Prefeitura de Itabuna convoca auditor aprovado em concurso

 A Prefeitura Municipal de Itabuna fez mais uma convocação de candidato aprovado e classificado no Concurso Público Municipal, realizado através de Edital nº 001/2016 e homologado através do Decreto nº 11.742, de Junho de 2016.

O secretário Municipal de Administração, Dinailson Oliveira, ressalta a importância da contratação dos aprovados no concurso público. “Precisamos preencher as lacunas existentes no quadro de servidores do município, e à medida que forem surgindo às necessidades faremos as convocações para o quadro de pessoal efetivo do município”.

A vaga a ser preenchida é de Auditor Fiscal. O candidato convocado, Nathan Silva Batista Pessoa, deverá comparecer ao Departamento de Recursos Humanos da Secretaria de Administração munido de duas fotos 3×4 (recentes); carteira de identidade; CPF; CTPS; Título de Eleitor; PIS/PASEP; Comprovante de residência atualizado; Certidão de Estado Civil; Certidão de Nascimento dos dependentes, incluindo vacinação para crianças de até 7 ano; Comprovante de matrícula escolar para os maiores de 7 anos; e Certidão Eleitoral.

 


Sintesi denunciou Abrigo São Francisco de Assis ao MP

Em oficio encaminhado ao Ministério Público Estadual pela a direção do Sintesi, nesta quarta-feira, dia 12, a entidade denunciou ao órgão, que a Associação das Senhoras de Caridade, instituição responsável pelo Abrigo São Francisco de Assis, resolveu terceirizar a gestão, entregando para a pessoa do Sr. David Guimarães dos Santos Silva. Esse fato causou mudanças drásticas para a assistência aos idosos e aos direitos dos trabalhadores.

Conforme os dirigentes sindicais, os cuidados com os idosos pioraram devido as más condições de trabalho imposta aos funcionários por Guimarães, “ele retirou diversos adicionais salariais que compõem o salário dos trabalhadores, tais como: triênio, insalubridade e produtividade, que representa uma média redução de 30% dos vencimentos integrais dos 33 trabalhadores do abrigo, entre eles, estão técnicos em enfermagem, higienização, copa, cozinha, manutenção, lavanderia e porteiros, além disso, sua relação com os funcionários édesrespeitosa e grosseira. ”, afirmam.


Greve no Abrigo São Francisco de Assis de Itabuna

greve_assembleia_abrigoEm assembleia no auditório do Sintesi na noite dessa segunda-feira (10), os funcionários do Abrigo São Francisco de Assis, revoltados com a redução dos salários, decidiram entrar em greve por tempo indeterminado, a partir da próxima segunda-feira, dia 17 de abril.
O Abrigo é presidido pela Sra. Maria de Lourdes Andrade, tem uma média de 80 idosos e 33 funcionários, entre eles: técnicos em enfermagem, higienização, copa, cozinha, manutenção e porteiros.

No histórico da instituição nunca houve um fato tão grave que afetasse os direitos econômicos dos trabalhadores, entretanto, de acordo com a direção do Sindicato, “depois da chegada de uma equipe que passou a assessorar a presidente, a primeira ação da direção foi deixar de repassar a mensalidade sindical, devidamente autorizada pelos funcionários, essa questão está sob judice”, afirmam.

A presidente Lourdes resolveu ir mais longe, atendendo as orientações da sua assessoria reduziu os salários dos funcionários, cortando os adicionais econômicos previstos na convenção coletiva de trabalho. Alguns funcionários tiveram redução que ultrapassa os 30%.

Solisvaldo Francisco, funcionário do Abrigo e coordenador da secretaria de formação do Sintesi, disse esperar que a presidente do Abrigo reveja sua posição antes do dia 17, caso contrário, a greve é certa, nenhum trabalhador tolerar redução de salário, concluiu.


Presidente da Emasa fez um balanço da gestão em reunião da ACI

jader-guedes-e-ronaldo-abudeO presidente da Empresa Municipal de Águas e Saneamento – Emasa, Jader Guedes apresentou a classe empresarial, na Associação Comercial e Empresarial de Itabuna, nesta segunda-feira, 10, um balanço dos primeiros três meses de gestão. Sobre esse período, ele destacou ações para o saneamento financeiro da empresa e a busca para regularização dos serviços prestados a população.

De acordo com Jader, a Emasa tem uma perda de 35 % do faturamento, um prejuízo que chega a R$ 15 milhões por ano. Por conta disso, relatou que fez redução no quadro de funcionários para ajustar e reduzir os custos. Colocou em prática um planejamento estratégico assim que assumiu, e de lá para cá tem conseguido gerenciar a dívida que gira em torno de 100 milhões.

Apesar das dificuldades, Jader salientou que a empresa tem regularizado o recolhimento das dívidas com o PIS e Cofins. Revelou que a empresa investe na proposta de zerar todas as dívidas, inclusive encaminhando uma proposta de parcelamento em 300 meses para a Coelba renegociando o fornecimento de energia nos horários de maior demanda de consumo.

Outra preocupação compartilhada com os empresários são as 182 notificações de irregularidades encaminhadas através do Ministério Público do Trabalho, referentes à gestão passada. A empresa também tem um passivo herdado de 70 ações trabalhistas, e na atual gestão, indenizou dezenas de ex-diretores e comissionados admitidos no governo passado.


Escola Profissionalizante gera oportunidades de qualificação profissional

A escola Profissionalizante de Itabuna oferece doze cursos gratuitos à população. Considerada uma das mais importantes instituições voltadas à qualificação de mão de obra para o mercado de trabalho, a escola que é mantida pela Prefeitura Municipal de Itabuna tem se tornado referência na fomentação do empreendedorismo individual no Sul da Bahia.

Segundo o diretor da Escola, Fábio Silveira, agora em 2017 foram disponibilizadas gratuitamente mil e trezentas vagas para os doze cursos que a escola oferece. Ele informa que a instituição conta com 35 professores que ministram aulas de Corte/Costura, Cabeleireiro, Artesanato, Arte Culinária, Informática, Bordado, Manicure, Estética, Pintura e Técnica de Vendas.

As aulas que acontecem nos turnos matutino, vespertino e noturno, das 8 às 12 horas; das 14 às 17 horas e das 18 às 21 horas, tem previsão de conclusão ao final de maio e, segundo Fábio, a população já pode se preparar para o próximo semestre, onde se iniciação novas turmas profissionalizantes de julho até o final do ano.

A vice-diretora da Escola Profissionalizante, Wilmara Carvalho, lembra que a instituição presta serviço à cidade há quarenta anos, oferecendo cursos gratuitos para as pessoas que não tem condições de pagar. Segundo WIlmara, os cursos não são baratos e essa possibilidade colocada com a escola serve para oportunizar a geração de renda às famílias de Itabuna. “A importância para nós é que nossos alunos saiam da Escola preparados para o mercado de trabalho”, conclui.

Uma das missões da escola é gerar oportunidade de empregos, ajudando a população a ter uma qualificação na busca pela inserção no mercado de trabalho. A aluna do curso para se tornar cabeleireira, Jamile Barbosa, conta que essa oportunidade chegou na hora certa e que está fazendo o seu primeiro curso. “Estou adorando aprender e gostando muito dos cuidados dos professores e da maneira com que estão ensinando os alunos”, comenta.


Assistência Social convida beneficiários para recadastramento

A diretora do Departamento de Combate à Pobreza da Secretaria de Ação Social-SAS, Karoline Suzart está convocando para recadastramento os beneficiários de programas sociais como o Bolsa Família, tarifa social de energia elétrica e outros projetos desatualizados há mais de três anos, para evitar que eles percam suas validades e deixem de receber seus benefícios devidos.

Ela explica que as pessoas que estão há mais de dois anos sem atualizar seu cadastro podem comparecer na sede da SAS e nos CRAS, nos bairros: de Ferradas, no Jardim Grapiúna, e no CEU-Centro de Artes e Esportes Unificados, no Urbis IV, sempre no horário das 08h as 14h, munidos dos seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, Titulo de eleitor, comprovante de residência (só canta de luz) e documentos dois filhos menores.


Sala da OAB no Conjunto Penal de Itabuna é inaugurada

sala-da-oab-300x225Uma cerimônia com a participação de dezenas de advogados, além de representantes de clubes de serviço e de autoridades civis e militares, marcou a inauguração da Sala da OAB no Conjunto Penal de Itabuna. O Chefe de Gabinete da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (SEAP), Carlos Sodré, conduziu o ato, que homenageou a memória do advogado e professor Alberto Galvão. A OAB foi representada pelo presidente da Seccional Bahia, Luís Viana Queiroz.

Carlos Sodré, que representou o secretário Nestor Duarte, afirmou que o ato era um momento histórico, pois resgatava a memória do professor Alberto Galvão, mas também porque simbolizava o resgate da dignidade do profissional que atende a seus clientes hoje encarcerados. Sodré também falou da necessidade, como estratégia imediata, da construção de mais unidades prisionais, como forma de minimizar a situação atual.

Ele usou o presídio de Itabuna como exemplo: “Essa unidade foi projetada para 670 pessoas, abriga 1.300”. Para o representante da SEAP, a abertura de vagas desafogaria o sistema, enquanto o governo faz aquilo que é sua vocação maior, investir em educação e em outras áreas sociais, como medidas para garantir, junto com a própria sociedade, uma saída para que os jovens não enveredem pelos caminhos da criminalidade.

Casa das liberdades

O presidente da OAB-BA, Luís Viana, afirmou que a inauguração de uma sala para advogados significa estender ao Conjunto Penal de Itabuna, a “Casa das Liberdades”. “Para nós, significa uma extensão da Casa das Liberdades, que é como nos referimos à OAB. É muito importante para garantir dignidade aos advogados e advogadas que possuem clientes no estabelecimento prisional”.

Já o secretário-geral da OAB-BA, Carlos Medauar, afirmou que após a inauguração da sala em Itabuna, outras unidades já estão demandando o mesmo equipamento. “Vamos estender para as unidades de Vitória da Conquista, Barreiras e Ilhéus, numa parceria com a empresa Socializa, que faz a cogestão das duas primeiras unidades com o Estado”.


Central de Regulação de Itabuna muda para a Avenida Inácio Tosta

A Central de Regulação da Secretaria de Saúde de Itabuna, que estava localizada na Rua Barão do Rio Branco, no Alto Maron, será transferida para um novo endereço, na Avenida Inácio Tosta Filho, região central da cidade. A inauguração do novo espaço será nesta quarta-feira, 29, às 18 horas.

De acordo com o prefeito Fernando Gomes, o novo prédio trará melhorias nas condições de trabalho dos funcionários e na qualidade dos serviços prestados aos munícipes. Para a secretária de saúde Lísias Miranda, a mudança vem para qualificar o serviço, trazer mais conforto para a população e melhorar a acessibilidade.

A Central de Regulação funciona com a finalidade de coordenar a oferta de ações e serviços de saúde e adequá-las às necessidades demandadas pela população, oferecendo a melhor alternativa, considerando a disponibilidade assistencial do momento.


Restaurante Popular no bairro de Fátima será fechado

A secretária de Assistência Social, Sandra Neilma Costa, informou que o Restaurante Popular do Bairro de Fátima vai encerrar suas atividades a partir desta sexta-feira (24), em função da necessidade de redução de custos operacionais que inviabilizavam o empreendimento social. A secretária explicou que infelizmente não foi possível manter o funcionamento do restaurante, uma vez que o município se encontra com sérias dificuldades financeiras em decorrência de um pesado endividamento herdado da gestão passada e dos cortes nos recursos, que diminuem a arrecadação e por conta dos bloqueios judiciais, o que acabou determinando a paralisação das atividades do restaurante.

Sandra Neilma salientou ainda que o custo operacional do restaurante era muito elevado.  Dessa forma, os gastos com a manutenção da unidade oneravam significativamente o município, que arcava com abastecimento de água, energia, além do aluguel considerado elevado. Em paralelo a estes custos, existia ainda a contrapartida da prefeitura que complementava os valores de cada refeição.

Sandra Neilma informou que o restaurante do Centro vai continuar com as atividades normais, servindo uma média de 1.000 refeições diárias, funcionando de segunda à sexta-feira. A secretária lembra que, apesar do projeto do Restaurante Popular ser um programa do governo federal, foi o prefeito Fernando Gomes, que no seu 4º mandato, não mediu esforços para implantar a unidade do centro, trazendo mais esse benefício aos itabunenses.


Semana de Mobilização Nacional contra o Aedes Aegypt

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) estará integrando Itabuna à Semana de Mobilização Nacional Cont
ra o Mosquito Aedes aegypt – transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya. Neste sentido, uma série de atividades estará acontecendo na próxima semana, no período de 20 a 24 de março, nas unidades da Assistência Social mantidas pela prefeitura. O objetivo das ações é mobilizar os trabalhadores, os beneficiários do Bolsa Família e as lideranças comunitárias no combate ao mosquito.aedes_mosquito

Utilizando diferentes estratégias, a SAS irá promover palestras com agentes de endemias, dramatizações, panfletagens e distribuição de repelentes para grávidas atendidas nos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS). A cada dia uma unidade sediará essas atividades buscando dar à população informações e ferramentas preventivas no combate ao mosquito transmissor das arboviroses.

Para a secretária de Assistência Social, Sanda Neilma, é fundamental conscientizar a população quanto a sua importância nessas medidas preventivas, bem como o apoio de toda a sociedade em torno das ações do poder público, que visam combater a proliferação dos focos de reprodução do mosquito. Em Itabuna, a guerra ao Aedes Aegypt se tornou prioridade do governo municipal e as ações de combate mobilizam todas as secretarias municipais e a sociedade civil organizada.