Semana Global do Empreendedorismo tem programação em Itabuna e Ilhéus

sebrae-itabuna-foto-mauricio-maron-unnamedPor Viviane Cabral

Ilhéus – Cerca de 170 vagas de capacitações para a Semana Global de Empreendedorismo (SGE) em Ilhéus e em Itabuna, sendo 110 gratuitas, nas áreas de inovação, gestão, liderança, finanças e planejamento já estão disponíveis para inscrição na Loja Virtual do Sebrae.

A programação, que é realizada em todo o mundo, acontece entre os próximos dias 5 e 9 de novembro nas agências de atendimento do Sebrae nos dois municípios.

A SGE é a maior celebração do mundo dos empreendedores, e objetiva disseminar a cultura empreendedora, conectando, capacitando e inspirando as pessoas a darem o próximo passo na sua jornada empreendedora. Pensando nisso, o gerente adjunto do Sebrae em Ilhéus, Michel Lima, explica que “serão realizadas ações locais para quem quer empreender e para aqueles que pretendem se capacitar”.

As atividades começam na próxima segunda-feira, 5, no Sebrae em Ilhéus, com a Clínica Tecnológica gratuita sobre “Como usar as Mídias Sociais em seu negócio”, das 13 às 17 horas. No mesmo dia e local, tem início o curso Gestão de Estoques NaMedida, que acontece até o dia 7, sempre das 18 às 22h. O curso tem o objetivo de capacitar donos de microempresas a realizar técnicas de gestão de estoque e otimizar resultados operacionais e financeiros. O custo é de R$ 150.

Já no período de 5 a 9 a programação na agência de atendimento em Itabuna, acontece sempre das 18h às 22h, com o curso intermediário de Gestão Financeira. O investimento é de R$ 150. O objetivo é possibilitar ao empresário uma melhor compreensão sobre o controle financeiro, aliada a uma análise sobre a tomada de decisões, que se resumem no desenvolvimento das seguintes competências: cognitiva, atitudinal e operacional.


Convênio viabiliza consultoria empresarial para os MEIs

decoracao-junina-comercio-de-ilheus-foto-mauricio-maron-2A partir de agora, os Microempreendedores Individuais (MEIs) cadastrados em Ilhéus podem contar com orientações administrativas e empresariais para o aprimoramento de seus negócios.

O convênio que permite esse serviço foi assinado ontem, dia 23, pelo prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, e pelo diretor geral da Faculdade de Ilhéus, Almir Milanesi. A consultoria será prestada na Sala do Empreendedor, localizada no térreo do Anexo de Secretarias, no centro da cidade, e na Central de Abastecimento da Zona Sul.

O ato de assinatura do convênio, ocorrido na sede da Faculdade, contou com a presença dos secretários municipais de Indústria e Comércio, Paulo Sérgio Santos, e de Governo, Gil Gomes, da diretora acadêmica da Faculdade, Sandra Milanesi, e da coordenadora do curso de Administração, Cristiane Nunes.

A consultoria será prestada através de alunos, em regime de estágio, dos cursos de Administração e de Ciências Contábeis, sob a supervisão de professores dos respectivos colegiados. O município de Ilhéus possui cerca de sete mil MEIs cadastrados e tem apresentado a menor taxa de inadimplência da região Sul da Bahia.


Lideranças vão discutir ações regionais para o Sul da Bahia

Lideranças empresariais e institucionais vão se reunir nesta sexta-feira, 19, das 8h às 13h, no auditório do Sebrae em Ilhéus, para discutir ações em prol do desenvolvimento regional. O evento marca o I Encontro de Novas Lideranças do Sul da Bahia Global, criado a partir do programa Líder do Sebrae, com o objetivo de colocar em prática o Plano de Desenvolvimento Regional, construído a partir do recorte de seis municípios (Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Uruçuca, Canavieiras e Una).

Segundo a gerente regional do Sebrae em Ilhéus, Claudiana Figueiredo, o encontro é uma iniciativa das lideranças locais que vão construir uma agenda de Desenvolvimento Regional. “A ideia é fazer com que esse plano transborde e que as ações e as metas que estão previstas consigam sair do papel, visando um desenvolvimento sustentável para a região”, destacou.

O plano foi construído por representantes da sociedade civil organizada, iniciativa privada e do poder público da região durante a aplicação de oito módulos do Líder. Dentre as principais necessidades apontadas, destacam-se ações focadas em economia, educação, infraestrutura, nas produções de cacau e chocolate, além de meio ambiente e paisagem, sendo estes dois últimos eixos trabalhados como ativo econômico regional de qualidade de vida e bem estar social.


Trabalhadores nascidos em outubro podem sacar o PIS a partir de hoje

caixa_sao_caetanoComeça nesta quinta-feira (18) o pagamento do abono salarial do Programa de Integração Social (PIS), calendário 2018/2019, para os trabalhadores nascidos no mês de outubro. Em relação ao Pasep, abono destinado a servidores públicos, que é feito pelo Banco do Brasil, o pagamento é para quem tem inscrição de final 3. Os pagamentos se referem ao ano-base 2017.

Segundo a Caixa, no caso do PIS, os valores variam de R$ 80 a R$ 954, conforme o tempo de trabalho durante o ano passado. Titulares de conta individual na instituição, com saldo acima de R$ 1,00, já receberam o crédito automático antecipado na última terça-feira (16).(Agência Brasil)


Sebrae realiza capacitação focada em gestão empresarial em Itabuna

sebrae-itabuna-foto-mauricio-maron-unnamedOs empresários de Itabuna terão a oportunidade de participar do Treinamento Gerencial Básico, que será realizado entre os dias 22 e 26, das 19h às 22h, na agência do Sebrae no município.

A capacitação tem o foco nos fundamentos da gestão empresarial, a partir de conteúdos relacionados a planejamento, gestão de pessoas, de compras e vendas, estoque, gestão financeira, capital de giro e introdução ao marketing. O investimento é de R$ 100.

A agência de atendimento do Sebrae fica localizado na Rua Paulino Vieira, 175, Edifício Lizete Mendonça, Centro. Mais informações pelos telefones: (73) 3613-9734 / (73) 99974-2262, em Itabuna ou na Central de Relacionamento Sebrae, no 0800 570 0800.


Governo recebe sugestões sobre investimentos na Zona Franca de Manaus

O Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) abriu uma consulta pública para regras de investimento em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) na Zona Franca de Manaus. Esses recursos são uma contrapartida de benefícios fiscais dados a empresas que produzem bens de informática na região, como desonerações no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e Imposto sobre Importação.

As contribuições devem ser enviadas por meio do site do MDIC até o dia 9 de novembro.

Pela legislação brasileiras, essa companhias podem pagar menos desses impostos se garantirem percentuais mínimos de investimento na chamada P&D. Esse repasse é sujeito a um conjunto de regras, que beneficiam tecnologia, mão-de-obra e contratações de firmas nacionais. Neste ano, a Lei 13.674 atualizou as exigências e procedimentos, flexibilizando as possibilidades de investimento.

As empresas de bens de informática da Zona Franca de Manaus (como fabricantes de smartphones e eletrodomésticos) passaram a poder investir também em startups (pequenas empresas de tecnologia), em incubadoras e aceleradoras (organizações que apoiam essas pequenas firmas) e em outros projetos de incentivo ao desenvolvimento tecnológico.

Também será possível alocar verbas em Organizações Sociais a serem criadas com o objetivo de realizar pesquisa, bem como em projetos não somente de inovação em informática, mas relacionados a sustentabilidade.

Os recursos podem ser repassados ainda a universidades e aos chamados “projetos prioritários” (definidos por um comitê de especialistas). Uma parte também financia o Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT). De acordo com o MDIC, as contrapartidas decorrentes da redução de impostos chegam a mais de R$ 700 milhões por ano. (Agencia Brasil)


Evento reuniu lideranças empresariais e pessoas ligadas ao mundo dos negócios de Itabuna e região

sebrae_evento-_itabunaPor Viviane Cabral – Sebrae

Um momento oportuno para a troca de ideias inovadoras e histórias inspiradoras foi registrado na noite desta terça-feira, 2, no Palace Hotel em Itabuna, no Encontro com Lideranças Empresariais promovido pelo programa Liderar o Futuro do Sebrae. O evento contemplou a participação de lideranças empresariais e pessoas ligadas ao segmento na região, que estão sendo capacitadas pelo programa até o mês de novembro.

O objetivo, segundo a gerente regional do Sebrae, Claudiana Figueiredo, foi inspirar as pessoas para o espírito do associativismo e para que elas assumam o protagonismo à frente das entidades empresariais, entendendo o impacto que isso possa ter nos seus negócios. “A ideia é despertar nas pessoas um novo conceito e um novo modelo de entidade associativa, que está sendo trabalho nos módulos de construção de alguns projetos sociais que serão aplicados junto a sociedade, a partir do programa Liderar o Futuro”.

Itabuna é uma das quatro cidades baianas que está recebendo o curso desenvolvido pelo Sebrae Bahia, iniciado no mês de julho, com o foco no desenvolvimento de competências essenciais de uma liderança. Em todo o Estado, 120 empresários e pessoas ligadas ao mundo dos negócios estão sendo capacitadas para promover um processo de mudança em suas localidades.

O resultado esperado, segundo o coordenador do Liderar o Futuro no Sebrae Bahia, André Gustavo, é melhorar o ambiente de negócios, focando no fortalecimento do empreendedorismo, abertura de empresas, entre outras ações. “Os locais onde as entidades são fortes, o desenvolvimento acontece. Nesse sentido, a ideia é formar liderança para transformar os municípios”.

Fortalecimento

A partir dessa perspectiva, o coordenador executivo da Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste Baiano – Amurc, Luciano Veiga, destacou que o projeto traz a importância a partir do tripé iniciativa privada, sociedade civil organizada e o poder público, alinhado ao envolvimento de todos. “O Liderar o Futuro vem pensar a singularidade do agir para o entendimento de transformar a partir da participação de todos”.

O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna, Sérgio Velanes, e o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna, Carlos Leahy, reforçaram a importância da parceria com o Sebrae, que é um grande agente de transformação. “A instituição tem promovido um elo de ligação importante entre as entidades da região”, pontuou Leahy.

Ainda presente no encontro, o presidente da Federação de Câmara de Dirigentes Lojistas do Estado da Bahia – FCDL, Pedro Luiz Failla, revelou que trabalhou durante um tempo no mercado financeiro, e depois montou o seu próprio negócio. Foi quando descobriu a importância do associativismo. “A partir do projeto, esperamos formar novas lideranças para o movimento que protege as empresas, e o varejo de forma geral”.

O presidente do Fórum Empresarial da Bahia, José Raimundo, declarou que o evento corrobora com a força do Liderar o Futuro, pois “somente, dessa forma, contribui para o crescimento e a transformação local”. Já Ronaldo Abude, representando o Movimento Empresarial Sul da Bahia em Ação, espera que as lideranças locais “sejam capazes de reproduzir na prática aquilo que a população regional anseia”.


Preço em alta da gasolina leva o consumidor a migrar para o álcool

gasolinaO consumo de etanol nas bombas dos postos de combustíveis do Estado de São Paulo alcançou, pela primeira vez, neste mês de setembro a mesma proporção da gasolina. Segundo o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Estado de São Paulo (Sincopetro), José Alberto Paiva Gouveia, 50% das vendas foram de etanol e 50% de gasolina. Até hoje, o que se verificava era um escoamento médio de 60% de gasolina.

O empresário informou que essa migração já vem ocorrendo desde “a greve dos caminhoneiros, em maio último {que levou ao desabastecimento} em paralelo com as subidas constantes da gasolina”. Ele informou que o consumo mensal nas cidades paulistas atinge 180 bilhões de litros somando a gasolina, o álcool e o diesel.

E sempre que o valor do litro de álcool equivale a 70% do preço da gasolina, abastecer com o derivado da cana fica mais competitivo. O litro de gasolina está custando em média R$ 4,57 em São Paulo, enquanto o de etanol vale R$ 2,74 – 59% mais barato.


UESC promove evento sobre gestão e desenvolvimento regional

uescO Departamento de Ciências Administrativas e Contábeis da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) vai promover o “I Congresso Regional: Farol para o Desenvolvimento”.

O evento será realizado no auditório Paulo Souto, no campus da UESC, em Ilhéus, no período de 9 a 11 de outubro. O diretor do Departamento, professor Rozilton Ribeiro, “trata-se de um evento cuja finalidade será a promoção de debates de alto nível sobre os caminhos e alternativas do desenvolvimento local, regional, estadual e brasileiro e as implicações da gestão aplicada aos procedimentos de flexibilidade, racionalidade e priorização dos recursos e suas consequências econômicas, sociais e ambientais”.

O evento está direcionado, prioritariamente, a estudantes das áreas sociais e áreas afins, professores, profissionais liberais e empresários. “I Congresso Regional: Farol para o Desenvolvimento se traduz numa grande oportunidade para a discussão com especialistas, exposição de ideias e a crítica propositiva sobre a temática, cada vez mais presente na vida das pessoas e das instituições públicas e privadas” afirma o professor.


Receita libera segunda-feira consulta ao 4º lote de restituição do IR

dinheiroA consulta ao quarto lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2018 será liberada a partir das 9h de segunda-feira, 10. Esse lote também contempla restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2017.

A correção variará de 3,15%, para as declarações entregues em maio deste ano, até 105,27%, para os contribuintes que estavam na malha fina desde 2008. O índice equivale à taxa Selic (juros básicos da economia) acumulada desde o mês de entrega da declaração até setembro deste ano.

O crédito bancário para 2.646.626 contribuintes será feito em 17 de setembro, totalizando o valor de R$ 3,3 bilhões. Desse total, R$ 219,3 milhões são destinados a contribuintes com prioridade: 4.863 idosos acima de 80 anos, 36.308 entre 60 e 79 anos, 5.490 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 18.409 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone, número 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível verificar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita oferece ainda aplicativos para tablets e smartphones para consulta à declaração e à situação cadastral no CPF. Com ele é possível verificar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre a liberação das restituições e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.(Agência Brasil)