Prefeitura de Ibicaraí promove Gabinete Itinerante no distrito da Saloméa

A Prefeitura de Ibicaraí realizou na sexta-feira, dia 24, a 1ª edição do Gabinete Itinerante, uma ação da atual administração para ouvir de perto as necessidades da população. A ação fez parte da programação do Mutirão da Cidadania, que também aconteceu na última sexta, no distrito, e ofereceu diversos serviços gratuitos para a população.

Durante a ação, que aconteceu em uma sala no antigo Posto de Saúde da Saloméa, o prefeito Lula Brandão atendeu aproximadamente 100 pessoas, que reivindicaram algumas melhorias para os bairros e agradeceram pessoalmente ao prefeito pela limpeza que a prefeitura realizou nas últimas semanas no bairro.

O morador do distrito, José Soares dos Santos, se mostrou bastante agradecido. “A eleição do prefeito Brandão foi um grande presente de Deus e receber ele aqui em nosso distrito, para tratar dos assuntos pessoalmente é um privilégio. Só temos a agradecer por essa atenção com o nosso bairro”, falou o morador.

A moradora Dilita Jesus de Oliveira disse estar satisfeita com o trabalho que a nova administração tem desenvolvido no município. Assim como a moradora Solange, que também esteve no gabinete itinerante e falou da importância da ação. “Ninguém nunca fez isso aqui na Saloméa, sempre precisamos ir ate a prefeitura, mas agora a prefeitura vem até a gente”, disse Solange


Funcionários da UESC cruzam os braços

paralisao_uescOs funcionários da UESC, em assembleia realizada na quarta-feira, 16, deliberaram por paralisar as suas atividades do dia 20 ao dia 24 de março do corrente ano.

A ação tem caráter conjunto, e todas as outras Universidades Estaduais da Bahia (UEBA) irão paralisar no mesmo período, o movimento denota sintonia e alinhamento de ações dos funcionários das Estaduais (UESC, UESB, UNEB e UEFS).

Dos motivos que culminarão na paralisação, destaca-se a desvalorização trabalhista dos servidores; a progressão e promoção de carreira negada pelo Governo do Estado da Bahia e o não aumento salarial do ano de 2017 (em acompanhamento a inflação), esses pontos encabeçam o elenco de reivindicações da pauta dos funcionários.


Portaria reconhece o Território Quilombola Sacutiaba no Oeste baiano

foto-incraO Território Quilombola Sacutiaba e Riacho da Sacutiaba, onde vivem 69 famílias, teve Portaria de Reconhecimento do Incra publicada nesta sexta-feira (17) no Diário Oficial da União (DOU). A área de 12,2 mil hectares está inserida no município de Wanderley, na região Oeste.

A portaria de reconhecimento consolida o território e dá legitimidade ao conteúdo do Relatório Técnico de Identificação e Delimitação (RTID), que teve a última retificação publicada em 2015.

Segundo o técnico de reforma e desenvolvimento agrário, Claudio Bonfim, que acompanha o processo de regularização fundiária da área quilombola, trata-se de uma comunidade isolada, de difícil acesso a 150 quilômetros do município de Wanderley.

“A comunidade do território preserva o bioma da região, visto que o restante das terras deste município é explorado pela criação da bovinocultura extensiva”, explica Bonfim.


Ibicaraí realiza evento em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

dia-da-mullher_ibicarai_2017A Secretaria de Assistência Social de Ibicaraí, em parceria com a Secretaria de Saúde e a Secretaria de Educação, realizou, na tarde da última sexta-feira, dia 10, no salão social do Clube dos Quarenta, um evento para homenagear a mulher Ibicaraiense, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Cerca de 400 pessoas estiveram presentes no evento.

Na oportunidade, as mulheres puderam contar com serviços de beleza, testes rápidos de HIV, aferição de pressão arterial, medição de glicemia, orientação para o combate do mosquito Aedes Aegypti, saúde bucal, entre outros. Além de participarem de sorteios de prêmios que foram doados por parceiros do evento e assistirem a apresentações diversas e a palestra sobe a Lei Maria da Penha, ministrada pela delegada Ana Paula.

Durante o evento o prefeito Lula Brandão se mostrou bastante animado com a ação. “Fico feliz em ver este tipo de atividade acontecendo na nossa cidade, pois entendo que devemos valorizar sempre as mulheres. Desde o inicio do governo, solicitei à secretária da pasta que fizesse uma assistência social diferente das que já existiram em Ibicaraí e que fizesse a diferença na vida das pessoas que fossem atendidas pela secretaria. A secretaria de Assistência Social deve ser a voz dos que necessitam”, declarou o prefeito.

 


SPM da BA investe R$ 200 mil em ações de empoderamento feminino

m 1Na data em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, o Governo do Estado abre inscrições para a iniciativa que vai investir R$ 200 mil em dez projetos que contribuam para fomentar a autonomia, empoderamento, promoção e defesa dos direitos das mulheres. Organizações da sociedade civil podem inscrever no edital Março Mulheres 2017 – Produção Cultural Feminina e Inclusiva até 7 de abril.

Promovido pela Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), o edital engloba ações de capacitação, como oficinas e rodas de diálogo, além de feiras de inclusão sócio produtiva e aquisição de equipamentos para pequenos empreendimentos. Segundo a coordenadora de autonomia das mulheres da SPM, Michele Fraga, para participar, as organizações devem manter uma relação com o tema.

“Temos projetos de agenda de trabalho decente, aula de dança, de capoeira, entidades de mulheres em comunidades rurais e muitas outras. As associações não precisam ser exclusivamente de mulheres, mas precisam, na descrição de atividades, estar relacionadas à autonomia e ao enfrentamento da violência”, explica Michele. As inscrições devem ser feitas na sede da SPM, na Avenida Tancredo Neves, em Salvador, ou através do envio da documentação pelos Correios.


Buerarema avança na regularização fundiária rural

cadastro-regularizacaofundiaria_bueraremaMais uma etapa do processo que busca regularizar 363 propriedades rurais do município foi realizada nesta terça-feira, dia 14, na Vila Operária. Foi no espaço do Senhor Cabral que os agricultores foram recebidos para entrega de documentação e preenchimento de requerimentos.

A ação foi coordenada pela Prefeitura de Buerarema, por meio da Secretaria de Agricultura, representada pela equipe de Articulação para Regularização Fundiária do município, Jorge Moura, Eduardo José Silva e Roque Borges do Nascimento. A equipe contou com a contribuição e auxilio dos técnicos do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável Litoral Sul.

A atividade que visa a regularização de propriedades rurais é promovida pelo Consórcio de Desenvolvimento Sustentável Litoral Sul, por meio de um convênio firmado com a Secretaria de Desenvolvimento Rural-SDR, a Coordenação de Desenvolvimento Agrário-CDA e o município de Buerarema, e contemplará agricultores que residem na área e possuem até 100 hectares, com o título de terra, acesso ao crédito e as políticas públicas.

Essa inciativa representa a muitos agricultores um grande apoio e incentivo na concretização da regularização de suas propriedades. O Senhor José Raimundo Alves conta que vive há 40 anos em uma propriedade de 5 hectare deixada por seus pais, e ainda não conseguiu regularizar. “Há muitos anos lutamos por isso. Fico feliz pelo suporte dado a nós agricultores por parte da Prefeitura de Buerarema”, afirma o agricultor. (Fonte:ascom Buearema)


Campanha Natalina busca apoio da comunidade Itabunense

O Natal inspira atitudes diferenciadas e destaca o potencial voluntário. Em Itabuna, o catador de material reciclável José Sebastião Rodrigues – o Telebahia busca parcerias e o apoio da comunidade para proporcionar um natal alegre para crianças carentes do bairro que ele reside, o Maria Pinheiro .

A meta é arrecadar mais de mil brinquedos que serão distribuídos para as crianças da comunidade, área esta que a violência predomina e as ações sociais do poder público ainda não conseguem chegar a todos os moradores.

Os interessados em doar os brinquedos para a Campanha natalina “Faça o natal de uma criança feliz” basta entrar em contato com Sebastião Rodrigues através do telefone (73) 98861-6881 .

“ É só ligar que eu vou até a residência da pessoa buscar o presente. Muitos já me conhecem, sabem o meu trabalho de reciclador, e agora estão conhecendo o meu trabalho social que tem a finalidade de trazer mais alegria para as crianças da minha comunidade tão sofrida, que é a comunidade do bairro Maria Pinheiro e da baixa fria”, explicou


CUT cacaueira questiona aumento da passagem de ônibus de Itabuna

gilberto_cutA Central Única dos Trabalhadores-CUT Cacaueira, lamenta a decisão unilateral do município de Itabuna e das empresas de ônibus pelo aumenta da passagem. O representante da CUT pelo Sindicato da Saúde-Sintesi, no Conselho Municipal de Transportes Gilberto Santana, questionou a decisão.

De acordo Gilberto “em momento algum houve convocação de reunião do conselho para discutir esse tema”. O dirigente   e outros membros do conselho discorda dos argumentos das empresas vencedoras da licitação, e da justificativa  feferente a construção de estações de transbordo e renovação da frota.

Na próxima segunda-feira, dia 5, segundo Gilberto, “os membros do conselho se reunirão para discutir medidas que devem ser encaminhadas ao Ministério Público”.


Conferência regional do Sul da Bahia de educação indígena

Painel - webDo CIMI

Apesar de chuvas torrenciais que se abatiam sobre o sul da Bahia, as comunidades educacionais dos povos Pataxó HãHãHãe e Tupinambá de Olivença, realizaram a etapa local em preparação a II Conferência Nacional de Educação Escolar Indígena a ser realizada até o mês de agosto de 2017.

Mais de 150 representantes participaram entre Educadores e Educadoras, Estudantes, Funcionários (as), Lideranças dos dois povos. Participaram também, representantes de instituições e autarquias governamentais e não governamentais: Núcleo Regional de Educação (NRE-5), Conselho Municipal de Educação de Ilhéus, Secretaria de Educação do Município de Ilhéus, Secretaria de Educação do Estado, União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação – Uncme, Instituto Federal da Bahia – IFBA, Coordenação de Educação Escolar Indígena da Bahia, Fundação Nacional do Índio – Funai -/Sul da Bahia, e da Entidade de apoio Conselho Indigenista Missionário/Equipe sul da Bahia- CIMI.

O encontro realizou-se nos dias 15 e 16 de novembro de 2016, no Centro de Recreação Cristã, no quilometro 30 da Rodovia Ilhéus X Una.

O tema motivador do evento: “O Sistema Nacional da Educação e a Educação Escolar Indígena: Regime de Colaboração, participação e autonomia dos Povos Indígenas”, foi abordado pela Profª Gilvânia Nascimento, presidenta da Uncme. O Profº José Carlos Tupinambá falou um pouco sobre os 05 eixos: I- “Organização e Gestão da Educação Escolar Indígena”; II – “Práticas Pedagógicas Diferenciadas na Educação Escolar Indígena”; III – “Formação e Valorização dos Professores Indígenas”; IV – “Políticas de Atendimento à Educação Escolar Indígena na Educação Básica”; V – “Ensino Superior e Povos Indígenas”.
Estes foram os eixos que motivaram os trabalhos em grupos e que duraram toda o dia 16. Ao final das reflexões foram apresentadas uma série de propostas que serão levadas para a Etapa Regional da II CONEEI, estas propostas organizadas pelos respectivos eixos encontram-se no documento final da Conferência.

Foram escolhidos 24 delegados das 30 vagas reservadas as comunidades educacionais, faltando serem apresentadas os delegados das comunidades Serra do Padeiro/Tupinambá (5) e Nova Vida/Pataxó HãHãHãe (1). O critério de escolhas foi por Municípios, ficando assim definido: Ilhéus e Buerarema= 19, (Sapucaeira – 9; Acuípe de Baixo – 5; Serra do Padeiro -5). Camacan, Pau Brasil e Itajú do Colônia= 10, e Camamu= 01 (Nova Vida).

Vale ressaltar o esforço e esmero da comunidade do Acuípe de Baixo, anfitriã do evento, e da Comissão Organizadora que não mediu esforços para garantir, uma excelente infraestrutura, acolhida, alimentação de qualidade, envolvimento da comunidade local, e uma maravilhosa decoração dos locais de trabalho.

O evento foi muito propositivo e extremamente positivo. Apesar das chuvas, a representatividade foi importante para garantir reflexões fundamentais para o fortalecimento das comunidades educacionais dos povos presentes.

As reflexões não se fecharam só em torno do tema da Educação, mas foram bem mais amplos, fazendo links com a luta pela terra, a espiritualidade dos povos, a criminalização das lutas e das lideranças. Foram também discutidas as ameaças que pairam sobre as comunidades indígenas de todo o Brasil e quais as relações que as mesmas tem com a Educação Escolar Indígenas, entre elas a PEC 55, antiga PEC 241, foi a mais abordada em todos os grupos de trabalhos, e motivo de muita indignação e votos de repúdio.

Ao mesmo tempo se havia muita disposição e vontade de construir ações e atividades que não só venham a fortalecer e consolidar uma educação diferenciada e de qualidade para as comunidades, mas que também contribuam na construção de projeto de vida dos povos Pataxó HãHãHãe e Tupinambá.

Todas estas reflexões podem ser constatadas na “Carta do Acuípe”, instrumento político onde está sintetizada a riqueza do evento.


Programação do Novembro Negro em Itabuna

Programação Novembro Negro 2016 1O próximo domingo (20 de novembro) é o Dia Nacional da Consciência Negra. A data marca a morte de um maiores heróis nacionais do Brasil, Zumbi dos Palmares, que morreu lutando contra a escravidão dos negros. Para comemorar a data, organizações da sociedade civil, juntamente com o Coletivo das Entidades Negras de Itabuna iniciam, nesta quarta-feira (16), uma vasta programação cultural que seguirá até o domingo (20).

A programação tem o apoio da Prefeitura de Itabuna, por meio das secretarias municipais de Assistência Social e de Educação e também da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC).  O movimento terá início logo mais às 19h, no Espaço Mário Gusmão, na Praça Laura Conceição, com a Noite do Tambor (apresentações culturais).

Diversas entidades tradicionais de matriz africana, grupos culturais e artistas foram convidados: Ilê Axé Oyá Funkê, Ilê Axê Ijexá, Ilê Axê Iya Omi, Ilê Axê Odara, Grupo Afro Encantarte, Ilê Axê Osumamaré Iyewa, Grupo de Capoeira Celeiro de Bamba, Movimento Negro Unificado (MNU), Banda Colheita Viva e Selma Aguiar. Segundo Lula Dantas, um dos organizadores, “a programação é fruto de construção coletiva, a partir das demandas de cada uma das entidades com o desejo de celebrar a memória de Zumbi dos Palmares e de discutir as questões relativas à igualdade racial”, disse o presidente do Conselho Municipal de Políticas Culturais de Itabuna (CMPCI).

Entre os dias 17 e 19, ainda no Espaço Mário Gusmão, acontecerá a Feira de Artesanato, promovida pela Associação dos Artesãos de Itabuna (Aiart). No Foyer Cultural da FICC acontece a 1ª Mostra Fotográfica do Ponto de Cultura da Associação do Culto Afro Itabunense (ACAI / Projeto Cultura em Ação), sempre das 10h e 17h. Ainda.

Também o Fórum de Agentes e Gestores Culturais do Litoral Sul (FAEGSUL), promoverá nesta quinta-feira (17) às 9h, no Espaço Mário Gusmão, uma reunião ordinária que discutirá o tema “Gestão Cultural e Ações Afirmativas”, com exposição do professor Ricardo Dantas. Às 14h, acontece no Centro de Cultura Adonias Filho, a Mostra Audiovisual Cineclubista, com exibição de filmes.