Entidades unem esforços no combate ao Covid-19 no Sul da Bahia

ItabunaEntidades dos setores, público, privado e Organizações Não Governamentais da região se juntaram para contribuir com a aquisição de produtos e serviços essenciais no combate ao Covid-19. Em uma reunião virtual, nesta segunda-feira (6) os representantes dessas instituições apresentaram suas principais frentes de atuação, que vão desde a aquisição e confecção de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) – máscaras e álcool gel, até a produção de boletins informativos e orientações à classe acadêmica.

A iniciativa surge com o objetivo de equipar os 26 municípios do Território Litoral Sul com os produtos básicos de saúde, e que ainda são insuficientes para combater o vírus. Segundo o secretário executivo da Associação dos Municípios da Região Cacaueira (Amurc), Luciano Veiga, essa semana conseguiu articular, junto a 16 municípios associados, a compra coletiva desses materiais.

Ao mesmo tempo, a Associação está desenvolvendo uma ação junto às secretarias de Educação dos municípios, para fornecimento de alimentação (com recursos da merenda escolar) aos alunos que estão em casa. E, está em interlocução com o Governo do Estado da Bahia para auxílio aos municípios e sobre hospital de referência regional para o Covid-19.

Já a Universidade Federal do Sul da Bahia – UFSB e a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) estão trabalhando no sentido de participar do esforço de ampliação para a oferta de testes em casos suspeitos junto ao Laboratório Central de Saúde Pública – Lacen. Ambas as instituições ainda estão atuando na fabricação de álcool gel, sabão líquido, máscaras faciais e distribuição de cestas básicas para famílias em vulnerabilidade social.

Segundo o presidente do Parque Científico e Tecnológico do Sul da Bahia, Gesil Sampaio, o Sindicato da Indústria de Aparelhos Elétricos, Eletrônicos, Computadores, Informática e Similares de Ilhéus (SINEC) realizou compra de respiradores artificiais e estuda, junto com professores do curso de Engenharia Mecânica da Uesc, um projeto de respirador que poderia, em caso de sucesso, ser fabricado localmente, contribuindo com a ampliação da capacidade de tratamento do sistema local de saúde.

Institutos e Associações

O diretor do Instituto Federal Baiano (Ifbaiano) – Campus de Uruçuca, Daniel Carlos Pereira destacou que está buscando a aquisição de materiais para produção de álcool em gel, trabalhando com o mapeamento e doação de alimentos para instituições que estão distribuindo às comunidades carentes de Uruçuca. Ainda estão sendo realizadas orientações e conversas virtuais (lives) tratando sobre saúde mental para toda a comunidade acadêmica.

Já o Instituto Arapyaú está investindo em compras de EPIs, testes rápidos, distribuição de cestas básicas e na estrutura hospitalar (compra de ventiladores e auxílio no aumento da capacidade de leitos de UTIs). Esse último é o foco atual do instituto diante de um levantamento feito sobre a capacidade hospitalar regional. O resultado encontrado dessa pesquisa, realizada com base em dados secundários, foi que a microrregião Ilhéus/Itabuna possui 0,82 leitos para cada 10 mil habitantes, sendo que a média brasileira é de 2,1 e a mundial é 2,4.

O Instituto Tabôa atuará com a doação de cestas básicas, beneficiamento da rede de agricultura familiar trabalhada pelo Instituto (São 200 famílias certificadas e 500 que não possuem certificação). O diretor do instituto, Fernando Rossetti vai fazer uma análise de cenários futuros: Fortalecimento da sociedade civil no Pós Covid-19. O Instituto conseguiu um patrocinador que compra os alimentos das famílias de agricultores e esse alimento é distribuído para famílias em estado de vulnerabilidade.

Ainda durante a reunião mulheres empreendedoras apresentaram suas ações sobre a fabricação de máscaras caseiras. Thais Gavazza está coordenando a produção de máscaras caseiras que será doada para um abrigo de idosos em Itabuna. O Sindicato Patronal de Hospedagem e Alimentação de Itacaré (SPHA) atuará na fabricação de 20 mil máscaras caseiras feitas pela cooperativa de costureiras de Itacaré com lençóis doados por hotéis e pousadas do município. Já em Olivença, o movimento de costureiras locais fabricarão máscaras caseiras para a comunidade.

Difusão de informação

Ainda na reunião, o representante da Associação Cultural da APA Itacaré – Serra Grande, Breno Pessoa propôs a criação de um portal central de organização e difusão de informações sobre o Covid 19 na região Sul da Bahia. A ideia foi aprovada pelo Pró-reitor de Extensão da Uesc, Neurivaldo José de Guzzi Filho, que propôs a UESC através do Núcleo de Biologia Computacional e Gestão de Informações Biotecnológicas (NBCGIB) absorver e realizar esta tarefa.

Outra iniciativa apresentada é que a UFSB está produzindo boletins informativos semanais do Observatório da Epidemia do Novo Coronavírus no Sul da Bahia. Segundo Gesil, a ideia é que as instituições de Ensino Superior possam juntar esforços de forma que o boletim fosse trabalhado conjuntamente, incluindo informações trazidas pelo http://portalcovid19.uefs.br/, que traz informações georreferenciadas do avanço da doença na Bahia e faz estimativas futuras do contágio.


UESC e CEPEDI realizam impressão 3D de o protetor facial

uesc_foto-nazauO combate à disseminação do novo coronavírus enfrenta algumas dificuldades e  uma delas é a falta de equipamentos de proteção para os profissionais da saúde. Para amenizar o problema, a Universidade Estadual de Santa Cruz e a sociedade civil estão imprimindo protetores faciais (face shield) em 3D que serão distribuídos gratuitamente nos hospitais que vão atender pacientes portadores do Covid-19.

Impressão 3D, de proteções para profissionais da saúde está sendo realizada em parceria com o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico em Informática e Eletroeletrônica de Ilhéus (Cepedi). Ate o momento foram impressos 60 desses equipamentos, em três impressoras, no laboratório do Cepedi, situado à Avenida Professor Milton Santos, no bairro Tapera, em Ilhéus. Segundo o professor Gesil Amarante Segundo, “a principal necessidade é a falta de filamentos (ABS ou PLA),  com os quais são processadas as impressões. Os pesquisadores esperam doações destes insumos.

face shieldO reitor da UESC, Alessandro Fernandes, agradeceu e parabenizou aos profissionais da saúde que estão empenhados nessa luta e também aos pesquisadores, docentes, técnicos e discentes da Universidade, envolvidos nas ações implementadas no combate ao Covid-19. O reitor destacou o esforço do Governo do Estado nas ações de combate ao coronavírus e também o papel da imprensa, que vem divulgando ações e conscientizando a população em geral sobre a gravidade do momento.

O projeto Face Shield for Life foi lançado por uma rede de makers, profissionais com apoio do Governo do Estado. De acordo com a secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação da Bahia, Adélia Pinheiro “temos um comitê gestor com representantes de instituições parceiras que estão nos ajudando nessa missão de imprimir protetores faciais. Nossos parceiros têm como meta a produção de 10 mil equipamentos em uma semana. A UESC está fazendo a sua parte,” frisou.

A Anvisa publicou um decreto no dia 23de março permitindo, excepcionalmente, a fabricação de equipamentos de proteção sem autorização ou notificação ao órgão, desde que cumpridas as exigências de controle sanitário.

Atualmente um grupo de trabalho montado na UESC, envolvendo todas as áreas de conhecimento e todos os segmentos da comunidade acadêmica, procura ajudar na contenção do vírus.


Seminário da Mulher recebe a primeira tenente-coronel da história da PM-BA

Integrante da primeira turma de mulheres oficiais da Polícia Militar, Fernanda Dantas, 55 anos, médica pediatra, bacharela em Direito, mestranda em Administração Pública é também a primeira mulher a alcançar a patente de tenente-coronel da Polícia Militar da Bahia, e estará presente no 1° Seminário da Mulher que vai acontecer no dia 26 de março, das 08h às 18h, na Uesc, em Ilhéus.

Durante a sua palestra, Fernanda vai apresentar a sua história inspiradora para mulheres empreendedoras, empresárias, autônomas das mais diversas áreas, estudantes e demais interessadas.

O Seminário é uma realização do Movimento Empresarial Sul da Bahia em Ação – Mesb e tem o apoio da Universidade Estadual de Santa Cruz – Uesc e também das comissões da Mulher e do Direito Sistêmico, Conciliação e Mediação da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Subseção Itabuna.

De acordo com coordenador do Mesb, o empresário, Ronaldo Abude, o seminário será um momento para trocar experiências, conhecer novas perspectivas através de origens e trajetórias diferentes, “além de poder discutir os múltiplos papéis exercidos pela mulher na sociedade e seus desafios na ocupação de espaços de poder, especialmente na política”.

As inscrições são gratuitas e já estão sendo feitas no site https://suldabahiaemacao.org.br/. Mais informações pelo telefone: (73) 99845-8183 ou através do e-mail: movimento@suldabahiaemacao.org.br ou ainda no instagram: @suldabahiaemacao

Na programação já estão confirmadas a presença da Cientista Política, Hannah Maruci, que estará abordando o tema: Mobilização e Motivação da Mulher na Política e da Profª Drª Katianny Estival, que destacará os propósitos e impactos do empreendedorismo feminino.


Posse do Reitor e vice da UESC será nesta terça-feira

uescA solenidade de posse do reitor e vice reitor da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), será nesta terça-feira (4), às 19 horas, no Centro de Arte e Cultura Governador Paulo Souto, no campus da UESC.

Os professores Alessandro Fernandes e Maurício Moreau foram indicados em votação direta realizada pela Comunidade Universitária, em 26 de novembro de 2019 e tomarão posse para um mandato de quatro anos (2020-2024) .

O professor Alessandro Fernandes de Santana é graduado em Ciências Econômicas e em Administração de Empresas, Especialista em Economia de Empresas, pela UESC, Mestre em Cultura e Turismo, pela UESC/UFBA e Doutor em Ciências Sociais, Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Está lotado no Departamento de Ciências Econômicas – DCEC como Professor Adjunto B e estava pró-reitor de Extensão.

O professor Maurício Santana Moreau é graduado em Agronomia pela Universidade Federal da Bahia, com Mestrado em Agronomia pela Universidade Federal da Bahia e Doutorado em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) pela Universidade Federal de Viçosa. Em 2009, retornou à Universidade Federal de Viçosa para o estágio de Pós-Doutorado em Planejamento, Gestão e Uso dos Recursos Naturais, como Engenheiro Agrônomo e Mestre em Agronomia.

(mais…)


Governo anuncia investimentos em Ilhéus e Itabuna

A partir da notícia do fechamento da loja do Maro Atacado na rodovia Ilhéus-Itabuna, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) divulgou nota, informando que está em tratativas com o grupo empresarial. O governo negocia com quatro empreendimentos em implantação e em ampliação e modernização nas duas cidades.

Para Ilhéus, a SDE informa que estão em implantação uma unidade fabril da empresa Minas Aço, de produtos siderúrgicos, que prevê o investimento de R$ 3 milhões para a implantação de sua unidade industrial, no segmento de Metal/Mecânico. Esse empreendimento deve gerar 70 empregos diretos e o projeto tem a previsão de finalização para agosto de 2020.

Já a empresa Dzset Transporte e Logística Ltda prevê o investimento de R$ 12,5 milhões para a implantação de sua unidade no segmento de Comércio e Serviços, com a previsão de geração de 124 empregos diretos na região e pretende finalizar o projeto em dezembro de 2020.

A empresa João Dias Tavares Bisneto prevê o valor de R$ 200 mil para a implantar sua unidade industrial do segmento de alimentos e deve gerar mais empregos na região. A empresa deve finalizar as obras em novembro de 2020.

(mais…)


Chocolates da Bahia Cacau, Natucoa e Terra Vista são destaque na Feira Baiana da Agricultura Familiar

bahia_cacau_fenagro-osana_jeandro_28_11_2019Chocolates finos e outros derivados de Cacau como o Mel fazem sucesso na 10ª edição da Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária que acontece até o dia 01 de dezembro de 2019, no Parque de Exposições Agropecuárias em Salvador.

As marcas do Sul do Estado “Bahia Cacau”, “Natucoa” e “Terra Vista” estão sendo apresentadas para degustação e comercialização no espaço do governo no “Armazém Litoral Sul” para o público da capital do interior que estão prestigiando a feira. Os chocolates variam o teor de cacau de 35% a 80%. Além disso tem amêndoas caramelizadas, Nibs, Cacau em Pó e geleia de Cacau, dentre outros produtos.

Para Osaná Nascimento da Coopfesba/Bahia Cacau esta feira Agricultura Familiar promovida pelo governo do Estado fortalece o seguimento do mercado que produz do cacau ao chocolate e gera agregação de valor. “O diferencial aqui é expor nossos produtos, os chocolates e chocolates com frutas, matérias primas que caracterizam a riqueza do sul da Bahia”, conclui Osaná.

De acordo Solano de Oliveira do Assentamento Terra a Vista o evento “dar visibilidade ao chocolate produzido pelos pequenos agricultores ao extrai resultados com as vendas, aumentando a renda das famílias”. E para Carina Assunção Coopessba/Natucoa o “evento é de grande valia para as cooperativas pois mostra as culturas de toda a Bahia e em especial da nossa da região do Cacau Cabruca”. E completa, “a Natucoa está na feira com sua nova logo marca e embalagem biodegradável”.

A Feira reúne associações e cooperativas da agricultura baiana, uma iniciativa do Governo do Estado, pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio da Superintendência de Agricultura Familiar (SUAF), em parceria com a União das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária – Unicafes/Ba.


Discussão sobre Região Metropolitana reforça maior envolvimento social e político

Reunião sobre a Região Metropolitana FOTO GABRIEL DE OLIVEIRA (17).jpegDurante a discussão da proposta de criação da Região Metropolitana do Sul da Bahia nesta terça-feira, 19, na Câmara de Vereadores de Itabuna, representantes dos Poderes, Legislativo, Executivo e da Sociedade Civil destacaram a importância de envolver mais atores sociais e políticos no debate que visa promover o desenvolvimento sustentável e equilibrado dos municípios.

A nova proposta foi apresentada pelo secretário executivo da Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste Baiano – Amurc, Luciano Veiga, que é especialista em Planejamento de Cidades. O estudo de sua autoria, prevê a composição de 13 municípios (com uma população de 600 mil habitantes) na nova unidade geoeconômica.

“A rediscussão da RM do Sul da Bahia vem no momento oportuno, pois estamos discutindo como integrar a região que contém diversos equipamentos em comum, tanto na área médica, na educação, como em prestação de serviços, a exemplo do Hospital da Costa do Cacau, os consórcios multifinalitários, as policlínicas, a Associação dos Municípios, as Universidades Federais, os Institutos Federais, dentre outros”.

(mais…)


Definido o modelo jurídico da Agência de Desenvolvimento Sul da Bahia Global

SBG_Apresentação de modelo jurídico_ft Jonathan Souza (4).jpgO Fórum Sul da Bahia Global, que reúne agentes do poder público, da iniciativa privada e da sociedade civil, avança mais uma etapa para a consolidação de uma Agência de Desenvolvimento Regional (ADR). Nesta quarta-feira (06), no Sebrae Ilhéus, foi apresentado o mapeamento das forças regionais e foi validado um modelo jurídico para a agência, que abrangerá os municípios de Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Uruçuca, Canavieiras e Una. 
 
De acordo com a consultoria jurídica, contratada pelo Instituto Arapyaú, o modelo mais adequado à ADR é o de acoplamento institucional, que visa integrar a Agência ao Parque Científico de Tecnológico do Sul da Bahia, um modelo semelhante ao adotado pelo Porto Digital, em Recife (PE). Após apresentar as formas de governança e os encaminhamentos necessários, houve a validação pelo fórum. O momento foi celebrado como uma importante fase que leva à efetivação da Agência, que tem o seu propósito definido de forma participativa pelos segmentos envolvidos. 

Lançado em agosto de 2018, como resultado do Programa Líder, do Sebrae, o Sul da Bahia Global, desde então, tem se mobilizado em reuniões que visaram elaborar e validar um diagnóstico regional modelado pela empresa de consultoria Macroplan, também contratada pelo Instituto Arapyaú. Além disso, buscou resultados práticos por meio das chamadas ‘vitórias rápidas’, que são as prioridades eleitas por participantes dos quatro grupos de trabalho – Economia, Infraestrutura, Educação e Meio Ambiente e Paisagem. 
 
O Instituto Nossa Ilhéus, organização da sociedade civil que está desde o início somando para a iniciativa atingir os objetivos, auxiliou a Macroplan no mapeamento e na mobilização das forças institucionais. “O Sul da Bahia Global é a conjunção de expertises e interesses com vistas à implantação de um programa de desenvolvimento regional que integra os três setores, alicerçado na cultura do empreendedorismo pautada na vocação da região”, explica a presidente Maria do Socorro Mendonça.
 
A representante do Instituto Arapyaú, Adriana Cestari, destacou o grande diferencial do fórum. “Existem movimentos que nascem de problemas ou de questões de um segmento específico. O Sul da Bahia Global nasceu da sociedade civil, com foco em um objetivo comum que será benéfico para todos os segmentos, e esta é a grande força deste movimento, que hoje dá mais um importante passo”, pontuou. Mais sobre o SBG pode ser acessado em: http://abre.ai/adrsuldabahiaglobal.

Três homens morrem em operação da Polícia Militar

Uma operação policial neste domingo, 3, resultou na morte de três homens acusados de envolvimento com o tráfico de drogas e homicídios – eles estariam prontos para um confronto com rivais. O fato ocorreu em Coaraci, cidade próxima a Itabuna e Ilhéus.

Os suspeitos estavam em uma casa da rua Santa Helena quando ali chegaram policiais da Cipe Cacaueira. Segundo eles, Roberto Souza Santos, Zói; Rosevaldo Santos Filho, Vava, e João Marcos Santana Filipe reagiram e houve troca de tiros.

Armas, segundo a Polícia Militar, foram encontradas com os suspeitos, tais como um revólver 38, marca Rossi; um revólver 38 marca Taurus; uma pistola cal. 380 marca Taurus. Celulares e rádios comunicadores também estavam com eles. (Diário BA)


Gestores e técnicos do Litoral Sul participam de capacitação regional em Ilhéus

Resultado de imagem para Gestores e técnicos do Litoral Sul participam de capacitação regional em IlhéusA cidade de Ilhéus sediou, pela primeira vez, a capacitação de entrevistadores dos formulários do Cadastro Único, Regional Bahia. A atividade foi finalizada na tarde desta sexta-feira (1º), na Faculdade Madre Thaís (FMT) e teve duração de quatro dias e carga horária de 32 horas.

Desde o início da semana, gestores, entrevistadores e técnicos que atuam nesta área dos municípios de Ilhéus, Una, Itabuna, Santa Luzia, Mascote, Coaraci, Itapé, Aurelino Leal e Itacaré participaram da capacitação. No final, houve entrega de certificados de conclusão.

O objetivo da capacitação é aperfeiçoar da gestão do Cadastro Único e do Programa Bolsa Família (PBF), envolvendo a uniformização de conceitos e a padronização de processos. Géssica Miranda, coordenadora do PBF em Ilhéus salientou que o CadÚnico é essencial como forma de gestão da situação de vulnerabilidade da população do município.

(mais…)