Liderança do MST é assassinado no interior da Bahia

Márcio foi morto em casa na frente do filho - Foto: Reprodução | FacebookO ex-dirigente nacional do MST, Márcio Matos, foi assassinado nesta quarta-feira, 24, no município de Iramaia, na Chapada Diamantina. O crime aconteceu na fazenda onde ele morava. De acordo com o Jornal da Chapada, o filho de Márcio teria presenciado o crime.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionado, mas o militante não resistiu ao ferimento. Não há informações sobre a motivação ou autoria do crime.

Nesta quarta, Márcio chegou a fazer postagens nas redes sociais sobre a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Amigos também usaram o espaço para lamentar a morte dele. (A tarde)


Carnaval de Salvador gera 250 mil trabalhos temporários

O Carnaval só começa no próximo mês, mas nos bastidores da festa já há muito trabalho a se fazer. Há milhares de vagas temporárias sendo geradas para o período em camarotes, blocos, hotéis, restaurantes e centrais de vendas. A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult) estima que 250 mil empregos serão gerados durante o Carnaval deste ano, e a renda extra através do emprego temporário deve passar dos R$ 150 milhões.

Entre as profissões procuradas, estão guias turísticos, maquiadores, costureiros, massagistas, mâitres, barmans, garçons, recepcionistas, pintores, montadores de estruturas, técnicos de som, seguranças, cordeiros, músicos, iluminadores, motoristas, auxiliares de cozinha, faxineiros, entre outros.

Uma parte dessas oportunidades está na área de comidas e bebidas. A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) espera que sejam contratados 4 mil trabalhadores para o setor durante a festa. Cerca de 90% destas vagas estão concentradas em camarotes, carros de apoio de blocos e outras atrações da folia, enquanto os 10% restantes estarão localizados em bares, boates e restaurantes localizados próximos aos circuitos carnavalescos. (A Tarde)


Sebrae Bahia e ABI firmam parceria para revitalizar jornais do interior do estado

jorge_khoury_sebrae-baO Sebrae da Bahia já está com o planejamento estratégico completo para iniciar, em parceria com a Associação Brasileira de Imprensa (ABI), o projeto de estruturação e revitalização dos pequenos e médios jornais impressos do interior do Estado. A entidade prevê um investimento inicial em torno de R$ 20mil a R$ 30 mil para os primeiros 15 jornais que darão início ao programa, que deverá ser implantado ainda no primeiro trimestre de 2018.

De acordo com o diretor técnico do Sebrae, Franklin Santos, o órgão vai atuar dentro de sua expertise, considerando o processo de orientação para aprimoramento da gestão das micro e pequenas empresas. “Utilizaremos a metodologia de Consultoria Empresarial, que contempla as seguintes etapas: aplicação de um diagnóstico nas empresas para identificar e priorizar as insuficiências de gestão a serem superadas; e realização de intervenção na gestão das empresas, através de cursos e consultorias complementares”, informou.

O projeto na Bahia tem à frente o jornalista e conselheiro da ABI, Fábio Costa Pinto, que já está com equipe pronta e aprovada pela casa, aguardando para dar início à parte gráfica e editorial dos jornais contemplados. O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Ângelo Coronel (PSD), que também apoia o projeto, salientou a necessidade de se resgatar a origem da imprensa, que são os jornais pequenos. “Afinal, todo grande jornal já foi pequeno um dia. Precisamos dar todo o apoio para que esses jornais não morram. Vamos dizer assim, que eles ressuscitem para o bem da sociedade baiana e brasileira”, completou.


Voluntárias Sociais promovem Feira Ipiaú Cidadã para comemorar aniversário da cidade

feira Ipiaú (1)A cidade de Ipiaú  recebe uma grande feira de saúde e cidadania promovida pelas Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA). A feira Ipiaú Cidadã será realizada nesta  quinta-feira (7), das 8 às 15h, na praça Salvador da Mata (antigo Mercado Municipal), no centro da cidade.

O evento é idealizado pela primeira dama do Estado e presidente da VSBA, Aline Peixoto, para comemorar o aniversário do município que completou, no início de dezembro, 84 anos. A meta é atender mais de três mil pessoas, reunindo, no espaço, ações nas áreas de saúde e bem-estar, além de serviços do SAC Móvel – a exemplo da emissão de carteira de identidade (RG) e outros documentos – e do SineBahia, por meio da intermediação para o trabalho.

A população vai poder fazer avaliação odontológica e oftalmológica. As Voluntárias Sociais irão disponibilizar armações de óculos para as crianças que apresentarem, durante o exame oftalmológico, a necessidade do uso de lentes corretivas, bem como cirurgias de catarata para idosos diagnosticados com a doença.

Na área de procedimentos médicos, serão oferecidos exames de mamografia; ultrassonografia (mamária e transvaginal); ginecologia/preventivo. A população terá a possibilidade de aferir a pressão arterial, fazer a medição do índice glicêmico e obter orientação nutricional.

Os interessados em realizar procedimentos médicos passarão por uma triagem para encaminhamento dos exames que serão realizados ao longo do dia. Nos casos em que for necessária uma complementação, ocorrerá o agendamento de procedimentos para a realização posterior em unidades de saúde da cidade.


Chefes de cozinha de Itacaré foram destaque na Fenagro, em Salvador

A culinária e a agricultura familiar de Itacaré foram os grandes destaques desta quinta-feira na aula show da primeira edição do Bahia Rural Contemporânea, que abriga a VII Feira Baiana da Agricultura Familiar Economia Solidária e Reforma Agrária (VII FEBAFES) e a 29ª Feira Internacional da Agropecuária (FENAGRO), em Salvador. Os chefes de cozinha itacareenses Leleco Maia e Marly Catarino, deram um verdadeiro show, não somente pelo sabor e o requinte dos pratos, mas também pela utilização de produtos da agricultura familiar.
Na sua aula-show o chefe Leleco Maia apresentou um risoto de maxixe com picles de chuchu, peixe grelhado e molho de ouriço. Já a chefa Marly Catarino ensinando passo a passo como fazer sorvete de graviola em copo de chocolate e nibs. Os dois itacareenses fizeram parte do Festival Sabores de Itacaré e mostraram um pouco da culinária regional e da gastronomia local a partir da agricultura familiar. Junto com os chefes também estão o secretário de Turismo da Prefeitura de Itacaré, Júlio Oliveira, e os técnicos da secretaria que estarão divulgando as potencialidades turísticas da cidade.

Itacaré é destaque nesta quinta-feira em aula show na Fenagro

Os chefes de cozinha Leleco Maia e Marly Catarino, de Itacaré, serão os destaques nesta quinta-feira na aula show na primeira edição do Bahia Rural Contemporânea, que abriga a VII Feira Baiana da Agricultura Familiar Economia Solidária e Reforma Agrária (VII FEBAFES) e a 29ª Feira Internacional da Agropecuária (FENAGRO). O evento vai até o dia 4 de dezembro, no Parque de Exposições Agropecuárias de Salvador e reúne cerca de 150 expositores e mais de 3 mil produtos de cooperativas e associações de todo o estado.

Na aula-show o chefe Leleco Maia estará apresentando um risoto de maxixe com picles de chuchu, peixe grelhado e molho de ouriço. Já a chefa Marly Catarino estará ensinando a fazer sorvete de graviola em copo de chocolate e nibs. Os dois itacareenses fizeram parte do Festival Sabores de Itacaré e estarão mostrando um pouco da culinária regional e da gastronomia local a partir da agricultura familiar. Junto com os chefes também estão o secretário de Turismo da Prefeitura de Itacaré, Júlio Oliveira, e os técnicos da secretaria que estarão divulgando as potencialidades turísticas da cidade.

Toda a diversidade e riqueza produtiva e cultural dos Territórios de Identidade da Bahia estão presentes na primeira edição do Bahia Rural Contemporânea, onde os visitantes da FEBAFES podem degustar, comprar e conhecer produtos já conhecidos do público como cerveja de umbu, licuri caramelizado, linguiça de tilápia, além de novidades como chocolates especiais, geleia de maracujá do mato, barrinhas de cereais com sabores exóticos, massas prontas para bolos, néctar de frutas, morangos in natura, entre outros. Tudo isso sem contar com a gastronomia de Itacaré, que já é conhecida internacionalmente.

A Feira conta com Praça dos Povos e Comunidades Tradicionais, Feira Verde, Espaço Arte (com produção de cerâmica e pintura) e Espaço Cultura. Tudo organizado por Territórios de Identidade do estado, onde estão sendo apresentados produtos da economia local, cultura, culinária e belezas naturais. Outro destaque é o Quiosque Chocolates da Bahia, que estará comercializando mais de 20 marcas de chocolates de origem da região cacaueira do estado.


Governo celebra R$ 81 milhões em convênios com 187 municípios

Convênios e ordens de serviço voltados para diversas áreas, como saúde, esportes, agricultura e recursos hídricos, foram assinados pelo governador Rui Costa e prefeitos de 187 municípios baianos na tgov 3arde desta segunda-feira (27). No auditório da sede da União dos Municípios da Bahia (UPB), em Salvador, mais de 300 pessoas acompanharam a assinatura dos documentos, que reúnem recursos superiores a R$ 81 milhões.

Signatário de um convênio que vai garantir um trator para o município, o prefeito de Central, Uilson Monteiro, ressalta que “neste momento difícil, é importante essa ligação direta com o Governo do Estado, que sempre olha para o interior da Bahia”.

Saúde em foco

Além dos convênios, o evento foi marcado por uma série de entregas. O rastreamento do câncer de mama e do colo do útero ganhou uma importante aliada: a carreta do Hospital da Mulher. A unidade móvel, que vai percorrer todo o território estadual, possui dois consultórios ginecológicos e um mamógrafo.

A carreta vai disponibilizar os exames no colo do útero e na mama, a fim de detectar a doença, que nas duas partes do corpo é responsável pela morte de aproximadamente 30 mil mulheres por ano, no Brasil. Caso seja identificada alguma anormalidade, uma biópsia será realizada e, se necessário, a paciente segue para a retirada do tumor no Hospital da Mulher, no Largo de Roma, na capital.

Com o veículo, será possível realizar 160 preventivos e 80 mamografias por dia. As pacientes dos municípios pelos quais a carreta irá passar poderão conferir o resultado com agilidade, visto que os laudos são entregues em até 15 dias. “O atendimento na unidade móvel é idêntico ao oferecido em um consultório tradicional”, assegura o diretor-geral do Hospital da Mulher, Marco Antônio Andrade.

Além da carreta do HospFoto_Mateus Pereira_GOVBA (1) (1)ital da Mulher, o governador entregou 31 ambulâncias comuns e outras nove do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que irão atender a população de municípios distribuídos por diversas regiões do estado.

Mais entregas

No campo da agricultura e pecuária, quatro tratores com implementos agrícolas foram repassados a quatro municípios. A Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) também foi beneficiada, recebendo 34 novos veículos, que serão utilizados em 25 cidades baianas.

Diversas autoridades, deputados federais e estaduais, o vice-governador e secretário do Planejamento do Estado, João Leão, e os senadores Otto Alencar e Lídice da Mata marcaram presença. Estiveram presentes ainda os secretários estaduais da Saúde, Fábio Vilas-Boas; de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues; de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Cássio Peixoto; do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Olívia Santana; de Desenvolvimento Urbano, Jusmari Oliveira; e da Agricultura, Vitor Bonfim.


PF deflagra operação para investigar desvio de R$ 200 milhões em Porto Seguro, Eunápolis e Santa Cruz Cabrália

psegPolícia Federal (PF) realiza nesta terça-feira (7) uma operação para afastar os prefeitos de Porto Seguro, Eunápolis e Santa Cruz Cabrália e cumprir mandados de prisão, busca e apreensão e condução coercitiva – que é quando alguém é levado para depor.

As investigações apontam que, com o auxílio de familiares, Claudia Oliveira (PSD), de Porto Seguro, José Robério Batista de Oliveira (PSD), de Eunápolis, e Agnelo Santos (PSD), de Santa Cruz Cabrália, teriam fraudado contratos que somam R$ 200 milhões. Claudia Oliveira e José Robério são casados.

Segundo os investigadores, os três prefeitos da região sul do estado – que além de terem sido afastados dos cargos por ordem da Justiça Federal ainda são alvos de mandados de condução coercitiva – utilizavam, desde 2009, empresas de parentes para simular licitações e desviar dinheiro de contratos públicos.

A PF chegou a pedir a prisão dos três prefeitos, mas o Tribunal Regional Federal da 1ª Região negou. Os policiais afirmaram que foi organizada uma “ciranda da propina” nos três municípios baianos, em razão do rodízio que era feito entre as empresas envolvidas no esquema de corrupção para vencer as licitações e tentar “camuflar” as irregularidades.

A Polícia Federal destacou que, em muitos casos, os suspeitos “chegavam ao extremo” de repassar a totalidade do valor contratado a outras empresas do grupo familiar na mesma data em que as prefeituras liberavam o dinheiro.

Por conta do uso de familiares para cometer as irregularidades, a operação da PF foi batizada de Fraternos. Os investigados, conforme a Polícia Federal, irão responder pelos crimes de organização criminosa, fraude a licitações, corrupção ativa e passiva e lavagem de dinheiro.

Ao todo, a Justiça Federal expediu 21 mandados de prisão temporário (de até cinco dias), 18 de condução coercitiva e 42 de busca e apreensão.

As ordens judiciais estão sendo cumpridas na manhã desta terça-feira na Bahia, em São Paulo e em Minas Gerais. Cerca de 250 policiais federais atuam na Operação Fraternos com o auxílio de 25 auditores da Controladoria-Geral da União (CGU) de integrantes do Ministério Público Federal.


Prêmio reconhece ações inovadoras de servidores estaduais

boas 1Servir o público é uma grande responsabilidade. Para exaltar quem executa esse papel, a Secretaria da Administração (Saeb) criou o Prêmio Boas Práticas de Trabalho no Serviço Público Estadual, que já acumula quase mil inscrições desde 2007. A solenidade de premiação da 9ª edição foi realizada na tarde desta quinta-feira (26), no auditório do Centro de Operações e Inteligência de Segurança Pública 2 de Julho, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

boas 2Em 2017, o prêmio registrou 167 projetos inscritos, número que representa mais que o dobro em relação ao ano passado. Para o titular da Saeb, Edelvino Góes, “esse sucesso se deve à consolidação do prêmio, um dos principais instrumentos que mostram o quanto a Bahia tem servidores talentosos e comprometidos, que promovem o aprimoramento da máquina”.

Na plateia, mais de 250 autoridades, servidores do Executivo Estadual, além dos poderes Legislativo e Judiciário, tribunais de Contas do Estado e do Município, Ministério Público da Bahia e Defensoria Pública da Bahia conferiram o anúncio dos vencedores. A cada edição, dez servidores são premiados e R$ 32 mil são distribuídos entre eles.


Associados da Amurc marcam presença na mobilização Pró-Município

presidente-da-upb-presidente-da-amurc-e-prefeito-de-camacanEm conjunto com prefeitos do interior da Bahia, o presidente da Amurc e prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio participou da movimento Pró-Município da UPB, na manhã desta quinta-feira, 26, em Salvador, onde mobilizou mais 350 prefeitos da Bahia. Entre os assuntos da pauta de reinvindicação, os prefeitos reivindicaram mais recursos para os municípios, que nos últimos anos sofreu uma queda de 40 % no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Nesta tarde, os prefeitos estão reunidos com deputados e senadores para discutir ações emergenciais de apoio financeiro aos municípios. O presidente da Amurc se mostrou otimista com o movimento e esperançoso com os resultados que os municípios poderão alcançar a partir da mobilização. “Nunca na história da Bahia aconteceu uma Mobilização desta. Mais de 350 prefeitos e prefeitas unidos. Só isto já é um grande resultado. Creio que vamos conseguir conquistar diversos itens da pauta, tanto na esfera Federal quanto na Estadual”.

Na pauta de reivindicações, os prefeitos buscam apoio junto aos deputados para que possam requere da União, o Auxílio Financeiro aos Municípios (AFM), no aporte de R$ 4 bilhões, a fim de possibilitar que as administrações municipais fechem as contas do ano de 2017. Além disso, os gestores reivindicam a revogação do corte de quase 100% no orçamento do Sistema Único da Assistência Social – SUAS, para 2018, que comprometerá a manutenção de serviços importantes como CREAS, CRAS, Bolsa Família, etc.