No Dia Mundial do AVC a Santa Casa de Itabuna apresenta novo protocolo

santa-casaA próxima segunda-feira(29), é o Dia Mundial de Combate ao Acidente Vascular Cerebral (AVC), que este ano, terá como tema “Up Again After Stroke” (“Reerguendo-se após um AVC”).

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o AVC é a segunda maior causa de morte e primeira causa de incapacidade no mundo, e pode acontecer com qualquer pessoa. Por este motivo, a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna apresentará nesta data, às 19:00 horas, o Protocolo de AVC, quer terá como publico alvo todos os médicos da instituição.

O Protocolo será apresentado pelo Neurologista Vascular Antônio Fernando, que ressalta a importância dessa implantação para dar celeridade e melhorar a qualidade do tratamento de pacientes com AVC. “Através da implantação do protocolo, parametrizaremos o passo a passo do atendimento, desde a chegada do paciente, na porta do hospital, até o início do tratamento. A prevenção, o reconhecimento dos sinais de alerta do AVC e o rápido tratamento de urgência diminui a chance de sequelas”, disse o médico.

Ainda segundo o Neurologista, o AVC do tipo isquêmico é tratável e potencialmente reversível, desde que o início do tratamento seja realizado em tempo hábil, nos pacientes candidatos a terapia, esta deve ser iniciada até 4,5 horas do início dos sintomas.

“O AVC do tipo isquêmico, o mais comum, acontece quando há uma obstrução em um dos vasos sanguíneos presentes no cérebro, e a partir daí, a parte do cérebro atingida começa a ter morte dos neurônios (1,9 milhão de neurônios morrem a cada minuto, no paciente que está sofrendo o AVC). Tempo é cérebro! Muitas pessoas sofrem um AVC e demoram para chegar ate a unidade hospitalar, o que acaba prejudicando o tratamento. Por este motivo, é importante que em no máximo 60 minutos da chegada ao hospital, ele seja triado, atendido, realize os exames adequados e seja medicado. A implantação do protocolo, busca melhorar a assistência aos pacientes com AVC, e assim ajudará a salvar vidas”, ressaltou o médico.


Secretários de saúde do Litoral Sul conheceram a Policlínica Regional de Jequié

luciano_veiga_falou_da_importancia_da_visitaPor Viviane Cabral | Amurc

A região Sul da Bahia está prestes a receber a Policlínica de Saúde, que será instalada em Itabuna e vai atender 32 municípios integrados ao Consórcio Público Interfederativo de Saúde. Pensando nisso, o Fórum de Secretários de Saúde – FORSEMS, com o apoio da Associação dos Municípios da Região Cacaueira – Amurc e a Pró-Reitoria de Extensão da Uesc, realizou uma visita a Policlínica de Jequié nesta quarta-feira, 10, com o objetivo de conhecer a estrutura física e administrativa, a fim de definir ações específicas que serão trabalhadas no equipamento Sulbaiano.

A unidade foi inaugurada no ano passado, e hoje oferece atendimento a uma população de 500 mil habitantes, de 28 municípios consorciados em 14 especialidades médicas, empregando mais de 80 profissionais, entre médicos, enfermeiros e apoio administrativo. Segundo a diretora da Policlínica, Ignês Lopes Oliveira, a policlínica foi pensada a partir do modelo do estado do Ceará, mas foram feitas adaptações para atender a realidade local, com o envolvimento dos secretários municipais de saúde na regulação dos serviços.

Nessa perspectiva, os secretários possuem um papel fundamental no planejamento, nas escolhas dos procedimentos (consultas especializadas, serviços de apoio e opcionais), na regulação e consequentemente na gestão do equipamento. Por isso, o secretário executivo da Amurc, Luciano Veiga, considerou a visita importante, pois “contribuiu para ampliar o conhecimento sobre os aspectos práticos do funcionamento da estrutura, e envolveu o conjunto de secretários para que eles possam construir, definir e apontar conjuntamente os procedimentos que serão trabalhados na Policlínica em Itabuna”.

O secretário de saúde de Itapé e vice-presidente do Forsems, Ronaldo Mota, parabenizou a iniciativa da Amurc, Uesc e do Consórcio de Saúde em promover essa visita, com a finalidade de conhecer uma policlínica que atende muitos municípios, no qual, o modelo visa atender as demandas reprimidas dos municípios. “A visita foi importante para esclarecer sobre gargalo de todas as secretarias, que é a regulação, de como será feita. A gente vai conseguir monitorar e realizar as regulações certas”.

Secretários-de-saúde-do-Litoral.jpgA visita também contou com a participação do presidente do Consórcio de Saúde, que também é prefeito de Almadina, Milton Cerqueira. Segundo ele, a visita foi uma experiência fundamental, principalmente no momento em que os municípios estão envolvidos no processo de planejamento das ações para a policlínica no Sul da Bahia. Ele ainda chamou a atenção dos secretários sobre a necessidade de união em prol do bem comum de todos os municípios, visando otimizar os procedimentos médicos. “Se todos se unirem, será mais fácil adequar os exames de cada um, favorecendo o melhor atendimento da policlínica”, destacou.

Apoio

A visita técnica a Policlínica de Jequié foi uma reivindicação do Fórum de Secretários de Saúde, bem como solicitação dos prefeitos consorciados, que buscam mais informações sobre o funcionamento, operação e custeio deste equipamento. As ações foram desenvolvidas pelo Programa de Apoio Institucional às Prefeituras do Território Litoral Sul – AGIR da Amurc, em parceria com a Pró-Retoria de Extensão da Uesc.


Hospital de Base completa 20 anos

Há exatos 20 anos era inaugurado, em Itabuna, o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (HBLEM). Foi no dia 27 de setembro de 1998 que a saúde de Itabuna e região passou a contar com o equipamento que, de lá pra cá, já realizou mais de 1 milhão e 800 mil atendimentos e mais de 109 mil internamentos, salvando a vida de milhares de pessoas de todo o Brasil.

Como parte das comemorações pela existência do HBLEM, o prefeito Fernando Gomes, responsável por idealizar e entregar o projeto à comunidade foi homenageado e lembrado por todo empenho na concretização deste sonho, que é o Hospital de Base.

Durante visita ao Hospital, o prefeito Fernando Gomes apresentou à imprensa e aos convidados uma nova enfermaria instalada na unidade hospitalar, viabilizada graças ao empenho da atual gestão do Hospital.

O prefeito lembrou ainda que o hospital foi construído com recursos próprios do município e, ao falar sobre a luta diária para administrar o município que vem enfrentando uma grave crise de arrecadação, apontou que só é possível superar as dificuldades com trabalho e dedicação. “Fui eleito porque o povo acredita em mim e estou aqui para trabalhar, fazendo a minha parte. Pautei toda a minha vida no trabalho, de domingo a domingo, e continuarei assim pra levar melhorias à Itabuna”, comentou.

Em agradecimento ao corpo de funcionários, incluindo também médicos e toda a diretoria, o prefeito elogiou a qualidade do atendimento, e observou que, nos últimos dois anos, o hospital voltou a ter um acolhimento humanizado, voltado ao bem estar dos pacientes. Fernando Gomes agradeceu ainda ao projeto Amigas do Base pela doação de lençóis e toalhas ao hospital e a Dra. Heloina Machado, Juíza do Trabalho, que destinou recursos da Justiça do Trabalho para a realização de reformas em todas as enfermarias da unidade hospitalar, em 2017. “São de pessoas assim que o hospital precisa para que esses 20 anos se multipliquem, cada vez mais forte, servindo o povo de Itabuna e da Bahia”, disse o prefeito.


Saúde alerta sobre imunização contra o sarampo e reforça vacinação nas escolasmpo e reforça vacinação nas escolas

O aumento no número de casos de sarampo no Brasil e a baixa cobertura vacinal enfrentada pelos municípios trouxe um sinal vermelho para a Prefeitura de Ilhéus. Por causa disso, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) prorrogou até sexta-feira (21) o alerta à população para que busque as unidades de saúde para tomar a vacina.

Segundo o Núcleo Regional de Saúde, 9.046 doses foram aplicadas contra o sarampo (83,02%) e 9.121 doses aplicadas contra a pólio (83,72%). A meta no município é vacinar 10.895 crianças em Ilhéus, e para isso a ação vai alcançar todas as escolas do município.

O diretor de Vigilância em Saúde do município, Gleidson Santana Sousa, informa que toda a rede de saúde está mobilizada em torno das ações contra o sarampo e a poliomielite.

“A população deve procurar as salas de imunização nas unidades de saúde do município. O alerta vai para as pessoas de 1 a 49 anos que ainda não tomou a vacina, e aquelas que, na sua carteira de vacinação, não constar comprovante de imunização, estas sim devem procurar o mais rápido possível os postos”, alertou.


ANS suspende a comercialização de 26 planos de saúde de 11 operadoras

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) determinou suspensão temporária da comercialização de 26 planos de saúde de 11 operadoras. Foram computadas, no período de 1º de abril até 30 de junho, 17.171 reclamações de natureza assistencial, o que foi tomado como motivo para as suspensões.

Juntos, os planos proibidos de serem comercializados acumulam 75,5 mil beneficiários, que não perderam direito aos serviços oferecidos pelos planos. A medida passou a valer a partir de hoje.

As suspensões fazem parte do programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, realizado a cada três meses pela ANS. A ideia do programa é garantir a qualidade dos serviços prestados pelas operadoras de saúde. A ANS recebe e registra as reclamações do beneficiário e faz uma notificação preliminar para as operadoras. Depois de informada, a ANS determina prazos para que seja resolvido ou justificado o problema citado nas reclamações.

LEIA MAIS NO CORREIO BRASIENSE.


Gestores têm 15 dias para divulgar balanço da campanha de vacinação

vacina_fiocruz_-_pesquisaGestores públicos terão até 15 dias para informar ao Ministério da Saúde quantas doses da vacina contra o sarampo e contra a poliomielite foram aplicadas durante os quase 30 dias da campanha nacional.

Dados preliminares do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização indicam que mais de 19 milhões de crianças com idade entre 1 ano e menos de 5 anos foram imunizadas. O número coloca a média nacional em 86%.

De acordo com o ministério, até o momento, seis estados atingiram a meta de imunizar 95% do público-alvo: Espírito Santo, Santa Catarina, Pernambuco, Rondônia, Amapá e Sergipe. O índice é recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como estratégia para manter ambas as doenças erradicadas no Brasil.

Apesar da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo ter sido encerrada ontem (31), a pasta orientou estados e municípios com cobertura vacinal abaixo da meta a abrir seus postos de saúde neste sábado (1º). A Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro, estado com um dos mais baixos índices de cobertura, decidiu prorrogar a vacinação por mais 15 dias.(Agencia Brasil)


Itacaré realiza neste sábado o Dia D de vacinação

campanha-de-vacinacao-contra-gripe-segue-ate-o-dia-26-em-ibicarai-2A Prefeitura de Itacaré está realizando neste sábado, dia 18, o Dia D de mobilização nacional da campanha de vacinação contra a poliomielite e o sarampo. com a imunização de crianças de 0 a 5 anos.
E para garantir um alcance ainda maior, equipes da Secretaria Municipal de Saúde estão realizando ações de vacinação nos mais diversos postos da cidade e do distrito de Taboquinhas, além de pontos extras em diversos bairros.
De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, neste sábado estarão funcionando os postos de vacinação na unidade de saúde do bairro da Passagem, UBS do Centro, Posto de Saúde do bairro Santo Antônio, PSF da comunidade da Marambaia e ainda no distrito de Taboquinhas, no posto Maria de Lourdes. Também serão colocados pontos extras de vacinação na Praça dos Cachorros, Praça do Fórum, na Rua da Linha em frente a barbearia de Luís e na Praça do Marimbondo.

Secretaria de Saúde intensifica vacinação contra polio e sarampo em Ilhéus

A Secretaria Municipal de Saúde de Ilhéus (Sesau) intensificou a vacinação contra a poliomielite e sarampo, sábado (11), com atendimento dos bairros Teotônio Vilela, Banco da Vitória e Salobrinho. O trabalho foi acompanhado pelo secretário Geraldo Magela e a diretora da Atenção Básica, Érica de Jesus e reforçado pelas equipes do CAE III (antigo Sespi), na Avenida Canavieiras, centro da cidade.

Nesta segunda-feira (13), as equipes de vacinadores atendem as localidades de São João e Aritaguá, na zona rural do município. De acordo com o cronograma de trabalho, a ação será levada ao distrito de Sambaituba, na quarta-feira (14); localidades de Campinhos, Urucutuca e Vila Olímpio, quinta-feira (16) e ao distrito de Rio do Engenho e vilarejo de Areia Branca, na sexta-feira (17). Todas as crianças de um ano a menores de cinco devem se vacinar contra a pólio e sarampo, independente da situação vacinal.


Carreta de Triagem para o Mutirão de cirurgias fica em Ubaitaba até o próximo sábado

No período de 2 a 4 de agosto serão feitas as consultas prévias em uma unidade móvel estacionada na Praça Cultural, no centro de Ubaitaba.

A Secretaria Municipal de Saúde informa que é importante que os pacientes que farão cirurgias levem todos os exames laboratoriais e outros que fizeram. No caso de cirurgia de vesícula, os pacientes precisam estar em jejum para a realização do exame de ultrassonografia (USG). Para as mulheres que farão o procedimento de histerectomia, será preciso levar o exame preventivo, e se ainda menstruam, devem levar também o exame Beta HCG.

Também terá atendimento pediátrico (crianças de 4 a 13 anos) para a retirada de amígdalas e adenoide, hérnias e retirada da bolsa de colostomia. Crianças farão um cadastro no mutirão e depois será marcada a data da cirurgia, pois elas precisão de um Hospital Pediátrico para realização do procedimento. Já em relação aos adultos, após a triagem as cirurgias serão realizadas no Hospital Regional Costa do Cacau, no Banco da Vitória, em Ilhéus.

Os pacientes serão provenientes ds municípios de Almadina, Aurelino Leal, Barro Preto, Coaraci, Floresta Azul, Gongogi, Ibirapitanga, Itabuna, Itajuípe, Itapé, Itapitanga, Maraú e Ubatã, além de Ubaitaba. Nas carretas eles farão consultas e exames como ultrassonografia, eletrocardiograma e Raios-X, além de receberem informações dos profissionais de Saúde envolvidos no Mutirão de Cirurgias.


Rui Costa inclui no seu programa de governo a construção de hospital em Teixeira de Freitas

rui_texeira_ufsbApós solicitação de estudantes do curso de medicina da Universidade Federal do Sul da  Bahia – UFSB, o pré-candidato a governador Rui Costa incluiu no plano de governo, a construção de um hospital estadual no município de Teixeira de Freitas. O evento que reuniu militantes e lideranças que atuaram na construção das propostas  da região, foi na última sexta-feira,27.

Rui, assim como fez em 2014, está em caravana pelo estado da Bahia. Na época,  o Hospital Costa do Cacau foi uma das solicitações do Território Litoral Sul. O fato  deixa  aos estudantes de medicina e os moradores de Teixeira de Freitas esperançosos,  visto que Rui Costa tem a fama de pagador de promessas.

As diretrizes do programa de governo, documento exigido para inscrição de candidatura ao  executivo, no qual Rui está construindo com a participação popular de todo o Estado, através de reuniões, plenárias regionais  e plataforma virtual,  deve ser registrado até  dia 15 de agosto no TRE.