Projeto educativo da Coelba leva orientações a escola de Itabuna

Entre os dias 09 a 12 deste mês, o Colégio Estadual de Itabuna receberá o projeto “Educação com Energia”, da Coelba, uma empresa do Grupo Neoenergia.

O projeto educativo levará orientações sobre o consumo eficiente e seguro da energia elétrica para alunos e professores da escola, localizada na Avenida Manoel Chaves, bairro São Caetano.

As atividades serão realizadas no dia 09/05, das 13h às 17h e dias 10 e 11/05, das 8h às 17h. No dia 12/05, das 8h às 17h, a Coelba realizará doação de lâmpadas LED, mais duráveis e econômicas, para os pais dos alunos e moradores das comunidades do entorno da escola que assistirem à palestra educativa.

Para esta ação, estão disponíveis 1,5 mil lâmpadas para distribuição. Serão distribuídas três unidades, por residência, para as pessoas que atenderem aos critérios de participação.

Totalmente adaptado para o desenvolvimento de ações pedagógicas, o caminhão do ‘Educação com Energia’ se transforma em uma sala de aula climatizada, com recursos tecnológicos avançados, como iluminação cênica, vídeos e maquetes.

Na ocasião, os participantes receberão orientações, através de exibição de filmes e palestras, sobre o uso seguro e consciente da energia. Além disso, terão acesso à projeção da maquete virtual, onde poderão conhecer como funcionam as Usinas Eólicas, Solar e Hidroelétrica e terão acesso a dicas de eficiência energéticas na “casa eficiente”.


Frente Popular organiza o Dia de Luta contra o golpe em Itabuna

A Frente Brasil Popular realiza na noite desta quinta-feira, dia 05, no Sindicato dos Bancários de Itabuna, uma plenária, com a participação de representantes de entidades dos movimentos sociais, sindicalistas, estudantes e militantes de partidos de esquerda, para organizar o Dia Nacional de Itabuna na cidade contra o impeachment da presidente Dilma.

“Vamos construir nossas ações para 10 de maio, dia nacional de luta contra o golpe”, disse ao BLOG DO BENÉ o sindicalista e ex-vereador Luis Sena, um dos coordenadores do movimento no sul da Bahia. A reunião está prevista para às 18 horas.

A Frente Brasil Popular pretende fazer uma grande manifestação nacional no próximo dia 10, nas principais cidades brasileiras. “A orientação nacional é manifestações, paralisações demonstrando repúdio ao golpe e em defesa da democracia”, afirmou Sena.

“O alvo da mobilização são os militantes dos partidos PCdoB, PT, CUT, CTB, sindicatos, artistas, intelectuais e todos que entendem a importância de lutar em defesa da democracia”, acrescentou.(blog do Bene)


Estudantes e docentes de letras da Uesc fazem aula em defesa da democracia

aula democracia2Na manhã da última quinta-feira (28) estudantes e professores do curso de Letras fizeram um ato político para discutir os impactos de um provável impeachment da presidenta Dilma para a democracia participativa, para o exercício da cidadania e para o fortalecimento das instituições democráticas.

Discentes e docentes discursaram em defesa da democracia participativa,discutindo como um impeachment, capitaneado por pessoas envolvidas em crimes, como o vice-presidente Michel Temer e o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, seria algo danoso para o povo brasileiro e sua jovem democracia, conquistada com muito sangue, greves e lutas estudantis e populares.

O debate pontuou como os profissionais das licenciaturas e das letras,historicamente engajados na luta política, educacional e cultural, deveriam protagonizar, junto com os movimentos sociais, a defesa da democracia no país. “Nós acreditamos que é necessário irmos às ruas, de forma pacífica e democrática, pedindo não apenas a permanência da presidente eleita, mas também, com maior importância, a participação social. Devemos cobrar por mais democracia, mais exercício de cidadania!”, afirmou o estudante de Letras Tiago Simões, representante dos alunos no Conselho Universitário da Uesc.

O ato apontou a necessidade de organização popular, nos nossos bairros,escolas, universidade, locais de trabalho e no campo para pautar um novo projeto de país. “Não queremos apenas democracia do voto, queremos um Brasil diverso,democrático, popular e soberano, mas tudo isso implica no maior envolvimento da sociedade nas decisões políticas, e é nas ruas e nos espaços sociais que habitamos que devemos pautar como queremos que seja o amanhã do povo brasileiro”, reforçou Tiago Simões.


Ato de estudantes da Uesc protestam contra o Golpe

uescEstudantes da Universidade Estadual de Santa Cruz promoveram na manhã de hoje um ano público contra o Golpe e em Defesa da Democracia.

O ato, realizado em universidades de todo o país, é promovido pela União Nacional dos Estudantes, Frente Brasil Popular e Comitê da Uesc contra o Golpe..

Na Uesc, os manifestantes protestaram contra o Golpe e alertaram pelo riscos de redução ou extinção de programas sociais e a entrega do Pré-Sal para multinacionais do petróleo.(do blog do Thame)


Marimbeta e Escola Senhora Santana realizam Pascoa Solidária

marimbetaCom o objetivo de promover a socialização e incentivar o espírito solidário das crianças e jovens, a Fundação Marimbeta e a Escola Senhora Santa irão realizar no dia 28 de março, a Páscoa Solidária.

Durante o evento, estão previstas apresentações de teatro e ballet, distribuição de lanches, e a troca de ovos de páscoa por brindes confeccionados pelos alunos da Fundação Marimbeta.

A diretora Maria Áurea de Oliveira Santos, conhecida como tia Aurinha, destacou a importância da ação:  “A Escola Senhora Santana trabalha focando na construção de um cidadão melhor e nesse sentido, a parceria com a Marimbeta vem exemplificar a importância de se valorizar o cidadão”.

De acordo com Acácia Pinho, presidente da Fundação Marimbeta, parcerias como esta são relevantes pois possibilitam a troca de experiências entre crianças e jovens, além de contribuir para que estes compreendam e vivenciem o verdadeiro sentido da Páscoa.


Audiência pública vai debater Dia Mulher

Na semana de comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Itabuna (Consemdami), em parceria com a Secretaria de Assistência Social e a Associação de Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste da Bahia – Amurc estará promovendo nesta sexta-feira, 11, a partir das 13h30, uma Audiência Pública sobre: “A Mulher Grapiúna e o seu Protagonismo: Político, Econômico e Social”.

O encontro será realizado no Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna, e tem o objetivo de sensibilizar as Mulheres para buscar suas conquistas na sociedade. Aliado a isso, a presidente do Conselho, Maria Sueli de Souza revela que a ideia é escutar o público presente para a elaboração de um documento de reivindicações a ser enviado aos órgãos responsáveis, em defesa dos Direitos da Mulher.

As palestras serão proferidas pela secretária da Secretaria de Política para as Mulheres (SPM), Olívia Santana, seguida da professora Neide Lima de Almeida e da promotora do Ministério Público, Cleide Ramos Reis.


Caminhada das mulheres reune centenas de pessoas em Itabuna

Políticos e representantes dos movimentos sociais participaram do evento.

Militantes, ativistas e a população da região participaram da caminhada em homenagem ao dia da Mulher, nesta terça-feira(08) em Itabuna no Sul da Bahia. A caminha precorreu a Avenida do Cinquentenário.

O ato também contou com a presença de centrais sindicais, Movimento Sem Terra,  Movimento de Mulheres, estudantes, partidos de esquerda e lideranças  politicas. A luta pela igualdade de direitos foi uma das pautas do movimento.

A militância petista foi uma das mais entusiasmada na atividade. O ano de 2016 promete no cenário politico itabunense.


Mulheres lutam por igualdade, mas problemas históricos persistem

Mulheres_lutamO feminismo tem ganhado cada vez mais força na sociedade brasileira. Na internet e nas ruas, mais brasileiras estão se manifestando em defesa da igualdade de gênero e do fim da violência. No ano passado, a Marcha das Margaridas e a das Mulheres Negras levaram milhares de militantes a Brasília para pedir melhorias para a vida de 51,4% da população brasileira.

A secretária de Autonomia Feminina da Secretaria de Política para as Mulheres, Tatau Godinho, avalia o que o fenômeno é muito positivo para o combate ao machismo do dia a dia. “Estamos assistindo a uma camada imensa de mulheres jovens darem um novo impulso à ideia de que a igualdade entre mulheres e homens é uma coisa legal, fundamental para se ter uma sociedade moderna, e que o feminismo não é uma pauta antiga, está nas questões cotidianas”, disse.

Apesar da popularização do debate, as brasileiras ainda precisam encarar problemas como as desigualdades salariais, a pouca representatividade política e a violência.

Tatau Godinho destaca que um dos principais obstáculos a ser superado é a desigualdade no mercado de trabalho. “As mulheres têm mais dificuldade de entrar e de chegar a cargos de chefia, e ganham menos que homens cumprindo a mesma função. O machismo faz com que mulheres sejam discriminadas no acesso aos melhores cargos”, avalia.

Leia Mais na Agência Brasil.


Galo e Yulo visitam Memorial dos Mártires em Ipupiara

yulo e galo sertaoO presidente da Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Marcelino Galo, visitou nesta quinta-feira (3), acompanhado do Ouvidor Geral do Estado, Yulo Oiticica, o Memorial dos Mártires na comunidade de Pintada, em Ipupiara, local onde tombaram Carlos Lamarca e José Campogalo 1s Barreto, o Zequinha, em 1971.

No memorial, inaugurado em 2013 pela Diocese da Barra, repousam os restos mortais de Santa Bárbara, Otoniel Barreto, Manoel Dias e Jota assassinados por agentes da ditadura militar na década de 70 e 80 quando lutavam contra as injustiças sociais, agrárias e pelo reestabelecimento da democracia no Brasil.
Galo esteve com a ex-vereadora Generosa (PT), uma das memórias vivas dos acontecimentos na região durante a Ditadura Militar. No local exato onde Lamarca foi morto hoje há uma Cruz como símbolo de fé, luta e resistência democrática contra as desigualdades sociais.

“Em tempos de ataques à democracia do nosso país, do florescimento do fascismo, da intolerância e do preconceito nas redes e na sociedade, precisamos sempre revisitar essas espaços, para lembrar que muitos brasileiros tombaram na luta contra o autoritarismo, por democracia e justiça social no campo e nas cidades”, afirmou Galo, que cumpre agenda na região.


CGU lança campanha sobre Lei de Acesso à Informação nas redes sociais

A Controladoria-Geral da União (CGU) iniciou campanha, nas redes sociais, sobre a Lei de Acesso à Informação (LAI), na qual apresenta informações que podem ser obtidas pelo cidadão, por meio da norma. A iniciativa tem como objetivo reforçar a importância da LAI como ferramenta para assegurar direitos da população.

As postagens ressaltam que estar sempre informado possibilita que o cidadão tenha acesso aos direitos essenciais como transporte público, saúde, educação, esporte, lazer, entre outros. Até o momento, as quatro peças já publicadas tiveram mais de 1.900 curtidas e cerca de 1.850 compartilhamentos.

Os posts no Twitter e Facebook estampam questões que podem ser obtidas, como: a escala de horário de médicos nos hospitais públicos; o número de vagas disponíveis em escolas públicas; quantos ônibus fazem determinados percursos e em quais horários; entre outros. O acesso à informação é um serviço gratuito no qual a solicitação não precisa ser justificada.

Para saber mais, visite www.acessoainformacao.gov.br