Convênio garante fábrica de polpas e doce de frutas para Assentamento Frei Vantuy

As famílias do Assentamento Frei Vantuy, localidade situada às margens do BR-415, Rodovia Jorge Amado, descobriram os benefícios extraídos da agricultura. Algumas já produzem doces artesanalmente, a partir de matéria prima orgânica. Para potencializar estas atividades, o prefeito Mário Alexandre recebeu nesta quarta-feira (31), em seu gabinete, os principais articuladores da proposta de implantação de uma fábrica de polpas e doce de frutas. O convênio no valor de R$1.200.000,00 (um milhão duzentos mil reais) está garantido pelo Governo do Estado.

A administração dos recursos está a cargo da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e a Associação Agrícola do Projeto Assentamento Frei Vantuy. A Prefeitura executará os serviços de terraplanagem e requalificação do espaço, no trecho onde funcionava a Polícia Rodoviária Estadual. Segundo informações do governo baiano, dos recursos, serão destinados R$1 milhão para construção da unidade e R$200 mil para os custeios.

As atividades vão do plantio à produção, passando pela comercialização dos produtos, e cerca de 47 famílias assentadas serão beneficiadas. O vereador Ery Bar intermedia estas tratativas junto as famílias produtoras. A chegada deste equipamento deve fortalecer a economia do bairro Banco da Vitória, como afirma o prefeito Mário Alexandre. “Vai agregar valor ao projeto gastronômico daquela localidade. Uma proposta de progresso para a cidade. Essa localidade foi esquecida por muitos anos, e o município abraça essa iniciativa”, destacou.

Projeto – A presidente da Associação, Maísa Amaral disse que a futura fábrica será construída dentro do próprio assentamento e fará proveito de tudo o que for plantado no local, transformando os frutos em doces, geleias, compotas, polpas e uma infinidade de produtos derivados. “Estamos também com um projeto de aproveitamento das plantas medicinais para transformar em fitoterápicos, e para isso, a construção de um laboratório e duas grandes lojas na rodovia”. (mais…)


Centro de Zoonoses de Ilhéus alerta para cuidado com escorpiões

decoracao-junina-comercio-de-ilheus-foto-mauricio-maron-2O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) do município alerta à população de Ilhéus que esta época do ano, é favorável ao surgimento de escorpiões, período que as fêmeas têm maior concentração de veneno. Também dá dicas sobre como proceder caso alguém se depare com um desses animais, que está enquadrado na classe dos aracnídeos, assim como as aranhas.

De acordo com o chefe de Vigilância do CCZ, Aloísio Leite, os principais disseminadores de escorpiões, geralmente são cemitérios e imóveis insalubres, e cita os terrenos com entulhos e mato alto, residências com acúmulo de inservíveis, madeiras, sobras de construção e redes de esgoto expostas (inclusive vias públicas).

Algumas espécies têm expectativa de vida de até 10 anos e, para evitar a presença deles dentro de casa, é necessário tomar alguns cuidados preventivos. Como o escorpião se alimenta de baratas, é bom evitar o surgimento do inseto, mantendo o ambiente bem limpo. Pilhas de madeira, cercas, tijolos, ferro velho e entulhos em geral também são os locais prediletos dos escorpiões.


Rio do Engenho recebe festa de Senhora de Sant’Ana e São Joaquim

Esta sexta-feira (26) se comemora o dia da padroeira Senhora de Sant’Ana, mas os festejos alusivos se iniciaram no último dia 18 de julho, quando fiéis ofereceram louvor, adoração e cânticos na presença da imagem da santa. Neste domingo (28), a tradicional procissão fluvial em homenagem a santa, que embarcará da Colônia Z-19, na baía Pontal, às 8h, com destino ao Rio do Engenho, distrito localizado a 17 quilômetros de Ilhéus. O evento encerra as comemorações dos 485 anos de fundação do município de Ilhéus.

Segundo os organizadores, o intuito da festa é resgatar os valores históricos e religiosos, além de ser considerada uma das manifestações mais antigas da igreja católica, em Ilhéus. A programação ocorrerá em três etapas: às 5h da manhã, alvorada festiva. Logo mais às 7h30min da manhã, os fiéis se reunirão na sede da Colônia de Pescadores Z-19, no Pontal. No Rio do Engenho, a partir das 9h30min, os participantes acompanharão a procissão terrestre. Na capela de Nossa Senhora de Sant’Ana, participam da missa solene, às 10h.

A Colônia de Pescadores Z-19, irá disponibilizar embarcações devidamente autorizadas pela Marinha e pelo Corpo de Bombeiros, garantindo que o cortejo aconteça com maior brilho e segurança. O Rio do Engenho é um dos principais pontos turísticos da cidade de Ilhéus. Além de possuir paisagem cênica, este povoado possui grande importância cultural e religioso, abrigando a Capela de Nossa Senhora de Sant’Ana, erguida pelos jesuítas em 1563.


Prefeitura de Ilhéus realiza mutirão no Iguape nesta sexta-feira

prefeitura-de-ilheus-2-580x401A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SDS) e o Centro de Referência Especializado da Assistência Social (CRAS) realizará mais um Mutirão social. Desta vez, quem vai acessar os serviços gratuitos serão os moradores do bairro Iguape, das 8 às 13h. O local escolhido para a atividade é a Igreja Evangélica Luz do Iguape, situada à Rua Zulmira Braz, em frente ao Detran.

A Prefeitura disponibilizará serviços como o Cadastro Único, Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e cartão do idoso. Ainda haverá emissão de certidão de nascimento e casamento. A ação inclui ainda o atendimento do CRAS com assistentes sociais e grupos de crianças do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV).

Integram a ação, profissionais do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) e do Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM), que farão palestras sobre educação e conscientização no local. Os interessados em acessar os principais serviços devem comparecer ao local munidos com os seguintes documentos:

Cadastro Único (RG, CPF, Carteira de trabalho e título de eleitor originais); Bolsa Família (RG, CPF, Carteira de trabalho e título de eleitor originais, e documento original e comprovante de matrícula da mesma de criança); Cartão do Idoso Interestadual (RG, CPF, comprovante de endereço, título de eleitor e ter 60 anos).


SineBahia intermediou vagas para hipermercado que será inaugurado em Ilhéus

O SineBahia intermediou cerca de 280 vagas de emprego para a unidade do Assaí Atacadista, que será inaugurada nesta sexta-feira (26), em Ilhéus. As oportunidades de trabalho foram nas áreas de serviços gerais, auxiliar operacional, caixa, gerente de setor e áreas administrativas.

Para o secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Davidson Magalhães, que vai participar da inauguração, a parceria com o hipermercado é um reconhecimento da excelência do serviço de intermediação de mão de obra do Governo do Estado.

“A Rede SineBahia tem um papel fundamental na democratização do acesso ao emprego, ajudando as empresas no recrutamento de trabalhadores e os profissionais a encontrarem uma vaga no mercado”, destacou o titular da Setre.

Com 126 unidades, em 108 municípios baianos, o SineBahia conta com 2,4 milhões de trabalhadores cadastrados, equipe preparada para fazer a pré-seleção dos candidatos e estrutura física para realização de processos seletivos.


Mulheres empreendedoras ganham capacitação nesta quarta e quinta, em Ilhéus

ilheusO Instituto Rede Mulher Empreendedora (IRME) firmou uma parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), a Câmara de Dirigentes Lojistas de Ilhéus (CDL) e a Associação Comercial e Empresarial de Itabuna (ACI) para a capacitação gratuita de mulheres que empreendem, através do programa “Ela Pode”, nos próximos dias 24 e 25 de julho, no auditório do Sebrae, em Ilhéus. As vagas são limitadas e as inscrições devem ser feitas pelo site www.acei.org.br/elapode.

O objetivo é orientar as mulheres sobre os principais conceitos e práticas de liderança, educação financeira, imagem pessoal, networking, negociação e vendas, uso de ferramentas digitais. No último encontro realizado em Itabuna, mulheres de várias cidades da região saíram empoderadas e com grandes expectativas de crescimento nos negócios e na vida pessoal.

A diretora de eventos do Instituto Delney Lima, Bruna Návila destacou que no evento que participou, conheceu novas ferramentas que agregaram ao seu trabalho e ao seu cotidiano pessoal. “Além disso, tive a oportunidade de interagir com mulheres de outros segmentos e aumentar o meu networking”.

O Ela Pode pretende capacitar 135 mil mulheres brasileiras nos próximos dois anos, tornando-as confiantes e preparadas para o autodesenvolvimento pessoal e profissional. O programa é desenvolvido pelo Instituto Rede Mulher Empreendedora e conta com apoio do Google.

Rede Mulher Empreendedora

A Rede Mulher Empreendedora – RME (rme.net.br) é a primeira e maior plataforma de apoio ao empreendedorismo feminino do Brasil, que tem como propósito empoderar empreendedoras economicamente, garantindo sua independência financeira e de decisão sobre seus negócios e suas vidas.


Chocolat Bahia 2019 consolida polo chocolateiro e impulsiona economia

Chocolat Bahia 2019 consolida polo chocolateiro e impulsiona economiaPor Daniel Thame | Secom BA

O maior evento de cacau e chocolate da América Latina. Assim pode ser definido o Chocolat Festival 2019, encerrado neste domingo (21), em Ilhéus. Realizado com o apoio do Governo do Estado, o festival reuniu cerca de 60 mil pessoas e movimentou aproximadamente R$ 15 milhões em negócios, reunindo 170  expositores e mais de 70  marcas de chocolate.

O festival possui características únicas  como produção de chocolate, mel de cacau, nibs, cauchaça, creme de, cacau caramelizado, sabonetes de cacau, etc; e uma estrada temática, a Estrada do Chocolate,  com fazendas centenárias, fábricas de chocolate, natureza exuberante.

Chocolat Bahia 2019 consolida polo chocolateiro e impulsiona economiaO coordenador do Chocolat Festival 2019, Marco Lessa, destacou que “os resultados superaram todas as expectativas, numa  demonstração de que os consumidores passam a valorizar o chocolate de origem. Tivemos muitos lançamentos de produtos, com diversidade e inovação,  que  atraíram pessoas da região e de outros estados”. Ainda para Marcos, “é importante  conscientizar os cerca de 30 mil produtores de cacau, que sustentaram a economia sulbaiana durante décadas, de que eles podem se restabelecer dentro de um novo conceito, que é o chocolate de origem. Dessa maneira, iremos retomar, em bases sólidas e sustentáveis, o caminho do desenvolvimento”.

(mais…)


Chocolates de cooperativas da agricultura familiar se destacam no festival Chocolat Bahia

bahia_cacau_festivalchocolate_ilheus_2019Chocolate sem lactose, aromatizantes e glúten, com jaca, abacaxi, coco, com licuri e goiaba. As combinações exóticas, que geram sabores marcantes e peculiares, produzidas por cooperativas da agricultura familiar, estão fazendo sucesso com os visitantes do 11º Festival Internacional do Chocolate e Cacau – Chocolat Bahia 2019, que vai até o próximo domingo (21), das 14h às 22h, no Centro de Convenções de Ilhéus, no Território de Identidade Litoral Sul.

A Cooperativa de Serviços Sustentáveis da Bahia (Coopessba), de Ilhéus, responsável pela marca Natucoa – Chocolate Sul Bahia, e a Cooperativa da Agricultura Familiar e Economia Solidária da Bacia do Rio Salgado e Adjacências (Coopfesba), de Ibicaraí, que administra a marca Bahia Cacau, participam do festival e apresentam produtos que estão sendo bem recebidos pelo público.

“O sabor me agradou demais. Provei especiarias que não temos costume em nosso dia a dia e notei que muitas marcas não têm essa combinação, com licuri e jaca, por exemplo, que foi o que eu mais gostei”, disse Yndira Gobira, estudante de engenharia civil, de Belo Horizonte, após provar bombons da Bahia Cacau.

Foto: SDRCom o apoio do Governo do Estado, via Bahia Produtiva, projeto executado Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), a Coopessba e a Coopfesba recebem recursos mediante edital para qualificar o processo produtivo, com agregação de valor e acesso a mercado.

O presidente da Coopessba, Carine Assunção, salientou que “o festival é o maior evento de chocolate aqui na região. Nossa participação mostra que há união de pequenos agricultores com grandes marcas, produzindo chocolate tão bom quanto. Este ano, estamos com o nosso estande próprio, lançando produtos, com o Selo de Identificação Geográfica, que mostra a origem do cacau e qualidade”.

Visitas

O secretário da SDR, Josias Gomes, pontuou que a comercialização dos produtos da Bahia Cacau e da Natucoa servem de estímulo para outros empreendimentos rurais. “Este evento é um grande portal do chocolate do Brasil para o mundo. O nosso desejo é que ocorra verticalização na produção para que cada vez mais a gente tenha outras cooperativas inseridas em eventos de grande porte como este”.

Para o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, o festival “é uma oportunidade de divulgar os produtos para fornecedores e consumidores. Inserir a agricultura familiar num evento como este é motivo de orgulho para todos nós, pois começamos a fomentar empreendimentos e hoje vemos os frutos sendo colhidos, com eficiência e oferta de produtos de qualidade, expostos e sendo comercializados no varejo e no atacado também”.


Prefeito de Ilhéus destaca consolidação econômica com Festival do Chocolate

festival chocolateNesta quinta-feira (18), o Centro de Convenções abre as portas para receber o maior evento do setor no Brasil. Ao considerar a grandeza da iniciativa em seus 11 anos, o prefeito Mário Alexandre destacou a consolidação econômica através do Festival, que reunirá até o dia 21 de julho, 70 produtores e mais de 170 expositores durante a edição do Chocolat Bahia. “Uma evolução no cenário econômico do setor e o fortalecimento de toda a cadeia produtiva do Sul da Bahia, e evidentemente, impulso na geração de renda e emprego”.

Durante abertura, o prefeito Mário Alexandre receberá a comitiva do governador Rui Costa, formada por secretários e autoridades que prestigiarão o Festival Internacional do Chocolate e Cacau, integrando as comemorações de 485 anos de fundação da cidade, onde o Festival se tornou uma marca de Ilhéus e da Bahia. O circuito reúne renomados especialistas para apresentar os avanços tecnológicos da cadeia produtiva desse importante segmento da economia do estado.

(mais…)


Empreendedores solidários participam do Festival Internacional do Chocolate e Cacau

 O Centro Público de Economia Solidária (Cesol) do Litoral Sul, equipamento ligado à Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), vai participar da 11ª edição do Festival Internacional do Chocolate e Cacau, que começa amanhã (18) e segue até domingo (21), no Centro de Convenções de Ilhéus.

Produtos de 13 empreendimentos solidários de diversas cidades da região sul da Bahia, que trabalham com a cadeia do cacau, estarão à venda durante o evento no estande do Cesol. Entre os destaques, o lançamento do Cacauela, um creme de cacau produzido por um grupo de empreendedoras da zona rural de Camacan, que é atendido pelo Cesol desde 2014. A novidade será apresentada no primeiro dia do festival, às 19h.

Para o coordenador do Cesol Litoral Sul, Thiago Fernandes, a expectativa é estabelecer relações e redes de contato para ampliar as vendas dos grupos solidários do segmento cacaueiro. “O festival é uma vitrine importante para apresentar o trabalho que vem sendo feito ao longo dos anos no apoio aos empreendimentos de economia solidária e para potencializar a comercialização dos grupos que produzem chocolates e artigos derivados do cacau”, destaca o coordenador.

(mais…)