Pesquisa aponta vitória de Rui Costa em 1º turno com 51%

rui-costa_ilheusO governador Rui Costa (PT), candidato à reeleição, está como o preferido dos eleitores ao Palácio de Ondina, segundo pesquisa divulgada pela Record TV Bahia na manhã desta quarta-feira (22). O estudo realizado pela Real Time Big Data traz o petista liderando o cenário estimulado com 51%. Zé Ronaldo, candidato do DEM, aparece logo em seguida com 18%.

Ainda na pesquisa estimulada, na terceira posição está João Henrique (PRTB) com 1%. Já os candidatos Marcos Mendes (Psol), Orlando Andrade (PCO) e Célia Sacramento (Rede) têm, juntos, 2%.

No cenário da pesquisa espontânea, Rui Costa tem 34%. Zé Ronaldo, então, aparece com 10%. Os demais candidatos somam 1%, indecisos são 44% e os que vão votar nulo ou em branco representam 11%.

Segundo turno – Conforme os dados, Rui venceria Zé Ronaldo com 55% das intenções de votos. O democrata aparece com 25% neste cenário.

A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob número de identificação BA-05201/2018, foi contratada e realizada pelo instituto Real Time Big Data. O levantamento ouviu 1.200 eleitores entre os dias 16 e 17 deste mês de agosto, tem nível de confiança de 95% e margem de erro de até 3% para mais ou para menos. (Bahia.BA)


Termina hoje às 19h prazo para registro de candidaturas

eleicoesOs partidos e coligações políticas têm até hoje (15) as 19h para apresentar os pedidos de registro das candidaturas. Dos 13 candidatos que tiveram os nomes aprovados em convenções partidárias, cinco não apresentaram as solicitações de registro.

Ainda não apresentaram os pedidos: Marina Silva (Rede), Henrique Meirelles (MDB), João Vicente Goulart (PPL), José Maria Eymael (DC) e Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Até o começo da manhã desta quarta-feira oito candidatos se registraram: Alvaro Dias (Podemos), Cabo Daciolo (Patriota), Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin (PSDB), Guilherme Boulos (PSOL), Jair Bolsonaro (PSL), João Amoêdo (Novo) e Vera Lúcia (PSTU).

No total, foram confirmadas nas convenções 14 candidaturas. Porém, há um impasse em torno do nome de Manuela D’Ávila (PCdoB), que indicou a disposição de sair como vice em uma eventual chapa liderada pelo PT.

É aguardado para hoje à tarde o registro da candidatura do ex-presidente Lula. Porém, como ele está preso em Curitiba, há dúvidas se deve ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa, que o tornaria inelegível.(Agencia Brasil)


Rui é confirmado como candidato ao governo da Bahia

rui_convencao_02“Aprendi com a minha família valores que me conduziram até aqui. E um deles foi a humildade, o pé no chão. Vamos seguir trabalhando muito e quem tiver perna para me acompanhar me siga”, afirmou o governador Rui Costa na Convenção da Vitória, que confirmou sua candidatura à reeleição pelo PT neste sábado (4), no Parque de Exposições de Salvador. Mais de 30 mil pessoas participaram do ato, que também oficializou os quatro pré-candidatos da chapa Mais Trabalho por Toda a Bahia, composta também pelos candidatos a vice-governador, João Leão (PP), e a senador, Jaques Wagner (PT) e Angelo Coronel (PSD).

“Vamos seguir levando saúde para o interior da Bahia e apostando na educação como instrumento de transformação da vida humana. Por isso, vamos planejar um programa de Governo audacioso, ousado, para a área da educação, com a construção de 600 quadras cobertas nas escolas e o funcionamento em tempo integral, dando um salto de qualidade ainda maior”, acrescentou o governador na entrevista concedida à imprensa.

Carta de Lula

Durante a convenção, uma carta enviada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aos baianos foi lida pelo cantor Lazzo Matumbi. No texto, Lula enfatiza que a convenção liderada pelo candidato ao governo da Bahia, Rui Costa, reafirma a democracia e a esperança por um Brasil e uma Bahia mais felizes. “É muito gratificante saber que estamos diante de uma Convenção para reafirmar a grandeza de um governo de excelência. Uma convenção que acena para a continuidade de um projeto grandioso que transformou a vida do povo baiano, que promoveu o desenvolvimento com inclusão produtiva e justiça social. Continuemos na luta! Vamos disputar o nosso Projeto!”, diz a carta.

Composição das chapas proporcionais

O nome da chapa majoritária, “Mais Trabalho Por Toda a Bahia” também foi oficializado durante o ato de hoje. Além de PT, PSD, PP, PC do B, PSB, PR e PRP, que possuem representantes na chapa majoritária, também formam a coligação principal PDT, Podemos, Avante, PMB, PTC, PMN e Pros, totalizando 14 partidos. A base de Rui Costa vai se organizar da seguinte maneira na disputa por vagas na Assembleia Legislativa e na Câmara dos Deputados:

Coligações de deputados estaduais

– Chapão: PT, PSB, PSD, PP, PR, PDT, PRP, PMB, Podemos, Avante e Pros

– Chapinha: PTC e PMN

– PC do B sai sozinho na disputa estadual

Coligações de deputados federais

Chapa 1: PT, PSB, PSD, PC do B, Avante, Podemos, PR, PP

Chapa 2: PDT e PROS

Chapa 3: PTC, PMN, PRP e PMB


Brasil tem 147,3 milhões de eleitores

eleicoesO eleitorado brasileiro aumentou 3,14% nos últimos quatro anos, saltando de 142.822.046 votantes, em 2014, para 147.302.354 eleitores, divulgou hoje (1º) o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os eleitores estão distribuídos pelos 5.550 municípios e em 171 localidades de 110 países.

Há ainda 1.409.774 eleitores que não poderão votar nem se candidatar este ano, por estarem com os direitos políticos suspensos, segundo o tribunal.

De acordo com o TSE, a maioria do eleitorado brasileiro é formada por mulheres, com 77.337.918 (52,5%), enquanto os homens somam 69.901.035 (47,5%). Em 2014, as mulheres eram 74.459.424 (52,13%) e os homens, 68.247.598 (47,79%).

Houve crescimento expressivo dos eleitores no exterior nos últimos quatro anos, passando de 354.184 para 500.727 eleitores, aumento de 41,37%.

Para o presidente do tribunal, Luiz Fux, esse aumento é resultado de um esforço conjunto entre a Justiça Eleitoral e o Ministério das Relações Exteriores para facilitar o cadastro de eleitores residentes em outros países.

Os dados foram divulgados durante lançamento do Centro de Divulgação das Eleições do TSE.(Agência Brasil)


Eleições presidenciais já têm quatro candidaturas lançadas

eleicoesNos primeiros três dias de convenções nacionais, quatro candidatos a presidente da República foram confirmados pelos partidos políticos: Ciro Gomes (PDT), Paulo Rabello de Castro (PSC), Guilherme Boulos (PSol) e Vera Lúcia (PSTU). Enquanto o PSol e o PSTU lançaram a chapa completa, o PDT e o PSC ainda vão escolher os candidatos a vice-presidente.

Os convencionais do PDT aprovaram uma resolução autorizando a Executiva Nacional a negociar as alianças para o primeiro turno das eleições e o vice de Ciro Gomes. O PSC também vai articular um vice que agregue apoios, mas o candidato demonstrou disposição de ter uma mulher na sua chapa. (Agência Brasil)


Lançada em Itabuna a pré-candidatura Guilherme Galvão para a Câmara Federal

Empresários, profissionais liberais e produtores rurais integrantes do Movimento Região Forte lotaram o espaço de eventos da Churrascaria Los Pampas, em Itabuna, para o lançamento da pré-candidatura do agricultor Guilherme Galvão Oliveira Pinto para a Câmara Federal, pelo PSL.

Como pré-candidato do PSL,  mesmo partido de Jair Bolsonoro,  que concorre à presidência da República,  ele destacou a sua preocupação com a crise moral e política que afeta o país, com reflexos na economia, no crescimento da violência urbana e rural, bem como na qualidade da prestação de serviços essenciais à população nas áreas de educação e saúde.

Galvão  destacou,  como ponto básico de sua campanha, a defesa dos interesses não apenas dos produtores rurais da região Sul e do Oeste da Bahia, o que passa por uma solução para a questão do endividamento dos produtores de cacau, como também por uma maior e melhor representatividade política de uma região que foi historicamente abandonada e é carente de investimentos em  infraestrutura e serviços públicos de qualidade.


“A fórmula do sucesso é ouvir o povo e trabalhar com amor e fé em Deus”, diz Rui Costa em Caravana pelo interior

PHOTO-2018-07-13-20-27-19“A grande maioria das propostas que vocês fizeram em 2014 virou realidade e, por quatro anos consecutivos, fomos o Governo que mais cumpriu promessas no Brasil. Agora, queremos repetir a dose. A fórmula do sucesso é ouvir o povo e trabalhar com amor e fé em Deus”. A frase é do pré-candidato à reeleição, Rui Costa, após a quarta plenária territorial do Programa Participativo de Governo (PGP), em Juazeiro, na noite desta sexta-feira (13).

Antes de Juazeiro, Rui e os também pré-candidatos a vice-governador, João Leão, e senador, Jaques Wagner e Ângelo Coronel, estiveram em Paulo Afonso. Nos dois encontros, cerca de 1,5 mil militantes ouviram propostas de lideranças comunitárias, coordenadores de territórios de identidade, representantes de sindicatos, entre outros. “Esse é o ponto de partida para que vocês se organizem em grupos – presenciais e pela internet – e formulem propostas que vamos integrar ao plano de Governo que registraremos no TRE em agosto”, acrescentou o governador.


Rui Costa vai a cinco cidades neste fim de semana

rui-costa_ilheusCinco cidades estão no roteiro da Caravana pela Bahia neste fim de semana. Paulo Afonso, Juazeiro, Irecê, Miguel Calmon e Itaberaba vão receber o pré-candidato ao Governo da Bahia pelo PT, Rui Costa, para a construção colaborativa do Programa de Governo Participativo (PGP).

A Caravana teve início no último fim de semana, quando Rui foi aos municípios de Lauro de Freitas (dia 7) e Alagoinhas (dia 8) para ouvir as propostas de militantes dos territórios de identidade da Região Metropolitana de Salvador, Litoral Norte, Agreste e Semiárido Nordeste II.

Na sexta, o compromisso de Rui será nas cidades de Paulo Afonso, às 9h, e Juazeiro, às 17h. No dia seguinte, Rui estará em Irecê, às 9h, e Miguel Calmon, às 17h. O encerramento das atividades da Caravana do próximo fim de semana será em Itaberaba, às 9h.

Também estão no roteiro Guanambi, Vitória da Conquista, Jequié, Salvador, Teixeira de Freitas, Itabuna e Feira de Santana, mas outras cidades ainda podem ser agregadas à programação. A Caravana pela Bahia segue até o dia 3 de agosto, sempre nos fins de semana, com participação dos pré-candidatos a senador, Jaques Wagner e Angelo Coronel, e vice-governador, João Leão.


As controversas decisões de Favreto, Moro e Gebran Neto em disputa sobre soltura de Lula

lulaUm novo pedido de habeas corpus em favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva acabou desencadeando uma série de decisões “estranhas e incorretas” da Justiça brasileira neste domingo, avaliam juristas ouvidos pela BBC News Brasil. Depois de muita indefinição, o petista foi mantido preso em Curitiba, onde cumpre pena de 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso Tríplex do Guarujá.

Tudo começou com uma inesperada determinação do desembargador que estava de plantão no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), Rogerio Favreto, para a imediata soltura de Lula, ao atender recurso apresentado por três parlamentares petistas. A decisão veio depois de o Supremo Tribunal Federal ter autorizado a detenção do ex-presidente em abril.

O movimento de Favreto gerou imediata reação do juiz de Curitiba Sergio Moro, responsável pela condenação do petista em primeira instância, que resolveu se manifestar mesmo estando de férias para afrontar decisão de instância superior. Logo depois, o relator do processo de Lula no TRF-4, Pedro Gebran Neto, suspendeu a decisão de seu colega plantonista, embora a princípio tivesse jurisdição para analisar o caso apenas na segunda-feira, quando terminasse o plantão. Com isso, Favreto reafirmou sua decisão e determinou mais uma vez a liberdade de Lula.

Em meio ao impasse gerado por decisões de dois desembargadores de um mesmo tribunal, sobrou para o presidente do TRF-4, Thompson Flores, resolver a disputa: ele manteve a prisão afirmando que o pedido de habeas corpus de Lula é do desembargador João Pedro Gebran Neto, e não de Favreto.

“Isso (as sucessivas decisões) mostra aos olhos de todos que há uma insegurança jurídica generalizada. A cada dia, a cada momento, você é surpreendido por decisões ora contra, ora a favor, ora incompatíveis”, criticou o advogado criminalista Gustavo Badaró, professor de Processo Penal da USP.

Já o professor da FGV Direito Rio Ivar Hartmann avaliou as decisões de Favreto, Moro e Gebran Neto, como “tecnicamente erradas” e criticou também os aliados de Lula que teriam ingressado, na sua visão, com um habeas corpus ilegal no TRF-4.

Leia mais sobre o caso na Agência Brasil.


Rui Costa confirma Angelo Coronel e Wagner como candidato ao Senado

rui-costa_ilheusO governador da Bahia, Rui Costa (PT), reuniu o Conselho Político na tarde desta segunda-feira (25), no Palácio de Ondina, em Salvador, e anunciou o nome do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Angelo Coronel, como candidato a senador na chapa majoritária ao lado de Jaques Wagner (PT).

O anúncio já era esperado, porém apenas nesta segunda o governador divulgou, por meio de nota, que o presidente da AL-BA estaria ao seu lado na disputa eleitoral de 2018. Completam a chapa o próprio Rui Costa e João Leão como vice-governador.(BN)