Morre o jornalista Paulo Henrique Amorim

paulo-henrique-amorinO jornalista Paulo Henrique Amorim morreu na manhã desta quarta-feira (10) aos 77 anos no Rio de Janeiro, após um infarto.

PHA estava na Record TV desde 2003. Também foi afastado do Domingo Espetacular, da mesma emissora, após pressão do governo Jair Bolsonaro. Ele entrou com ação na Comissão de Direitos Humanos da ONU denunciando cerceamento à sua liberdade de expressão.

O jornalista passou por emissoras como TV Manchete, TV Globo, TV Bandeirantes, onde apresentou o Jornal da Band, e TV Cultura.

No último vídeo em seu canal, PHA denunciou o uso político do futebol por Jair Bolsonaro. PHA deixa uma filha e a mulher, Geórgia Pinheiro.


Prêmio de Jornalismo prorroga inscrições até 24 de julho

Jornalistas de todo o Brasil ganharam um tempo extra para participar da edição 2019 do Prêmio Estácio de Jornalismo. As reportagens veiculadas no país entre 3 de julho de 2018 e 6 de julho de 2019, que tenham o Ensino Superior como tema central, poderão ser enviadas até o dia 24 de julho de 2019. Cada concorrente poderá inscrever até 5 (cinco) reportagens.

A premiação irá distribuir R$ 125 mil para as melhores matérias do ano produzidas sobre o tema.

As reportagens poderão ser inscritas por meio do site oficial do prêmio. Além de cadastrar as informações sobre as reportagens, é possível fazer o upload dos arquivos das matérias pela plataforma de inscrição online. O processo é seguro e rápido.


IBGE divulga questionários a serem aplicados no Censo 2020

ibgeO Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou hoje (1º) detalhes sobre o Censo Demográfico 2020. O questionário básico, a ser aplicado em cerca de 71 milhões de domicílios, conta com nove blocos, subdivididos em 26 questões. Já o questionário da amostra, mais detalhado, tem 17 blocos, subdivididos em 76 questões. Por ser mais extenso, ele será aplicado em cerca de 7,1 milhões domicílios particulares permanentes do país.

Para o diretor de pesquisas do IBGE, Eduardo Rios Neto, o questionário básico contempla aspectos centrais, como a contagem de domicílios e da população, incluindo análises por idade e sexo. “Além disso, a gente manteve a pergunta sobre mortalidade, uma pergunta que havia dúvidas no debate [durante a preparação dos questionários] e, por causa da centralidade do envelhecimento populacional, preservou-se”, disse, em entrevista à Agência Brasil.

Rios Neto comentou que ficou fora do questionário a pergunta sobre emigração. Houve mudanças também no que se refere à renda. “Em 2010, ela foi colocada para todos os indivíduos da população e, em 2000, era só para a pessoa responsável pelo domicílio. Então, isso faz uma diferença – coletar de três a quatro pessoas para uma pessoa. Agora, em 2020, optou-se por coletar pela pessoa responsável”, observou.

O diretor negou que a redução tenha sido por questão econômica. “A razão disso foi para encurtar o tempo de entrevista do questionário básico. Se comentou que a razão seria econômica, mas a razão principal é para facilitar coletas alternativas, principalmente em domicílios de difícil contato”, pontuou. (Agência Brasil)


Preços da gasolina e do etanol recuam 0,8% nos postos, diz ANP.

bolsonaro

 

Os preços da gasolina e do etanol fecharam a semana com recuo médio de cerca de 0,8% nos postos em relação à semana anterior, mostraram dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta sexta-feira (14), enquanto as cotações do diesel também caíram.

O movimento segue-se ao anúncio pela estatal Petrobras de cortes nos preços tanto do diesel quanto da gasolina em suas refinarias na semana, em momento de retração dos valores do petróleo no mercado internacional devido a temores de uma desaceleração econômica global.


FILHO DE BOLSONARO TENTOU ACERTAR A VIDA DE GURU IDEOLÓGICO DO CLÃ E GENERAL NEGOU; CAIU

dmite-770x513

O general Carlos Alberto Santos Cruz caiu – e agora fica mais claro o porque. Além de trombadas políticas com o chamado grupo ideológico do governo Bolsonaro, concretamente o agora ex-secretário de Governo da Presidência da República barrou a assinatura de dois contratos da TV Brasil com o guru do clã presidencial, Olavo de Carvalho.

Uma proposta que pagaria R$ 320 mil mensais de dinheiro público a Olavo, para fazer programas de doutrinação política pela TV Brasil, defendida pelo secretário de Comunicação, Fábio Wajngarten, foi negada por Santos Cruz. Mais tarde, Wajngarten apareceu com a mesma intenção, reajustada para R$ 400 mil mensais para o guru. Novamente recusada.

Apesar da levada do secretário, a maior pressão para Santos Cruz autorizar a assinatura do contrato foi de Carlos Bolsonaro.


CONFIRA PRINCIPAIS MUDANÇAS NO RELATÓRIO DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA

previdencia-social-660x400

Com economia prevista de R$ 1,13 trilhão em 10 anos, o relatório da reforma da Previdência, apresentado ontem (13) na comissão especial da Câmara dos Deputados, começará a ser debatido na próxima terça-feira (18). A data de votação na comissão ainda não está definida.

O relator da proposta de emenda à Constituição (PEC), deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) fez diversas mudanças em relação à proposta original enviada pela equipe econômica no fim de fevereiro. As alterações reduziriam a economia para R$ 913,4 bilhões até 2029. No entanto, o deputado decidiu propor a transferência de 40% de recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) para a Previdência Social e aumentar tributos sobre os bancos, o que reforçaria as receitas em R$ 217 bilhões, resultando na economia final de R$ 1,13 trilhão, próximo da economia inicial de R$ 1,23 trilhão estipulada pela área econômica.

A retirada de diversos pontos na comissão especial havia sido acertada quando o texto foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, como a antecipação do Benefício de Prestação Continuada (BPC) ou o aumento da idade mínima para trabalhadoras rurais.

Outros itens foram alterados após negociações com parlamentares, como a redução do tempo mínimo de contribuição para as mulheres, a retirada da capitalização (poupança individual de cada trabalhador) e a exclusão dos estados e dos municípios da reforma, com a possibilidade de reincluir os governos locais por meio de destaques.

Confira as principais mudanças no relatório

Idade mínima para trabalhador urbano

Proposta do governo: a idade mínima de 62 anos para mulheres e de 65 anos para homens após o período de transição, com tempo mínimo de contribuição de 20 anos para ambos os sexos.
Relatório: idades mínimas mantidas, com tempo de contribuição de 20 anos para homens e 15 anos para as mulheres.
Regra de transição

Proposta do governo: no Regime Geral de Previdência Social (RGPS), que abrange os trabalhadores do setor privado, a PEC prevê três regras de transição para o setor privado: sistema de pontos por tempo de contribuição e por idade, aposentadoria por tempo de contribuição para quem tem pelo menos 35 anos de contribuição (homens) e 30 anos (mulheres) e pedágio de 50% sobre o tempo faltante pelas regras atuais, desde que restem menos de dois anos para a aposentadoria.

Para o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), dos servidores públicos, o texto estipula um sistema de pontuação que permitiria a aposentadoria a partir dos 61 anos para homens e 56 anos para mulheres. A partir de 2022, as idades mínimas subiriam para 62 anos (homens) e 57 anos (mulheres). Nesse caso, no entanto, os servidores receberiam um valor mais baixo. Os trabalhadores públicos que entraram até 2003 precisariam trabalhar até 65 anos (homens) e 62 anos (mulheres) para terem direito à integralidade (último salário da ativa) e paridade (mesmos reajustes salariais dos ativos).

(mais…)


Banco é condenado por importunar cliente com diversas ligações de cobrança de dívida já quitada

banco

Por semanas o autor teria recebido diversas ligações, e-mails e mensagens da instituição financeira.

Um morador de Aracruz e um parente dele devem ser indenizados em R$4 mil após serem importunados durante semanas com diversas cobranças realizadas por um banco. A decisão é do 1º Juizado Especial Cível, Criminal e da Fazenda de Aracruz.

De acordo com os autores, eles foram perseguidos incansavelmente com e-mails, torpedos e ligações de cobrança indevida. Em todas elas o banco reclamava por uma dívida que já havia sido quitada pelo cliente do banco.

Em contestação, o réu afirmou que havia em seu sistema quatro parcelas da dívida em aberto. Tais prestações teriam sido quitadas quase um mês após a data apresentada pelo réu e, desde então, nenhum contato de cobrança fora feito.

Durante análise do processo, a magistrada destacou o art. 6º, do Código de Defesa do Consumidor, o qual estabelece que a parte autora deve ter o amparo dos seus direitos facilitado, uma vez que é considerada como vulnerável e hipossuficiente.

Em apreciação do caso, a juíza destacou que independente do consumidor estar devendo, este fato não legitima o credor a exteriorizar o fato de forma abusiva e desrespeitosa à dignidade do devedor.

“O credor tem todo direito de cobrar a dívida, desde que o faça dentro dos limites da lei […] Todavia, a maioria das empresas de cobrança preferem realizar “tática de tortura psicológica” contra os devedores, infernizando suas vidas, ligando para os seus telefones (fixo e celular), e enviando mensagens diversas vezes ao dia, não respeitando horários, fins de semana ou feriados e ainda ligando para vizinhos, amigos e para seu trabalho, sendo este o caso dos autos”, afirmou a magistrada.

Em sentença, a juíza também observou que o réu confirmou os fatos, apenas justificando que o débito existia e que promoveu a cobrança dele até o seu pagamento.

“Contudo, ainda que a dívida exista, tal fato não permite a realização de cobranças a ponto de perturbar a tranquilidade do devedor e deixá-lo exposto a situações vexatórias e constrangedoras. Portanto, mesmo sendo admitido o exercício do direito de cobrança pela parte credora, ligações em quantidade desarrazoada, envio de vários torpedos e e-mail, inclusive aos domingos, como ocorrera no presente caso, extrapolam o mero aborrecimento, caracterizando o dano moral”, destacou.

Diante disso, a juíza sentenciou o banco ao pagamento de R$2 mil a título de danos morais para cada um dos requerentes.


Modelo que acusa Neymar de estupro é sobrinha do radialista Amarelinho da Ubatã FM

nega

A modelo Najila Trindade Mendes de Souza, 26, que acusa Neymar de agressão e estupro nasceu e cresceu na microrregião de Ipiaú. De acordo com informações apuradas pelo site Giro em Ipiaú, a naturalidade da jovem é de Dário Meira, cidade distante 45km de Ipiaú. Na conversa compartilhada pelo jogador de futebol no Instagram, Najila afirma que é “baianinha”. Conforme as informações verificadas e confirmadas pela nossa redação, Najila nasceu em 15 de março de 1993, sendo registrada em Dário Meira, e depois morou por alguns anos também na cidade de Ibirataia, de lá foi para São Paulo, onde reside atualmente. A jovem ainda possui parentes na microrregião, inclusive o seu pai e um irmão. Após essa publicação, o radialista Amarelinho confirmou, em seu programa na rádio FM Ubatã (Enfoque Geral), que é tio de Najila. Desde o último final de semana que o caso conturbado da modelo com Neymar vem ganhando repercussão no Brasil e no mundo. As acusações são investigadas por uma delegacia especializada em São Paulo. (Com informações do Giro Ipiaú)


Rede de supermercados da Suécia decide boicotar produtos brasileiros

foto-paradiset

A rede sueca de supermercados Paradiset anunciou nesta quarta-feira (5) um boicote a todos os produtos do Brasil, em consequência da liberação recorde de novos agrotóxicos pelo governo brasileiro. Do total de 197 agrotóxicos já autorizados neste ano pelo Ministério da Agricultura, 26% são proibidos na União Europeia, em razão dos riscos à saúde humana e ao meio ambiente.
“Precisamos parar (o presidente) Bolsonaro, ele é um maníaco”, disse à RFI o presidente do grupo Paradiset, Johannes Cullberg.
“Quando li na imprensa a notícia da liberação de tamanha quantidade de agrotóxicos pelo presidente Bolsonaro e a ministra (da Agricultura) Tereza Cristina, fiquei tão enfurecido que enviei um email a toda a minha equipe, com a ordem ‘boicote já ao Brasil’”, acrescentou Cullberg.
A Paradiset é a maior rede de produtos orgânicos da Escandinávia. Ela já retirou de suas prateleiras os seguintes produtos brasileiros: quatro diferentes tipos de melão, melancia, papaya, limão, manga, água de coco e duas marcas de café, além de uma barra de chocolate que contém 76% de cacau brasileiro em sua composição.


Moeda comum entre Brasil e Argentina seria oportuna, diz economista

argentina

Em entrevista a Duda Teixeira, da Crusoé, o economista argentino Roberto Luis Troster disse que a ideia de uma moeda comum a Brasil e Argentina, aventada por Jair Bolsonaro, “facilitaria muito o comércio” entre os dois países.

Seria preciso, porém, sincronizar as políticas econômicas, nos moldes da União Europeia.