um papel fundamental no desenvolvimento socioeconômico do sul da Bahia” e defendeu ações integradas pelos governos federal e estadual e a sociedade organizada, a exemplo do Programa Todos pela Educação, que tem a UFSB como parceira.Cepla_UFSB_Plenaria

Para a reitora da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), Adélia Pinheiro, “a UFSB e a Uesc vão somar esforços para superar os desafios, que passam por um período de transformações em que a cultura do cacau é importante, mas inclui setores como serviços, tecnologia e agroindústria, gerando um modelo de desenvolvimento sustentável”.

Ufsb_Ceplac_Assinatura_Cessao_Foto_Josivaldo_Dias_09_06_15Já o prefeito de Ibicaraí e presidente da Associação dos Municípios do Sul, Extremo-Sul e Sudoeste da Bahia (Amurc), Lenildo Santana, destacou que “estamos unidos em torno de um projeto que trabalha por uma educação universalizada e de qualidade, do ensino fundamental ao ensino superior, que resulta em inclusão social e oportunidades para todos”.

Além da área cedida pela Ceplac, a Universidade Federal do Sul da Bahia vai dispor de mais 40 hectares doados pela Prefeitura de Itabuna e outros 40 hectares pela Prefeitura de Ilhéus, totalizando 117 hectares para o campus Jorge Amado.