Chocolates de cooperativa baiana fazem sucesso em Paris durante evento gastronômico

chocolate_parisOs chocolates da marca Natucoa, com teores de 56%, 70% e 80% cacau, produzidos pela Cooperativa de Serviços Sustentáveis da Bahia (Coopessba), do município de Ilhéus, estão sendo destaque no estande do Brasil, instalado na 25ª edição do Salon Du Chocolat, que acontece até domingo (03), em Paris.

Dedicado exclusivamente ao chocolate e ao cacau, o Salon Du Chocolat é considerado um dos maiores eventos gastronômicos da França. A expectativa é que o Centro de Exposições de Porte de Versalhes, onde o salão é realizado, receba um público de aproximadamente 130 mil visitantes.

A jornalista especialista em confeitaria e chocolate, Chiéko Saïto, degustou os chocolates da Natucoa e disse que eles são produtos diferenciados e apresentam uma excelente opção para crianças e famílias: “O chocolate 56% é uma opção mais saudável, sendo um chocolate ao leite, ele é uma versão mais ideal para famílias com criança, pois tem um gosto bom para todo mundo, por não ser muito doce e nem muito amargo”, avaliou.


Óleo nas praias: Governo do Estado e Marinha unem esforços

A Marinha terá um maior estreitamento de ações com as entidades do Governo do Estado que estão no fronte de combate às manchas de óleo nas praias da Bahia. O comunicado foi feito pelo vice-almirante Silva Lima, comandante do 2° Distrito Naval, ao governador em exercício João Leão, em reunião na manhã desta segunda-feira (28).

“Unir esforços é importante para resolver este desastre ambiental de forma célere. Essa parceria com a Marinha vem contribuir com o trabalho árduo que o Governo da Bahia vem fazendo desde a chegada do óleo  em nosso litoral, por meio da dedicação das equipes do Inema e da Secretaria de Meio Ambiente, da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Bahia Pesca, entre outros. Ressalto ainda os voluntários da sociedade, que têm participado ativamente das ações”, destaca Leão.

O assento de órgãos governamentais da Bahia no Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA-Bahia), do 2° Distrito Naval, composto por Marinha, Ibama e ANP, teve início no final de semana. “Os representantes do Governo estadual vão participar do nosso centro de controle local e isto não colide com o comando unificado que já foi estabelecido. São ações complementares que facilitarão a interlocução com o Governo Federal e as entidades que estão em Brasília”, afirma o vice-almirante Silva Lima.

O secretário de Meio Ambiente, João Carlos Oliveira, e o diretor de Águas do Inema, Eduardo Topázio participaram da reunião.

Governadores do Nordeste repudiam comentário de Bolsonaro sobre gestor de PE

Governadores do Nordeste repudiam comentário de Bolsonaro sobre gestor de PEOs governadores do Nordeste assinaram carta se solidarizando ao governador de Pernambuco, Paulo Câmara, após o presidente Jair Bolsonaro chamá-lo de “espertalhão” e acusá-lo de desonestidade em uma publicação no Twitter.

No documento, os governadores chamam a titude de Bolsonaro de ataque “descabido e desrespeitoso”. “Além de inverídica, a mensagem publicada possui um tom inaceitável, em qualquer situação, tornando-se ainda mais grave ao ser assinada pela mais alta autoridade do Poder Executivo nacional”, diz trecho da carta.

O texto ainda classifica como “profundamente lamentável” que a missão confiada a Bolsonaro “seja transformada em um vergonhoso exercício de grosserias”.

“A verdade dos fatos, apresentada na resposta do governador de Pernambuco, prevaleceu. Mas não poderíamos abrir mão de registrar esta nota de repúdio. O Brasil precisa de seriedade, solidariedade, espírito público e entendimento. O país precisa de reunião de esforços para superar enormes desafios. É fundamental que este compromisso, que todos esperamos ver cumprido pelos gestores públicos, não seja debochadamente ignorado por alguém que deveria ser uma de suas maiores referências”, diz o texto.

A carta é assinada pelos governadores Rui Costa (Bahia), Renan Filho (Alagoas), Camilo Santana (Ceará), Flávio Dino (Maranhão), João Azevedo (Paraíba), Wellington Dias (Piauí), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte) e Belivaldo Chagas (Sergipe).

 


MP-BA nega greve da PM após análises: ‘funciona dentro da normalidade’

pm ita ios (2)O funcionamento das tropas policia estão “absolutamente dentro dos parâmetros da normalidade”.

Esta garantia foi dada nesta sexta-feira (11) pelo coordenador do Centro de Apoio Operacional da Segurança Pública e Defesa Social (Ceosp), o procurador de Justiça Geder Gomes, em evento de pronunciamento do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-MA) sobre o movimento paredista liderado pelo deputado estadual Soldado Prisco (PSC).

“Pelo que o MP-BA está apurando e acompanhando, não há, de fato, paralisação. O funcionamento da PM-BA está absolutamente dentro dos parâmetros de normalidade. Portanto, não há a chamada paralisação, sequer ventilar a palavra greve. O que há, é uma movimentação, sim, de algumas pessoas especificamente e, em atos, ou seja, acompanhados, que costumam gerar a sensação de insegurança”, afirmou.


Incêndio criminoso destrói 22 ônibus em garagem em Jacobina

Um incêndio criminoso destruiu 22 ônibus da empresa de transporte intermunicipal Falcão Real/São Luiz, na madrugada deste domingo (6), na cidade de Jacobina, no Centro-Norte da Bahia. Ninguém ficou ferido. Este foi o segundo ataque à mesma empresa. Há 15 dias, outro ônibus foi incendiado em Miguel Calmon, cidade a 37 quilômetros de Jacobina.

De acordo com informações da Polícia Militar, um grupo de homens invadiu a garagem da empresa, que fica no bairro Tamarindo, e ateou fogo aos veículos. Quando policiais da 24ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Jacobina) chegaram ao local, os suspeitos já tinham fugido. A PM isolou a área e fez rondas na região, mas ninguém foi preso.

No entanto, de acordo com o diretor da empresa, Valdir Brito, o ataque foi praticado por uma única pessoa, que rendeu o segurança antes de queimar os veículos. Pouco depois do incêndio na garagem, houve uma tentativa de queimar mais dois ônibus da Falcão Real na BA-131, no acesso a Miguel Calmon, sem sucesso. “A gente não pode dizer que foi a mesma pessoa e também não sabe por que fizeram isso, mas já é o segundo ataque. Tem 15 dias que queimaram outro carro lá em Miguel Calmon desse mesmo jeito”, afirmou.

Com os ônibus incendiados nesta madrugada, chega a 23 o número de veículos destruídos. O prejuízo, segundo o diretor, é de R$ 18 milhões, já que os ônibus correspondem a 12% da frota da empresa e não estavam no seguro. A Polícia Civil investiga o crime. (Correio)


Governo investe R$ 5 milhões para fortalecer o artesanato baiano

Nesta terça-feira (8), às 10h30, no Museu de Arte da Bahia, em Salvador, acontece o ato de assinatura do contrato de gestão do Edital de Publicização dos Serviços de Qualificação, Promoção e Comercialização do Artesanato Baiano.

O convênio, que será assinado entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), e Associação Fábrica Cultural, organização vencedora da chamada pública, vai impulsionar o escoamento da produção artesanal baiana, por meio da aproximação entre artesãos, turistas, lojistas e público em geral. O investimento é de R$ 5 milhões para o desenvolvimento de ações nos próximos dois anos.

(mais…)


Delegado é morto a tiros durante assalto em Feira de Santana

Resultado de imagem para Delegado é morto a tiros durante assalto em Feira de SantanaUm delegado de 58 anos foi morto a tiros durante um assalto ocorrido neste sábado (21), em Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador.

De acordo com a Polícia Civil, Gesta Dermeval Costa Santos estava no Centro de Abastecimento do município quando o crime aconteceu, no final da manhã.

Ainda conforme a Polícia Civil, equipes da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) e da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) de Feira de Santana, com o apoio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investigam o latrocínio contra o delegado e fazem buscas para identificar e prender o suspeito do crime.

O delegado não estava em serviço e passeava por Feira de Santana, quando foi ao local fazer compras e acabou baleado.

Em nota, o Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindpoc) informou que a vítima trabalhava na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), em Salvador, e estava com um primo quando um homem chegou ao local e anunciou o assalto.

Inicialmente, o sindicato disse que o delegado reagiu e acabou alvejado. No entanto, o Sindipoc corrigiu a informação e disse que o delegado não estava armado, não reagiu à abordagem e se assustou após o suspeito encostar a arma nas costas dele. A vítima chegou a ser socorrida e levada para o Hospital São Mateus, mas não resistiu.(G1)


A militância do PT de Itabuna fez belíssima festa na Câmara de Vereadores de Itabuna


img-20190906-wa0037

 

A militância do PT de Itabuna fez uma belíssima festa ontem,05, na recepção do candidato a presidente estadual do PT Bahia, o companheiro Eden Valadares na Câmara de Vereadores..

Com a presença do Senador Jaques Wagner e dos deputados federais Afonso Florence e Joseildo Ramos, além dos deputados estaduais Rosemberg Pinto e Maria Del Carmem a candidata a presidente municipal professora Mirava Moitinho, deu o tom da festa e conduziu de forma brilhante a noite.

Segundo a candidata do senador Jaques Wagner a professora Miralva Moitinho “a noite foi repleta de energia positiva, motivou nossa militância para a eleição do dia 08 e serviu para a reafirmar o apoio no nosso Senador a chapa 540 em Itabuna”.

miralva_pedQuem prestigiou também  o encontro  foi o ex-deputado federal e prefeito por dois mandados de Itabuna Geraldo Simões que apoia a chapa de Jackson  da Ceplac no município.

O Partido dos Trabalhadores (PT) realiza eleições interna da sigla em todo o Brasil. Em Itabuna três nomes disputam a presidência do partido no Processo de Eleições Diretas-PED 2019,  Miralva Moitinho, Valdir Mesquita e Jackson  da Ceplac.

De acordo   um militante ouvido pelo Tempo Presente “as eleições do PT refletem a democracia interna e as disputas ficam apenas no dia da votação, após isso,  a  unidade prevalece”.


Governo assina ordem de serviço para recuperação do Instituto do Cacau

A Superintendência de Patrimônio do Estado (Supat) expediu, nesta segunda-feira (02), a ordem de serviço para recuperação estrutural do prédio público do Instituto do Cacau, localizado no bairro do Comércio, em Salvador. A Teknik Construtora Ltda, empresa vencedora da licitação, estima que vai iniciar a obra no prazo máximo de dez dias. A obra vai recuperar as duas áreas atingidas pelo incêndio: a laje de cobertura e a casa de máquinas do edifício.

O superintendente da Supat, José Anísio Neto, assinou a ordem de serviço, junto com representantes da empresa, na manhã desta segunda, na sede do órgão, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). A empresa vai fazer mobilização do canteiro de obras e iniciar a recuperação no prazo máximo de dez dias.

O cronograma da obra prevê a preparação dos locais afetados para demolição e posterior reconstrução. Serão contempladas ações de recuperação estrutural, como a remoção de elementos de alvenaria e concreto já comprometidos, bem como a recomposição da cobertura, além da impermeabilização e pintura.

O prédio do Instituto do Cacau pertence a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), mas é utilizado por vários órgãos públicos. Além do SAC Comércio, o prédio abriga Secretaria da Educação (SEC), com o Núcleo Regional de Educação (NRE), a ouvidoria e o arquivo; Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), com o Restaurante Popular; e o banco Bradesco.

O incêndio que atingiu o Instituto do Cacau comprometeu o seu último pavimento, além da casa de máquinas. Após tratativas necessárias, foi elaborado um projeto para sua recuperação. O Governo realizou uma licitação para realizar a reforma, mas a empresa vencedora do certame não cumpriu o contrato e o estado rompeu unilateralmente o acordo, o que acabou atrasando a recuperação do prédio. O Governo precisou realizar nova licitação, na modalidade tomada de preço, vencida pela Teknik Construtora Ltda, que vai iniciar a obra em até dez dias, contado a partir da data de assinatura da ordem de serviço.


Assinado decreto que regulamenta reconhecimento de terras devolutas

rui_terras_devolutasCom objetivo de fortalecer cada vez mais a integração entre Estado e municípios na regulação da malha fundiária, o governador Rui Costa assinou, nesta quarta-feira (31), um decreto que regulamenta o reconhecimento de domínio de terras devolutas em 67 municípios baianos. A assinatura foi realizada durante a entrega da reforma do Auditório Zezéu Ribeiro, localizado na antiga sede da Fundação Luís Eduardo Magalhães (Flem), onde hoje funciona a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), na 3ª Avenida do Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

O documento estimula os mecanismos de Regulação pelo Estado, uma vez que a Coordenação de Desenvolvimento Agrário (CDA), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), enfocará as atividades de validação e fiscalização dos trabalhos de campo a serem realizados pelo poder público municipal. “Consagramos uma política pública de descentralizar o planejamento urbano e a regularização fundiária urbana para os municípios da Bahia. Hoje um conjunto de municípios já passa a fazer a regularização fundiária e o decreto garante o direito a todos. Basta haver a manifestação de interesse e formalização dos documentos. Todos serão atendidos, para passem a assumir a regularização urbana de cada município”, explicou Rui.

O governador destacou ainda que “o mais correto é descentralizar essa gestão, porque mais do que o Estado, quem conhece e deve decidir sobre o destino de cada área urbana é o ente municipal. Por isso, estamos tomando essa iniciativa de transferir essa política política para cada município. A partir do decreto assinado hoje, todos passam a ter o direito de solicitar isso formalmente e serão atendidos”.

O secretário da SDR, Josias Gomes, também comentou que “o decreto confere mais segurança aos trabalhos de regularização fundiária em zona rural, a partir da delimitação e separação das zonas urbanas e suburbanas. Os municípios ganham com essa autonomia e vão poder fazer a organização fundiária de seus territórios sem a intermediação dos Estados”.

Para o prefeito de Senhor do Bonfim, Carlos Brasileiro, a assinatura dá mais autonomia às Prefeituras na identificação e delimitação de seus limites. “É uma ação revolucionária e nunca antes vista na Bahia. Com isso, os municípios vão ter mais facilidade para regularizar o território e dar oportunidade para que milhares de pessoas que hoje vivem em uma moradia e não têm o direito de fazer a escritura e assegurar a posse daquele bem e viver muito mais tranquilamente”.

Municípios
O decreto contempla os municípios de Adustina, Água Fria, Aporá, Barra, Barreiras, Barro Alto, Belmonte, Boa Nova, Bonito, Boquira, Buritirama, Caetanos, Cafarnaum, Camamu, Chorrochó, Conceição do Coité, Correntina, Crisópolis, Cruz das Almas, Dário Meira, Dom Macedo Costa, Gentio do Ouro, Guajeru, Igrapiúna, Iguaí, Ipiaú, Iraquara, Itaparica, Itapé, Itapicuru, Itiúba, Ituberá, Iuiu, Jaguaquara, Jiquiriçá, Lapão, Lajedinho e Madre De Deus.

Contempla também Maetinga, Malhada De Pedras, Mucuri, Muquém do São Francisco, Nova Fátima, Nova Ibiá, Nova Itarana, Nova Soure, Novo Horizonte, Paramirim, Paripiranga, Piraí Do Norte, Porto Seguro, Prado, Pres. Tancredo Neves, Riacho De Santana, Queimadas, Santa Cruz De Cabrália, Santa Luzia, Santanópolis, Santa Terezinha, Santo Antônio de Jesus, São Desidério, Senhor do Bonfim, Tanque Novo, Teofilândia, Valença e Valente.

Reforma
Com investimento de mais de R$ 1 milhão, o Auditório Zezéu Ribeiro agora possui 360 poltronas, novos camarins, sonorização e equipamento multimídia. As obras incluíram troca do carpete, reforma das poltronas, impermeabilização das calhas e cobertura, manutenção do sistema de ar-condicionado e adequação do sistema de segurança e combate à incêndio, com sprinkler, bombas de incêndio, gerador.

Além disso, o forro e o telhado foram realizados reparos e o espaço recebeu serviços de manutenção e adequação dos sanitários para melhorar o acesso de pessoas com necessidades especiais. (Secom/BA)