Primeiros especialistas em Agroecologia pelo Pronera recebem títulos no Sul da Bahia

Será titulada neste sábado (31), a primeira turma de Pós-Graduação da Especialização em Agroecologia Aplicada a Agricultura Familiar, no modelo de Residência Agrária. Trata-se de 34 futuros especialistas assentados, filhos de assentados e técnicos extensionistas para reforma agrária e agricultura familiar.

A solenidade de titulação ocorre, às 19h30, no assentamento Terra Vista, em Arataca, durante a IV Jornada de Agroecologia da Bahia que está acontecendo na área.

A especialização é fruto de uma parceria entre o Incra, através do Programa de Educação na Reforma Agrária (Pronera), e a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), localizada no município de Ilhéus.


Reunião planeja atividades do Sindilimp

Dr_eduardo_feijooDirigentes e funcionários administrativos do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul da Bahia (Sindilimp) reunidos na sede do Sindicato em Itabuna, nesta terça-feira (27), acordaram em um novo organograma administrativo para otimizar os serviços oferecidos a categoria e potencializar a gestão do Sindicato.

De acordo o coordenador regional José Carlos, o Sindilimp “está planejando ações para os próximos anos com o objetivo de aumentar a eficiência do Sindicato nas bases e aplicar cada vez melhor a taxa confederativa dos filiados que trabalham na limpeza pública nas cidades, na limpeza de indústrias e hospitais, e nos serviços terceirizados das escolas estaduais no Sul da Bahia”.

“O nosso esforço aqui é para garantir que os direitos dos trabalhadores sejam respeitados e garantidos. Por isso queremos nossa diretoria e funcionários atendendo muito bem nossa categoria que luta todos os dias pela sua sobrevivência”, conclui José Carlos.

A reunião contou com a exposição do advogado do Sindilimp, Dr. Eduardo Feijóo, que explicou os trâmites jurídicos e as rotinas endereçadas aos agentes de homologação, diretoria e auxiliares do Sindicato. Entre os temas abordados na pauta de Dr. Eduardo estava as formas de contratação, duração e rescisão de contrato de trabalho, além da jornada de trabalho e as obrigações.


Municípios projetam Plano de Carreira para o Magistério visando a melhoria na educação

atendiemento_2_PCM_amurc_FlorestaAzul_amurc_22_10_15

Por Viviane Cabral | Amurc

Com o objetivo de melhorar a educação nos municípios Sulbaianos, profissionais da Constat – empresa de consultoria na área de educação encerraram nesta sexta-feira, 23, em Itabuna, a primeira etapa de simulação dos Planos de Carreira do Magistério. A iniciativa faz parte de uma parceria firmada entre a Amurc, Instituto Natura e Instituto Arapyaú.

Ao todo, representantes de 36 municípios estão sendo acompanhados em atendimento individualizado na sede da Amurc. O consultor da área de orçamento e finanças, Jeam Adriano Rogoni explica que os Planos de Carreira estão sendo adequados de acordo a legislação nacional e a realidade de cada município, “e o nosso trabalho é verificar a viabilidade de cada plano, onde se encaixa dentro do orçamento dos municípios ao longo dos próximos 10 anos”.

As projeções e metas para a educação municipal levam em conta o cenário econômico atual do país e geram expectativas positivas para os secretários municipais. Para a gestora da educação de Floresta Azul, Sayonara Cristina de Oliveira, a construção do Plano de Carreira vem como “uma oportunidade de regulamentar a educação no município e regularizar a carreira profissional dos professores”, destacou.atendiemento_PCM_amurc_FirminoAlves_amurc_22_10_15

Em alguns casos, os municípios já possuem o Plano de Carreira e apenas precisam ser atualizados, como é o caso do município de Nova Canaã. Segundo a secretária de educação, Rozinalva Ferreira o plano está pronto, “mas precisa ser feito algumas adaptações no que diz respeito a vida profissional dos professores baseada na folha de pagamento”.

Envolvimento

“O que mais me impacta é que os municípios e até mesmo os representantes sindicais estão achando positivo, eles se sentem mais seguros. O grande objetivo de um Plano de Carreira é fazer com que o profissional trabalhe sendo reconhecido, e ele contribua efetivamente para melhorar a educação das crianças e adolescentes”, concluiu Jeam.

A próxima etapa, prevista para o mês de novembro, contará com a presença do consultor responsável da empresa Constat Educação, Carlos Eduardo Sanches, que estará finalizando o projeto junto com os prefeitos e a equipe de secretários e técnicos dos municípios beneficiados.


Território Litoral Sul analisa propostas de Editais da CAR

reuniao_territorio_amurc_21_10_15Com objetivo de avaliar as propostas de associações e cooperativas da área rural presente nos municípios do Territorial Litoral Sul que pleiteiam recursos financeiros para investimento, junto a CAR, através dos editais em vigor, foi realizada uma reunião nesta quarta-feira(21) na sede da AMURC em Itabuna.

O núcleo técnico do Território Litoral Sul através dos representantes da UESC, MST, Abará MLT, Instituto Cabruca e AMURC analisaram 75 propostas das organizações de 20 municípios da região que se inscreveram para os Editais 01, 03 e o4/2015 do Programa Bahia Produtiva da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional- CAR, do Governo da Bahia.

Os projetos do Bahia Produtiva vai atender agricultores familiares, empreendedores da economia solidária, povos e comunidades tradicionais, além de famílias assentadas de reforma agrária do Sul da Bahia e do restante do Estado.

De acordo Garotinho, coordenador do Território, a reunião foi positiva pois além de avaliar boas propostas que serão encaminhadas com o parecer a CAR, a partir da metodologia definida, foi possível “identificar novas entidades que desenvolvem um trabalho de inclusão dos trabalhadores e famílias do campo, onde estas organizações pode somar e fortalecer as políticas do Território”.


Presidente da UPB conclamou união entre Prefeitos no evento em Itabuna

IMG_1667Durante o encontro com prefeitos,  suas equipes de governo e a imprensa regional, na manhã desta terça-feira, 20, em Itabuna, a Presidente da UPB e prefeita de Cardeal da Silva, Maria Quitéria chamou a atenção para a necessidade vencer as dificuldades financeiras nos municípios de forma coletiva. “Não é momento de desespero, é momento de união, de conscientização, de estarmos juntos. Vamos tomar as decisões em coletivo”.

O chamamento, segundo o presidente da Amurc, Lenildo Santana, dá continuidade a uma série de atividades realizada na região pela entidade, com o objetivo de mostrar a população quIMG_1785e a atual realidade financeira vivida pelos prefeitos nos municípios locais é comum em todo o país. Nesse contexto, a Imprensa é atua como um canal importantíssimo para difundir as iniciativas adotadas pelos gestores na tentativa de melhorar a prestação de serviços públicos municipais.

“Nós precisamos refletir sobre essa realidade financeira que estamos vivendo e vocês [Imprensa] são elementos indispensáveis para nós auxiliar nesse diálogo com a sociedade, porque o prefeito tem que tomar medidas duras, por exemplo, para não fechar um posto de saúde, não deixar de fazer um procedimento cirúrgico. Para evitarmos esses extremos temos que cortar na carne, e, isso implica na redução do quadro de funcionários e até mesmo nos investimentos estruturantes que o município tanto precisa”, declarou Lenildo.

As medidas impopulares são consequências de uma série exigências legais da Constituição Federal de 1988, que segundo Lenildo são adotadas para que o gestor não saia dos seus mandatos taxados de irresponsáveis, e para que, tenha resguardado o seu patrimônio, que na maioria das vezes torna-se completamente comprometido com processos judiciais.

Ao longo da apresentação de dados da Confederação Nacional de Municípios (CNM) e da UPB, Quitéria relatou que um dos maiores problemas enfrentados pelos gestores baianos tem sido o cumprimento da folha de pagamento. “As administrações municipais vêm sendo penalizadas pelos órgãos de controle, por ultrapassarem o teto permitido para gastos com folha de pagamento, previstos pela Lei de Responsabilidade Fiscal”, destacou.

IMG_1593Ainda durante a sua fala, a presidente da UPB conclamou todos os gestores a se unirem em torno compartilhar experiências e publicizarem suas ações municipais para que a população entenda o verdadeiro motivo da crise financeira nos municípios, que acomete a todos, indistintamente. “Não é momento de desespero, é momento de união, de conscientização, de estarmos juntos. Não é o momento de achar que iremos resolver o problema da nossa cidade sozinho”.

O encontro que foi promovido pela Amurc em parceria com a UPB e Prefeitura Municipal de Itabuna, contou com a presença dos prefeitos com suas equipes de governo, vereadores de vários municípios e profissionais que atuam nos veículos de comunicação de Itabuna e cidades circunvizinhas.


IV Jornada de Agroecologia da Bahia em Arataca começa dia 29

jornada aratacaA IV Jornada de Agroecologia da Bahia acontecerá nos dias 29 de outubro a 1º de novembro no Assentamento Terra Vista, em Arataca, no Sul da Bahia. e esse ano terá como tema “Terra, Território e Poder”.

O evento é organizado pela Teia de Agroecologia dos Povos e tem como apoiadores o Governo da Bahia, através do Cesol Litoral Sul e Associação Beneficente Josué de Castro, Governo Federal, Consórcio Intermunicipal da Mata Atlântica (Cima) e Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST). As inscrições para participantes e visitantes podem ser feitas através do e-mail: jornadadeagroecologiadabahia@gmail.com, ou do site: www.jornadadeagroecologiadabahia.blogspot.com.

A jornada proporciona anualmente um encontro de culturas indígenas, quilombolas, camponesa, urbana, com jovens, crianças e anciãos. São ofertados painéis, oficinas, plenárias e outros espaços para o debate sobre o tema central e integração entre os povos, como feiras e apresentações culturais, troca de sementes e conhecimentos sobre práticas agroecológicas, saúde, alimentação, saberes tradicionais e comunicação livre.


Presidente da UPB visita Itabuna para debater crise nas Prefeituras

Maria Quitéria e Lenildo Santana FOTO ANDRÉ LUIZ EVANGELISTA
Maria Quitéria e Lenildo Santana (Foto André Avangelista)

Por Viviane Cabral | Amurc

A crise financeira vivenciada pelas prefeituras baianas e a luta que a União dos Municípios da Bahia (UPB) vem travando pela aprovação do Pacto Federativo que tem o objetivo de transferir autonomia financeira, hoje em mãos da União, aos estados e municípios, são temas do encontro que a presidente da UPB, Maria Quitéria, terá com prefeitos regionais e imprensa do sul da Bahia, durante entrevista coletiva que concederá no próximo dia 20, às 8 da manhã, no auditório do Hotel Tarik Fontes, em Itabuna.

A visita atende a um convite feito pela Amurc e, de acordo com o presidente da entidade, Lenildo Santana, prefeito de Ibicaraí, “ajudará a esclarecer a atual situação financeira dos municípios, dialogar com a região e a imprensa regional sobre as medidas que estão sendo tomadas pelos gestores municipais na tentativa de driblar a crise econômica”. Lenildo lembra que ao longo dos últimos anos, a crise enfrentada pela maioria dos municípios brasileiros atingiu níveis surpreendentes. “Hoje, prefeitos são obrigados a se transformar em verdadeiros heróis de suas comunidades para evitar que os serviços, inclusive os essenciais para a população, sejam paralisados”, afirma.

Uma pesquisa realizada recentemente pela UPB revela que no mês de setembro deste ano, quando os repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) tiveram uma queda de 33%, as prefeituras baianas deixaram de receber mais de R$ 1 bilhão, em relação a setembro de 2014. Sem dinheiro em caixa, pelo menos 86% dos 417 municípios baianos estimam não ter como pagar o 13º salário dos servidores.

Em Itabuna, por exemplo, município escolhido pela Amurc para sediar o encontro, apesar da atual gestão ter colocado em prática um rigoroso Plano de Austeridade, com redução substancial nos custos da máquina administrativa e enxugamento de pessoal, a crise, este mês, levou o prefeito Claudevane Leite a anunciar a demissão de 300 servidores que estavam com seus contratos vencidos. Houve também redução no ritmo de obras, a maioria tocada com recursos próprios ou com contrapartida da Prefeitura. “No ano passado chegamos a tocar simultaneamente 36 obras. Este ano, estamos tocando só mais 26”, enumerou.


Lançamento da Frente Brasil Popular da Região Sul da Bahia

Frente Brasil Popular2Vai acontecer no próximo dia 22 de outubro em Itabuna, o lançamento da Frente Brasil Popular da Região Sul da Bahia. O evento está programado para começar às 17h no plenária Câmara de Vereadores.

De acordo João Evangelista da Central Única dos Trabalhadores- CUT Cacaueira, a Frente Popular é resultado da articulação de “diversos movimentos populares que junto buscaram construir uma frente ampla na sociedade que aglutine diversas forças sociais em torno de um projeto para o Brasil”.

Movimento a nível nacional, a Frente surgiu partir da Conferência Nacional Popular realizada no mês setembro na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, em Belo Horizonte (MG) que teve como tema principal a “defesa da democracia e por uma nova política econômica”.

Entre os pontos defendidos pelos organizadores do evento segundo o dirigente João Evangelista, estão a “defesa dos direitos dos trabalhadores e das trabalhadoras; defesa dos direitos sociais do povo brasileiro; defesa da democracia; defesa da soberania nacional; e a luta por reformas estruturais e populares”.


Barragem do Rio Colônia terá nova licitação

Barragem-do-Colônia-reprodução-www.pimenta.blog_.br_A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) fará nova licitação para a obra da Barragem do Rio Colônia, em Itapé. A licitação será por meio do Regime Diferenciado de Contratações (RDC), instrumento já utilizado em grandes obras do governo federal, e está marcada para dia 28, às 9 horas.

A obra é considera essencial para ampliar o volume de água captada em Itabuna, saindo dos atuais 900 para até 1.500 litros por segundo. A barragem começou a ser construída em 2012, mas a Andrade Galvão, vencedora do certame, pediu revisão de valores por meio de aditivo. Como a pedida era alta, o governo optou por cancelar o contrato.

A esperança é de que, agora, surjam empresas interessadas. Como o PIMENTA já informou, o governo não obteve sucesso nas duas últimas tentativas de licitar a obra, em novembro do ano passado e em fevereiro de 2015. Ou não houve interessado ou a empresa ganhadora foi desabilitada. (Pimenta)


Galego comemora aniversário em São José da Vitória

aniversario galego

Na última segunda-feira(05) o ex-vereador e pré-candidato a prefeito Damião de Souza Conceição, mais conhecido como Galego, do municipio de São José da Vitória que fica a 36 Km de Itabuna, realizou uma confraternização de aniversário que reuniu amigos, familiares e lideranças políticas em sua residência para comemorar os 35 anos de vida.

Entre uma conversa e outra sobre o cardápio da festa, não faltou um dedinho de prosa sobre o pleito de 2016. A maioria dos presentes fizeram questão de saudar Galego e desejar sucesso na disputa eleitoral do próximo ano. “Galego é uma pessoa boa que sempre cuidou da gente”, disse uma moradora da cidade.