Buerarema sedia encontro de formação regional do PNAE

pnae_bueraremaO Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição Escolar- Cecane, executou nesta sexta-feira, dia 19, uma formação para profissionais envolvidos na alimentação escolar municipal. A ação ocorreu na Câmara de Vereadores de Buerarema e contou com a participação de representantes dos municípios de Buerarema, Ilhéus, Coaraci, Almadina e Santa Luzia.

O Cecane é um projeto criado em 2006 que resulta de uma parceria do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação-FNDE, com a UFBA, através da Escola de Nutrição, comprometendo-se a prestar apoio técnico e científico ao Programa Nacional de Alimentação Escolar -PNAE.

A formação ministrada pelas assessoras do Cecane-UFBA, a nutricionista Karine Fiaes e a contadora Cristiane Pinheiro, englobou as temáticas da alimentação e nutrição, alimentação como direito humano, normas e técnicas para gestão do PNAE e reflexões sobre o ambiente escolar e o papel dos profissionais envolvidos.

“A formação estimula a mobilização dos profissionais na expectativa de fortalecer a categoria, incentivar a parcerias entre os atores envolvidos, como também com outros setores da educação e saúde, e estimular a reflexão sobre suas práticas” disse a nutricionista Karine.

As assessoras realizaram ainda diversas ações no município de Buerarema entre os dias 16 e 18, como visitas escolares, análise e orientação sobre a execução do PNAE no município, participaram de reuniões com os setores de compras e licitação, com o conselho de alimentação escolar e com a secretária de educação, Alba Regina.

 


Em uma semana, Enem recebe quase 3,5 mil inscrições

Em uma semana, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) recebeu 3.417.104 inscrições, segundo balanço divulgado na manhã de hoje (15) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A expectativa é que mais 3,5 milhões se inscrevam até o fim do prazo, às 23h59, no horário de Brasília, de sexta-feira (19).

As inscrições foram abertas na última segunda-feira (8). Os interessados em participar do exame podem se inscrever pela internet, no site do Enem.

As provas serão aplicadas em dois domingos consecutivos, nos dias 5 e 12 de novembro. Para concluir a inscrição, o candidato deve pagar a taxa de R$ 82. O prazo vai até o dia 24 deste mês.

Pelas regras do edital, estão isentos da taxa os estudantes de escolas públicas que concluirão o ensino médio este ano, os participantes de baixa renda que integram o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e os que se enquadram na Lei 12.799/2013 que, entre outros critérios, isenta de pagamento aqueles com renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio, ou seja, R$ 1.405,50.


Começam as eleições para o Colegiado Escolar na rede estadual

colegiadosMuitos estudantes da rede estadual terão os pais, mães e responsáveis como companhia a caminho da escola, desta segunda segunda-feira (8) até sexta (12). É que as escolas estaduais da capital e do interior estarão realizando as eleições para o Colegiado Escolar, que é composto por representantes dos estudantes, professores, funcionários e das famílias. A missão do conselho é contribuir para a gestão democrática e participativa das escolas, visando a união de todos pela melhoria da Educação.

“O Colegiado é extremamente importante, por meio dos qual, todos os segmentos podem dar sugestões, acompanhar e fiscalizar as ações pedagógicas e administrativas da escola. Inclusive é uma forma de os pais estarem mais presentes no cotidiano da escola onde seus filhos estudam podendo, portanto, contribuir com a direção da escola, fortalecer a gestão e, consequentemente, a Educação”, afirma o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.

A eleição é promovida pela Secretaria da Educação do Estado e cada escola escolherá um dia da semana para o pleito. Urnas serão disponibilizadas, nos três turnos, nas unidades escolares. Para a formação do colegiado, a votação é por segmentos. Só o diretor da unidade escolar tem representação garantida. As unidades escolares já têm a lista dos votantes.


Profissionais são orientados para a melhoria da educação no Sul da Bahia

forsec-ii-2017

Por Viviane Cabral – AMURC

Secretários e técnicos das secretarias de educação dos municípios Sulbaianos participaram nesta quarta-feira, 3, do 2º Encontro de Fortalecimento do Fórum de Secretários de Educação (Forsec), realizado pela Rede de Apoio à Educação – RAE Bahia, em parceria com a Amurc, Uesc e os Institutos Natura e Arapyaú. O objetivo é traçar estratégias a partir do Ideb/Prova Brasil, para melhorar a educação na região.

Ao longo da reunião, o coordenador da RAE, André Vasconcelos propôs encontros durante o ano, com a finalidade de pensar um diagnóstico da Educação e traçar planos de ação a curto, médio e longo prazo, de acordo com a realidade de cada município. Foram propostos ainda, três encontros com as câmaras técnicas de educação dos consórcios municipais na região, para construção de um plano regional.

secretarios-e-tecnicos-municipais-de-educacao-estiveram-reunidos-nesta-quarta-feira-3-na-unimeTodas as ações realizadas pela RAE são gratuitas, e o objetivo maior é melhorar o resultado do IDEB 2017 nos municípios. “Este ano iremos trabalhar para avançar o IDEB nos municípios da região, que possuem um grande potencial para crescimento, e é muito importante para a construção de planos à longo prazo”, declarou André.

A iniciativa foi parabenizada pelos profissionais que atuam na educação municipal da região, dentre eles, o assessor técnico da secretaria de educação de Ubaitaba, André Nelson Souza, que destacou a apresentação de uma análise dos indicadores de cada localidade da região. “Esses dados serão importantes para criar estratégias de enfrentamento das dificuldades e para melhorar a educação em cada município”.

Parceria

Aliado ao acompanhamento técnico da equipe da RAE, o coordenador executivo da Amurc, Luciano Veiga revelou que a Associação em parceria da Uesc disponibiliza curso de extensão em Gestão Pública, além de cursos para captação de recursos voltados para os profissionais da educação. “O objetivo é profissionalizar a educação”, explicou Luciano.

Ainda sobre a parceria Amurc e Uesc, o Pró-reitor de Extensão, Alessandro Santana destacou que as instituições estão unidas no sentido de fortalecer o Fórum, e, consequentemente o Programa AGIR-LS. “Mas, precisamos muito do envolvimento e participação dos servidores municipais para o amadurecimento em conjunto e o êxito do Fórum”, declarou Alessandro.

Eleição

nova-diretoria-do-forsecNo final do Encontro, o Forsec elegeu a nova diretoria, que agora é composta pela Secretária de Educação de Firmino Alves, Andrea Moraes, como Presidente; A Secretária de Educação de Itabuna, Anorina Smith, como vice-presidente; A professora Maria de Lourdes e Secretária de Itajuípe, como Tesoureira e a Secretária de Ibirapitanga, Viviane Aragão, como 1ª Secretária.


Rui anuncia 3 mil bolsas para professores

rui alunosO governador Rui Costa anunciou nesta segunda-feira (1º), Dia do Trabalhador, que os professores interessados na ‘Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe’ já podem procurar a unidade de ensino onde atuam para formalizar o pedido. A solicitação também pode ser feita no SAC Educação ou nas sedes dos Núcleos Territoriais de Educação (NTE). São oferecidas três mil bolsas para professores efetivos da rede estadual que exercem atividades nos ensinos fundamental e médio e que já completaram as exigências para a aposentadoria voluntária.

“É uma ação de valorização a esse importante trabalho desempenhado pelos professores em sala de aula. Esperamos que a experiência desses professores impulsione ainda mais a transformação das nossas escolas, contribuindo para a construção de futuro promissor dos jovens baianos”, comentou Rui em seu perfil oficial no Twitter (@costa_rui).

As bolsas são de R$ 800 e R$ 1,6 mil para os professores com carga horária de 20 e 40 horas, respectivamente. Além de ter completado as exigências para a aposentadoria, é necessário estar lotado em uma unidade escolar e ter optado por permanecer em efetiva regência de classe.

O benefício será pago por dois anos, prorrogáveis por mais dois, e sobre ele não incidirá contribuição previdenciária. Também não será utilizado para cálculo de aposentadoria e pensão. Poderão ser contemplados servidores que obtiverem desempenho individual satisfatório e que não possuem em seus registros funcionais mais de seis faltas injustificadas no ano letivo imediatamente anterior.


FTC Itabuna anuncia Vestibular com a oferta de vagas em 19 cursos

FTC Itabuna (1)Ofertando vagas em 19 cursos, sendo 17 de graduação superior e 02 de graduação tecnológica, a Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) de Itabuna está anunciando a realização do Vestibular 2017.2, cujas provas estão marcadas para o dia 21 de maio. As inscrições estão sendo feitas através do portal eletrônico www.ftc.br.

Para os aprovados neste processo seletivo que tenham vínculos como funcionários e associados de empresas, órgãos públicos, entidades de classe e/ou sindicatos conveniados com a Rede de Ensino FTC, que efetivarem matricula, estão sendo oferecidos descontos especiais que vão de 10% a 30% para os cursos de graduação. O benefício se estende para dependentes (filhos e cônjuge).

Instalada em Itabuna há 15 anos, a Faculdade de Tecnologia e Ciências já graduou e colocou à disposição do mercado nada mais, nada menos, que 5.772 profissionais de nível superior nas áreas de Saúde, Exatas e Humanas. Atualmente, muitos destes profissionais formados pela FTC estão atuando em diversos segmentos, inclusive como gestores e empreendedores bem-sucedidos.

Além de convênios com empresas, instituições públicas, entidades de classe e associações, que asseguram condições especiais para quem deseja ingressar e cursar uma graduação superior ou tecnológica, a FTC também disponibiliza o Cred FTC que possibilita o pagamento do semestre em 12 vezes sem juros. Os alunos da Faculdade podem ainda contar com o Financiamento Estudantil (FIES), mantido pelo Governo Federal, cujo acesso é condicionado ao desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), bem como às regras estabelecidas pelo Ministério da Educação (MEC).

Os cursos oferecidos pela FTC Itabuna na área de Saúde são: Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Medicina Veterinária, Nutrição e Odontologia. Na área de Exatas as graduações disponíveis são: Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecatrônica e Sistemas de Informação. As opções na área das ciências Humanas são: Administração, Direito, Jornalismo, Psicologia e Publicidade e Propaganda. Na área de graduação tecnológica está o curso de Logística e o de Segurança do Trabalho.


UESC lança aplicativo para ajudar a preservar o meio ambiente

uesc-frenteJá pensou em poder participar ativamente da proteção do meio  ambiente? O aplicativo “Coruja” lançado pelo o projeto de extensão Vivências Interdisciplinares em Direitos Socioambientais (VIDA), da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), oferece essa possibilidade.

Segundo o coordenador do projeto o professor Guilhardes de Jesus Jr, “o Coruja vai auxiliar o usuário fazer denúncias, identificar infrações e propor soluções que possam contribuir para proteção do meio ambiente em sua cidade. Os integrantes do Projeto Vida, do Departamento de Ciências Jurídicas da UESC, idealizaram o CORUJA, um aplicativo fácil de baixar e mais fácil ainda de usar.”

“Além de acompanhar o usuário nas suas denúncias, ele o levará a conhecer um pouco mais sobre meio ambiente e leis ambientais de forma interativa e divertida. Essa será uma das formas para, juntos, tornar a vida mais sustentável,” explicou o professor, durante o lançamento do aplicativo, na Reitoria, com a presença da reitora Adélia Pinheiro.

Funções

No “Coruja” o usuário encontra funções como “Denuncias” onde é possível descrever problemas identificados e que possam causar danos ao meio ambiente. Adicionar fotos para que a equipe do “Vida” possa repassar a informação às autoridades competentes. Os dados do usuário são confidenciais e não serão repassados para ninguém.


Livros infantis ganham espaço no mercado brasileiro

Livros infantis - Elza Fiúza-Arquivo/Agência BrasilDa Ag|encia Brasil

Dados do Sindicato Nacional dos Editores de Livros (Snel) mostram que o crescimento de vendas do gênero infantil em 2016, em relação a 2015, foi de 28%. Nesse mesmo período, o mercado geral de livros caiu 9,7%. Os dados tratam dos livros vendidos no varejo, em livrarias, e foram levantados a pedido da Agência Brasil. Hoje (18) é comemorado o Dia Nacional do Livro Infantil, data escolhida em homenagem ao escritor brasileiro Monteiro Lobato, que nasceu neste dia, em 1882.

A empresária Flávia Oliveira, 31 anos, é uma das compradoras. Ela apresentou os livros à filha, Bruna, de 3 anos, desde cedo, antes mesmo de completar 1 ano. Eram livros de páginas mais duras e com imagens que faziam parte do cotidiano. “Como ela ia muito ao zoológico, comprávamos livros com ilustrações de animais, nos quais ela identificava coisas que faziam parte do universo dela”.

Segundo Flávia, após ouvir várias vezes a mesma história, Bruna se senta com as bonecas em círculo e conta para elas o que ouviu e o que criou a partir do livro. “Eu acho que se a gente quiser que ela tenha esse interesse por livros quando for maior, tem que criar hábito desde criança, para que seja algo prazeroso. Eu não tive isso. Quando entrei na escola, achava os livros muito maçantes. Eu queria que a leitura trouxesse algo prazeroso para ela”, diz.

Embora as vendas tenham aumentado, as obras infantis ainda representam fatia pequena do mercado nacional de livros, 2,8% em 2016 – um aumento em relação aos 2% registrados em 2015.


UESC inicia ano letivo 2017

uesc-3-300x200A Aula Magna, que marcou hoje (17) a abertura do semestre letivo na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), teve a presença da Profa.Dra. Janaina Damaceno Gomes, (Febf/UERJ). Ela ministrou a conferência “A cidade de Íris: Políticas de reconhecimento e ações afirmativas no Brasil do Século XXI”, no auditório do Centro de Arte e Cultura Paulo Souto.

O evento foi aberto com as boas vindas da reitora Adélia Pinheiro, falando para uma plateia atenta formada por estudantes calouros e veteranos. Ela destacou as ações que serão implementadas, com a participação de todos os segmentos acadêmicos, para construção do novo estatuto da UESC. O processo Estatuinte já está em curso. As primeiras etapas ocorreram ao longo de 2016.

A solenidade do inicio do primeiro período letivo da UESC contou os presenças dos pro-reitores de Graduação, Elias Lins Guimarães; de Pós-Graduação, George Rego Albuquerque; de Extensão, Alessandro Fernandes de Santana e de Administração, Elson Cedro Mira.

A palestrante, Janaina Damaceno Gomes, é professora Adjunta da Faculdade de Educação da Baixada Fluminense (FEBF/UERJ). Doutora em Antropologia Social, pela USP, Mestre em Educação e Bacharel em Filosofia pela Unicamp. Realizou o pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFSCar, com o projeto “Uma Vida em Arquivos”, cuja temática era a formação de arquivos visuais e audiovisuais de movimentos sociais negros no Brasil, na África do Sul e nos Estados Unidos. Um dos resultados da pesquisa foi a realização do curso de extensão “Cinema Negro, Fotografia e Políticas de Representação”.


MEC dará prazo de 2 anos a estados e municípios para adequação de currículos

4º Encontro do Forsec e da RAE com dirigentes de educação dos municípios sulbaianosDa Agencia Brasil

O Ministério da Educação (MEC) vai fixar um prazo de até dois anos após a homologação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para que estados e municípios elaborem os próprios currículos. São os currículos que vão definir como os objetivos de aprendizagem estabelecidos devem chegar aos estudantes nas salas de aula.

“O MEC assegurará todo o apoio técnico do ponto de vista do suporte para que estados e municípios possam avançar na definição dos currículos que obedecerão as normas gerais e as diretrizes gerais consagradas na BNCC”, disse o ministro da Educação, Mendonça Filho. “Tanto o suporte téncico, como a formação de professores e currículos devem estar absolutamente sintonizados com a nova base que será homologada”, acrescenta.

A Base Nacional Comum Curricular define o que deve ser aprendido a cada etapa da vida escolar. Vale tanto para escolas públicas quanto privadas. O ministério entregou hoje (6) a base comum do ensino infantil e fundamental ao Conselho Nacional de Educação (CNE). A expectativa é que, após analisar e elaborar parecer e projeto de resolução, a BNCC volte para o MEC para ser homologada até novembro. Entre junho e setembro, o conselho fará cinco audiências públicas, uma em cada região do país.

Se esses prazos forem cumpridos, significa que estados e municípios terão até o final de 2019 ou início de 2020 para concluir os currículos.