Eventos esportivos marcam os 484 anos de Ilhéus

Durante as celebrações alusivas aos 484 anos de fundação e de 137 de elevação de Ilhéus à categoria de cidade, o município sediou grandes eventos esportivos, como a tradicional corrida Cacau Running, Stand Up Paddle e o Circuito Baiano de Jetski – Etapa Ilhéus Experience, que atraíram um público considerável. Além disso, as comemorações de aniversário contaram com ações gratuitas à população, com programação cultural e festiva desde do dia 26 de junho, inaugurações de postos de saúde e shows musicais.

Segundo o secretário de Turismo e Esporte, Hélio Ricardo, os eventos movimentaram a economia da cidade e atraíram centenas de atletas de outras cidades, e até de outros estados, que participaram das competições. “Essas iniciativas ajudam a divulgar o nome de Ilhéus – que já é uma marca no cenário de eventos esportivos no Brasil – e promove o intercâmbio desportivo. A cidade, por si só, é bela e sua geografia ajuda bastante e os organizadores souberam aproveitá-la. Já tivemos eventos de pesca esportiva, futsal, futevôlei e agora com estas novas modalidade”, destacou Hélio.


Prefeito prorroga validade de concurso público em Ilhéus

Conforme o Decreto Municipal 079, publicado no Diário Oficial Eletrônico, o concurso público para provimento de cargos efetivos na Prefeitura de Ilhéus, correspondente ao Edital nº 001\2016 – homologado em 1º de julho do mesmo ano, teve sua validade prorrogada por mais seis meses. O ato foi assinado pelo prefeito Mário Alexandre e pelo secretário de Administração, Bento Lima Neto, no último dia 27 de junho.

Ao autorizar a prorrogação do concurso público, o prefeito considera o conteúdo do Decreto 064\2018, com força no artigo 2º do parágrafo nº 4, da Lei 3.898 de 19.12.2017, que prorrogou o prazo do Programa de Desligamento Voluntário, no âmbito da Prefeitura de Ilhéus, até o dia 30 de setembro do corrente ano.

O gestor alega ainda a necessidade de concluir os trabalhos e estudos administrativos quanto às lotações e demandas de pessoal da Prefeitura Municipal de Ilhéus por seus diversos órgãos, “mormente após a conclusão do Programa de Desligamento Voluntário.”


Ilhéus comemora 484 anos com inaugurações e anúncio de mais obras

decoracao-junina-comercio-de-ilheus-foto-mauricio-maron-2O aniversário de 484 anos de fundação de Ilhéus foi marcado por várias festividades nesta quinta-feira (28). As comemorações começaram cedo, às 8 horas, com uma cerimônia cívico-militar com hasteamento das bandeiras, no largo da Praça Dom Eduardo, com a participação da banda da Polícia Militar do 2º Batalhão de ensino e instrução de Ilhéus. O prefeito Mário Alexandre, acompanhado da Primeira-dama, Soane Galvão, compareceu ao evento ao lado da família e autoridades, que em seguida, participaram da missa solene celebrada na Catedral de São Sebastião, pelo bispo diocesano Dom Mauro Montagnolli.

Além do prefeito estiveram presentes aos atos, os deputados federais, Paulo Magalhães (PSD) e Bebeto Galvão (PSB); os deputados estaduais, Ângela Sousa (PSD) e Pedro Tavares (DEM); o presidente da Subsecção Ilhéus da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Marcos Flávio e dos vereadores Gil Gomes, Makrisi Sá, Ivo Evangelista e Nerival Reis. Em seguida, no Teatro Municipal, aconteceu a solenidade de entrega da Comenda da Ordem do Mérito São Jorge dos Ilhéus, a mais alta condecoração oferecida pelo município às pessoas que contribuem com o desenvolvimento local.

Ordens de serviços – No mesmo ato, o prefeito assinou Ordens de Serviço para execução de novas obras fundamentais. Com a Construtora Rezzolve Construções Eireli, o prefeito autorizou os serviços de conservação e manutenção das escolas municipais, Iguape, sala isolada da Tibina, Cantinho do Recreio, professor Paulo Freire, Pontal, Dr. Nelson de Oliveira, Heitor Dias, IME, Perpétua Marques, Sala Isolada São Bento, Banco da Vitória e Themistocles de Andrade, no valor de R$ 3.934.436,12. Com a VC Consultoria Técnica, a execução de contenção de encostas em área urbana de risco no município, no valor total de R$ 1.543.007,22.


Entrega de comenda do mérito de São Jorge dos Ilhéus acontece dia 28

fazendas-de-cacau-na-rodovia-ilheus-urucuca-fazem-parte-do-roteiro-secom-mauricio-maron-1Como parte da programação do aniversário de 484 anos de fundação e 137 anos de elevação à categoria de cidade, a Prefeitura de Ilhéus realiza na próxima quinta-feira (28), a partir das 10 horas, no Teatro Municipal de Ilhéus, a entrega da comenda do mérito de São Jorge dos Ilhéos a personalidades que contribuem para o desenvolvimento do município.

A entrega do título será feita a sete pessoas de diferentes segmentos da sociedade. Antes da solenidade está programada uma recepção cultural feita pelo grupo de capoeira Liberdade e pelo bloco afro Mini-Congo, no foyer do Teatro.

Entre os homenageados estão Sílvio Luís Comin, especialista em Gestão de Projetos Industriais; a irmã Argentina Guimarães dos Santos, a professora Maria de Lourdes Netto Simões (Tica Simões), o mais antigo representante da velha guarda da capoeira angola de Ilhéus, mestre José Virgílio dos Santos, 84 anos; o radialista Laudelino Quinto de Souza, o presidente da Convenção Fraternal dos Ministros das Igrejas Assembleia de Deus da Bahia, Israel Alves Ferreira e o bioquímico Paulo Jorge Leopoldino. A comenda foi instituída pela Lei 2.191 de agosto de 1985.


Prefeito assina convênio que garante imediata recuperação asfáltica de Ilhéus

ilheusO prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, assinou na manhã de hoje (21), em Salvador, o convênio com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia, para a imediata substituição de pavimentação asfáltica nas principais ruas e avenidas da cidade.

O ato contou com as presenças do secretário estadual de Desenvolvimento Urbano, Demir Barbosa; diretores da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder); do deputado federal, Paulo Magalhães e da deputada estadual, Ângela Sousa.

“Este é um dos presentes mais importantes que damos ao povo de Ilhéus neste aniversário da cidade”, comemorou a deputada Ângela Sousa. No próximo dia 28, Ilhéus completa 484 anos de fundação e 137 anos de elevação à categoria de cidade.

Asfalto novo – O convênio assegura mais de 15 quilômetros de asfalto de primeira qualidade, para recuperar trechos importantes da zona urbana de Ilhéus, facilitando a trafegabilidade e dando segurança a motoristas e pedestres. “Este anúncio é importante, sobretudo por que mostra que absolutamente nada resiste ao trabalho”, destacou o prefeito Mário Alexandre.


CIPA forma nova turma de Policiamento e Fiscalização Ambiental da Mata Atlântica

A Companhia Independente de Policiamento Ambiental (CIPA) realizou na última sexta-feira (8) a noite, formatura de mais uma turma do Curso de Policiamento e Fiscalização Ambiental da Mata Atlântica. A solenidade aconteceu no auditório Paulo Souto (Uesc) e contou com a presença de autoridades estaduais, municipais e professores e foi prestigiada pelo vice-prefeito de Ilhéus, José Nazal Soub e pela superintendente do Meio Ambiente, Joelia Sampaio.

Ao representar o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, José Nazal ressaltou que o projeto é pioneiro na formação de agentes ambientais para a multiplicação de conceitos sociais para o desenvolvimento de uma sociedade mais consciente e bem informada. “Oferecer melhores condições de atuação na fiscalização e, sobretudo ofertar conhecimento. Assim, evitaremos danos ambientais, cujos problemas têm sido recorrentes”, comentou.

A inciativa é promovida em parceria com o Ministério Público da Bahia juntamente com a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), voltado para policiais militares e servidores municipais. O curso tem a duração de 1 ano e objetiva trabalhar temas como licenciamento e fiscalização ambiental e metodologias de abordagem policial entre outros, sempre com qualificação e preparação para atuação na área ambiental.


Ilhéus também sedia Festival Nacional de Dança Contemporânea

O Festival Nacional de Dança Contemporânea acontece no Teatro Municipal de Ilhéus, nos dias 10 e 11 de setembro e, em Itacaré, de 12 a 16 de setembro, no Centro Cultural Porto de Trás. O objetivo é selecionar propostas de obras artísticas para promover intercâmbio entre solo, grupo, coletivos ou companhias de dança. O evento visa estimular a produção artística local, propiciar a difusão e reflexão acerca da linguagem, além de contemplar as produções da dança baiana e nacional.

A realização é da Comunidade Tia Marita, com o apoio da Casa Ver Arte, em parceria com a Secretaria da Cultura de Ilhéus. O apoio financeiro é do governo da Bahia, através do Fundo de Cultura. A inscrição pode ser feita de 11 de deste mês até o dia 11 de julho pelo site www.festivaldedancaitacare.com.br. Os espetáculos devem ter mobilidade de técnica, com duração de no mínimo 30 minutos. Cada participante pode inscrever até um projeto formatado de acordo com as especificações da convocatória.

Ainda de acordo com o regulamento a produção do Festival Nacional de Dança Contemporânea irá disponibilizará para as apresentações equipamento de iluminação (básico). Os espetáculos deverão ter mobilidade técnica devido à estrutura do Centro Cultural Porto de Trás com montagem, desmontagem, camarim, linóleo cinza e preto, hospedagem, transporte, cachê e duas alimentações por dia.


Viva Ilhéus Fest 2018 traz grandes atrações

forro-do-saojoao-ilheusA Prefeitura anuncia o Viva Ilhéus Fest 2018. Com atrações renomadas e expoentes da música regional, o evento acontece de 27 a 30 de junho, na Avenida Dois de Julho, Centro Histórico da cidade. O evento integra a programação festiva do aniversário de 484 anos de fundação e 137 anos de elevação  de Ilhéus à categoria de cidade.

“Será um mix de ritmos e alegria para todas as idades”. Assim, o secretário interino de Turismo e Esporte (Setur), Hélio Ricardo, definiu o formato do festival. “A organização será impecável e a segurança garantirá a presença de toda a família ilheense que queira se divertir”, completou.

Atrações definidas – A grade de programação já está confirmada. Dia 27, entra em cena Adelmário Coelho, Danniel Vieira, Mel de Forró e Realce. No dia do aniversário da cidade, 28, será a vez de Felipe Araújo, Estakazero, Papazoni, Top Gan e Leonardo Leo. No dia de São Pedro, 29, o arrasta-pé fica por conta de Filomena Bagaceira, Forrozão, Trio da Huanna e Stampa do Forró. No encerramento, dia 30, tem Forró dos Plays, Kart Love, Via de Acesso e Pagofunk.


Ilhéus abre inscrição para o Concurso Literário Crônicas de Gabriela

decoracao-junina-comercio-de-ilheus-foto-mauricio-maron-2A Prefeitura de Ilhéus, através da secretaria municipal da Cultura (Secult) abriu nesta sexta-feira (1º), inscrição para o Concurso Literário Crônicas de Gabriela, em comemoração aos 60 anos do lançamento do livro “Gabriela, Cravo e Canela”, do escritor Jorge Amado. Um dos objetivos é incentivar a produção literária de crônicas, estimular a leitura da obra de Jorge Amado a partir do romance ‘Gabriela, cravo e canela’ e fomentar a escrita, a leitura, o livro e a literatura.

A inscrição é gratuita e deve ser enviada exclusivamente para o email: cultura@ilheus.ba.gov.br contendo arquivos em PDF, até o dia 15 de julho deste ano. O tema central é “Gabriela, cravo e canela, 60 anos do romance”.

De acordo com o regulamento, a ficha de inscrição será preenchida e assinada, anexadas cópias do RG, ou outro documento oficial com foto. O ato da inscrição no concurso implica na plena aceitação por parte dos inscritos das normas estabelecidas no edital, bem como a cessão, por tempo indeterminado, sem ônus dos direitos autorais dos trabalhos inscritos, para eventual publicação em quaisquer meios de comunicação, impresso ou eletrônico.

Podem participar maiores de 18 anos que devem atentar para a temática do concurso que foi pensada em homenagem aos 60 anos de publicação do romance ‘Gabriela, Cravo e Canela’, do escritor Jorge Amado, que possibilita a reflexão sobre o papel da mulher na sociedade. As crônicas devem ser obrigatoriamente inéditas e escritas em língua portuguesa. Ficam automaticamente desclassificadas as já publicadas de forma impressa ou virtual, no todo ou em qualquer parte, ou divulgadas por qualquer meio de comunicação.


Brincadeiras dos quadros de Ivan Cruz foram tema de projeto da Casa Amarela

As brincadeiras de rua tradicionais retratadas nas telas de Ivan Cruz inspiraram a sequência didática realizada pela Escola & Brinquedoteca A Casa Amarela, em Ilhéus. As turmas da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I tiveram contato com obras e biografia do artista plástico carioca e, ao longo de duas semanas, fizeram releituras dos quadros, experimentando, também, as brincadeiras ilustradas. “Em uma manhã de sábado especial, convidamos as mães a participarem das atividades, recuperando os jogos de suas infâncias e ensinando-os às crianças”, explicou a diretora Sandra Catharina Santos.

A proposta de trabalhar com o projeto “Brincadeiras de Criança”, de Ivan Cruz, partiu da diretora pedagógica, Sara Lemos. “Focamos em jogos que estão cada vez menos integrados ao cotidiano infantil. A Casa Amarela vê a ludicidade enquanto instrumento de aprendizagem e toda a equipe pedagógica se envolveu para materializar o universo representado nas telas do artista plástico brasileiro”, informou Sara. A atividade ainda integrou a Semana Mundial do Brincar, realizada entre os dias 20 e 28 de maio, promovida pelo movimento Aliança pela Infância.

Para as releituras das telas de Ivan Cruz, as turmas da Educação Infantil utilizaram várias técnicas de pintura, como pincéis grossos e finos, rolinhos e as mãos. E, além de pintarem, as turmas do Ensino Fundamental I também analisaram as obras, a construção da figura humana, dando rostos aos personagens de Ivan Cruz. Assim, além da expressão artística, trabalharam também com o pensamento crítico-reflexivo.

Para a manhã recreativa com as mães dos estudantes, realizada no último dia 26, a equipe da Casa Amarela preparou um clima especial de infância, com muito colorido, alegria e leveza. Na Educação Infantil, os Grupos 01 e 02 trabalharam com aviõezinhos de papel, o Grupo 03 com o ioiô, o Grupo 04 com a pipa e o Grupo 05 com a amarelinha. Já os 1º e 2º e 3º anos do Fundamental I ficaram com esconde-esconde, elástico, corda e baleado. “Foi um dos projetos mais divertidos e leves que desenvolvemos. A experiência foi positiva para quem relembrou a infância e para as crianças, que descobriram as brincadeiras tradicionais”, afirmou Sandra Catharina.