Instituições financeiras projetam inflação de 7,36% este ano

A projeção de instituições financeiras para a inflação este ano, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), subiu 7,34% para 7,36%. Para 2017, a estimativa foi mantida em 5,12%. As projeções fazem parte de pesquisa feita todas as semanas pelo Banco Central (BC) com instituições financeiras.

As estimativas estão acima do centro da meta de inflação, de 4,5%. O limite superior da meta de inflação é 6,5% este ano e 6% em 2017. É função do Banco Central fazer com que a inflação fique dentro da meta. Um dos instrumentos usados para influenciar a atividade econômica e, consequentemente, a inflação, é a taxa básica de juros, a Selic, atualmente em 14,25% ao ano.

Quando o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central aumenta a Selic, o objetivo é conter a demanda aquecida, e isso gera reflexos nos preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Quando o Copom reduz os juros básicos, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo, mas a medida alivia o controle sobre a inflação.(Agencia Brasil)

 


Empresários confirmam parceria e apresentam demandas ao Sebrae

Reunião com lideranças empresariais de Itabuna (1)
Reunião do Sebrae com lideranças empresariais de Itabuna

Por Renata Lima

O superintendente Sebrae Bahia, Adhvan Furtado, foi recebido em Ilhéus e Itabuna por empresários de instituições parceiras e representativas da sociedade local. Os encontros aconteceram nos dias 5 e 6 de setembro, nos pontos de atendimento do Sebrae, nas duas cidades, com representantes das Câmaras de Dirigentes Lojistas, Convention Bureau, Associações Comerciais, de Turismo e da Indústria de Hotéis, e Sindicatos Rural, do Comércio, da Indústria de Informática e de Hóteis, Bares e Restaurantes .

Para os grupos, ele destacou a importância desse momento de escuta, junto aos empresários e parceiros. “O papel do Sebrae, como apoio e agente de desenvolvimento das micro e pequenas empresas, não significa uma ação isolada. É fundamental agir de forma integrada com as entidades representativas da sociedade”, afirmou.

Durante o encontro, os participantes foram convidados a apresentar suas demandas. “Pedimos ao Sebrae para ajudar o empresariado local a amenizar os impactos da crise, com novas alternativas”, afirmou o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Ilhéus (CDL), Clóvis Júnior. “Na área do turismo temos dificuldades junto ao poder público e o Sebrae é a única instituição que caminha conosco”, destacou Luís Massa, presidente do Convention Bureau.

Sobre o atual contexto econômico, Adhvan Furtado avaliou: “O que percebemos é que, nos momentos de crise, as pessoas se integram ainda mais e o Sebrae é um parceiro nesse processo, auxiliando a montar uma agenda estruturada, com unidade, para vencer as dificuldades”.
Em Itabuna, mais demandas foram apresentadas. “Precisamos do apoio do Sebrae nas questões referentes à captação de financiamento junto aos bancos”, pediu o empresário Sérgio Velanes, proprietário de uma rede de farmácias. “Pleiteamos que o Sebrae nos auxilie a encontrar soluções para transformar nossa cidade”, falou o presidente da Associação Comercial de Itabuna (ACI), Ronaldo Abude. O empresário do ramo da construção, Orleans Mendonça, sugeriu “a criação de uma escola do varejo, voltada para a prática do mercado”.

Após o encontro, as demandas foram repassadas, para encaminhamento, à gerente da unidade regional do Sebrae Ilhéus, Claudiana Figueiredo. “Esse processo de escuta das entidades acontece em momento oportuno porque estamos elaborando o Plano Plurianual de 2017/2018 e as demandas apresentadas aqui ajudarão a nortear nossas escolhas”, explicou a gerente.

Para os empresários que querem conhecer sobre eventos e capacitações do Sebrae, mais informações podem ser obtidas no Ponto de Atendimento do Sebrae em Itabuna, localizado na Rua Paulino Vieira, nº 175, Edifício Lizete Mendonça, Centro, ou no telefone (73) 3613-9734. O empresário também pode procurar o Sebrae Ilhéus, que fica na Praça José Marcelino, nº 100, Centro, ou pelo telefone (73) 3634-4068.


Diane assina carta compromisso do Programa Cidades Sustentáveis

Diane una 2 CsA atual Prefeita Diane Rusciolelli e candidata a reeleição, preocupada com o desenvolvimento sustentável do município de Una esteve presente no “Encontro Território Litoral Sul MAIS Sustentável” que aconteceu hoje dia 05 de setembro na UESC, promovido pelo Instituto Nossa Ilhéus, UESC e SEBRAE.
´
O evento tem como objetivo, oportunizar os candidatos à gestão municipal de conhecer e aderirem ao Programa Cidades Sustentáveis, por meio da assinatura de uma Carta Compromisso. Através deste programa, será possível elaborar um planejamento que considere uma abordagem sistêmica pautada na sustentabilidade integrando diferentes campos que interagem no município: econômico, social, ambiental, tributário, tecnológico, cultural etc.

Com a assinatura da carta Compromisso o gestor receberá gratuitamente, acesso à Plataforma com os indicadores e ao banco de práticas.

Diane una CS 1Diane, preocupada com o desenvolvimento local, assina a carta compromisso do Programa Cidades Sustentáveis, se comprometendo a analisar os indicadores sugeridos pela plataforma e estabelecer metas para a próxima gestão, a fim de melhorar esses indicadores e em consequência ter uma cidade mais sustentável.

Na oportunidade Diane Rusciolelli, foi apresentada ao Superintendente do SEBRAE o Srº Adhvan Furtado como uma Prefeita empreendedora, super atuante e parceira do SEBRAE. Inclusive falando da participação de Una no Programa LIDERA TURISMO, que construiu um Mapa Estratégico para o Turismo Local muito coerente com a realidade local, sendo o mais viável de ser executado na Costa do Cacau.


Bancários param suas atividades

bancosCom a greve dos bancários por tempo indeterminado, a partir de hoje (6), os consumidores devem procurar meios alternativos para pagar suas contas. Segundo a Proteste Associação de Consumidores, a greve não pode ser motivo para protelar pagamentos.

Quem tem conta para pagar e não dispõe de cartão para uso do caixa eletrônico, pode recorrer às agências lotéricas e até lojas de departamentos que aceitam a quitação de diversas contas. Mas o cliente que precisa sacar dinheiro na boca do caixa deve entrar em contato com o banco, por telefone, e solicitar uma alternativa, orienta a associação.

Quem movimenta a conta pela internet ou nos caixas eletrônicos não deve ser afetado pela paralisação, pois esses serviços devem continuar a funcionar normalmente.

Para as pessoas que têm contas a pagar de tarifas públicas, como água, telefone e energia, é aconselhável ligar para as empresas e negociar uma forma de pagamento. A Proteste lembra que essas contas podem ser quitadas em qualquer banco, já que o cálculo de taxas de multas (se já tiver vencido a data de pagamento) é acordado com a própria empresa que presta o serviço.(Agencia Brasil)


Encontro de Economia Baiana foca debate na crise

O XII Encontro de Economia Baiana, que vai discutir a ‘Crise Econômica: interpretações e desafios, retomada do crescimento sustentável’, no período de 22 e 23 deste mês, em Salvador, inscreve os interessados até próximo o dia 20. O evento é promovido pela Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia), Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) e Programa de Pós-Graduação em Economia da Universidade Federal da Bahia (Ufba).

Participam do evento o presidente do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), Marco Aurélio Crocco, e o doutor em economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Eduardo Costa Pinto. Durante dois dias, empresários, representantes do governo, academia e sociedade civil debatem quais medidas serão necessárias para ajustar a economia do Brasil, manter a política econômica de controle inflacionário dentro das metas estabelecidas e apontar alternativas para a retomada do investimento produtivo.

O encontro será realizado no auditório da Casa do Comércio, com o apoio das federações do Comércio da Bahia (Fecomércio) e das Indústrias (Fieb), Companhia de Gás da Bahia (Bahiagás), Conselho Regional de Economia (Corecon) e Sebrae. Na programação constam nove mesas de apresentações, com 27 artigos selecionados nas áreas de Economia Baiana, Economia Regional e Financiamento do Desenvolvimento. O formulário de inscrição e outras informações estão disponíveis na página do evento.


Palestra da Semana Sebrae tem público recorde em Itabuna

Palestra sebrae itabunaCerca de 1.200 pessoas foram conferir a abertura do evento, no dia 29 de agosto, com o ex-capitão do Bope, Paulo Storani.

A megapalestra gratuita “Construindo uma Tropa de Elite”, proferida pelo ex-capitão do Bope, Paulo Storani, foi sucesso de público entre empresários, empreendedores e estudantes do Sul da Bahia. Uma plateia recorde de 1.200 pessoas lotou o evento de abertura da Semana Sebrae de Capacitação Empresarial, em Itabuna. “Esse número é sete vezes maior do que o registrado na abertura da Semana, em 2015, e, também, é o maior público já presente em um evento regional”, explica o gerente-adjunto do Sebrae, Michel Lima.

Paulo Storani liderou o Batalhão de Operações Policiais Especiais do Rio de Janeiro durante seis anos e atuou como consultor dos filmes “Tropa de Elite” 1 e 2. Mestre em antropologia, especializado em administração pública e gestão de recursos humanos, hoje, aos 53 anos, ele usa a experiência do trabalho em situações de conflito para motivar empresários a construir equipes de alto desempenho.

“Os empresários devem basear-se em processos de excelência na seleção da equipe, capacitação e nível de empenho, independente do contexto econômico, aprendendo a superar limites”, orienta.

Entre os participantes do evento, o microempresário de Itabuna, Mateus Moraes, sócio de uma distribuidora de bebidas, com bar e espaço de eventos, veio aprimorar o seu método de gestão. “Em apenas um ano e meio de atividade já somos referência no setor e temos diferenciais como o serviço de delivery e um forte atuação nas redes sociais”, afirma.

A administradora de empresas Jane Reis, de Itabuna, iniciou, há três meses, como microempreendedora, a venda de roupas e calçados. “Espero aprender mais sobre empreendedorismo e mercado, para dar um novo passo que é abrir uma loja”, planeja.


Economia local é tema do debate de terça (30), no Improviso,Oxente!

improviso-oxente_educacao_23-ago-16_foto-tacila-mendes-4Os caminhos para uma economia local mais dinâmica, criativa e sustentável em Ilhéus serão discutidos no Improviso, Oxente! – evento de debate e intervenções artísticas – na próxima terça-feira (30), às 19h. Aberto ao público, o encontro acontece na Tenda Teatro Popular de Ilhéus, na Avenida Soares Lopes, e terá como painelista a coordenadora regional do Sebrae, Claudiana Figueiredo.

O tema, um dos eixos do Programa Cidades Sustentáveis, é composto por 35 indicadores – dados numéricos que mostram a evolução ao não do setor – possíveis de serem acompanhadas pelo gestor municipal, a fim de fortalecer as políticas públicas e buscar soluções mais assertivas para os problemas da cidade.

Acesso ao crédito para pequenos empresários, capacitação profissional e incentivo ao primeiro emprego, crianças e adolescentes afastados de situação irregular de trabalho infantil, desemprego, empregos em atividades turísticas e na indústria, investimento público em infraestrutura como proporção do PIB, modernização tecnológica e inovação na administração municipal, estão entre os indicadores deste eixo.

Uma economia local dinâmica e sustentável permite o aproveitamento eficiente e inteligente das vocações regionais e das características do território, e incorpora inovações e incentiva tendências que buscam zerar o impacto ambiental e a utilização de recursos naturais não renováveis.

A Economia Criativa é um desses modelos, baseando-se no incentivo à economia do intangível, o que envolve produção, distribuição, troca e uso de bens simbólicos. Para desenvolvê-la é preciso estimular os talentos para produzir bens e serviços inovadores. Assim, é necessário que a gestão pública, com participação da comunidade, possa planejá-la para impulsionar as potencialidades do município. Por isso, além da sociedade civil, também são esperados candidatos a prefeito e a vereador no debate.

Promovido pelo Instituto Nossa Ilhéus em parceira com o Teatro Popular de Ilhéus, este será o nono de uma série de 13 encontros semanais, que acontecem sempre às terças-feiras, e visam à discussão sobre a Ilhéus que queremos em 2020. Cada encontro aborda necessidades prioritárias da cidade a partir de indicadores baseados nos 12 eixos Programa Cidades Sustentáveis. É possível acessar o Guia Gestão Pública Sustentáveis, onde constam todos os indicadores sugeridos pelo PCS, no site www.nossailheus.org.br


Semana Sebrae oferece mil vagas de capacitação no Sul da Bahia

Os municípios de Ilhéus, Itabuna, Canavieiras, Itacaré e Uruçuca, na região Sul da Bahia, vão receber a Semana Sebrae de Capacitação Empresarial, que acontece em mais de 50 cidades do estado, de 29 de agosto a 3 de setembro. A abertura no dia 29, em Itabuna, terá a realização da megapalestra “Construindo uma Tropa de Elite”, pelo ex-capitão do Bope, Paulo Storani, às 19h no auditório da Terceira Via Formaturas e Eventos, na Avenida Duque de Caxias, 465, Centro. A palestra terá 500 vagas gratuitas e é dirigida a empresários e estudantes do Desafio Universitário Sebrae.

Para um público com este mesmo perfil, outra megapalestra disponibilizará mais 400 vagas gratuitas, em Ilhéus, no dia 31 de agosto, às 19h no Centro de Convenções, na Avenida Soares Lopes, Centro. O palestrante Eduardo Carmello falará sobre ‘Criatividade e Inovação que fazem acontecer’.

Serão disponibilizadas, ao todo, para os empresários do Sul da Bahia, mil vagas de capacitação. “Essa é uma grande oportunidade para que empresários e potenciais empreendedores tenham acesso a conhecimento de vanguarda para alavancar os resultados de seus negócios no atual cenário econômico de desafios que estamos vivendo” explica a gerente regional do Sebrae, Claudiana Figueiredo.

Além das megapalestras também serão oferecidas capacitações sobre gestão financeira, internet para pequenos negócios e worshops de inovação. As inscrições e informações sobre valores de investimento e a programação completa estão no site da Semana.

Outras informações podem ser obtidas no Ponto de Atendimento do Sebrae em Itabuna, localizado na Rua Paulino Vieira, nº 175, Edifício Lizete Mendonça, Centro, ou no telefone (73) 3613-9734. O empresário também pode procurar o Sebrae Ilhéus, que fica na Praça José Marcelino, nº 100, Centro, ou pelo telefone (73) 3634-4068.


Atividade econômica tem queda de 0,53% no segundo trimestre

IndústriasA atividade econômica registrou queda no segundo trimestre deste ano. Segundo o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) dessazonalizado (ajustado para o período) houve retração de 0,53% no segundo trimestre, comparado com o período de janeiro a março deste ano.

Em relação ao segundo trimestre de 2015, a queda ficou em 4,37%, segundo os dados sem ajustes, já que a comparação é feita entre períodos iguais.

Em junho, o IBC-Br registrou crescimento de 0,23% na comparação com maio (dado dessazonalizado). No primeiro semestre, houve retração de 5,96% e, em 12 meses encerrados em junho, de 5,67%.

O IBC-Br é uma forma de avaliar a evolução da atividade econômica brasileira e ajuda o BC a tomar  decisões sobre a taxa básica de juros, a Selic.

O índice incorpora informações sobre o nível de atividade dos três setores da economia: indústria, comércio e serviços e agropecuária, além do volume de impostos. Mas o indicador oficial sobre o desempenho da economia é o Produto Interno Bruto (PIB), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O PIB é a soma de todas as riquezas produzidas pelo país.


Itabuna sediará encontro de lideranças cooperativistas

Marca_LiderCoop-01No dia 12 de agosto, Itabuna receberá o Lidercoop, Encontro Regional de Presidentes, Dirigentes e Líderes do Cooperativismo Baiano, um dos eventos estrategicamente mais importantes para o desenvolvimento do cooperativismo no estado.

Na oportunidade, lideranças cooperativistas da região Sul, se reunirão para debater sobre as realidades regionais, execução das estratégias do cooperativismo baiano e a integração do sistema cooperativista para o desenvolvimento regional e sustentável. O Encontro será realizado no Salão de Eventos da Unicred Região Sul da Bahia, rua Firmino Alves, 110 – Centro – Itabuna/BA.

Este ano, o evento terá como tema “Boas práticas de Governança Cooperativa e capitalização como pilares da sustentabilidade das cooperativas”, objetivando debater como as lideranças cooperativistas estão gerindo seus negócios, além de discutir como a adoção das boas práticas de governança e capitalização são fundamentais para o sucesso e a perenidade das cooperativas, seja qual for seu ramo de atuação e tamanho da cooperativa, principalmente no que se refere a segurança e ao retorno aos cooperados.

Responsáveis por um volume de ativos superior a R$ 3,2 bilhões, as cooperativas baianas ocupam papel de relevo em setores estratégicos da economia estadual, como o agronegócio, o sistema financeiro, a saúde, o transporte e a área de serviços. No entanto, a profissionalização da gestão, a conquista da competitividade e a ampliação dos mecanismos de transparência, são desafios de todo o sistema cooperativista, de acordo com Cergio Tecchio, presidente do Sistema OCEB. Em 2015, contrariando o desempenho econômico brasileiro e baiano, as cooperativas cresceram cerca de 19% em relação ao ano anterior.

Para Tecchio, o encontro deste ano terá o número de participantes ampliados, dando assim mais foco a questão estratégica para o desenvolvimento do cooperativismo, levando experiências e informações para reflexão dos participante e posterior aplicação no âmbito das cooperativas.

O encontro já foi realizado em Luís Eduardo Magalhães no dia 15 de julho, em Salvador (22.07), Irecê (29.07) e em Vitória da Conquista (05.08). Na próxima semana o evento seguirá para o seu último encontro de 2016, na cidade de Feira de Santana (19.08).