Plenária do PT reúne lideranças políticas em Itabuna

Planaria_PT_06_11_15O plenário da Câmara de Vereadores de Itabuna ficou pequeno para a grande quantidade de militantes petistas, presente na atividade de formação politica que reuniu autoridades a nível estadual e regional do Partido nesta sexta-feira(06).

Jorge Solla deputado federal, Rosenbergue Pinto deputado estadual, Everaldo Anunciação presidente estadual do PT, Lenildo Santana prefeito de Ibicaraí e presidente da AMURC foram algumas das lideranças que vieram prestigiar a recepção de velhos e novos filiados.

A atividade organizada pelo presidente do Diretório Municipal Flávio Barreto, além da presença de centenas de militantes contou com a participação também de lideranças de outros partidos a exemplo de Wenceslau Júnior vice-prefeito do município e dirigente do PCdoB.Planaria_PT_mesa_06_11_15

No encontro todos aplaudiram e declaram apoio ao pré-candidato a prefeito Geraldo Simões. Atual suplente de deputado federal, Simões  agradeceu a confiança e se colocou disposto a construir um projeto popular para Itabuna mais uma vez.


Plenária de formação política do PT será nesta sexta-feira

É nesta sexta-feira,06, a plenária de formação política dos novos filiados do Partido dos Trabalhadores de Itabuna. O encontro deve reunir militantes históricos e autoridades a nível estadual da sigla.

De acordo o presidente do Diretório Flávio Barreto, o evento “está programado para começar às 18h na Câmara Municipal de Vereadores, no bairro Conceição”.


Conselho de Ética instaura processo para investigar Eduardo Cunha

Conselho de Ética da Câmara se reúne para instaurar processo para investigar o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) (Foto: Nathalia Passarinho/G1)O Conselho de Ética da Câmara instaurou na tarde desta terça-feira (3) processo para investigar se o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB –RJ), cometeu quebra de decoro parlamentar ao dizer que não possui contas bancárias secretas na Suíça.

As investigações poderão resultar em absolvição, censura verbal ou escrita, suspensão ou cassação do mandato.
Alvo de investigação na Operação Lava Jato, Cunha é acusado pelo PSOL e pela Rede, autores do requerimento, de ter mentido em depoimento à CPI da Petrobras, em março, quando disse não possuir contas no exterior.

Documentos enviados pelo Ministério Público da Suíça ao Brasil mostram a existência de contas na Suíça. O Supremo Tribunal Federal já abriu um inquérito para investigar as suspeitas.

Desde que surgiram as suspeitas, Cunha nega ter recebido “qualquer vantagem indevida de quem quer que seja”. Ele tem se recusado a falar sobre o assunto, quando questionado por jornalistas.

O pedido de investigação foi lido no plenário, procedimento que significa a instalação do processo.

Leia mais no G1.


PT pede que TSE investigue contas da campanha presidencial de Aécio Neves

O PT entrou hoje (27) com uma representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na qual pede abertura de investigação sobre supostas irregularidades na contas de campanha presidencial do senador Aécio Neves (PSDB-SP), candidato derrotado à Presidência da República em 2014.

Por meio de análise própria dos dados financeiros entregues ao TSE pela campanha de Aécio Neves, o partido alega que há problemas fiscais em 78% dos recibos apresentados na prestação de contas. Com base no lavantamento, o PT pediu também ao TSE a rejeição das contas do candidato, que ainda não foram julgadas e estão sob a relatoria da ministra Maria Theresa de Assis Moura.

De acordo com o coordenador jurídico Flávio Caetano, a contabilidade apresentada pela campanha de Neves fez lançamentos que não constam em extratos bancários “com indício de caixa 2″, usou recursos do Fundo Partidário e fez gastos antes da abertura de contas destinadas para receber os recursos para a campanha, conforme prevê a legislação eleitoral.

O levantamento feito pela equipe de Caetano aponta que um depósito de R$ 1,2 milhão foi feito pelo Comitê Financeiro Nacional do PSDB em benefício do próprio comitê. Para o advogado, a suposta irregularidade significa que há” indício de que o candidato mantinha em espécie valores superiores ao permitido pela legislação eleitoral”.(Agência Brasil)


Encontro do PTB Mulher Nacional teve representante de Itaju do Colônia

ptmulher_josi_dinha_ssa_24_10_15No fim semana (24/10), aconteceu o encontro do Partido Trabalhista Brasileiro Mulher (PTB Mulher Nacional) em Salvador. O evento contou com a participação da delegação do município Itaju do Colônia.

O encontro debateu os temas Reforma Política e teve objetivo de manter as trabalhistas em sintonia com as tendências políticas, e em constante atualização. De Itaju do Colônia participou a presidenta local da sigla, Rosileide Araújo, atual secretária municipal de Assistência Social, e Josiane Santana que foi empossada no encontro como coordenadora do PTB Mulher do município da terra da montaria.

“Fiquei muito feliz pela organização desse evento, que reuniu mais de 300 mulheres de mais de 45 municípios. Algumas delas percorreram mais de mil quilômetros para estar aqui. Isso representa uma mudança de cenário, de atitude”, destacou a presidente nacional do PTB Mulher, Marlene Campos Machado.


Nova tendência do PT quer resgatar valores da esquerda

Yulo_galo_maria_rosario
                                 Yulo Oiticica, Marcelino Galo e Maria do Rosário

A Avante, nova tendência do PT, marca de forma contundente um novo momento para o partido. Segundo seus idealizadores, é preciso enfrentar problemas internos e retomar o diálogo com a esquerda e os movimentos sociais. O marco oficial da nova tendência acontecerá nos dias 26 e 27 de outubro, na sede do Partido dos Trabalhadores em Brasília. A Avante é resultado da fusão originada de uma dissidência do Movimento PT com a tendência Brasil Socialista. O Seminário iniciará também a unificação com a tendência regional “Socialismo XXI” do Rio Grande do Sul.

Integrante da tendência na Bahia, o ouvidor geral do Estado e ex deputado estadual, Yulo Oiticica, destacou “O Avante traz uma nova proposta de reoxigenar o Partido dos Trabalhadores (PT) a partir dos seus velhos e sempre eternos princípios e dos desafios que tem a esquerda no Brasil na consolidação de um partido socialista de massa”.

“Temos que recuperar no PT sua capacidade de combatividade, de enfrentar os desafios que estão colocados e que são desafios de sobrevivência da esquerda no Brasil e no mundo, e, para além da esquerda, o futuro dos valores humanos da sociedade depende desse debate teórico que a gente está tendo na atualidade. Por isso que é importante este instrumento como o Avante, para que possamos incidir sempre à esquerda no debate político”, afirmou o deputado Marcelino Galo, representante da tendência na Assembleia Legislativa da Bahia.

Além de Yulo e Galo, o seminário contará com a presença dos deputados federais Maria do Rosário (RS), Arlindo Chinaglia (SP) e Chico D’Angelo (RJ), e com o deputado estadual Frei Anastácio (PB). Dessa forma, a tendência ganha robustez em sua atuação política dentro do PT, agregando ao mesmo tempo diversos dirigentes nacionais, estaduais e municipais do PT, prefeitos e vereadores, além de inúmeros militantes em 18 estados brasileiros.

“Nós precisamos organizar um espaço no PT para além da vida interna partidária. Enxergo o Avante como um instrumento que resgata valores da sociedade e que irá lutar pelos direitos mais profundos que definem o papel da humanidade. Não há um caminho para a política, a política é o caminho para essa nova sociedade”, pontua a deputada federal e ex-ministra dos Direitos Humanos, Maria do Rosário, uma das lideranças nacionais da tendência.

Além dos parlamentares, no encontro na capital federal também estarão presentes dirigentes do partido, sindicalistas, militantes da juventude, do movimento feminista, dos LGBT’s, do movimento negro e todos os segmentos que lutam pela afirmação dos direitos humanos, reformas urbana e agrária, e da luta ambientalista.


Vane diz novamente que não é “candidato à reeleição”…

                                                 Foto Tempo Presente

Do Blog do Thame

Em conversa informal com jornalistas durante a inauguração da sede do Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar, em Itabuna, o prefeito Claudevane Leite reafirmou que não é candidato à reeleição, mas questionado se a conjuntura política o levar a disputar o cargo, deixou aberta a possibilidade de rever sua posição, que por ora é de entregar o comando na prefeitura no dia 31 de dezembro de 2016.

“Não sou candidato a reeleição por motivos pessoais e também porque não vou usar métodos escusos para bancar uma campanha cara”, afirmou. Vane também disse que vai deixar uma prefeitura melhor do que encontrou para seu sucessor.

Perguntado se, em meados do ano que vem, a situação mostrar que ele é o único nome viável para enfrentar a candidatura de oposição (leia-se Augusto Castro), Vane respondeu primeiro com um silêncio que deixou brecha para qualquer tipo de interpretação, inclusive de que pode, sim, ser candidato, e depois com um evasivo, “acredito que vamos achar um nome de consenso para ser o candidato do Governo, em comum acordo com o governador Rui Costa”.


Com discurso em tom conciliador, Jaques Wagner assume Casa Civil

Da Agência Brasil

Com um tom conciliador, o ex-ministro da Defesa e ex-governador da Bahia Jaques Wagner assumiu hoje (7) o comando da Casa Civil no lugar de Aloizio Mercadante, que passa a ser o ministro da Educação. Em discurso de transmissão do cargo, Wagner negou o status de “superministro” e de “salvador da pátria”, disse que pretender trabalhar em equipe e buscar o diálogo com os que apoiam o governo e também com a oposição.

“Vou tentar, à frente da Casa Civil, repetir aquilo que considero que foi exitoso à frente do governo do estado da Bahia: entender as nossas diferenças e compreender a riqueza da pluralidade, que é própria da democracia”, discursou o Wagner. O petista fez um pedido para que todos coloquem as “diferenças menores de lado” em prol da superação do momento de crise enfrentado no país. “Não creio que nenhuma interrupção na democracia, na naturalidade da democracia possa contribuir para melhorar o país que queremos. É preciso ter serenidade para que a gente possa enfrentar esse momento e fazer aquilo que a nossa gente precisa”.

O novo ministro da Casa Civil prometeu estar aberto ao diálogo e ser um colaborador para o trabalho dos demais ministros. “Felizmente, estamos completando 30 anos de democracia ininterrupta e considero que essa é a conquista maior do povo brasileiro. Viver na democracia é conviver na diversidade. Não tenho dúvida que essa seja a marca maior da minha trajetória política: a humildade, a abertura ao diálogo, tendo posições firmes, mas sempre sabendo submetê-las ao confronto de ideias”.


Feijoada empolga militância petista

feijoada PT 3_ou_15Um ano antes das eleições. Mais de 400 militantes e simpatizantes do Partido dos Trabalhadores de Itabuna circularam e comeram a 1ª Feijoada dos Companheiros neste último sábado(03) na Usemi no bairro São Caetano. O evento foi promovido pela cúpula do Partido.

O presidente do Diretório Municipal do PT Flávio Barreto, considerou o evento muito positivo e afirmou que o “encontro descontraído e animado na feijoada dos companheiros serviu para integrar a militância já no clima do pleito de 2016”. Se a empolgação dos companheiros ir aumentando como se desenhou na feijoada, o PT vai dar trabalho para seus  correntes. Aliás, quando a militância petista vai unida para rua vestindo a camisa, ninguém segura.

A festa bem concorrida contou com a presença também de diversas lideranças, dezenas de pré-candidatos a vereadores do PT e de outros partidos, e claro do ex-deputado federal e pré-candidato a prefeito do município Geraldo Simões. O petista não parou um minuto durante a feijoada. Todo mundo fez questão de dar um abraço em Simões.


Dilma anuncia reforma de ministérios e coloca Wagner na Casa Civil

Do Bahia Notícias

A presidente Dilma Rousseff (PT) anunciou, oficialmente, a nova configuração da Esplanada dos Ministérios nesta sexta-feira (2). A reforma ministerial foi explicada durante declaração feita do Salão Leste do Palácio do Planalto e ela não respondeu a perguntas da imprensa.

O anúncio estava previsto para a última semana, mas impasses entre os líderes do PMDB e a bancada da legenda no Congresso adiaram a conclusão das negociações. A intenção do governo federal é reduzir até R$ 200 milhões em gastos da União com o corte dos ministérios e de cargos comissionados. Os detalhes da economia, contudo, só serão apresentados na próxima semana pelo ministro do Planejamento, Nelson Barbosa.

Entre as mudanças especuladas, foram confirmadas, a ida do ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, para a Casa Civil. Arthur Chioro (Saúde) e Renato Janine Ribeiro (Educação) deixaram o primeiro escalão, e Pepe Vargas (Direitos Humanos) comunicou na semana passada que retomará seu mandato na Câmara dos Deputados.

Os ministérios de Direitos Humanos, Mulheres e Igualdade Racial foram fundidos na pasta Cidadania, e a Secretaria de Governo vai englobar Relações Institucionais e Secretaria Geral da Presidência.

Confira no Bahia Notícias o que continua igual e o que muda no governo Dilma.