FTC promove Feira de Adoção de Animais em Itabuna

Representantes de ONGs participam da organização da Feira (2)Utilizando como slogan “Leve mais amor e alegria para o seu lar” a Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) de Itabuna, em parceria com Organizações Não Governamentais (ONGs) que atuam na promoção da defesa e proteção dos animais, promove no próximo sábado, 2 de Julho, a Feira de Adoção de Animais – Caninos e Felinos, na Praça José Bastos, área central da cidade, no horário das 8 às 12 horas. Aberto ao público, o evento marca o inicio das atividades do curso de Medicina Veterinária na FTC Itabuna.

Durante a Feira, as ONGs – Amigo Leal, Amigos e Protetores em Defesa dos Animais (APDA), A3 e Ronronar – estarão expondo cães e gatos sob seus respectivos cuidados, aptos à adoção. Os participantes e interessados na adoção terão acesso ainda a uma série de serviços e informações sobre cuidados e comportamento animal, vacinação e castração. Na Praça também estarão montados stands de clínicas veterinárias, pet shops e de empresas que atuam na representação de laboratórios e fabricantes de ração para caninos e felinos.

Segundo o diretor geral da FTC Itabuna, Januário Mourão e Lima, a realização da Feira de Adoção de Animais é um primeiro passo dado pela Instituição de Ensino visando estabelecer uma parceria com as organizações que atuam na defesa e proteção dos animais. “Com a implantação da primeira turma de Medicina Veterinária, já no próximo semestre, queremos caminhar juntos visando disseminar na sociedade uma nova cultura de corresponsabilidade na proteção e defesa dos animais, principalmente, buscando minimizar os casos de maus tratos que acontecem”, argumentou.


Assembleia em Jequié trata de atrasos e garantias dos terceirizados da educação

Assembleia2_jequie_02_06_2016A luta em defesa dos direitos dos trabalhadores terceirizados da educação estadual na região de Jequié esteve em pauta nos últimos dois dias em assembleias realizadas na terra do sol. A ação objetivou aprofundar os motivos e a busca de soluções sobre os atrasos de salários e benefícios da categoria.

Os trabalhadores que atuam na portaria, limpeza, cozinha e no setor administrativo das escolas via empresas de terceirização, se reuniram ontem e hoje(02) com a diretoria do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul (Sindilimp). Questões como os atrasos de pagamentos de salários, vale transporte e vale alimentação das empresas Sandes e Basetec, além das denúncias de desvios de função foram discutidas nos encontros.

“Estamos aqui para fortalecer a luta pelos direitos de vocês. Terceirizados como qual quer outro trabalhador precisa receber seu salário em dia e todos os diretos garantidos e respeitados. Cada um que trabalha na escola da sua contribuição na educação dos filhos e filhas de pais e mães de famílias, nas funções que exercem com muita dignidade”, disse a diretoria do Sindilimp.


Sindilimp protesta na passagem da Tocha Olímpica no Sul e Extremo sul da Bahia

sindlimpEsta semana a Tocha Olímpica está fazendo o revezamento em dezenas de municípios da Bahia. Momento oportuno para o Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul (Sindilimp) protestar contra o desrespeito aos diretos dos trabalhadores terceirizados.

Na cidade de Itabuna  o evento aconteceu na tarde deste sábado(21), e segundo o Sindilimp  não é motivo de festa para os trabalhadores. “A Tocha Olímpica acZe tocha_21_05_2016esa representa a paz, justamente o que centenas de terceirizados da educação estadual não estão tendo sem recebem salários há a mais de 3 meses, a paz”, lamentou o coordenador do Sindilimp, José Carlos Conceição de Jesus

O Sindicato também protesta contra as demissões de terceirizados das escolas por ordem do governo Estadual. De acordo José Carlos a Secretaria de Educação está mandando demitir terceirizados todos os dias sem nenhuma justificativa. “Não podemos fechar os olhos diante dessa injustiça. São pais e mães de famílias  que acordam cedo para colocar o pão na mesa e estão com medo de perder seus empregos e passar fome”, concluiu.

Na última quinta-feira (19), a diretoria do Sindilimp  reuniu com os trabalhadores terceirizados em Itabuna para discutir sobre os  constantes atraso salarial e  as demissões. Na oportunidade a categoria decidiu fazer uma assembléia na segunda-feira(23) para avaliar a situação e fazer novos encaminhamentos.

 

 


Sindilimp saúda os garis pelo seu dia

Protesto_garis_Jequie_16_11_15Hoje, 16 de  maio,  é o dia em homenagens aos trabalhadores garis. São homens e mulheres que zelam  pelas ruas, praças e avenidas  das cidades com dedicação e alegria. Sem eles,  a vida urbana seria  um caos.

“Quero celebrar com os garis da nossa região este dia tão importante. Vamos lutar sempre para que tenham melhores condições de trabalho e uma vida com dignidade”, afirmou  José Carlos Conceição de Jesus,  coordenador regional do Sindicato dos Trabalhadores em Limpeza da Região Sul e Extremo Sul da Bahia (Sindilimp).

Os garis trabalham na limpeza das vias públicas com varrição e recolhimento dos resíduos sólidos, produzido pela população. Sua missão vai além da limpeza. Os garis são agentes que contribuem pela preservação do meio ambiente e da saúde coletiva.


Projeto educativo da Coelba leva orientações a escola de Itabuna

Entre os dias 09 a 12 deste mês, o Colégio Estadual de Itabuna receberá o projeto “Educação com Energia”, da Coelba, uma empresa do Grupo Neoenergia.

O projeto educativo levará orientações sobre o consumo eficiente e seguro da energia elétrica para alunos e professores da escola, localizada na Avenida Manoel Chaves, bairro São Caetano.

As atividades serão realizadas no dia 09/05, das 13h às 17h e dias 10 e 11/05, das 8h às 17h. No dia 12/05, das 8h às 17h, a Coelba realizará doação de lâmpadas LED, mais duráveis e econômicas, para os pais dos alunos e moradores das comunidades do entorno da escola que assistirem à palestra educativa.

Para esta ação, estão disponíveis 1,5 mil lâmpadas para distribuição. Serão distribuídas três unidades, por residência, para as pessoas que atenderem aos critérios de participação.

Totalmente adaptado para o desenvolvimento de ações pedagógicas, o caminhão do ‘Educação com Energia’ se transforma em uma sala de aula climatizada, com recursos tecnológicos avançados, como iluminação cênica, vídeos e maquetes.

Na ocasião, os participantes receberão orientações, através de exibição de filmes e palestras, sobre o uso seguro e consciente da energia. Além disso, terão acesso à projeção da maquete virtual, onde poderão conhecer como funcionam as Usinas Eólicas, Solar e Hidroelétrica e terão acesso a dicas de eficiência energéticas na “casa eficiente”.


Frente Popular organiza o Dia de Luta contra o golpe em Itabuna

A Frente Brasil Popular realiza na noite desta quinta-feira, dia 05, no Sindicato dos Bancários de Itabuna, uma plenária, com a participação de representantes de entidades dos movimentos sociais, sindicalistas, estudantes e militantes de partidos de esquerda, para organizar o Dia Nacional de Itabuna na cidade contra o impeachment da presidente Dilma.

“Vamos construir nossas ações para 10 de maio, dia nacional de luta contra o golpe”, disse ao BLOG DO BENÉ o sindicalista e ex-vereador Luis Sena, um dos coordenadores do movimento no sul da Bahia. A reunião está prevista para às 18 horas.

A Frente Brasil Popular pretende fazer uma grande manifestação nacional no próximo dia 10, nas principais cidades brasileiras. “A orientação nacional é manifestações, paralisações demonstrando repúdio ao golpe e em defesa da democracia”, afirmou Sena.

“O alvo da mobilização são os militantes dos partidos PCdoB, PT, CUT, CTB, sindicatos, artistas, intelectuais e todos que entendem a importância de lutar em defesa da democracia”, acrescentou.(blog do Bene)


Estudantes e docentes de letras da Uesc fazem aula em defesa da democracia

aula democracia2Na manhã da última quinta-feira (28) estudantes e professores do curso de Letras fizeram um ato político para discutir os impactos de um provável impeachment da presidenta Dilma para a democracia participativa, para o exercício da cidadania e para o fortalecimento das instituições democráticas.

Discentes e docentes discursaram em defesa da democracia participativa,discutindo como um impeachment, capitaneado por pessoas envolvidas em crimes, como o vice-presidente Michel Temer e o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, seria algo danoso para o povo brasileiro e sua jovem democracia, conquistada com muito sangue, greves e lutas estudantis e populares.

O debate pontuou como os profissionais das licenciaturas e das letras,historicamente engajados na luta política, educacional e cultural, deveriam protagonizar, junto com os movimentos sociais, a defesa da democracia no país. “Nós acreditamos que é necessário irmos às ruas, de forma pacífica e democrática, pedindo não apenas a permanência da presidente eleita, mas também, com maior importância, a participação social. Devemos cobrar por mais democracia, mais exercício de cidadania!”, afirmou o estudante de Letras Tiago Simões, representante dos alunos no Conselho Universitário da Uesc.

O ato apontou a necessidade de organização popular, nos nossos bairros,escolas, universidade, locais de trabalho e no campo para pautar um novo projeto de país. “Não queremos apenas democracia do voto, queremos um Brasil diverso,democrático, popular e soberano, mas tudo isso implica no maior envolvimento da sociedade nas decisões políticas, e é nas ruas e nos espaços sociais que habitamos que devemos pautar como queremos que seja o amanhã do povo brasileiro”, reforçou Tiago Simões.


Ato de estudantes da Uesc protestam contra o Golpe

uescEstudantes da Universidade Estadual de Santa Cruz promoveram na manhã de hoje um ano público contra o Golpe e em Defesa da Democracia.

O ato, realizado em universidades de todo o país, é promovido pela União Nacional dos Estudantes, Frente Brasil Popular e Comitê da Uesc contra o Golpe..

Na Uesc, os manifestantes protestaram contra o Golpe e alertaram pelo riscos de redução ou extinção de programas sociais e a entrega do Pré-Sal para multinacionais do petróleo.(do blog do Thame)


Marimbeta e Escola Senhora Santana realizam Pascoa Solidária

marimbetaCom o objetivo de promover a socialização e incentivar o espírito solidário das crianças e jovens, a Fundação Marimbeta e a Escola Senhora Santa irão realizar no dia 28 de março, a Páscoa Solidária.

Durante o evento, estão previstas apresentações de teatro e ballet, distribuição de lanches, e a troca de ovos de páscoa por brindes confeccionados pelos alunos da Fundação Marimbeta.

A diretora Maria Áurea de Oliveira Santos, conhecida como tia Aurinha, destacou a importância da ação:  “A Escola Senhora Santana trabalha focando na construção de um cidadão melhor e nesse sentido, a parceria com a Marimbeta vem exemplificar a importância de se valorizar o cidadão”.

De acordo com Acácia Pinho, presidente da Fundação Marimbeta, parcerias como esta são relevantes pois possibilitam a troca de experiências entre crianças e jovens, além de contribuir para que estes compreendam e vivenciem o verdadeiro sentido da Páscoa.


Audiência pública vai debater Dia Mulher

Na semana de comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Itabuna (Consemdami), em parceria com a Secretaria de Assistência Social e a Associação de Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste da Bahia – Amurc estará promovendo nesta sexta-feira, 11, a partir das 13h30, uma Audiência Pública sobre: “A Mulher Grapiúna e o seu Protagonismo: Político, Econômico e Social”.

O encontro será realizado no Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna, e tem o objetivo de sensibilizar as Mulheres para buscar suas conquistas na sociedade. Aliado a isso, a presidente do Conselho, Maria Sueli de Souza revela que a ideia é escutar o público presente para a elaboração de um documento de reivindicações a ser enviado aos órgãos responsáveis, em defesa dos Direitos da Mulher.

As palestras serão proferidas pela secretária da Secretaria de Política para as Mulheres (SPM), Olívia Santana, seguida da professora Neide Lima de Almeida e da promotora do Ministério Público, Cleide Ramos Reis.