Improviso, Oxente! promove debate sobre Governança

improviso-oxente-580x287Acessibilidade nos espaços públicos, acesso à justiça, combate à corrupção, participação de mulheres e negros no governo e de jovens e adolescentes em instâncias deliberativas são alguns dos indicadores do eixo “Governança”, tema do debate do Improviso, Oxente! que acontecerá na próxima terça-feira (12), na Tenda do Teatro Popular de Ilhéus (Avenida Soares Lopes). Com entrada gratuita, o evento vai reunir a sociedade civil em uma intensa discussão sobre os indicadores desse setor. Para capitanear o debate, será convidada a promotora Regional de Meio Ambiente Costa do Cacau Leste, Aline Valéria Salvador.

Este é o segundo de uma série de 13 debates semanais, que acontecerão sempre às terças-feiras, promovidos pelo Instituto Nossa Ilhéus em parceria com o Teatro Popular de Ilhéus. O objetivo é promover a discussão sobre as necessidades prioritárias da cidade a partir de indicadores, baseados nos 12 eixos Programa Cidades Sustentáveis. Durante o encontro, os indicadores de 2012 – que podem ser acessados em nossailheus.org.br/indicadores – servirão como ponto de partida para a discussão.

O debate sobre o eixo Governança parte da ideia de que uma gestão moderna e democrática deve combinar as diretrizes político-partidárias do governante com mecanismos de atuação direta da sociedade nas decisões administrativas, sempre respeitando a diversidade e construindo instrumentos que fomentem a igualdade em diferentes níveis. Por isso, também são esperados no debate pré-candidatos ao legislativo e ao executivo municipal, além de membros dos conselhos de políticas públicas municipais.


Festival incentiva produção de chocolates finos no Sul da Bahia

fest choc 12De produtor de amêndoas a produtor de chocolates finos, com alto teor de cacau. Essa é a transformação que vem se verificando no Sul da Bahia. Um incentivadores desse processo é o Festival Internacional do Chocolate e Cacau da Bahia, que este ano chega à sua oitava edição, e acontece de 21 a 24 de julho no Centro de Convenções de Ilhéus.

O lançamento do festival, que teve a apresentação da programação do evento, aconteceu na noite de ontem (7) no Espaço Bataclan e contou com a presença do secretário de Turismo da Bahia, Nelson Pelegrino. O Governo do Estado é um dos parceiros do evento, que no ano passado movimentou mais de R$ 10 milhões em negócios e atraiu cerca de 30 mil pessoas.

f 1O Festival Internacional do Chocolate e Cacau da Bahia é aberto ao público e reunirá mais de 50 expositores, sendo mais de 30 marcas de chocolates Premium do Sul da Bahia, como Amma, Mendoá, ChOr – Chocolate de Origem, Amado Cacau, Fazenda Sagarana, Maltez, Costa Negr. A programação inclui workshops gratuitos de receitas à base de chocolate com participação de chefs do Brasil e do Exterior.

“Ilhéus e o Sul da Bahia são conhecidos no mundo inteiro através da obra de Jorge Amado e isso serve como um atrativo turístico muito forte. O cacau faz parte desse imaginário e o chocolate da região, um dos melhores do mundo, agrega ainda mais valor a esse processo que fortalece o turismo e a economia”, destacou Nelson Pelegrino. Segundo ele, “durante os quatro dias do festival, Ilhéus passa a ser a capital do chocolate, num evento de dimensão mundial. Essa junção cacau, chocolate e Jorge tem potencial para consolidar o Sul da Bahia como um grande polo turístico”.


Debates sobre indicadores em Ilhéus

Improviso, Oxente! Foto: Tacila MendesÉ chegada a hora de discutirmos sobre “A Ilhéus que queremos”. Baseado nesse tema, o Instituto Nossa Ilhéus (INI), em parceira com o Teatro Popular de Ilhéus (TPI), realizará a próxima edição do quadro Improviso, Oxente!, a partir do dia (05), sempre às 19h.

Composto por uma série de 13 encontros semanais, sempre às terças-feiras, serão discutidos, junto com a sociedade civil, os doze eixos do Programa Cidades Sustentáveis, entre eles, Governança, Bens naturais, Justiça, Sustentabilidade, Cultura e Saúde. Durante os encontros, que acontecerão na Tenda do TPI (Avenida Soares Lopes), serão mostrados os indicadores de 2012 referentes a cada setor.

A ideia é fazer com que a população tome conhecimento sobre como a cidade estava há quatro anos e em quais aspectos melhorou, em quais precisa melhorar e quanto. Para compor a mesa de cada edição, serão convidados professores e representantes dos setores. Também serão realizadas intervenções artísticas durante e evento.

Gratuito e aberto ao público, o evento vai reunir pessoas de todos os setores da sociedade civil, além de representantes do poder público. O primeiro encontro terá como tema “Retrospectiva 2012 – A Ilhéus que herdamos”, com apresentação dos indicadores e do Programa Cidades Sustentáveis – que oferece aos gestores públicos uma agenda completa de sustentabilidade urbana, um conjunto de indicadores e um banco de boas práticas com casos exemplares nacionais e internacionais, a fim de sensibilizar e mobilizar as cidades brasileiras para se desenvolverem de forma econômica, social e ambientalmente sustentável.

Para a diretora-presidente do INI, Maria do Socorro Mendonça, fortalecer a cidadania e a democracia participativa, perpassa por levar conhecimento à população. “Conhecer a cidade e saber quais são as necessidades prioritárias a partir de indicadores é que nos dará a segurança de que a qualidade de vida do nosso povo está ou não melhorando”, observa.

Ela lembra ainda que o Programa Cidades Sustentáveis, agora alinhado com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) municipaliza as ações para cumprimento, até 2030, das metas estabelecidas no acordo assinado pelo Brasil junto com outros 192 países na ONU. “No Improviso, Oxente!, os ilheenses terão a oportunidade de discutir quais indicadores e metas deverão ser acompanhados pelo candidato que assumirá em 2017 a gestão do município. Inclusive, o Programa de Metas é lei em nosso município desde 2008, e está no Artigo 73 da nossa Lei Orgânica.(por Tacila Mendes)


Elba emociona e encanta nos 482 anos de Ilhéus

Elba-em-Ilheus-3-Foto-Alfredo-Filho-Secom-Ilheus-1Uma noite dedicada à música nordestina, com shows da banda Cacau com Leite e da cantora Elba Ramalho, na terça-feira (28), encerrou as festividades do Ilhéus Forró, série de apresentações em praça pública em homenagem ao aniversário de 482 anos da cidade.

Com apoio do Governo do Estado, por meio da Empresa de Turismo da Bahia (Bahiatursa), as apresentações misturaram ritmos regionais, como frevo e forró, com a MPB, e atraíram um grande público ao largo da Catedral de São Sebastião, na Avenida Soares Lopes.

Elba Ramalho faz apresentação nos 482 anos de IlhéusAtração principal da noite, a cantora Elba Ramalho apresentou um repertório que misturou MPB, forró e frevo. O colorido do palco chamou atenção da professora Inês Rocha, moradora do bairro Pontal. “Show bem produzido, [com] um colorido diferente. Coisa que a gente costuma ver no carnaval de Pernambuco e que ela colocou muito bem aqui no show para a gente”, contou.

Esta foi a segunda apresentação de Elba Ramalho em praça pública no aniversário da cidade. Para a cantora, voltar a Ilhéus, “que inspirou tantas histórias do grande escritor Jorge Amado, é sempre uma alegria, ainda mais numa data como essa, quando fica mais próxima dos 500 anos. É muito especial para mim e espero que tenha sido para todo o público que compareceu aqui hoje”.


Terceirizados de Ilhéus realizam confraternização junina

Em culminância com o aniversário de 482 anos de emancipação política do município Ilhéus, os trabalhadores terceirizados da educação realizaram a sua confraternização de São João e São Pedro na tarde de terça-feira(28).

A festa denominada de  “II Forró dos trabalhadores terceirizados”,  contou  com as  presenças de centenas de pessoas, entre amigos e familiares que se confraternizaram  ao som  de músicas ao vivo, e saboreando comidas típicas. O evento teve o apoio Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul (Sindilimp).

Umas das atrações musicais foi a banda  “Vem que é noiz” que  empolgou os participantes, fazendo as pessoas dançarem  forró e animando geral a festa.  Ainda na programação, o bloco Alfro  Zilu fez diversas e bonitas apresentações, sobre a liderança do professor Lindão dando um show de organização e brilho ao evento.

Para o Sindilimp,  mesmo com as lutas e dificuldades enfrentadas no dia a dia, os trabalhadores terceirizados e seus familiares, precisam e merecem seus momentos de  diversão e  alegrias, onde possam celebrar a vida e seguir em frente.


Ilhéus Forró e aniversário movimenta a cidade

elbaShows de grandes nomes da música brasileira e da Bahia vão marcar os festejos juninos pelo aniversário de 482 anos de fundação de Ilhéus, entre os dias 26 e 28 de junho, na Avenida Soares Lopes, centro histórico da cidade.

O Ilhéus Forró, promovido pela Convention Bureau Costa do Cacau, com apoio da Prefeitura Municipal e Governo do Estado, através da Bahiatursa, e da iniciativa privada, vai reunir atrações como a dupla sertaneja Jorge e Mateus, no domingo, o músico Daniel Vieira, na segunda, e a cantora Elba Ramalho, no dia 28, data de aniversário da cidade.

O palco da festa será montado ao lado da Catedral de São Sebastião, local que recebeu, recentemente, shows memoráveis, como da banda Paralamas do Sucesso e dos cantores Régis Danese e Jorge Vercilo, durante o Aleluia Ilhéus Festival, em março. As noites de festa serão animadas ainda por atrações como a banda Torres da Lapa, no dia 26, Forrozão, dia 27, e Cacau com Leite, que se apresenta na mesma noite de Elba Ramalho.


Lei de Resíduos Sólidos de Ilhéus é aprovada com participação da sociedade civil

coolimpa2Por Tacila Mendes 

Aprovado por unanimidade em 1ª e 2ª votação durante sessão ordinária na Câmara de Vereadores de Ilhéus do dia 14 de junho, o projeto de lei (PL) que institui a Política Municipal de Resíduos Sólidos é uma peça importante na formação do Plano Municipal de Saneamento Básico, que busca atender às normas da Política Nacional e Estadual de Resíduos Sólidos.

Pioneiro na região sul da Bahia, o PL é de iniciativa do Poder Executivo Municipal, encaminhada ao Legislativo pelo prefeito de Ilhéus em exercício, Carlos Machado (Cacá), e elaborada de forma participativa por meio da atuação do Grupo de Trabalho (GT) de Resíduos Sólidos de Ilhéus – formado por 20 membros, sendo 10 da gestão pública e 10 da sociedade civil e entidades.

O GT foi instituído por meio do Decreto 030/2014, para acompanhamento do Projeto de Requalificação do Aterro do Itariri, Programa de Coleta Seletiva e para a discussão da implantação da Política Municipal de Resíduos Sólidos em Ilhéus. Durante três meses, o grupo elaborou a PL que define, entre outros aspectos, os objetivos, as diretrizes e os instrumentos que visam prevenir a poluição, recuperar a qualidade do meio ambiente, promover a inclusão socioprodutiva dos catadores de resíduos sólidos reutilizáveis e assegurar a saúde pública, garantindo o uso adequado dos recursos ambientais.

O Instituto Nossa Ilhéus (INI) integrou o GT e também acompanhou a sessão que aprovou a Lei. Para a presidente do Instituto, Maria do Socorro Mendonça, é de suma importância o fortalecimento da participação cidadã para a consolidação da democracia e, neste caso, para fortalecer o poder público constituído na criação da política pública de resíduos sólidos no município. “Temos alcançado avanços, por meio da Secretaria de Relações Institucionais da Secretaria do Meio Ambiente, mas ainda falta muito e por isso continuaremos.

O Ministério Público Estadual, na pessoa do dr. Paulo Eduardo Figueiredo, tem sido de fundamental importância no acompanhamento das ações do GT de Resíduos Sólidos, fazendo recomendações necessárias e de fortalecimento da COOLIMPA, que é a primeira Cooperativa de Catadores de Recicláveis do nosso município, formada por catadores que viviam no lixão e do lixão. Estamos felizes por mais essa conquista, no avanço para termos a política pública que agora precisa ser implementada”, conta.

Lei Mais no INI.


No Reino Unido, Adélia Pinheiro intensifica diálogo visando ações de mobilidade, pesquisa e financiamento

run 1Com discussões estratégicas sobre ações colaborativas de interesse mútuo prosseguem as atividades dos reitores das universidades afiliadas à Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem), em Missão Internacional nos países do Reino Unido. O grupo é coordenado pela reitora da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e presidente da Abruem, Adélia Pinheiro

A missão é promovida pela Abruem em conjunto com o British Council, Centro Brasileiro Britânico, com o objetivo de conhecer seus cenários educacionais, científicos e culturais e estreitar laços entre as instituições brasileiras e as universidades da Inglaterra, da Escócia, da Irlanda do Norte e do País de Gales, de forma que os estudantes universitários sejam beneficiados por intercâmbios e programas de bolsas.

Conforme a presidente da Abruem, reitora Adélia Pinheiro, “no terceiro dia os reitores brasileiros participaram de uma mesa de diálogos com autoridades das Universidades de Birmingham e Nottingham. instituições que atuam em conjunto em ações de internacionalização. Foram discutidas as possibilidades de parceria em mobilidade estudantil com a participação, a ser discutida, do Santander Universidades; a elaboração de propostas para serem operacionalizadas a partir de 2020.”

Na ocasião o Dr. James Wilkie, diretor do Serviço de Pesquisa e Inovação, apresentou a oportunidade de financiamento de propostas Brasil – Reino Unido, através do Global Challenge Found, com orçamento de 1,5 bilhão de libras, em áreas estratégicas definidas, sendo requisitos ações de inclusão social e econômica.

Na Universidade de Bristol, na cidade de mesmo nome, o grupo participou de uma mesa de conversação de duas horas. A Universidade está classificada entre as 40 melhores do mundo e entre as cinco melhores da Inglaterra. Tem 18 mil estudantes, dos quais 3.600 internacionais. A instituição apresenta como característica importante a grande relação com os problemas locais e a orientação de pesquisa para dar resposta é estar disponível para ações conjuntas.

Em Cardiff a comitiva foi recebida em jantar de trabalho com a presença de autoridades do Governo do País de Gales, do Conselho de Gales e de quatro diferentes Universidades: Swansea, Aberystwyth, Cardiff e Sul de Gales.


Fórum Empresarial do Sul da Bahia discutiu Inovação e Sustentabilidade

forum fac ios 2O Fórum Empresarial do Sul da Bahia, realizado na  Faculdade de Ilhéus, foi aberto na noite quinta-feira, com uma palestra sobre Inovação e Sustentabilidade, proferida pelo professor doutor Gustavo da Cruz, da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC).

O evento, cuja temática é Desenvolvimento Regional e Formação Profissional, reuniu estudantes e profissionais das áreas de Administração, Ciências Contábeis e Logística. Antes da palestra, se pronunciaram o diretor geral da Faculdade, Almir Milanesi, e a coordenadora do curso de Administração, professora Cristiane Nunes.

O professor Gustavo da Cruz atua com projetos de pesquisa e extensão na área de Desenvolvimento Regional e Sustentabilidade Empresarial. Ele apresentou dados do crescimento do volume de consumo – que vai cada vez mais continuar muito alto – em contraposição aos nossos recursos naturais, que em determinado momento vão ser limitados e escassos. “E uma forma de a gente conseguir combater isso é com a inovação, porque a sustentabilidade só se mantem se a gente conseguir inovar”, alertou.


Zé Carlos do Sindicato é homenageado em Ilhéus

Ze_Carlos_homenagem_Ilheus_04_06_2016Durante o fim de semana a Associação Grupo da Amizade de Ilhéus realizou um evento e homenageou Zé Carlos, coordenador regional licenciado do Sindilimp Sul e Extremo Sul, pelo  apoio as organizações populares na região.

A Associação criada há 17 anos para fomentar o entretenimento e a solidariedade, reúne pessoas acima de 32 para passar as tardes de sábado no Clube da Arai situado no Cururupe na cidade de São Jorge dos Ilhéus.

Ze_Carlos_homenagem_placa_Ilheus_04_06_2016A homenagem aconteceu durante confraternização na tarde do último sábado(04) com a presença dos associados e convidados. A Associação tem como presidente Laurimar e na tesouraria Everaldo.

Para Marco Antônio Tomaz, diretor de futebol da Associação Zé Carlos merece a homenagem pois “é um exemplo de liderança, homem corajoso e preocupado com as minorias”. O agraciamento a Zè Carlos foi motivando pelo  seu incentivo a prática esportiva e luta em defesa dos trabalhadores.